Believe be car

  • View
    376

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Projecto de pedido de parcerias para carro a Hidrogénio: Be Car - Blue Car!

Text of Believe be car

  • 1. Proposta troca1. Apresentao Believe2. Apresentao Believe in Portugal3. Apresentao da Mentora4. Blue Car o carro a hidrognio4.1. Histrico do Twingo a hidrognio4.2. Actualidade do Twingo a hidrognio4.3. Como fazer a converso da electricidade renovvel4.4. Como pode existir tanta tecnologia sem a conhecermos4.5. Exemplos de tecnologia disponvel4.6. Projecto Blue Car4.7. Parcerias actuais5. Objectivos da Parceria6. Pedido de troca7. Contrapartida da troca8. Believe na comunicao social9. Believe em eventos pblicos10. Curiosidades da autora do projeto11. Vdeo promocional do projecto12. Contactos

2. 1. Apresentao BelieveO projeto Believe, de Andresa Salgueiro, foi iniciado no passado dia 11 de Dezembro com oobjetivo de viver durante 1 ano, 11 dias, 11 horas e 1 minuto com apenas 1111 euros, e basede muitas trocas. O trmino est agendado para dia 21 de Dezembro, prximo.Iniciado apenas com o desejo de se tornar uma pessoa mais sustentvel, ecolgica, poupada,saudvel, mais humana e feliz, desde logo, se apercebeu que para ser mais feliz , precisava dealargar essa felicidade aos outros, para que em conjunto o mundo pudesse ser um lugarmelhor.Este desafio pessoal conta com alguns critrios avaliativos, tais como:-Viver durante 1 semana troca, em 11 comunidades sustentveis (Tamera, Aldeia dasAmoreiras, Cidadela Arco-ris, Awakened Life Project, One Love Family, SimplicidadeVoluntria, Transio, Chill Out Art House, Escola Natha, Ilha Paraso e Fojo)-Viver durante 1 ms num pas estrangeiro, num projecto de sustentabilidade-Aprender 111 boas prticas de sustentabilidade, poupana, ecologia e sade-Fazer 11111 trocas de todos os mbitos-E por fim... Trocar as voltas vida, tornando-se assim uma pessoa melhor, e desta formainspirar outras pessoas a trocarem tambm as suas vidas. 3. 2. Apresentao Believe in PortugalCom inspirao no projeto pessoal, nasceu o projecto social Believe in Portugal - ajudandoneste momento outras pessoas, a aprender a contrariar o contexto de crise econmica, sendomais poupadas, mais sustentveis, mais ecolgicas e por isso, tambm, mais humanas efelizes.O efeito multiplicador da partilha importante em vrias reas da sustentabilidade:ambiental, econmica e social. Por isso, os valores do projeto so: a confiana, o altrusmo e apartilha, como sendo pilares fundamentais na nossa sociedade na busca de sermos cidadosmais conscientes e felizes no processo que viver.O Believe em Portugal iniciou-se com um grupo de trocas no Facebook, intitulado Troco 1hora e a partir da, foram-se organizando feiras de trocas presenciais e mensais, que apesarde se iniciarem em Lisboa, comearam a estender-se por todo o pas, chegando j a 8distritos: Lisboa, Coimbra, Porto, Setbal, Faro, Santarm, Leiria e Madeira.Este projeto tenciona tambm realizar seminrios de partilha de experincias e saberes, ondeos intervenientes possam aprender tcnicas e dicas de poupana, sustentabilidade e ecologia,por forma a serem cidados mais autnomos e conscientes.No futuro, o projeto tenciona inaugurar a sua sede com trocas permanentes e criar umportal com ligao a projetos de ecologia, sade, educao, arte, como mostra daquiloque de bom se faz no nosso pas. 4. 2. Apresentao Believe in Portugal (cont.)Este desafio social conta com alguns critrios avaliativos, tais como:-Troco 1 hora atingir 1111 membros (neste momento tem 13500)-1 grupo de trocas no facebook (neste momento existem 4: Portugal, Espanha, Inglaterra ePolnia)-11 feiras temticas mensais de janeiro a novembro (j foram feitas as 11 feiras)-11 distritos abrangidos (neste momento h 8 distritos abrangidos, sendo que se efectuaram30 feiras de trocas)-1 pas com trocas (neste momento, existe tambm o interesse da Polnia, sendo j divulgadona comunicao social)-1 seminrio de partilha de saberes (Believe Osis)-1 sede/loja de trocas (na Lxfactory durante 11 dias)-1 siteEsta ser uma das possveis formas de unir um pas, fazer a diferena e trocar as voltas smentalidades, porque o mundo pode mudar e todos ns podemos fazer parte dessa mudana. 5. 3. Apresentao da Mentora Andresa Salgueiro 36 anos Licenciada em Psicopedagogia Curativa Especializao em Psicopedagogia Clnica, Grupos Operativos e Gesto da Diversidade eComunidades de Prtica Frequncia de mestrado em Administrao e Gesto Educacional Actividades profissionais: formadora da rea comportamental com mais de 2500 horasleccionadas, elemento de recrutamento e seleco, organizadora de eventos culturaisformativos, psicopedagoga institucional, coordenadora do projecto Escolhas 2. Geraoem bairros sociais e gestora de formao profissional Membro fundadora e presidente da Direco da Associao Portuguesa dePsicopedagogia, representando a profisso a nvel nacional e internacional Voluntria em acitividades de solidariedade social (Banco do Tempo, Terra dos Sonhos,Comunidade Vida e Paz, Conferncia Vicentina, C.A.S.A.) Actriz amadora da Academia de Santo Amaro e actualmente, no teatro comunitrioPlayback - Teatro Imediato e na Eclipse Arte 6. 4. Blue Car o carro a hidrognio 7. 4.1. Histrico do Twingo a HidrognioEm 2008, uma empresa de Investigao & Desenvolvimento de engenharia localizada em Mafra - a TecnoVeritas, desenvolveu um sistema que permite converter veculos existentes para funcionar a hidrognio. Para testar o conceito utilizou um veiculo da marca Renault modelo Twingo e converteu-o para utilizar hidrognio. O sistema desenvolvido foi aplicado no motor de combusto interna existente, tendo sido devidamente modificado.O sistema montado no veculo permite a passagem de hidrognio para gasolina e vice versa, obviando assim a inexistncia de rede de abastecimento daquele combustvel. O hidrognio dever idealmente ser produzido a partir de uma fonte de energia elctrica renovvel, originando assim a utilizao verde da viatura, com emisses de CO2 inferiores a 0.5 g/km (devidas ao leo de lubrificao do motor).Devidamente enquadradas as questes tcnicas faltava o passo final, que a divulgao e a homologao rodoviria. Este projecto j foi divulgado nos meios tcnicos tendo sido coqueluche de vrias feiras de engenharia em Portugal e no estrangeiro mas nunca mereceu mais do que interesse relativo, simpatia, ou descrena quanto ao futuro.Perante o desinteresse oficial e a poltica de homologao altamente restritiva considerou a Tecnoveritas que a sua capacidade (poltica) para levar o processo adiante estava esgotada e no se justificando o investimento de mais recursos, decidiu entregar o Twingo com a sua tecnologia Sociedade Civil Portuguesa, na pessoa da Andresa Salgueiro, para que possam ser os portugueses com a sua capacidade de interveno, que peguem nesta bandeira e levem o projecto a bom porto. 8. Todo o processo foi devidamente estudado na perspectiva I&D e por essa razototalmente ensaiado e documentado. A TecnoVeritas continua a desenvolver todo o sistema de produo e armazenagem dehidrognio, que poder ser vendido aos utilizadores dos veculos convertidos. Passa agora para a Sociedade Civil, a tarefa de passarmos todos a circular com energiarenovvel. 9. 4.2. Actualidade do Twingo a Hidrognio Perante a evoluo ocorrida desde 2008 no panorama das energias renovveis emPortugal, a perspectiva de passar esta energia, nomeadamente a excedentria nocturna,para o sector dos transportes torna-se uma uma obrigao moral para Portugal. Se a tecnologia for disseminada (gasleo e gasolina) ser gerada uma reduo drsticadas importaes de petrleo e consequente aumento significtivo da independnciaenergtica do Pas. Aproveitamento da energia renovvel das elicas que est a ser neste momentodesperdiada e possibilidade de instalaes adicionais. Melhoria da qualidade ambiental do pas com reduo substancial das emisses de CO2 epossibilidade de atingir a curto prazo, metas de longo prazo. Reduo potencial dos factores de custo para os cidados e as empresas com reflexo naindstria exportadora. Aumento da competitividade e produtividade nacionais. 10. 4.3. Como fazer a converso da electricidade renovvel O processo mais divugado para a obteno de hidrognio a hidrlise da gua que todosns conhecemos das nossas aulas de qumica. Existem muitos sistemas em estudo queprometem acrescida eficincia e reduo de custos. Para que este hidrognio possa ser utilizado de forma similar aquela que hoje em diausamos a gasolina tem que ser comprimido para que possamos ter uma autonomiasimilar que hoje dispomos com a gasolina e o gasleo. Para que esta autonomia se possa concretizar necessrio que tambm existamdepsitos que possam suportar a presso em toda a segurana. E so estes vrios aspectos que tornam o cenrio da utilizao do hidrognio nos actuaismotores totalmente diferentes de 2008. Quando estes aspectos se conjugam com adisponibilidade de electricidade renovvel, a oportunidade torna-se evidente. 11. 4.4. Como pode existir tanta tecnologia sem aconhecermos? Basicamente, grande parte da tecnologia que a seguir iremos ver foi desenvolvida comoutros objectivos, nomeadamente a da utilizao de carros a clulas de combustvelalimentados a hidrognio. Na configurao da economia nacional e at mundial impossvel renovar o parqueautomvel mundial para carros elctricos ou de clulas de combustvel que actualmenteteem preos proibitivos. Tm sido feitos estudos por alguns fabricantes para produzir carros idnticos ao Twingocomomo sejam a Ford, a Mazda, e a BMW, mas s o faro em larga escala se existir ummovimento de consumidores (ns) que os obrigue a isso. At que isso acontea, e mesmo depois, os exemplos de transformao que existem poresse mundo fora, com o exemplo do Twingo em Portugal, vo-nos lembrando que setodos quisermos, possvel. 12. Irmos do Twingo - EUA (2005) 13. 4.5. Exemplos de energia disponvel O HIDROLISADORExemplo: HIDROG(e)NICS Hystathttp://www.hydrogenics.com 14. O COMPRESSOR DE HIDROGNIOExemplo: PDC Machines - (EUA) http://www.pdcmachines.com/ 15. O ARMAZENAMENTOExemplo: Description Specifications Service Pressure70 MPa Gas Temperature -40C to 82C (-40F to 180F) Service Gas Hydrogen Design Life pe