Click here to load reader

Agrupamento de escolas

  • View
    479

  • Download
    7

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Text of Agrupamento de escolas

  • 1. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DECASTRO VERDE
    PROJECTO LENDO, LENDAS
    2 B
    Professora Clia Aguiar

2. 2 ANO TURMA B
Visita a s. Pedro das cabeas
3. A viagem ao S. Pedro das Cabeas
No dia 28 de Fevereiro fomos visitar o So Pedro das Cabeas.
L vimos uma igreja muito pequena que se chama ermida .
Ficmos a saber que essa ermida foi mandada construir por D. Sebastio em honra de D. Afonso Henriques.
Ns j tnhamos estudado a Lenda da Batalha de Ourique e sabamos que foi ali que aconteceu uma importante batalha, a 25 de Julho de 1139.
Nessa batalha D. Afonso Henriques derrotou cinco reis mouros.
No conseguimos ver a rocha onde est marcada a pata do cavalo de D. Afonso Henriques porque o terreno estava vedado.
Texto colectivo 2 B
4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12. 13. 14. 15. 16. 17. 18. 19. 20. 21. 22. 23. 2 ANO TURMA B
Lenda das amendoeiras
24. 25. Lenda das amendoeiras em flor
H muito tempo, havia ali um rei mouro que casou com uma princesa do norte da Europa, chamada Gilda.
Elaera muito linda e todos lhe chamavam a "Bela do Norte.
Apesar das festas que houve nessa ocasio a rainhaGilda ficou muito doente e triste. Nem os presentes do marido a faziam sorrir. Ela tinha saudades da sua terra.
O rei conseguiu, enfim, um dia, que Gilda, lhe contasse que toda a sua tristeza era devida a no ver os campos cobertos de neve, como na sua terra.
Ento, ao rei uma boa ideia. Deu ordem para que em todo o Algarve se plantassem muitas amendoeiras, e no princpio da Primavera, j elas estavam todas cobertas de flores.
Orei, disse mulher:
- Gilda, vem comigo varanda da torre mais alta do castelo e vers um espectculo encantador!
Logo que chegou ao alto da torre, a rainha bateu palmas e soltou gritos de alegria ao ver todas as terras cobertas por um manto branco, que pensou ser neve.
A rainha ficou to contente queem pouco tempo estava curada. E, todos os anos, no incio da Primavera, ela via do alto da torre, as amendoeiras cobertas de lindas flores brancas, que lhe lembravam os campos cobertos de neve, como na sua terra.
Texto colectivo 2 B
26. Ary dos Santos: Tempo da Lenda das Amendoeiras(...)A PrincesaAi portas do meu silncio.Ai vidros da minha voz.Ai cristais da minha ausnciada terra dos meus avsdesatavam-se em soluosos seus cabelos desfeitos.(...)O ReiDizei-me magos oragosanes duendes profetasadivinhos e jograissagas videntes poetascomo hei-de secar o prantodaqueles olhos de riocomo hei-de calar os aisdaquela boca de estiocomo hei-de quebrar o encantoque numa tarde de pedratalhada pela tristezaselou com dedos de chumboo sorriso da princesaque suspira pela neveda ponta do fim do mundo.
27. 2 ANO TURMA B
Lenda da Batalha de ourique
28. A Lenda da Batalha de Ourique (reconto)
No tempo em que no existia Portugal, os mouros que eram muito fortes, estavam espalhados por muitas terras que agora so terras de Portugal.
Um rei que morava num espacinho pequeno queria expulsar os mouros das suas terras e pediu ajuda a uns cavaleiros de Frana. Um deles sabia lutar muito bem e expulsou muitos mouros.
O rei deu-lhe dois prmios, um foi a mo da sua filha em casamento e o outro um bocado de terra para eles viverem.
Eles casaram-se e tiveram um beb chamado Afonso Henriques. Quando ele era ainda pequeno o pai morreu e ele ficou com a me.
Quando tinha 14 anos Afonso Henriques j era forte e corajoso.
A me dele apaixonou-se por um espanhol mas Afonso Henriques no queria perder as suas terras porque sonhava ser rei. Ento ele teve de lutar contra a me e expulsou-a.
Afonso Henriques conquistou muitas terras .
Uma vez, ele ia lutar contra cinco reis mouros. Na noite anterior o padre chamou-o e ele saiu da tenda e viu Jesus na cruz. Jesus estava no cu e disse:
-Eu vou-te dar muito poder e tu vais vencer.
Logo pela manh, ele sentiu-se forte e poderoso, venceu a batalha e ficou rei.
Ana Beatriz Brs Martins, 2B