6º ANO UNIDADE I: Os Mesopotâmios e as primeiras cidades ?· de 10 milhões de habitantes, 2,7 milhões…

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

  • 85

    6 ANO

    UNIDADE I: Os Mesopotmios e as primeiras cidades ......................................... 86

    Das aldeias para as primeiras cidades ................................................................... 87

    A vida nas primeiras cidades .................................................................................. 89

    UNIDADE II: Os Egpcios: a civilizao do Nilo ..................................................... 92

    A formao do Antigo Imprio do Egito .................................................................. 93

    Viver no Antigo Egito ............................................................................................... 96

    UNIDADE III: Hebreus e Fencios: povos em movimento ...................................... 99

    Os Hebreus e a busca pela Terra Prometida .................................................... 100

    Os Fencios: os grandes navegantes da Antiguidade .......................................... 103

    UNIDADE IV: O Imprio Persa ................................................................................ 106

    A formao e a organizao do Imprio Persa .................................................... 107

    UNIDADE V: O Mundo Grego ................................................................................. 111

    A formao da civilizao grega ........................................................................... 113

    Atenas: o bero da democracia grega ................................................................. 115

    Esparta: uma polis de guerreiros .......................................................................... 117

    O legado cultural grego ........................................................................................ 119

    UNIDADE VI: O Mundo Romano ............................................................................ 121

    A Monarquia Romana ........................................................................................... 122

    Roma: da Repblica ao Imprio............................................................................ 124

    O fim do Imprio Romano .................................................................................... 127

  • 86

    UNIDADE I: Os Mesopotmios e as primeiras cidades

    Voc j parou para pensar que elementos fazem parte de uma cidade, ou como elas

    surgiram e por quantas transformaes passaram?

    O texto a seguir descreve, sob o ponto de vista da jornalista Daniela Tfilo, a cidade de

    So Paulo:

    De uma pequena vila que no contava com mais de 210 casas a quarta maior cidade

    do mundo. Em pouco mais de 400 anos, So Paulo se tornou uma metrpole. Com mais

    de 10 milhes de habitantes, 2,7 milhes de imveis, 2018 favelas, 50 mil ruas e mais de

    5 milhes de carros, a capital uma potncia econmica, poltica e cultural.

    Seus moradores, muitos vindos de outras regies do Brasil, acostumaram-se com o seu

    modo catico: trnsito, poluio, violncia, filas. E se deslumbraram com a diversidade

    de atraes, gente, de gostos espalhados pelos muitos cantos da capital. Vestem todos

    os tipos de roupas. Moram em todos os tipos de casas dos barracos de madeira s

    manses nos jardins e as decoram com todos os tipos de objeto.

    Os transportes dos paulistanos esto entre os mais variados: nibus, trem, metr,

    carro, moto, bicicleta, carroa, cavalo e at jet-ski. Mas, mesmo com tanta opo, a

    maior parte dos deslocamentos feita a p.

    A cidade de todo mundo

    Daniela Tfoli. Jornal da Tarde, 25 de jan. de 2004. Caderno E. p. 15.

    Imagens representando o contraste entre as moradias e o congestionamento catico da cidade de So Paulo.

    Mas, ser que as primeiras cidades possuam essas caractersticas?Quando, onde e como as cidades surgiram?Essas e outras questes sero discutidas nessa unidade.

  • 87

    DAS ALDEIAS PARA AS PRIMEIRAS CIDADES

    Voc estudou que durante a Pr Histria, pouco a pouco os agrupamentos humanos foram

    se fixando em algumas regies para o cultivo da terra e a criao de animais formando assim,

    as primeiras aldeias.

    Com uma alimentao mais diversificada a populao dessas aldeias aumentou as reas

    para o cultivo da terra e a criao de animais.

    Para garantir uma produo suficiente de alimentos, novos instrumentos e tcnicas

    agrcolas foram desenvolvidas como: o arado puxado por animais, a carroa com rodas,

    ferramentas de metais e um sistema de irrigao.

    A ampliao das lavouras trouxe uma abundncia de alimentos, no qual uma parte passou

    a ficar excedente, ou seja, se produzia mais alimentos do que o necessrio para o consumo.

    Esse excedente agrcola passou a ser trocado com o excedente de pessoas de outras aldeias

    dando origem ao comrcio.

    Com todas essas mudanas o trabalho passou a ser dividido, ou seja, cada pessoa ou

    grupo passou a realizar uma atividade. Enquanto uns preparavam a terra e plantavam, outros

    colhiam e comercializavam o excedente agrcola. A especializao do trabalho permitiu

    que outras atividades fossem desenvolvidas como a cermica, a metalurgia, a tecelagem e a

    carpintaria.

    Com tantas inovaes as sociedades aldes foram ficando mais complexas e a organizao

    do trabalho passou a ser feita por um lder, o chefe da famlia mais poderosa. Esse chefe, ao

    dominar outras aldeias, se transformou no rei.

    O rei passou a governar em seu grande palcio e as aldeias que estavam sob o seu domnio

    passaram a ser controladas e fiscalizadas pelos seus funcionrios atravs da cobrana de

    tributos.

    A essas mudanas d-se o nome de centralizao do poder.

    Para organizar o convvio entre as pessoas e a cobrana dos impostos, surge a necessidade

    do registro, assim, por volta de 4mil a.C., a escrita foi inventada.

    Todas essas transformaes indicavam um novo modo de se viver: as aldeias tinham se

    transformado em cidades.

  • 88

    1. Complete o esquema a seguir com as expresses do texto que indicam a transformao das aldeias em cidades:

    2. Segundo estudiosos, as formas mais antigas de escrita foram encontradas na cidade de Uruk (onde hoje se localiza o Iraque) e foi desenvolvida pelos sumrios por volta de 4 mil a.C. Denominada de escrita cuneiforme, seus registros eram feitos em placas de argila na forma de cunha. A escrita considerada por muitos historiadores como um divisor de tempos.

    a) Qual o perodo histrico que se inicia depois desse acontecimento?

    b) Se fosse para voc escolher outro acontecimento que marcasse a passagem desse perodo, qual voc escolheria? Justifique. 3. Voc se recorda de quando comeou a ler e escrever? Conte para os seus colegas como foi. O que mudou na sua vida depois que voc adquiriu esse conhecimento? Para voc, qual a importncia da escrita?

  • 89

    A VIDA NAS PRIMEIRAS CIDADES

    As primeiras cidades formaram-se por volta de 4 mil a.C. na regio entre os rios Tigre e

    Eufrates conhecida como Mesopotmia, que em grego significa terra entre rios, onde hoje

    est localizado o Iraque.

    Por ser uma regio bastante frtil, a Mesopotmia atraiu muitos povos como os sumrios,

    amoritas, acdios, babilnios, hititas, assrios e caldeus que fundaram muitas cidades

    nas quais as principais foram Ur, Assur, Ninive e Babilnia.

    Mapa representando a Mesopotmia

    Pela diversidade de povos, a Mesopotmia era alvo de constantes invases e guerras por disputas das terras mais frteis. Dessa forma, suas cidades eram cercadas com muralhas e independentes entre si, ou seja cada uma possua um governo com leis prprias.

    Chamadas de cidades-estados, pois constituam unidades polticas autnomas, as cidades da Mesopotmia apresentavam os seguintes aspectos:

    um comrcio muito intenso, onde poderia se encontrar nas praas, uma espcie de feiras com uma variedade muito grande de produtos como: peixes, cereais, frutas, tecidos, vasos de cermica, perfumes, trabalhos em pedras, metais e joias;

    templos, chamados de zigurates (prdio alto) onde eram cultuados muitos deuses (politestas) como o deus do cu An, do ar Enlil, da gua Enki e a deusa me-terra, Ninhursag;

    Geo

    rge

    Dub

    y. G

    rand

    Atl

    as H

    isto

    riq

    ue. P

    aris

    : Lar

    rous

    se, 2

    001.

    p.8

    .

  • 90

    uma a sociedade formada por pessoas livres e escravas. A populao livre era formada

    pela elite, (rei e sua famlia, altos funcionrios do governo, os sacerdotes e os grandes

    comerciantes), pequenos comerciantes, artesos, escribas e agricultores. Os escravos,

    que eram prisioneiros de guerra ou por dvidas, representavam uma pequena parcela

    da populao;

    um rei com autoridade poltica, religiosa e militar que governava com poderes ilimitados.

    Entre os principais reis da Mesopotmia, destaca-se Hamurbi que governou a Babilnia

    entre 1792 a.C. a 1750 a.C. Durante o seu reinado ele conquistou vrias regies criando

    assim o Imprio Babilnico e para governar uma populao to numerosa e diferenciada

    criou regras e leis que ficaram conhecidas como o Cdigo de Hamurbi.

    Esse cdigo continha 282 regras sobre os mais diversos assuntos como: punies, questes

    familiares, herana, escravido, comrcio entre outros. Na maior parte desse cdigo, segue

    o princpio da lei do talio, Olho por olho, dente por dente, onde as penas eram impostas

    conforme o crime cometido.

    Outro importante rei da Babilnia foi Nabucodonosor que, durante o seu reinado de

    604 a.C. a 561 a.C., realizou vrias reformas na cidade tornando-a um importante centro

    comercial do Oriente.

    Aps a sua morte, o Imprio Babilni

Recommended

View more >