of 2 /2
A incapacidade, na lesão medular, varia de acordo com o grau da lesão, do segmento medular e das vias nervosas e neurônios da medula envolvidos. Programa de Reabilitação instituído precocemente pode minimizar a incapacidade. As orientações da terapia funcional são fundamentais para evitar, ou minimizar, deformidades articulares, osteopenia (diminuição da trama óssea) com fraturas secundárias e trombose venosa profunda. A fisioterapia respiratória facilita a eliminação de secreções e reduz a incidência de infecções e outras complicações pulmonares. Os cuidados com a pele evitam o desenvolvimento de úlceras por pressão. Cuidados adequados com as vias urinárias e com o intestino evitam complicações graves. Todas estas medidas podem reduzir a morbidade e a mortalidade, além de melhorar a qualidade de vida da pessoa com lesão medular. Tecnologia Assistiva é toda ferramenta especialmente desenvolvida para facilitar e simplificar as atividades do dia a dia da pessoa com deficiência promovendo sua independência proporcionando qualidade de vida e inclusão social.

A incapacidade, na lesão medular, varia de - hps.imip.org.br · A lesão medular é uma agressão à medula espinal. De acordo com o nível e grau da lesão, provoca perda parcial

  • Author
    lytu

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of A incapacidade, na lesão medular, varia de - hps.imip.org.br · A lesão medular é uma agressão...

  • A incapacidade, na leso medular, varia de acordo com o grau da leso, do segmento medular e das vias nervosas e neurnios da medula envolvidos.

    Programa de Reabi l i tao inst i tudo precocemente pode minimizar a incapacidade.

    As orientaes da terapia funcional so fundamentais para evitar, ou minimizar, deformidades articulares, osteopenia (diminuio da trama ssea) com fraturas secundrias e trombose venosa profunda.

    A fisioterapia respiratria facilita a eliminao de secrees e reduz a incidncia de infeces e outras complicaes pulmonares.

    Os cu idados com a pe le ev i tam o desenvolvimento de lceras por presso.

    Cuidados adequados com as vias urinrias e com o intestino evitam complicaes graves.

    Todas estas medidas podem reduzir a morbidade e a mortalidade, alm de melhorar a qualidade de vida da pessoa com leso medular.

    Tecnologia Assistiva toda ferramenta especialmente desenvolvida para facilitar e simplificar as atividades do dia a dia da pessoa com deficincia promovendo sua independncia proporcionando qualidade de vida e incluso social.

  • A leso medular uma agresso medula espinal. De acordo com o nvel e grau da leso, provoca perda parcial ou total dos movimentos voluntrios ou da sensibilidade ttil, dolorosa e profunda dos membros superiores e inferiores, provocando alterao no funcionamento dos sistemas urinrio, intestinal, respiratrio, circulatrio, sexual e reprodutivo.

    O que Leso Medular?

    A medula espinal a poro alongada do sistema nervoso central, situada dentro da coluna vertebral. Junto com os nervos, transporta s mensagens que saem do crebro em direo aos outros rgos do corpo, e desses para o crebro. Essas mensagens esto relacionadas com o movimento, a sensibilidade, o controle da bexiga e do intestino, entre outras.

    Coluna Cervical (C1-C7): responsvel pela sensibilidade e movimento da regio cervical (pescoo) e dos membros superiores. constituida por 7 vrtebras e 8 nervos.

    Coluna Torcica (T1-T12): responsvel pelo controle do trax, abdome e parte dos membros superiores.

    Coluna Lombar (L1-L5): responsvel pelos movimentos e sensibilidade dos membros inferiores.

    Coluna Sacral (S1-S5): formada por um nico osso (sacro) e controla parte dos membros inferiores, sensibilidade da regio genital e funcionamento da bexiga e intestino.

    Anatomia da Coluna Vertebral

    Nvel da Leso e reas afetadas

    Page 1Page 2