A Natureza Humana

Embed Size (px)

Text of A Natureza Humana

  • A Natureza HumanaEm torno de Mestre - Vinicius

  • O homem essencialmente mau?Internamente perverso?Corrupto por natureza?

  • O homem foi criado imagem e semelhana de Deus.

  • O homem obra inacabadaobra defeituosa

  • Os espritos trazem consigo as sementes do bem e do belo.A centelha divina est dentro de ns, embora oculta, como o diamante no carvo.

  • O mal que no homem se verifica extrnseco e no intrnseco.No nosso ntimo brilha a divina face do Criador.

  • Deus no cria Espritos como os escultores modelam esttuas.A vide implica movimento e crescimento.

  • As obras de Deus so vivas, trazem em si mesmas as possibilidades de autodesenvolvimento.

  • Em cada tomo do Universo est escrita esta legenda:Para frente e para o alto.

  • E como cumprir esta legenda?Pela educao.

  • Educar apelar aos potenciais do esprito.Educar salvar.

  • Atravs da educao, consegue-se transformar:As trevas em luz;O vcio em virtude;A loucura em bom senso;A fraqueza em vigor.

  • Jesus foi o maior educador que o mundo conheceu.Ele sabia que a redeno se resume em acordar a divindade oculta na psique humana.

  • Jesus jamais abateu o nimo perante o pecador, ao contrrio, sempre lembrou:Os sos no precisam de mdicos, mas sim os doentes.

  • Sede perfeitos, como vosso Pai celestial perfeitoO Reino de Deus no vir sob manifestaes exteriores; porque o Reino de Deus est dentro de vs.

  • O templo de Deus, que sois vs, santo. Ignorais, acaso, que sois santurios de Deus, e que o esprito divino habita em vs?I Corntios, 3:17

  • O mal uma contingncia.Significa ausncia do bem.Como as trevas representam somente ausncia da luz.

  • A maior prova de que a natureza ntima do homem divina (e, portanto, incompatvel com o mal), est na faculdade da conscincia.

  • Que a conscincia, seno o divino cuja ao se faz sentir condenando o mal e aplaudindo o bem?

  • Por que razo o homem jamais consegue iludir ou corromper a prpria conscincia?

  • Pelo livre arbtrio, ele pode desobedecer-lhe, agir em contrrio aos seus ditames, porm nunca abafar seus protestos, nunca conseguir faz-la conivente de iniqidades e crimes.

  • Educar fazer Espritos retos dispostos a todo o momento a no praticarem coisa alguma que no seja conforme a dignidade e a excelncia de uma criatura sensata.John Locke

  • Como Jesus, os educadores, dignos de tal nome, crem firmemente na reabilitao dos maus. Os novos apstolos do Cristianismo no viro dos seminrios, mas do magistrio bem compreendido e melhor sentido.