Agenda Cultural - Janeiro

  • View
    249

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão

Text of Agenda Cultural - Janeiro

  • VILA NOVA DE FAMALICO

    JANEIROJANEIRO www

    .vilanovadefamalicao.org

    Eu vou ver...Eu vou ver...

    Se pretende receber a Agenda Culturalem sua casa envie um e-mail com o seu nome e morada completa para:

    agendacultural@vilanovadefamalicao.org

    AGENDAAGENDA CULTURALCULTURAL

    A

    N

    O

    2

    0

    1

    6

    /

    D

    I

    S

    T

    R

    I

    B

    U

    I

    O

    G

    R

    A

    T

    U

    I

    T

    A

  • Diretor Paulo CunhaCoordenao Jos Agostinho PereiraDesign Jos Pedro AlmeidaFotografia Antnio FreitasPropriedade Cmara Municipal de Vila Nova de FamalicoImpresso Tipografia Mota e FerreiraTiragem 8500 exemplaresDistribuio GratuitaPeriocidade MensalFoto capa Cantar os Reis Infantil

    Eventuais alteraes na programao e calendrio constantes nesta Agenda Cultural de Vila Nova de Famalico so da responsabilidade dos promotores das iniciativas. Envio de informao at ao dia 06 do ms anterior.

    Diviso de Cultura e TurismoPraa lvaro Marques4764-502 Vila Nova de Famalico

    252 320 900 / 252 323 751 (Fax) agendacultural@vilanovadefamalicao.org www.vilanovadefamalicao.org

  • 03EDITORIAL

    O FUTURO EST PORTA!

    O incio de um novo ano marca sempre o arranque de um novo ciclo, onde se renovam as expectativas, os objetivos e os sonhos. Por esta altura, deixamos para trs o ano velho, o que passou, e agarramo-nos ao que a vem, ao ano novo. Fechamos uma porta e abrimos outra.

    A mitologia romana expressa bem este estado de esprito, atravs do Deus Janus, que deu o nome ao ms de janeiro. Janus o deus bifronte, a quem foi con-cedido o dom de olhar simultaneamente em duas direes opostas, refletindo o passado e traando o futuro.

    E este futuro que comeamos, desde j, a desvendar nesta Agenda Cultural. Para alm das reisadas, to tradicionais, nesta poca do ano, destaque tambm para o concerto de David Fonseca, na Casa das Artes, onde apresenta o seu novo trabalho intitulado Futuro Eu.

    Aconselho vivamente uma visita ao espao Ala da Frente, onde est patente at ao dia 23, a exposio Exvia, do artista Rui Chafes, vencedor do Prmio

    Pessoa, o mais importante galardo de consagrao portugus.

    Referncia ainda para a programao da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco, que inaugura este ano, novas atividades para os mais novos. E ainda para o Frum Os jovens e os media, que vai decorrer na Casa da Juventude.

    Como dizia Mahatma Gandhi o futuro de-pender daquilo que fazemos no presente, por isso vamos, desde j, comear a planear e a preparar 2016, porque o futuro est porta!

    Paulo CunhaPresidente da Cmara Municipal

  • 04

    NDICENDICE

    TEATRO

    P. 06 O IMPROVISO DE VERSALHES DE MOLIRE

    P. 07 LUTO EMBALSAMADO - ESTREIA

    MSICA

    P. 08 CANTAR DOS REIS INFANTIL

    P. 09 THE CAMELLIA STRING QUARTET

    P. 09 REISADAS NO PARQUE

    P. 09 NOITE DE REIS DE VALE S. COSME

    P. 10 TROMPAS LUSAS

    P. 10 ISAURA + FRANCIS DALE

    P. 11 DAVID FONSECA: FUTURO EU

    P. 12 CICLOS DE MSICA E POESIA

    P. 12 SARAU DE REIS

    CINEMA

    P. 12 LONGE DOS HOMENS

    P. 13 O MUNDO DE APU

    P. 13 DIFCIL SER UM DEUS

    P. 14 HOMEM IRRACIONAL

    P. 14 STAR WARS: O DESPERTAR DA FORA EM 3D

    P. 15 UM LIVRO, UM FILME COM RUI MASSENA

    P. 16 O PRINCIPEZINHO

    P. 16 PAIS LIBERTAO

    EXPOSIES

    P. 16 OBRA GRFICA FUNDAO CUPERTINO DE MIRANDA ANA HATHERLY/CRUZEIRO SEIXAS

    P. 17 A REPULSA DE RICARDO MIRANDA

    P. 18 EXVIA DE RUI CHAFES

    P. 19 TEXTURAS DA IMAGINAO

    P. 19 ESPAO MRIO CESARINY

    P. 19 NO MUNDO DOS

    PRESPIOS

    P. 20 TEMPO, ESPAO & SER

    P. 20 14 NATAL ECOLGICO

    P. 20 EXPOSIO DE PRESPIOS

    P. 21 PRESPIO DE NATAL:A ARTE DA RECICLAGEM

    P. 21 TERRITRIO: CASA COMUM

    P. 22 A SOLIDO DE UM CORPO AUSNCIA DE UMA FORMA

    P. 22 POR TERRAS DE VILA NOVA: CRUZ

    P. 22 TALHA

    P. 23 VERGLIO FERREIRA

    P. 23 LIVROS PROIBIDOSPELA DITADURA

    P. 23 ARRANJOS FLORAIS

    CRIANAS

    P. 24 MNIMOS

    P. 24 O DIA DO ELMER

    P. 24 LEITURAS EM FAMLIA

    P. 25 MNIMOS

    P. 25 O POSTAL

    P. 25 A INOCNCIA DAS FACAS

    JUVNETUDE

    P. 28 ENSAIOS NA CASA

    P. 29 FRUM "OS JOVENS E OS MEDIA"

    P. 30 WORLD CAF

    P. 30 WORKSHOP REVELAO DE FOTOGRAFIA

    SENIORES

    P. 30 ATELIER DE CERMICAE PINTURA

    P. 30 UM OLHAR SOBRE BERNARDINO

    P. 31 ANTNIO SILVA, UM ARTISTA POPULAR

    P. 31 OFICINA: MAPADE TRADIES

    P. 31 O COSTA DO CASTELO

    P. 31 TERTLIA: CH COM LIVROS

    CONFERNCIAS

    P. 32 RIBA DE AVE CULTURAL EM REVISTA

    P. 32 OS NMEROS E A VIDA

    P. 32 DOCUMENTRIO FAMALICO

    P. 33 BURLAS: PERIGOS E POSTURAS

    P. 33 TERTLIAS CULTURAIS: LVARO DE OLIVEIRA

    FORMAO E WORKSHOPS

    P. 33 INICIAO FOTOGRAFIA

    P. 33 OFICINA DO INVERNO

    P. 34 UM BERO DEHISTRIAS

    P. 34 CURSO CONSTRUO RVORE GENEALGICA

    P. 34 LIMPINHO E SOZINHO

    FEIRAS, FESTAS E ROMARIAS

    P. 35 FEIRA DE PRODUTOSBIOLGICOS

    P. 35 FESTAS A SANTO AMARO

    P. 35 FESTAS A SANTO AMARO

    P. 35 FESTAS A S. VICENTE

    P. 35 FESTAS A S.SEBASTIO

    P. 35 FESTAS A S.SEBASTIO

    P. 36 MOSTRA ASSOCIATIVA

    P. 36 FESTAS A S. VICENTE

    DIVERSOS

    P. 36 VIAGEM AO INTERIORDA BIBLIOTECA

    P. 37 A ERA DA ESTUPIDEZ

    P. 37 AS GRAASDA BUC LICA RIDENTE

    P. 38 CONHECER O TERRITRIO EM FAMLIA

    P. 38 BIOBLITZ INVERNO

    P. 38 TROCA POR TROCA

    DESPORTO

    P. 39 28 S. SILVESTRE DE ESMERIZ

  • 05

    CALENDRIOCALENDRIO

    TEATRO

    MSICA

    CINEMA

    EXPOSIES

    CRIANAS

    JUVENTUDE

    SENIORES

    CONFERNCIAS

    WORKSHOP

    FEIRAS , FESTAS

    DIVERSOS

    DESPORTO

    PATRIMNIO

    01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31

    DIAS

    QUADRILTERO

    P. 39 ORQUESTRA DE GUIMARES

    P. 39 CONCERTO DE ANO NOVO E REIS

    P. 39 DEAD COMBO E AS CORDAS DA M FAMA

    P. 40 LISBOA E O AQUEDUTO

    P. 40 CANTARES DOS REIS

    P. 40 ENCONTRO DE REIS

    P. 40 SUBTERRNEO [ESTREIA]

    P. 40 VIRGEM SUTA: LIMBO

    P. 40 MUSICA E PALAVRAS

    P. 40 CONCERTO PAULO VATAYAN

    P. 40 AURORA

    P. 40 GRANDE CENA

    PATRIMNIO

    P. 41 MONUMENTO A D. SANHO I

    ESCOLAS

    P. 42 ATIVIDADES PEDAGGICAS

    MUSEUS

    P. 46 INFORMAES

    CONTATOS TEIS

    P. 48 FARMCIAS E EQUIPAMENTOSMUNICIPAIS

  • 06 AGENDA JANEIRO

    TEATROTEATRO

    O Improviso de Versalhes uma comdia fora do seu tempo. Molire (personagem da prpria comdia) est a ensaiar um im-proviso com a sua companhia, que dever ser resolvida e apresentada ao Rei nesse mesmo dia. Os atores questionam-no, desafiam-no, rebelam-se contra ele por no "ter-se desculpado respeitosamente para com o rei e pedir-lhe que lhe conce-desse maior prazo". durante todo esse ensaio que Molire (Autor e Personagem) - em domnio total da linguagem teatral - se expe, mas tambm ridiculariza os vcios, tiques e defeitos de representao dos atores e autores da sua companhia rival. Molire cria, dentro da pea, uma outra pea, um jogo de espelhos onde encontra a forma de se poder criticar

    CASA DAS ARTESsexta 15 e sbado 16sexta 15 e sbado 16

    COMDIA EM 1 ATOO IMPROVISO DE VERSALHES DE MOLIREO IMPROVISO DE VERSALHES DE MOLIRE

    impedindo qualquer crtica de outros. Uma comdia divertidssima, gil, astuta e acutilante cheia de ridculas morais e falsas modstias.

    Grande Auditrio Sexta: 16h e 21h30, Sbado: 21h30 4/Estudantes e Carto Quadriltero: 2 Classificao: M/6 Durao: 70'

    Coproduo da ACE-Famalico e Casa das Artes de Famalico, encenao de Manuel Tur com interpretao dos Alunos do 2 ano do Curso Profissional de Artes do Espetculo-Interpretao da Academia Contempornea do Espetculo - Famalico.

    www.casadasartes.org

  • 07TEATRO

    Um casal de taxidermistas vive fechado em casa com a sua nica filha. Tecnica-mente, os animais que embalsamam ficam perfeitos. Os olhos ficam vivos como se o sangue deles ainda corresse nas veias. Existem vrios passos para embalsamar um corpo. Vrios mtodos. Um veado inteiro muito mais difcil de embalsamar do que apenas uma cabea. Um dia chega um corpo diferente de todos os outros. E esse dia muda tudo. Criao Mundo Razovel; Texto original e Encenao: Marta Freitas.

    CASA DAS ARTESQuarta 20, Quinta 21 , Sexta 22 Quarta 20, Quinta 21 , Sexta 22

    LUTO EMBALSAMADO LUTO EMBALSAMADO ESTREIA

    Grande Auditrio 21h30 6/Estudantes e Carto Quadriltero: 3 Classificao: M/16 Durao: 70'

    Coproduo: Casa das Artes de Vila Nova de Famalico e Cine Teatro Constantino Nery; Parceria Balleteatro Contemporneo do Porto

    www.casadasartes.org

  • 08 AGENDA JANEIRO

    Mais de 950 crianas, do pr-escolar e do 1 ciclo, vo participar nos prximos dias 6 e 7 de janeiro no Cantar dos Reis Infantil, que ir decorrer na Casa das Artes de Vila Nova de Famalico, pelas 10h00. A iniciativa, promovida pela Cmara Municipal, atravs dos Servios Educativos da Diviso de Educao, conta com a participao de dez instituies educativas do concelho. Aos alunos iro tambm juntar-se os professores e auxiliares de ao educativa das escolas participantes, que entoaro canes alu-sivas a esta tradio. A Mais Plural, Creche Jardim Infncia Nossa Senhora da Lapa,

    CASA DAS ARTESQuarta 06 e quinta 07Quarta 06 e quinta 07

    CANTAR DOS REIS INFANTILCANTAR DOS REIS INFANTILCreche Jardim Infncia Nossa Senhora da Guia, EB 1 Ciclo Conde S. Cosme Vila Nova de Famalico, Associao Geraes, Mundos de Vida, Creche Me, Associao dos Moradores das Lameiras, Jardim In-fncia ACB, Centro Escolar Lus de Cames so as instituies educativas presentes na iniciativa.

    Entrada gra