Agropecuaria Catarinense Mar_2012

  • View
    224

  • Download
    3

Embed Size (px)

Text of Agropecuaria Catarinense Mar_2012

  • Flora catarinense

    35 O inventrio florestal e as plantas bioativas de Santa Catarina

    Informativo tcnico

    40 Acamamento de plantas na cultura da soja

    43 A eroso costeira na Praia da Armao do Pntano do Sul, no litoral catarinense

    47Estratgias de adubao para produo de gros em rotaes de culturas de 2 e 3 anos no Planalto Sul Catarinense

    51 Manejo da giberela na cultura do trigo

    54 Manejo de caramujos em lavouras de arroz irrigado, em sistema de cultivo pr-germinado

    Artigo cientfico

    58Monitoramento da qualidade da gua no sistema integrado piscicultura-suinocultura em propriedades do Oeste Catarinense

    63Distribuio espacial dos teores de argila, silte e areia na camada superficial do solo em Santa Catarina

    69 Estabilidade e adaptabilidade de gentipos de girassol no Planalto Norte Catarinense

    75Atributos de solo e rendimento da cultura do milho em funo da aplicao de resduo de reciclagem de papel em um Cambissolo Hplico

    Nota cientfica

    80Estimativa da divergncia gentica em hbridos de milho destinados formao de novas populaes

    84Efeitos de preparados em altas diluies de Calcarea carbonica, Natrum muriaticum e leo essencial de citronela sobre a incidncia de trips em cebola em sistema orgnico

    87 Previso de geada em Santa Catarina

    91 Normas para publicao

    3 Editorial

    4 Lanamentos editoriais

    Registro

    5 Estao Experimental de Lages comemora 100 anos de pesquisas

    6 Lei dos Orgnicos completa 1 ano com 10,5 mil produtores registrados6 Retorno social da Epagri de R$ 635 milhes

    7 Pesquisa avalia uso de resduos industriais na agricultura8 Secador de gros para rao aproveita energia solar

    8 Anvisa alerta para alimentos contaminados por agrotxicos

    9 Arbusto asitico pode beneficiar produtores de ma

    10 Conhecimento de pescadores pode ajudar na gesto de reserva biolgica

    10 Governo Federal quer reduzir emisses de carbono na agricultura11 Feijo transgnico da Embrapa aprovado no Brasil

    12 Certificao e rastreabilidade abrem mercado para produtos catarinenses12 Miniusinas levam produo de etanol ao meio ruralOpinio

    13 A nova agriculturaConjuntura

    15Oportunidades e perspectivas do Desenvolvimento Territorial Sustentvel com Identidade Cultural (DTS-IC) em Santa Catarina

    Vida rural

    19 Inveno centenria bombeia gua com economiaReportagem

    21 Pasto vontade at no inverno27 O campo a um clique do mundo32 Raio X da floresta

    Sumrio

  • Editorial

    Em abril, a Estao Experimental de Lages (EEL) completa 100 anos de trabalho pelo desenvolvimento da pecuria e do setor florestal em Santa Catarina e em todo o Sul do Pas. Nesse perodo, a unidade mais antiga da Epagri desenvolveu tecnologias que melhoram a renda e a vida das famlias rurais, impulsionando o crescimento sustentvel do setor agrcola.

    Um exemplo disso o trabalho com melhoramento de campo nativo. Na reportagem de capa, o leitor vai conhecer as vantagens de uma tecnologia de baixo custo que multiplica a renda das famlias, mantm viva a tradio do povo serrano e ainda preserva a paisagem tpica do Planalto Sul Catarinense. Com pasto disponvel o ano todo, mais de 1,4 mil pecuaristas do Estado viram a produtividade se multiplicar por oito. A matria tambm apresenta os experimentos com avaliao de forrageiras, que h dcadas elevam os ganhos nas propriedades.

    A incluso digital das famlias rurais o tema de outra reportagem, que mostra como tecnologia, informao e comunicao podem melhorar a qualidade de vida no campo. A matria destaca iniciativas de sucesso em Santa Catarina que levam cidadania e oportunidades a crianas, jovens, adultos e idosos, estimulando a permanncia das famlias em suas comunidades.

    Na seo Conjuntura, o destaque o evento internacional em desenvolvimento territorial sustentvel (DTS), que foi realizado recentemente em Santa Catarina. O encontro buscou fortalecer parcerias entre vrios pases da Europa e da Amrica Latina, alm de mostrar ao mundo as experincias exitosas do Estado na valorizao territorial, tanto de produtos tpicos quanto da cultura local.

    Dois assuntos da rea ambiental chamam a ateno na seo tcnico-cientfica. No Oeste Catarinense, onde a produo de sunos praticada em larga escala, um trabalho de monitoramento da qualidade da gua em sistema integrado piscicultura-suinocultura demonstra que o uso de esterco de sunos no compromete a qualidade dos recursos hdricos e que esses resduos podem ser adequadamente reciclados no sistema. Ainda sobre reciclagem, uma pesquisa pioneira no Planalto Norte testou com sucesso o aproveitamento do resduo da indstria de reciclagem de papel para corrigir a acidez e melhorar outros atributos qumicos do solo. Vale dizer que, normalmente, esses resduos so alocados em aterros sanitrios com elevado custo, alm de representar um passivo ambiental.

    Na seo Nota cientfica, pesquisadores da Epagri/Centro de Informaes de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Epagri/Ciram) desenvolveram um modelo matemtico para previso de geadas que, aps um perodo de ajustes, poder auxiliar sobremaneira tanto a Defesa Civil como o meio rural catarinense.

    Um fenmeno que vem ocorrendo no Litoral Catarinense nos ltimos anos a eroso da faixa litornea, com a invaso do mar em praias, diminuindo a largura da linha costeira. O caso da Praia da Armao, na Ilha de Santa Catarina, assunto de um Informativo tcnico no qual os pesquisadores ressaltam que a interveno humana desordenada causa desequilbrios, intensificados algumas vezes por fenmenos naturais como os ciclones extratropicais.

    Boa leitura e bom proveito!

    ISSN 0103-0779

    INDEXAO: Agrobase e CAB International.

    AGROPECURIA CATARINENSE uma publicao da Empresa de Pesquisa Agropecuria e Extenso Rural de Santa Catarina (Epagri), Rodovia Admar Gonzaga, 1.347, Itacorubi, Caixa Postal 502, 88034-901 Florianpolis, Santa Catarina, Brasil, fone: (48) 3239-5500, fax: (48) 3239-5597, internet: www.epagri.sc.gov.br, e-mail: gmc@epagri.sc.gov.br.

    EDITORAO:

    Editor-chefe: Dcio Alfredo RockenbachEditor tcnico: Paulo Sergio Tagliari

    JORNALISTA: Cinthia Andruchak Freitas (MTb SC 02337)

    CAPA: Vilton Jorge de Souza

    DIAGRAMAO E ARTE-FINAL: Victor Berretta

    PADRONIZAO E NORMALIZAO: Abel Viana

    REVISO DE PORTUGUS: Joo Batista Leonel Ghizoni

    REVISO DE INGLS: Joo Batista Leonel Ghizoni

    REVISO TIPOGRFICA: Daniel Pereira

    DOCUMENTAO: Ivete Teresinha Veit

    ASSINATURA/EXPEDIO: Ivete Ana de Oliveira GMC/Epagri, C.P. 502, 88034-901 Florianpolis, SC, fones: (48) 3239-5595 e 3239-5535, fax: (48) 3239-5597 ou 3239-5628, e-mail: assinatura@epagri.sc.gov.br Assinatura anual (3 edies): R$ 22,00 vista

    PUBLICIDADE: GMC/Epagri fone: (48) 3239-5682, fax: (48) 3239-5597

    Ficha catalogrFicaAgropecuria Catarinense v.1 (1988) Florianpolis: Empresa Catarinense de Pesquisa Agropecuria 1988 - 1991) Editada pela Epagri (1991 ) Trimestral A partir de maro/2000 a periodicidade passou a ser quadrimestral. 1. Agropecuria Brasil SC Peridicos. I. Empresa Catarinense de Pesquisa Agropecuria, Florianpolis, SC. II. Empresa de Pesquisa Agropecuria e Extenso Rural de Santa Catarina, Florianpolis, SC.CDD 630.5

    Tiragem: 1.800 exemplaresImpresso: Dioesc.

  • laNaMENtoS EDitoriaiS

    4 revista agropecuria catarinense, v.25, n.1, mar. 2012

    Projeto de qualificao e certificao do queijo artesanal serrano dos campos de altitude de Santa Catarina. 2011, 67p. Relatrio.

    O Relatrio apresenta os principais resultados do Projeto de Qualificao e Certificao do Queijo Artesanal Serrano dos Campos de Altitude de Santa Catarina, executado por tcnicos da Epagri das regies de Lages e So Joaquim. O projeto, que busca obter a indicao geogrfica e legalizar esse produto, um dos mais importantes desenvolvidos na Serra Catarinense sob as dimenses sociais, econmicas, histricas e culturais. O documento relata todas as etapas do projeto, incluindo resgate e publicao da histria do queijo, descrio do sistema produtivo e definio da rea geogrfica de produo.

    Contato: gmc@epagri.sc.gov.br

    Metodologia para coleta de amostras e anlises fsicas do solo. 2011, 52p. Bt 156.

    Para atender a demanda por mtodos para anlises fsicas do solo que sejam facilmente aplicados e reproduzidos entre laboratrios, o Boletim adapta mtodos descritos nas duas principais publicaes usadas como guia para esse procedimento no Brasil. Ilustrado, o documento descreve cada etapa de forma detalhada, utilizando materiais e equipamentos disponveis ou que possam ser montados em qualquer laboratrio de anlises fsicas do solo. O objetivo divulgar mtodos de fcil execuo e reproduo para estabelecer um sistema de controle de qualidade para essas anlises.

    Contato: gmc@epagri.sc.gov.br

    Qualidade da gua de fontes superficiais modelo Caxambu em propriedades rurais do oeste catarinense. 2011, 29p. Bt 155.

    O protetor de fontes modelo Caxambu utilizado em muitas propriedades rurais de Santa Catarina para impedir o assoreamento de nascentes e a queda de materiais orgnicos no interior delas. A Epagri orienta as famlias para o uso dessa tecnologia que melhora a qualidade e a potabilidade natural da gua. O Boletim apresenta os resultados de um trabalho realizado em 21 municpios do Oeste Catarinense que avaliou os parmetros fsico-qumicos e biolgicos da gua das fontes protegidas estabelecendo relaes com a localizao e com diferentes condies de regime de chuvas.

    Contato: gmc@epagri.sc.gov.br

    Manejo fitossanitrio da cultura do milho. 2011, 157p. Livro, R$ 30,00.

    O livro disponibiliza aos tcnicos e produtores de milho informaes que auxiliam no controle das principais pragas, doenas e plantas invasoras dessa cultura no Sul do Brasil. A publicao serve de guia para planejar, implantar