Click here to load reader

Análise de Dados SPSS

  • View
    2.606

  • Download
    3

Embed Size (px)

Text of Análise de Dados SPSS

Introduo Epidemiologia e Anlise de dados com aplicao rea da Sade 20h/aula 20h/ lCURSO DE MEDICINA

Para quem? Acadmicos e profissionais da rea da sade Com quem? Prof. Dra. Lia Possuelo Prof. Ms. Luciano Nunes Duro Quando? 23/04 e 07/05 Sexta-feira Manh- 8:00 s 11:30h e Tarde- 13:30h s 17:30h Onde? Sala 101 Investimento: R$ 66,00 Inscries: Secretaria de Ps Graduao e Extenso Informaes: [email protected]/[email protected] ou pelo fone: (51) 3717 7343 Vagas limitadas

I CURSO DE INTRODUO EPIDEMIOLOGIA E ANLISE DEDADOS COM APLICAO REA DA SADE

ABRIL/MAIO 2010

Prof. Dra. Lia Possuelo Prof. Msc. Luciano Duro

MTODOS DEANLISE DE DADOSDra. Lia Possuelo

CLCULO DOTAMANHO AMOSTRALEPIINFO 6.04

Toda e qualquer seqncia de n unidades elementares da Populao, onde n chama-se tamanho da amostra. qualquer parte da populao.

Vontade, sonho, desejo de qualquer pesquisador: Que n seja o maior possvel, at que n seja do tamanho da populao (CENSO) t h d l

Querer nem sempre poder!!!!

AMOSTRA

Estudar parte da populao (AMOSTRA) e inferir para o todo da populao (UNIVERSO) POPULAO AMOSTRA

AMOSTRA

CENSO

Problemas para realizar um CENSO:

Populao muito grande Restries de tempo Restries oramentrias

O que fazer ????????

AMOSTRAGEM

Processos de amostragem probabilsticos:

Amostragem aleatria simples Amostragem estratificada Amostragem por conglomerados Amostragem em dois ou mais estgios Amostragem sistemtica

Processos de amostragem no-probabilsticos: P d t b bil tiAmostragem por quotas Amostragem acidental Amostragem Intencional

Como fazer?? Onde fazer??

TAMANHO DE AMOSTRA ESTUDOS TRANSVERSAIS1.

Clculo Cl l para estimativa de prevalncia ti ti d l i Epiinfo: Survey Especificar:

Prevalncia esperada. Ex. 10% Margem de confiana Ex 95% confiana. Ex. Erro tolervel. Ex. 2 pontos percentuais

Prof. P. Petry

Estudos de prevalncia ENTER

Prevalncia de HCV na populao de SCS Dicas: Use: Prevalncia esperada: 3% Nvel de confiana: 95% F4 - calcular Erro aceitvel: 2 p.p. F10 - desfazer

DIGITAR VALORES

EXERCCIO

Calcule a amostra necessria para se estudar uma doena em uma populao de 100.000 habitantes, CUJA PREVALNCIA ESTIMADA DE 20% com um ERRO ACEITVEL DE 10 PONTOS percentuais e confiana d 95% t i fi de

RespostaPrevalncia: 20% Erro: 10 pontos percent ais percentuais Limite: 10 ou 30% Amostra necessria: 61

EXERCCIO

1 Qual a dimenso da populao total? Experimente 5000. 2 2 - Qual a frequncia que julgamos ser verdadeira na populao total?

evidente que no estamos certos desta frequncia, no entanto, tendo em conta outros estudos ou informaes poderemos estimar esta frequncia... Quando no fazemos a mnima ideia desta frequncia real, poderemos escolher o valor mais conservador que 50%. Experimente ento colocar 50%.

3 - Qual o valor mais errado que admitiramos obter da nossa amostra? Suponhamos que admitiramos ter um intervalo de confiana de 50% + 10%, ou seja seria obter ou 60% ou 40% como limites. Ter que responder a esta pergunta colocando ou 60 ou 40%.

EXERCCIO

QUANTO MENOR O ERRO ACEITVEL, MAIOR SER O TAMANHO DA AMOSTRA NECESSRIA

TAMANHO DE AMOSTRA ESTUDOS TRANSVERSAIS2. Clculo para testar associao o: Cohort or Cross sectional Cross-sectional Especificar:

Erro alfa. ex. 5 % ( Utilizado como padro ) Poder estatstico. ex. 80% ( Utilizado como padro ) Expostos na populao. Prevalncia de doentes entre no expostos expostos. Razo de prevalncia estimada.

Prof. P. Petry

ESTUDO DE COORTE

ESTUDO DE COORTE

TAMANHO DE AMOSTRA ESTUDOS DE CASOS E CONTROLESEpiinfo: Case control studies Especificar:

Poder estatstico Nvel de significncia Razo de DI Prevalncia de exposio entre os controles Nmero de controles por caso

Prof. P. Petry

ANLISE DE DADOS

ESTATSTICA DESCRITIVA

Quando queremos investigar, o primeiro objetivo descrever o fenmeno. Por isso, a primeira fase de tratamento dos dados a ANLISE UNIVARIADA, atravs da verificao das frequncias e o clculo das medidas de localizao central e de disperso para cada varivel isoladamente.

Geralmente, no se calculam mais que as seguintes medidas:

as frequncias absolutas (nmeros absolutos de cada valor) e as frequncias relativas (as propores em percentagens). a mdia e desvio-padro a mediana a moda.

ESTATSTICA DESCRITIVA

Neste exemplo, temos cinco pessoas com as seguintes idades j ordenadas:

18- 20- 27- 39-50

Moda: o valor mais frequente (ou seja, o que "est na moda"...). Mediana: nmero 27- representa o valor que est a meio.

Isto significa que 50% das pessoas tm uma idade igual ou maior que 27 e, evidentemente, os outros 50% tm uma idade igual ou menor que 27.

Primeiro Quartil ou Percentil 25: nmero 20- representa o valor que est a meio da primeira metade.

Isto significa que 75% das pessoas tm uma idade igual ou maior que 20 e, evidentemente, os outros 25% tm uma idade igual ou menor que 20.

ESTATSTICA DESCRITIVA

Terceiro Quartil ou Percentil 75: nmero 39representa o valor que est a meio da segunda metade, ou seja, o

Isto significa que 75% das pessoas tm uma idade igual ou menor que 39 e, evidentemente, os outros 25% tm uma idade igual ou maior que 39.

Claro que a mediana tambm o segundo Quartil e o Percentil 50!

No caso deste exemplo, com um nmero mpar de valores ordenados (cinco), a mediana o valor que est a meio, mas no caso de um nmero par de valores ordenados, a mediana ter ser calculado fazendo-se a mdia entre os dois valores que esto a meio.

ESTATSTICA DESCRITIVA

ESTATSTICA DESCRITIVASe o objetivo for a anlise de freqncia das variveis, selecione >Analyze > Descriptive Statistics > Frequencies

ESTATSTICA DESCRITIVA

Analyse > descritive statistics > frequencies > statistics > continue > ok

ESTATSTICA DESCRITIVA

Output

ESTATSTICA DESCRITIVA

ESTATSTICA DESCRITIVA

Alm das medidas de localizao central (mdia, mediana, moda) existem as medidas de disperso que nos do a ideia da variao dos dados.

ESTATSTICA DESCRITIVA

Charts: selecione o tipo de grfico.

Format: opes para sada dos dados. Output Figura

ESTATSTICA DESCRITIVAOUTPUT

Curva de tendncia central

ESTATSTICA DESCRITIVA

Se o objetivo for a anlise de frequncia das variveis, selecione

> Analyze > Descriptive Statistics > Descriptives

ESTATSTICA DESCRITIVA

Usar a seta para selecionar varivel

ESTATSTICA DESCRITIVAoptions> continue>ok Gera resultado no output Ge a esu tado o

ESTATSTICA DESCRITIVASe o objetivo determinar a frequncia com que duas ou trs variveis aparecem juntas, deve-se optar por Analyze > Descriptive statistic> Crosstabs

ESTATSTICA TOTALMENTE DESCRITIVA!!!

ESTATSTICA DESCRITIVAAnalyze > Descriptive statistic> Crosstabs

Selecionar variveis

as

Selecione a primeira varivel e insira em Row, clicando na seta. Selecione a segunda varivel e insira em Colunms. Se houver uma terceira varivel insira i i na terceira j i janela utilizando l ili d a sua respectiva seta (caso tenha mais variveis, para insira-la clique antes em NEXT).

ESTATSTICA DESCRITIVAoutput

ESTATSTICA DESCRITIVA

Analyse >Estatistics Descritives > Crosstabs > Cells

EXERCCIO

Determinar o nmero de casos de hepatotoxicidade de acordo com o sexo e HIV. Adicionar o valor de P e o ODRisk Estimate

Crosstab Count Hep No 175 57 232 Sim 6 8 14 Total 181 65 246Chi-Square Tests Value 7,206b 5,628 6,272 df 1 1 1 Asymp. Sig. (2-sided) ,007 ,018 ,012 Exact Sig. (2-sided) Exact Sig. (1-sided)Odds Ratio for HIV (NO / SIM) For cohort Hep = No For cohort Hep = Sim N of Valid Cases Value 4,094 1,103 ,269 246

95% Confidence Interval Lower Upper 1,363 1,003 ,097 12,296 1,212 ,747

HIV Total

NO SIM

Pearson Chi-Square Continuity Correctiona Likelihood Ratio Fisher's Exact Test Linear-by-Linear Association N of Valid Cases

,012 7,177 246 1 ,007

,012

a. Computed only for a 2x2 table b. 1 cells (25,0%) have expected count less than 5. The minimum expected count is 3,70.

EXERCCIO

EpiInfo- programs>statcalc>tables 2X2, 2Xn

EXERCCIOCrosstab

- Determinar o nmero de casos de hepatotoxicidade de acordo com o sexo e HIV. Adicionar o valor de P e o OD.

Count Hep No SEXO2 Total FEMININO MASCULINO SCU O 76 163 239 Sim 7 7 14 Total 83 170 253

Chi-Square Tests

Pearson Chi-Square Continuity Correctiona Likelihood Ratio Fisher's Exact Test Linear-by-Linear Association N of V lid C f Valid Cases

Value 1,987b 1,248 1,872

df 1 1 1

Asymp. Sig. (2-sided) ,159 ,264 ,171

Exact Sig. (2-sided)

Exact Sig. (1-sided)

,239 1,980 253 1 ,159

,133

a. Computed only for a 2x2 table b. 1 cells (25,0%) have expected count less than 5. The minimum expected count is 4,59.

Risk Estimate 95% Confidence Interval Lower Upper ,158 ,888 ,743 1,376 1,027 5,647

Value Odds Ratio for SEXO2 (FEMININO / MASCULINO) For cohort Hep = No For cohort Hep = Sim N of Valid Cases ,466 ,955 2,048 253

CROSSTABS

EXEMPLO SALA DE AULA....

ESTATSTICA DESCRITIVAComparao de mdias entre dois grupos >Analyse > Compare Means >Independent Sample T test

ESTATSTICA DESCRITIVA

ESTATSTICA DESCRITIVAAnalyse > Compare Means >Independent Sample T test

Selecione a varivel (s) que ser (o) Comparada(s) e depois selecione o grupo (1 e 2).

Continue> ok

ESTATSTICA DESCRITIVAAnalyse> Compare Means> Independent Sample T test OUTPUT:Estatstica descritiva das variveis conforme o grupo (mdia, tamanho da amostra e desvio padro)

Teste de significncia para a comparao das mdias

EXERCCIO

Qual a mdia das transaminases (TGO e TGP) antes do incio do tratamento no grupo de pacientes com e sem hepatotoxicidade? Qual o valor de P?Group Statistics Hep No Sim No Sim N 238 12 238 12 Mean 27,2941 40,1667 29,3445 40,6667 Std. Deviation 17,26334 37,32616 19,82452 34,08368 Std. Error Mean 1,11902 10,77514 1,28503 9,83911 tgo0di tgp0di

Independent Samples Test Levene's Test for Equality of Variances t-test t test for Equality of Means 95% Confidence Interval of the Difference Lower Upper -23,72127 -36,65442 -23,36505 -33,07351 -2,02383 10,90932 ,72079 10,42925

F tgo0di Equal variances assumed Equal variances not assumed Equal variances assumed Equal variances not assumed 10,173

Sig. ,002

t -2,337 -1,188

df 248 11,238 248 11,378

Sig. (2-tailed) ,020 ,259 ,065 ,277

Mean Difference -12,87255 -12,87255 -11,32213 -11,32213

Std. Error Difference 5,50815 10,83309 6,11447 9,92267

tgp0di

5,048

,026

-1,852 -1,141

COMPARAO DE MDIAS ENTRE DOISGRUPOS

GRFICOS

GRFICOS

Selecionar com a seta a varivel para o eixo das categorias e a varivel para as pilhas

Seleciona o que as barras representam OK

OUTPUT

GRFICOSno output gera o grfico solicitado Percentual de apenados por faixa etria X galeria

BARRAS

BARRAS

PIZZA

LINHAS

GRFICOS

TIPOS DE GRFICOS:

> graphs > bar > graphs > line > graphs > area > graphs > Pie > graphs > Histogram > graphs > Boxplot

IMPORTANTE!!!!!Quando for salvar o seu trabalho no esquea que ele estar dividido em duas partes: SPSS Data Editor (planilha de dados) e Output (resultados), ambas devero ser salvas.

EXEMPLOS DE APLICAO DESTAS ANLISES.....

O QUE SIGNIFICAM ESTES VALORES?? COMO FAZER ESTAS ANLISES???

Obrigada!!! [email protected]