Aplicação da Web Semântica no jornalismo

Embed Size (px)

Text of Aplicação da Web Semântica no jornalismo

  • Estudos em Jornalismo e Mdia - Vol. 9 N 1 Janeiro a Junho de 2012ISSNe 1984-6924 DOI 10.5007/1984-6924.2012v9n1p180

    Aplicao da Web Semntica no jornalismo

    Iuri LammelUniversidade Federal de Santa Maria - iuri.lammel@gmail.com

    Graduado em Jornalismo pela UFSM. Mestre pelo Programa de Ps-Graduao em Comunicao Miditica da UFSM. Professor do curso de Jornalismo

    do Centro Universitrio Franciscano (Santa Maria - RS).

    Luciana MielniczukUniversidade Federal de Santa Maria - luciana.mielniczuk@gmail.com

    Doutora em Comunicao e Cultura Contemporneas pela Universidade Federal da Bahia. Professora da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicao da

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

    ResumoA web e as bases de dados so consideradas plataformas tecnolgicas fundamentais para o desenvolvimento do jornalismo contemporneo em redes digitais. No incio da dcada de 2000, surge a ideia da Web Semntica, que uma proposta de expanso da atual web, para torn-la mais automatizada e eficiente. A partir da observao do BBC Wildlife, um site que utiliza tecnologias da Web Semntica para gerenciar e publicar contedos editoriais sobre o mundo natural, so analisados aspectos que contribuem na potencializao de caractersticas do jornalismo estruturado em bases de dados. A interoperabilidade automatizada e a ativao da memria so apontados como possveis rupturas para produtos jornalsticos que venham a explorar as tecnologias semnticas.

    Palavras-chaveWeb semntica, base de dados, jornalismo digital

    AbstractThe web and the databases are considered critical technologies to the development of contemporary journalism in digital networks. In the early 2000s, the concept of the Semantic Web arises, which is a proposed expansion to the current web, to make it more automated and efficient. From an observation of the BBC Wildlife website, that uses Semantic Web technologies to the management and publishing of editorial content about the natural world, this study analyzes some aspects that contribute to the enhancement os the characteristics of database journalism. Interoperability and automated activation of memory are indicated as possible ruptures to journalistic products that use semantic technologies.

    KeywordsSemantic Web, Data base, online journalism

    Artigo recebido em 20/03/2012Aprovado em 12/04/2012

    180

    mailto:luciana.mielniczuk@gmail.commailto:iuri.lammel@gmail.com

  • Estudos em Jornalismo e Mdia - Vol. 9 N 1 Janeiro a Junho de 2012ISSNe 1984-6924 DOI 10.5007/1984-6924.2012v9n1p180

    jornalismo, como uma atividade que trabalha essencialmente com

    informaes, no tem como escapar da realidade apresentada pelas

    tecnologias digitais. Os conhecimentos dos campos do jornalismo e da

    cincia da computao se entrelaam e esboam um cenrio emergente. O jornalismo

    digital baseado em plataformas tecnolgicas que passam por constantes mutaes,

    ento a produo jornalstica praticada neste ambiente e os produtos dela oriundos

    tambm passam por redefinies (PAVLIK, 2000).

    O Sem defender o pensamento reducionista (e tentador) de que novas tecnologias

    tendem a melhorar a prtica jornalstica pois, como afirma Palacios, corremos o

    perigo de instaurar um pensamento guiado por uma lgica evolucionista de carter

    simplista (PALACIOS, 2003, p. 16) consideramos que a contemporaneidade

    marcada, entre outros fenmenos, pelo surgimento de um ciberespao que redefine

    prticas sociais e profissionais (LEMOS; LVY, 2010). As mudanas tecnolgicas tm

    potencial para transformaes nos modos de produzir/consumir informao jornalstica.

    Este artigo sintetiza os principais aspectos de uma pesquisa realizada sobre a web

    semntica aplicada ao jornalismo digital ao fazer o estudo de produtos desenvolvidos

    para a as redes digitais pela empresa BBC. Ao observar o exemplo da BBC Wildlife, o

    presente texto sistematiza questes fundamentais para o desenvolvimento do jornalismo

    digital: a web semntica e as bases de dados aplicadas ao jornalismo.

    A web e o jornalismoDesenvolvida entre os anos de 1989 a 1991, pelo cientista britnico Tim

    Berners-Lee, a web foi fundamental para entrada do jornalismo nas redes digitais. Foi a

    partir desta tecnologia, que tornava acessvel para leigos a navegao no ciberespao,

    que as empresas jornalsticas despertam sua ateno para as possibilidades que a

    internet poderia oferecer ao jornalismo.

    No ano de 2011, a web completou 20 anos desde o lanamento pblico e, no

    decorrer deste perodo, apresentou atualizaes em especificaes tcnicas importantes

    (como as atualizaes do HTML publicadas pela W3Ci), alm de ter sido enriquecida

    com o surgimento de tecnologias paralelas, como plug-ins para multimdia e linguagens

    181

  • Estudos em Jornalismo e Mdia - Vol. 9 N 1 Janeiro a Junho de 2012ISSNe 1984-6924 DOI 10.5007/1984-6924.2012v9n1p180

    de script. Porm, na essncia, a organizao da web continuou funcionando com base

    no mesmo conceito de sua origem: como uma rede de documentos conectados. No

    incio da dcada de 2000, Berners-Lee apresentou um conceito mais avanado para esta

    rede. Tal proposta ele denominou Web Semntica: uma rede que funcionaria no

    apenas como um sistema de associaes de documentos criados prioritariamente para a

    leitura humana, mas como uma rede de dados, em que os computadores tambm seriam

    capazes de identificar os significados dos contedos publicados nas pginas

    (BERNERS-LEE et al., 2002).

    Atualmente existem diferentes propostas de solues tecnolgicas para o

    funcionamento da Web Semntica. Tratamos aqui da proposta apresentada por Berners-

    Lee (et al., 2002) e recomendada pela W3C, em que a Web Semntica tem como base a

    prpria estrutura da atual web (HTTPii, URIiii e HTMLiv), porm articulada com outras

    tecnologias, como a linguagem Resource Description Framework (RDF), os

    vocabulrios e as ontologias. Basicamente, o que a Web Semntica realiza a

    identificao dos significados presentes na rede (como pessoas, lugares ou objetos),

    atravs da linguagem RDF, e as utiliza para relacionar as informaes presentes na web

    (como palavras, textos, pginas ou imagens) a colees de conceitos que so

    disponibilizadas e compartilhadas na prpria web. Desta forma, os sites e servios da

    web podem associar seus dados aos mesmos conceitos, e por isso os computadores

    recebem uma capacidade maior de identificao de contedos da web.

    Alm da associao de dados a significados com o uso de RDF, a Web

    Semntica tambm aproveita as funcionalidades de um recurso denominado ontologia,

    que permite aos computadores realizarem inferncias sobre os conceitos identificados

    pelas mquinas. Para isso, as ontologias oferecem um modelo lgico de

    relacionamentos entre conceitos, como em uma taxonomia, e, alm disso, institui regras

    de relacionamentos entre estes conceitos, tais como pertencimento, igualdade ou

    distino. As ontologias possibilitam uma maior automatizao no tratamento de dados,

    pois as inferncias do autonomia s mquinas.

    Em outras palavras, na Web Semntica as informaes publicadas na rede so

    preparadas para serem compreendidas tanto por humanos quanto por mquinas, o que

    resultaria em uma web mais eficiente e autnoma na busca e na associao de 182

  • Estudos em Jornalismo e Mdia - Vol. 9 N 1 Janeiro a Junho de 2012ISSNe 1984-6924 DOI 10.5007/1984-6924.2012v9n1p180

    informaes. Para Berners-Lee et al. (2002), passaramos do paradigma de web de

    documentos para a de web de dados, estruturados e adaptados para a interpretao das

    mquinas. As vantagens de um sistema semntico global alcanariam diversas reas que

    trabalham com a organizao e o compartilhamento de dados, alm da automao em

    operaes que envolvem o gerenciamento dos mesmos, tais como na cincia da

    computao (BERNERS-LEE et al, 2002; SHADBOLT et al, 2006; KASHYAP et al,

    2008), na cincia da informao (SOUZA E ALVARENGA, 2004) e tambm no

    jornalismo (BERTOCCHI, 2010), devido natureza informativa dessa prtica

    profissional. Esse cenrio abre caminho para o desenvolvimento de produtos mais

    complexos e integrados aos contedos publicados na rede, pois na Web Semntica a

    estruturao de dados universalmente padronizada, permitindo seu compartilhamento.

    Jornalismo de DadosA web comeou como sistema de documentos digitais estticos, ou seja, sem o

    uso de bases de dados para o armazenamento dos contedos. Com o tempo, as BDs se

    consolidaram como uma forma mais eficiente de armazenamento de dados na web. Uma

    das razes para essa consolidao foi a disseminao das ferramentas de publicao e

    dos sistemas gerenciadores de contedos (Content Managment System ou CMS), que

    so sistemas direcionados administrao e gerenciamento do contedo, voltado para

    publicao, para os processos de seleo, aprovao e edio dos mesmos

    (SCHWINGEL, 2009, p. 2).

    As funcionalidades das BDs em modelos relacionaisv tm um potencial de

    criao significativo, justamente devido s possibilidades de associaes e combinaes

    de dados digitais, mesmo nos casos em que os dados se encontram em formatos

    diferentes, pois apresentam natureza bastante flexvel nas combinaes. Para se

    compreender essa natureza dos dados, Manovich (2001) lista