Apostila Cavalaria CFO

  • View
    128

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

  • ESTADO DO MARANHO POLCIA MILITAR DO MARANHO

    DIRETORIA DE ENSINO ACADEMIA DE POLCIA MILITAR

    SEO TCNICA DE ENSINO POLICIAMENTO MONTADO

    APOSTILA CFO

  • Cercado pelos elementos que conspiram para sua runa e por animais cuja velocidade e fora superam as suas, o homem teria sido um escravo sobre a terra. O cavalo fez dele um rei.

  • Gen. Ephem Hovl

    SUMRIO

    p. Cap. I FUNCIONAMENTO DA UNIDADE DE POLICIAMENTO................................. 04 1 CONCEITO.................................................................................................... ............... 04 2 CLASSIFICAO....................................................................................................... 04 2.1 Quanto ao tipo............................................................................................................... 04 2.2 Quanto ao processo....................................................................................................... 04 2.3 Quanto a modalidade................................................................................................... 04 2.4 Quanto a circunstncia................................................................................................. 05 2.5 Quanto ao lugar............................................................................................................ 06 2.6 Quanto ao objetivo........................................................................................................ 06 3 FUNDAMENTOS DO POLICIAMENTO MONTADO.......................................... 06 4 EXECUES DO POLICIAMENTO MONTADO................................................. 08 Cap.II HIPOLOGIA................................................................................................................. 09 1 CONCEITO................................................................................................................... 09 2 EXTERIOR DO CAVALO.......................................................................................... 09 3 PELAGENS................................................................................................................... 14 4 LOCOMOO............................................................................................................. 18 5 NUTRIO.................................................................................................... ............... 19 6 CUIDADOS DIRIOS E PERIDICOS................................................................... 21 7 PROCEDIMENTO DIRIO DO SERVIO E MATERIAL ADOTADO............. 23 8 ARMAMENTO, EQUIPAMENTO, ARREIOS, APRESTO E FARDAMENTO. 26 9 ENCILHAMENTO....................................................................................................... 29 10 PROCEDIMENTO NO POSTO................................................................................. 31 11 PROCEDIMENTO DO PATRULHEIRO APS O SERVIO.............................. 33 12 ORDEM UNIDA........................................................................................................... 33 13 ABORDAGEM POLICIAL......................................................................................... 41 14 ABORDAGEM POLICIAL EFETUADA PELA PATRULHA MONTADA...... 42 15 FORMAO DE CDC A CAVALO.......................................................................... 48 16 DOENAS..................................................................................................................... 51 16.1 PRINCIPAIS PARASITOSES.................................................................................... 51 16.2 AFECES DO SISTEMA DIGESTIVO................................................................. 54 17 AFECES DO APARELHO LOCOMOTOR........................................................ 56 18 DOENAS BACTERIANAS....................................................................................... 58 19 DOENAS VIRTICAS............................................................................................. 60 20 DISTRBIOS COMPORTAMENTAIS (VCIOS).................................................. 63 21 APOSTILA CONTENO E TRANSPORTE 64

  • POLICIAMENTO OSTENSIVO MONTADO

    1 CONCEITO o policiamento geral que, utilizando como meio de

    locomoo o cavalo, visa satisfazer as necessidades basilares de segurana, inerentes a qualquer comunidade ou qualquer cidado. Excepcionalmente, pode atuar como policiamento de trnsito, rodovirio, florestal , mananciais e de guarda.

    2 CLASSIFICAO 2.1 Quanto ao tipo

    Excepcionalmente, pode atuar como policiamento de trnsito, rodovirio, florestal , mananciais e de guarda.

    2.2 Quanto ao processo

    Obviamente executa o processo montado podendo no entanto, excepcionalmente, executar o processo a p ou motorizado.

    2.3 Quanto a modalidade

    O Policiamento Hipo pode ser empregado nas quatro modalidades a saber:

    2.3.1 Patrulhamento

    a atividade mvel de observao, fiscalizao, reconhecimento ou mesmo de emprego de fora, desempenhada pelo PM no posto. No caso especfico do patrulhamento hipo, este possui carter eminentemente preventivo e se resuma na quase totalidade de sua misso;

    2.3.2 Permanncia

    Esta modalidade s utilizada pelo Policiamento Hipo, durante o ponto de apeamento1 pelo alto grau de mobilidade do cavalo a permanncia eventual;

    1. local determinado dentro do posto, para apeamento e o descanso das patrulhas e das montadas

  • 2.3.3 Diligncia

    a atividade que compreende a busca de pessoas, animais ou coisas; sua captura ou resgate de vtimas, sendo o Policiamento Montado utilizado nesta modalidade mais quando o local onde se daro a busca for demasiadamente acidentado ou inacessvel a outros processos;

    2.3.4 Escolta

    a atividade de custdia a bens ou pessoas em deslocamento. O Policiamento Hipo executar esta modalidade mais no aspecto festivo ou representativo como escoltas de honra, fnebres, piquetes e outros.

    2.4 Quanto circunstncia

    Executar o Policiamento Montado, nas circunstncias ordinria, extraordinria e especial.

    2.4.1 Ordinria

    a atuao rotineira, previsvel e portanto planejvel, executada normalmente atravs do patrulhamento, via de regra, por fraes elementares.

    - em logradouros, zonas comerciais, residncias e indstrias;

    - para estender o policiamento a pontos de difcil acesso a outros processos, como locais de invaso de terra, favelas etc;

    - e principalmente, em apoio tropa a p. 2.4.2 Extraordinrio

    a atividade PM no-rotineira, no-previsvel e logicamente no-planejvel, desenvolvida por fraes elementares ou constitudas de:

    - calamidades pblicas, como elemento de segurana em reas atingidas;

    - invaso de terra para promover o congelamento de rea; - para o isolamento de extensas reas em casos de

    acidentes com produtos qumicos ou radioativos; - rebelies ou fugas coletivas em casas prisionais; - tumultos e distrbios civis em manifestaes ou greves.

  • 2.4.3 Especial

    a atuao no rotineira, mais previsvel e planejvel desenvolvida por fraes elementares ou constitudas em operaes como:

    - policiamento em campos de futebol; - operaes tipo Batida Policial; (Blitz) - exposies agropecurias, rodeios e similares; - policiamento em shows.

    2.5 Quanto ao lugar

    O Policiamento Hipo poder executar misses em reas urbanas e rurais.

    2.6 Quanto ao efetivo

    O Policiamento Hipo atuar atravs de fraes elementares (um PM, uma dupla ou trio PM), ou constitudas (GPM, Pel PM, EPM ou RPMon).

    3 FUNDAMENTOS DO POLICIAMENTO MONTADO

    1) Grande mobilidade A utilizao do cavalo permite, mesmo ao passo, percorrer

    com certa rapidez toda a rea de policiamento. Caso necessrio, pode-se adotar a andadura ao trote e, excepcionalmente, ao galope quando o terreno e as circunstncias permitirem.

    2) Flexibilidade a capacidade de passar, imediatamente, de uma a outra

    maneira de atuar, sem perder suas caractersticas bsicas; pode agir com sucesso tanto em favelas e meio rural, como nos grandes centros urbanos.

    3) Rapidez de ao a caracterstica da tropa hipo que lhe permite pronta ao

    onde haja necessidade de emprego.

  • 4) Atuao em grande raio a capacidade de cobrir grandes espaos economizando

    efetivo pela reduo do emprego de patrulha numa rea considerada. 5) Multiplicidade de formas de emprego a possibilidade de utilizao em vrias formas de

    emprego, desde a ao do homem isolado at o empenho de frao constituda para o desempenho de operaes policiais militares.

    6) Atuao em terrenos inacessveis a outras tropas a capacidade de ao em variados terrenos, praticamente

    independendo de vias de acesso para se deslocar, sendo esta sua maior vantagem de emprego em regies no urbanizadas ou naquelas onde as de acesso so deficientes, dificultando o deslocamento de viaturas ou mesmo do homem a p.

    7) Efeito psicolgico da presena do animal Fator de maior eficcia na ao preventiva do policiamento

    ostensivo montado, o cavalo, com seu porte, infunde ateno e respeito, principalmente s pessoas menos acostumadas ao seu convvio. Esse impacto deve ser conhecido pelo policial e explorado de maneira adequada.

    8) Comandamento o domnio que dispe, sobre o terreno onde atua, em razo

    de estar situado em um plano mais elevado permitindo ao militar maior facilidade de fiscalizao e observao.

    9) Grande ao de presena Capacidade de manifestar na comunidade uma acentuada

    sensao de segurana pelo incremento da ostensividade que lhe propicia o emprego do cavalo.

    10) Facilidade na transposio de obstculos Uma das principais vantagens do Policiamento Montado a

    capacidade atuar em locais inacessveis ou inviveis a outras tropas pela associao de acidentes