Click here to load reader

Apostila Valvulas Industriais Visao Geral

  • View
    20

  • Download
    4

Embed Size (px)

DESCRIPTION

valvulas industriais

Text of Apostila Valvulas Industriais Visao Geral

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    1

    CONTEDO:

    Captulo 4

    Vlvulas Industriais

    Email: [email protected] Fone: 016 3622-5744/3622-9851

    Site: www.jefferson.ind.br

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    2

    VLVULAS

    DEFINIO: DISPOSITIVOS DESTINADOS A ESTABELECER, CONTROLAR E INTERROMPER O FLUXO EM UMA TUBULAO.

    CLASSIFICAO DAS VLVULAS

    1 Vlvulas de Bloqueio Destinam-se apenas a estabelecer ou interromper o fluxo, ou seja s devem

    trabalhar completamente abertas ou completamente fechadas. Vlvulas de gaveta

    Vlvulas de macho

    Vlvulas de esfera

    Vlvulas de comporta

    2 Vlvulas de Regulagem So destinadas especificamente para controlar o fluxo, podendo trabalhar em

    qualquer posio de fechamento parcial. Vlvulas de globo

    Vlvulas de agulha

    Vlvulas de controle Vlvulas de borboleta Podem trabalhar como

    Vlvulas de diafragma vlvulas de bloqueio

    3 Vlvulas que Permitem o Fluxo em um s Sentido

    Vlvulas de reteno

    Vlvulas de reteno e fechamento Vlvulas de p

    4 Vlvulas que Controlam a Presso de Montante

    Vlvulas de segurana e de alvio Vlvulas de contrapresso

    Vlvulas de excesso de vazo

    5 Vlvulas que Controlam a Presso de Jusante

    Vlvulas redutoras e reguladoras de presso

    VLvulas de quebra-vcuo

    POR MOTIVO DE ECONOMIA, COSTUMAM SER DE DIMETRO NOMINAL MENOR

    QUE O DA TUBULAO

    COSTUMAM SER SEMPRE DO MESMO DIMETRO NOMINAL DA TUBULAO

    REPRESENTAM, APROXIMADAMENTE, 1/3 DO VALOR DA TUBULAO

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    3

    CONSTRUO DAS VLVULAS

    CORPO E CASTELO

    Castelo rosqueado diretamente ao corpo Castelo preso ao corpo por uma porca de unio Castelo parafusado

    Mecanismo mvel

    - Haste ascendente no ascendente

    MECANISMO INTERNO

    E GAXETAS - Peas de fechamento)

    Sedes (orifcio das vlvulas)

    EXTREMIDADES

    Flangeadas

    Para solda ( de encaixe e de topo)

    Rosqueadas Bolsas Sem flange (tipo wafer)

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    4

    MEIOS DE OPERAO DAS VALVULAS

    OPERAO MANUAL

    Por meio de volante

    Por meio de alavanca Por meio de engrenagens, parafusos sem-fim etc.

    Pneumtica

    OPERAO MOTORIZADA Hidrulica (Fora motriz externa) Eltrica

    OPERAO AUTOMTICA Pelo prprio fuido

    (Dispensa ao externa) Por meio de molas e contrapessos

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    5

    VLVULAS DE GAVETA

    UTILIZADA EM QUALQUER DIMETRO, EM TUBULAES DE GUA, LEO E LQUIDOS EM GERAL, DESDE QUE NO SEJAM MUITO CORROSIVOS NEM DEIXEM MUITOS SEDIMENTOS.

    VALORES MDIOS DOS COMPRIMENTOS EQUIVALENTE DE TUBOS PARA PERDA DE CARGA:

    Vlvula totalmente aberta 12 dimetros do tubo Vlvula aberta 35 dimetros do tubo Vlvula aberta 170 dimetros do tubo Vlvula aberta 900 dimetros do tubo

    O FECHAMENTO LENTO EVITA GOLPES DE ARIETE, CONSEQUENTES DA PARALIZAO REPENTINA DO FLUXO

    SEGURANA CONTRA INCENDIO

    DIFICILMENTE

    DO FECHAMENTO ESTANQUE E COMO TEM

    O FECHAMENTO DE METAL CONTRA METAL, SO CONSIDERADAS DE

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    6

    VARIANTES DA VLVULA DE GAVETA

    1 Vlvulas de comporta ou de guilhotina

    NO DO FECHAMENTO ESTANQUE

    SO USADAS EM:

    EM GRANDES DIMETROS Ar, Gases e gua em baixa presso

    Para produtos espessos

    EM QUALQUER DIMETRO ou de alta viscosidade e para fluidos abrasivos

    AS VLVULAS DE GAVETA DE TAMANHO GRANDE PARA ALTA PRESSO COSTUMAM

    TER, INTEGRAL NA VLVULA, UMA PEQUENA

    TUBULAO CONTORNANDO A VLVULA (by-pass)

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    7

    2 Vlvulas de fecho rpido USADAS APENAS EM PEQUENOS DIMETROS EM SERVIOS QUE EXIJA O

    FECHAMENTO RPIDO (enchimento de carros, vasilhames etc.)

    3 Vlvulas de passagem plena

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    8

    VLVULAS DE MACHO

    Servios de bloqueio de gases (em quaisquer dimetros, temperaturas e presses

    APLICAES: No bloqueio rpido de gua, vapor e lquidos em geral (em pequenos dimetros e baixa presso)

    Em servios com lquidos que deixem sedimentos

    ou que tenham slidos em suspenso

    VLVULAS DE 3 OU 4 VIAS (O macho furado em T, em L ou em cruz)

    UTILIZADAS SOMENTE EM PEQUENOS DIMETROS, AT 4

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    9

    VARIANTE DA VLVULA DE MACHO

    Vlvula de Esfera

    MUITO EMPREGADA COMO SUBSTITUTA DA VLVULA DE GAVETA, DEVIDO AS SEGUINTES VANTAGENS:

    Menor tamanho e peso

    Melhor vedao

    Maior facilidade de operao

    Menor perda de carga PODEM TRABALHAR COM FLUIDOS QUE TENDEM A DEIXAR DEPOSITOS SLIDOS, POR ARRASTE, POLIMERIZAO, COAGULAO ETC..

    A ESFERA PODE TER O FURO EM V QUE PERMITE O EMPREGO TANTO PARA BLOQUEIO COMO PARA REGULAGEM

    PODEM SER DE PASSAGEM PLENA OU DE PASSAGEM REDUZIDA

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    10

    VLVULAS DE GLOBO

    UTILIZAO

    Servio de regulagem em linhas de gua, leo e lquidos em geral, bem como para vapor, ar e outros gases.

    Para bloqueio em linhas de vapor, para de at 8 Para fechamento estanque em linhas de gases

    VARIANTES DAS VLVULAS DE GLOBO

    1 Vlvulas angulares

    S DEVEM SER USADAS EM UMA EXTREMIDADE LIVRE DA LINHA,

    PRINCIPALMENTE TRATANDO-SE DE LINHAS QUENTES.

    PARA VAPOR E OUTROS SERVIOS COM TEMPERATURA ELEVADA, SE HOUVER NECESSIDADE DE FECHAMENTO ESTANQUE, DEVE SER

    MONTADA COM O SENTIDO DE FLUXO INVERTIDO

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    11

    2 Vlvulas em Y (Passagem reta) RECOMENDADAS PARA BLOQUEIO E REGULAGEM DE VAPOR E TAMBM

    PARA SERVIOS CORROSIVOS E EROSIVOS

    Vlvulas de Agulha

    USADAS PARA REGULAGEM FINA DE LQUIDOS E GASES EM DE AT 2

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    12

    VLVULAS DE RETENO

    SO DE OPERAO AUTOMTICA E PERMITEM A PASSAGEM DO FLUIDO

    EM SOMENTE UM SENTIDO.

    CASOS TPICOS

    DE EMPREGO

    Linhas de recalque de bombas, imediatamente aps a bomba, quando houver mais de uma bomba em paralelo descarregando para o mesmo tronco.

    Linha de recalque de uma bomba para um reservatrio elevado.

    Extremidade livre da linha de suco de uma bomba no afogada

    TIPOS MAIS COMUNS

    1 Vlvula de reteno de portinhola

    Tipo mais usual para dimetros de 2 ou maiores.

    Existem modelos diferentes para instalao horizontal e vertical.

    So empregadas para servios com lquidos

    No devem ser usadas em tubulaes sujeita a freqentes inverses do sentido de fluxo.

    PORTINHOLA DUPLA BI-PARTIDA

    O modelo mais usual do tipo wafer utilizados em dimetros grandes.

    A portinhola bi-partida e atuada por

    mola, no sendo assim necessrio a ao da gravidade

    DEVEM SER INSTALADAS DE TAL MODO QUE A AO DA GRAVIDADE AJUDE O FECHAMENTO DA VLVULA

    PROVOCAM UMA ALTA PERDA DE CARGA, S DEVEM SER USADAS QUANDO FOREM DE FATO IMPRESSINDVEIS

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    13

    VLVULA DE DIAFRAGMA

    A pea de fechamento uma

    lingeta flexvel de um material no metlico (borracha, plstico etc.).

    So empregadas em pequenos

    dimetros (at 6), para servios corrosivos, onde freqentemente o

    corpo da vlvula tem revestimento interno.

    2 Vlvulas de reteno de pisto

    SO ADEQUADAS PARA TRABALHO COM GASES E VAPORES

    PODEM SER EMPREGADAS EM TUBULAES COM FLUXO PULSANTE OU

    SUJEITAS A VIBRAES

    HORIZONTAL

    VERTICAL

    NO DEVEM SER USADAS PARA FUIDOS QUE DEIXEM SEDIMENTOS OU

    DEPSITOS SLIDOS

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    14

    3 Vlvula de reteno de esfera

    VARIANTES DA VLVULAS DE RETENO

    1 Vlvula de P

    2 Vlvula de reteno e fechamento

    EMPREGADAS NAS LINHAS DE SADA DE CALDEIRAS

    UTILIZADAS PARA MANTER ESCORVA EM LINHAS DE SUCO DE BOMBAS.

    SO UTILIZADAS PARA FLUIDOS DE ALTA VISCOSIDADE, EM DIMETROS DE AT 2.

  • VALVULAS INDUSTRIAS JEFFERSON ENGENHARIA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS

    www.jefferson.ind.br

    15

    VLVULAS DE SEGURANA E DE ALVIO

    CONTROLAM A PRESSO A MONTANTE ABRINDO-SE AUTOMATICAMENTE,

    QUANDO ESSA PRESSO ULTRAPASSAR UM DETERMINADO VALOR PARA O QUAL A VLVULA FOI CALIBRADA (Presso de abertura da vlvula).

    VLVULAS COM MOLA

    SO