aula de Muscula§£o

  • View
    221

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of aula de Muscula§£o

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    1/53

    MUSCULAOMUSCULAO

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    2/53

    HISTRICOHISTRICO

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    3/53

    Historicamente a musculao apresentaHistoricamente a musculao apresenta--se como uma dasse como uma das

    prticas fsicas mais antigas do mundoprticas fsicas mais antigas do mundo

    Na prNa pr--histria, para defender seu territrio e subsistncia, ohistria, para defender seu territrio e subsistncia, ohomem utilizavahomem utilizava--se da fora. Em combates, precisava ser fortese da fora. Em combates, precisava ser forte

    para usar armaduras, escudos e equipamentos de guerra.para usar armaduras, escudos e equipamentos de guerra.Mesmo que no era inteligente, o indivduo forte era lder.Mesmo que no era inteligente, o indivduo forte era lder.

    4500 anos a. C.4500 anos a. C. paredes de capelas funerrias do Egitoparedes de capelas funerrias do Egitorelatam que naquela poca homens levantavam pesos comorelatam que naquela poca homens levantavam pesos comoforma de exerccios.forma de exerccios.

    1896 anos a. C.1896 anos a. C. h relatos de jogos de arremesso de pedras.h relatos de jogos de arremesso de pedras.

    500 a 580 anos a. C.500 a 580 anos a. C. na Itlia, Milos de Crotona, atletana Itlia, Milos de Crotona, atletaolmpico e discpulo de Pitgoras, corria com um bezerro nasolmpico e discpulo de Pitgoras, corria com um bezerro nascostas para fortalecer os MMII. Quanto mais o bezerro crescia,costas para fortalecer os MMII. Quanto mais o bezerro crescia,mais sua fora aumentava. Isso originou a evoluomais sua fora aumentava. Isso originou a evoluo

    progressiva da carga.progressiva da carga.

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    4/53

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    5/53

    At a alguns anos atrs a musculao era restrita aAt a alguns anos atrs a musculao era restrita a

    fisiculturistas e levantadores de peso. A imagem era de quefisiculturistas e levantadores de peso. A imagem era de queservia apenas para exibir a musculatura. Era reduzida aservia apenas para exibir a musculatura. Era reduzida a

    participao de mulheres.participao de mulheres.

    Com o passar dos tempos foramCom o passar dos tempos foram--se descobrindo inmerosse descobrindo inmeros

    benefcios que ela proporciona. Hoje em todos os clubes ebenefcios que ela proporciona. Hoje em todos os clubes eequipes desportivas h salas de musculao. Existem clnicasequipes desportivas h salas de musculao. Existem clnicasde fisioterapia que possuem todos os equipamentos dede fisioterapia que possuem todos os equipamentos demusculao.musculao.

    cada vez mais crescente o nmero de academias, onde cada vez mais crescente o nmero de academias, ondese verifica maior participao de mulheres, adolescentes ese verifica maior participao de mulheres, adolescentes eidosos, com os mais diversos objetivos.idosos, com os mais diversos objetivos.

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    6/53

    Objetivos da MusculaoObjetivos da Musculao

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    7/53

    A Musculao tem deixado de ser vistaA Musculao tem deixado de ser vista

    apenas como sinnimo de treinamento deapenas como sinnimo de treinamento defora.fora.

    Assim dentro de um conceito de aptidoAssim dentro de um conceito de aptido

    fsica, devemos buscar na musculao ofsica, devemos buscar na musculao odesenvolvimento de trs qualidades fsicasdesenvolvimento de trs qualidades fsicasbsicas: a fora ou resistncia muscular, absicas: a fora ou resistncia muscular, aflexibilidade e a resistncia aerbica, trazendoflexibilidade e a resistncia aerbica, trazendoos seguintes benefcios:os seguintes benefcios:

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    8/53

    Sensao de tranqilidade e bemSensao de tranqilidade e bem--estar;estar;

    Melhorias da autoMelhorias da auto--imagem, do autoimagem, do auto--conceito e da autoconceito e da auto--estima;estima;

    Melhorias na socializao e nos relacionamentosMelhorias na socializao e nos relacionamentos

    interpessoais;interpessoais;

    Melhoria da qualidade do sono;Melhoria da qualidade do sono;

    Melhoria em quadros de depresso e angstia;Melhoria em quadros de depresso e angstia;

    Melhoria dos aspectos cognitivos (ateno, concentrao,Melhoria dos aspectos cognitivos (ateno, concentrao,memria e aprendizagem);memria e aprendizagem);

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    9/53

    Aumento do gasto calrico total dirio, reduzindo eAumento do gasto calrico total dirio, reduzindo econtrolando a quantidade de gordura corporal (desde quecontrolando a quantidade de gordura corporal (desde queacompanhada de uma dieta adequada);acompanhada de uma dieta adequada);

    Melhoria da capacidade de resposta muscular em situaesMelhoria da capacidade de resposta muscular em situaesde perigo devido ao melhor condicionamento fsico;de perigo devido ao melhor condicionamento fsico;

    Aumento de massa magra e enrijecimento muscular;Aumento de massa magra e enrijecimento muscular;

    Aumento da Fora Muscular;Aumento da Fora Muscular;

    Melhoria da Flexibilidade;Melhoria da Flexibilidade;

    Diminuio do nvel de ansiedade, refletindo em alguns dosDiminuio do nvel de ansiedade, refletindo em alguns dos

    problemas de obesidade.problemas de obesidade.

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    10/53

    Melhoria da Capacidade Aerbica;Melhoria da Capacidade Aerbica;

    Aumento da resistncia do sistema imunolgico,Aumento da resistncia do sistema imunolgico,diminuindo o risco de infeces oportunistas;diminuindo o risco de infeces oportunistas;

    Diminuio do risco de problemas cardacos;Diminuio do risco de problemas cardacos;

    Diminuio do risco de hipertenso;Diminuio do risco de hipertenso;

    Diminuio do risco de problemas de colesterol e diabete.Diminuio do risco de problemas de colesterol e diabete.

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    11/53

    FINALIDADES DAFINALIDADES DA

    MUSCULAOMUSCULAO Auto estima:Auto estima: A prtica regular de exerccios aumenta aA prtica regular de exerccios aumenta a

    confiana do indivduo.confiana do indivduo.

    Capacidade Mental:Capacidade Mental: Pessoas ativas apresentam reflexosPessoas ativas apresentam reflexosmais rpidos, maior nvel de concentrao e memria maismais rpidos, maior nvel de concentrao e memria maisapurada.apurada.

    Colesterol:Colesterol: Exerccios vigorosos e regulares aumentam osExerccios vigorosos e regulares aumentam osnveis de HDL (lipoprotena de alta densidade, o bomnveis de HDL (lipoprotena de alta densidade, o bomcolesterol) no sangue, fator associado reduo dos riscoscolesterol) no sangue, fator associado reduo dos riscosde doenas cardacas e reduz nveis de LDL (maude doenas cardacas e reduz nveis de LDL (maucolesterol ).colesterol ).

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    12/53

    Depresso:Depresso: Pessoas com depresso branda ou moderada,Pessoas com depresso branda ou moderada,que praticam exerccios de 15 a 30 minutos em diaque praticam exerccios de 15 a 30 minutos em diaalternados, experimentam uma variao positiva do humoralternados, experimentam uma variao positiva do humor

    j aps a terceira semana de atividade.j aps a terceira semana de atividade.

    Doenas CrnicasDoenas Crnicas:: Os sedentrios so duas vezes maisOs sedentrios so duas vezes maispropensos a desenvolver doenas cardacas epropensos a desenvolver doenas cardacas erespiratrias.respiratrias. A atividade fsica regula a taxa de acar noA atividade fsica regula a taxa de acar no

    sangue, reduzindo o risco de diabetes.sangue, reduzindo o risco de diabetes.

    Envelhecimento:Envelhecimento: Ao fortalecer os msculos e oAo fortalecer os msculos e ocorao, e ao amenizar o declnio das habilidadescorao, e ao amenizar o declnio das habilidadesfsicas, os exerccios podem ajudar a manter afsicas, os exerccios podem ajudar a manter a

    independncia fsica e a habilidade para o trabalho,independncia fsica e a habilidade para o trabalho,retardando o processo de envelhecimento eretardando o processo de envelhecimento edependncia.dependncia.

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    13/53

    OssosOssos:: Exerccios regulares com sobrecargas adequadasExerccios regulares com sobrecargas adequadasso acessrios fundamentais na construo e manutenoso acessrios fundamentais na construo e manutenoda massa ssea. O treinamento com pesos, leva a umada massa ssea. O treinamento com pesos, leva a umamineralizao na matriz ssea.mineralizao na matriz ssea.

    Sono:Sono: Quem se exercita temQuem se exercita tem sono com mais facilidade,sono com mais facilidade,

    dorme profundamente e acorda restabelecido.dorme profundamente e acorda restabelecido.

    Stress e Ansiedade:Stress e Ansiedade: A atividade fsica libera osA atividade fsica libera oshormnios acumulados durante os momentos de stress.hormnios acumulados durante os momentos de stress.

    Tambm funciona como uma espcie de tranqilizanteTambm funciona como uma espcie de tranqilizantenaturalnatural depois do exerccio a pessoa experimenta umadepois do exerccio a pessoa experimenta umasensao de serenidade.sensao de serenidade.

  • 8/6/2019 aula de Musculao

    14/53

    Sade cardiovascular:Sade cardiovascular: OOtrabalho de musculaotrabalho de musculaoativa o sistema cardiovascular na tentativa de aumentar aativa o sistema cardiovascular na tentativa de aumentar a

    oxigenao dos msculos durante os exerccios. Com esseoxigenao dos msculos durante os exerccios. Com esseestmulo, o corao e os vasos sanguneos desenvolvem aestmulo, o corao e os vasos sanguneos desenvolvem acapacidade de manter a contratilidade do miocrdio.capacidade de manter a contratilidade do miocrdio.

    Varizes:Varizes: AMusculao produz dilatao das veiasAMusculao produz dilatao das veiasperifri