Click here to load reader

Biofisica Da Visao

  • View
    135

  • Download
    19

Embed Size (px)

Text of Biofisica Da Visao

Biofsica da VisoProf. Adriana Paula Braz de Souza

Viso O sentido da viso muito elaborado, pois, mais do que ver, o homem capaz de observar. Ns no somos simplesmente passivos s impresses que nos estimulam, mas ns as observamos. Helmholtz

O Olho Humano O olho o receptor sensorial que apresenta maior complexidade estrutural. Os primatas possuem olhos simples que, situados na cabea, podem ser movimentados e tambm ajustados s condies ambientais, a fim de possibilitar uma viso ntida.

Funes do olho humano Manter a forma e movimentar o globo ocular; Conduzir a luz at os fotossensores; Focalizar a imagem dos objetos sobre os fotorreceptores; Nutrir, lubrificar e proteger o olho; Reduzir o ofuscamento; Adaptar o olho a diferentes condies de luminosidade; Conduzir as informaes visuais para o sistema nervoso central; Processar as informaes visuais.

O globo ocular humano constitudo por diversos meios transparentes (crnea, humor aquoso, cristalino, humor vtreo), separados entre si por superfcies que so aproximadamente esfricas. Exteriormente esta rodeado quase completamente por uma membrana opaca branca chamada esclertica, a exceo da zona frontal - a crnea - que transparente e mais acentuadamente convexa. A ris um diafragma, cuja abertura a pupila, pela qual a luz penetra no olho. O cristalino uma lente biconvexa elstica (pode variar de forma, constituindo uma lente de potncia varivel)

O Olho como sistema ptico O olho humano pode ser analisado atravs de um modelo simples, que equivale opticamente aos efeitos produzidos pela crnea, pelo cristalino e pelos humores aquoso e vtreo. Tal sistema designado por olho reduzido, sendo constitudo basicamente por uma lente que representa os diversos meios pticos que formam o olho um alvo que representa a retina. O funcionamento do olho humano muito semelhante ao funcionamento de uma cmara fotogrfica. De um objeto real situado diante da lente L (objetiva), o sistema ptico conjuga uma imagem real sobre um alvo sensvel a luz (retina).

A Luz Na antiguidade, alguns filsofos acreditavam que a luz era composta de minsculas partculas que se alinhavam em linha reta e que possuam uma velocidade muito grande. A primeira pessoa a contrariar essa idia foi Leonardo da Vinci, em meados do ano 1500 d.C. Leonardo da Vinci comparou o fenmeno do eco, que de caracterstica ondulatria, com fenmenos da reflexo da luz. Devido a grande semelhana entre esses fenmenos, ele levantou a hiptese de que a luz seria uma onda e no um conjunto da partculas.

Dualidade: Onda x PartculaEntre os sistemas que desempenham funes sensoriais, a viso apresenta aspectos biofsicos peculiares. O globo ocular e seus acessrios tratam a luz em seus dois aspectos fundamentais, que so: A luz como onda - H um meio refratos que forma imagem de objetos iluminados, ou luminosos. A luz como partcula (fton) - Uma pelcula fotossensvel transforma a energia eletromagntica do pulso luminoso em pulso eltrico. Os pulsos eltricos so levados ao

A cor A luz composta por comprimentos de onda visvel que varia para os humanos na faixa dos 400 aos 750nm. A luz composta pelo somatrio destes comprimentos de onda nos do a sensao visual do branco. Um objeto ser percebido como branco se todos os raios do espectro baterem nele e forem refletidos. Caso contrrio, isto , se objeto absorver todos os comprimentos de onda no havendo reflexo de qualquer comprimento de onda na faixa do visvel, o objeto ser percebido como

Problemas de visoAnlise Biofsica

PresbiopiaA presbiopia, condio conhecida como vista cansada, se caracteriza pela dificuldade de viso de perto, que geralmente ocorre aps os 40 anos. Por que acontece? Acontece porque a acomodao, que a capacidade de focalizar objetos prximos, diminui progressivamente ao longo da vida, devido perda da elasticidade do cristalino, uma lente natural dentro dos olhos, e diminuio da capacidade de contrao do msculo ciliar. Os principais sintomas de presbiopia so: Dificuldade progressiva para ler, usar computador, costurar e realizar atividades prximas em geral, Necessidade de afastar objetos, para conseguir enxergar, Cansao visual e/ou dor de cabea aps esforo visual de perto, A presbiopia pode se manifestar em pessoas que j tinham miopia, astigmatismo ou hipermetropia e at em pessoas que nunca precisaram usar culos

Bibliografia DURAN, J. E. R. Biofsica: Fundamentos e Aplicaes. So Paulo: Prentice Hall Brasil, 2005. HEINENE, I. F. Biofsica Bsica. So Paulo: Atheneu Editora, 2002. GARCIA, E. A. C. Biofsica. So Paulo: Sarvier, 2002.