C CERTO - s3. ?· América do Norte, a Europa e o Japão. 10 A aç ão part ilhada ent re o pod er públ…

Embed Size (px)

Text of C CERTO - s3. ?· América do Norte, a Europa e o Japão. 10 A aç ão part ilhada ent re o pod er...

  • UnB / CESPE ANS / MS permitida a reproduo apenas para fins didticos, desde que citada a fonte.

    Cargo 20: Tcnico Administrativo 1

    De acordo com o comando a que cada um dos itens de 1 a 120 se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campodesignado com o cdigo C , caso julgue o item CERTO ; ou o campo designado com o cdigo E, caso julgue o item ERRADO .A ausncia de marcao ou a marcao de ambos os campos no sero apenadas, ou seja, no recebero pontuao negativa. Para asdevidas marcaes, use a folha de rascunho e, posteriormente, a folha de respostas, que o nico documento vlido para a correodas suas provas. Nos itens que avaliam Noes de Informtica, a menos que seja explicitamente informado o contrrio, considere que todos osprogramas mencionados esto em configurao-padro, em portugus, que o mouse est configurado para pessoas destras e queexpresses como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o boto esquerdo do mouse. Considere tambm queno h restries de proteo, de funcionamento e de uso em relao aos programas, arquivos, diretrios e equipamentos mencionados.

    CONHECIMENTOS BSICOS

    A figura acima ilustra uma janela do Word 2000 que contm parte

    de um texto de Paloma Oliveto, extrado e adaptado do Correio

    Braziliense, de 18/1/2005. Considerando essa figura e o texto nela

    contido, julgue os itens a seguir.

    1 A expresso est conseguindo reduzir (R.1), ao conferir ao

    texto a idia de que o pas est se esforando, mais enftica

    do que est reduzindo.

    2 Na linha 5, o deslocamento do trecho de 1996 a 2003 para o

    fim do perodo exige que se mantenha a vrgula imediatamente

    aps que.

    3 Feitas as necessrias adaptaes, a eliminao da expresso

    Nesse perodo (R.7) mantm a correo gramatical, a coeso

    textual e a informao original do texto.

    4 O emprego da palavra desvantagem (R.10) conduz

    interpretao de que, no Norte e no Nordeste, h menor nmero

    de bitos de crianas com menos de 1 ano de idade.

    5 Se a palavra incidncia (R.12) for substituda pela palavra

    ocorrncia, prejudica-se a informao original do perodo e a

    coerncia textual.

    6 A expresso muito abaixo da mdia nacional (R.13-14)indica que o Distrito Federal (DF) est em situao

    desfavorvel em relao ao restante do pas, no que se

    refere mortalidade infantil.

    7 A reduo dos ndices de mortalidade infantil,

    mencionada no texto, se faz acompanhar por outra

    importante conquista social do Brasil contemporneo, a

    universalizao do acesso educao infantil.

    8 De forma geral, os pases economicamente mais

    desenvolvidos so tambm aqueles que resolveram

    questes sociais bsicas, como as do atendimento sade,

    a do saneamento e a da educao.

    9 Pelos critrios hoje aceitos universalmente, sintetizados

    no ndice de Desenvolvimento Humano (IDH), o Brasil j

    ultrapassou o estgio de pas em desenvolvimento,

    situando-se no patamar superior em que se encontram a

    Amrica do Norte, a Europa e o Japo.

    10 A ao partilhada entre o poder pblico e a sociedade vem

    obtendo resultados positivos no campo social, sendo a

    reduo da mortalidade infantil bom exemplo desse

    trabalho.

    11 A Pastoral da Criana, liderada pela Dr. Zilda Arns, a

    reconhecida como experincia de sucesso no combate

    desnutrio infantil, uma das condies essenciais para

    salvar vidas de crianas em situao de risco.

    12 O texto informa que os ndices mais elevados de

    mortalidade infantil concentram-se, curiosamente, nas

    regies onde se localizam os principais ncleos

    econmicos e financeiros do pas.

    13 A reduo da mortalidade infantil no Brasil tambm est

    ligada acentuada diminuio do nmero de jovens

    grvidas, como atestam as pesquisas feitas no ltimos

    anos.

    14 Considere a realizao do seguinte procedimento:

    pressionar e manter pressionada a tecla ; clicar sobrequalquer palavra do trecho Nesse perodo (...) para 24,4

    (R.7-9); liberar a tecla ; clicar . Nessa situao,apenas o referido trecho ser selecionado e enviado para

    ser impresso na impressora que estiver conectada ao

    computador.

    15 Considere a realizao do seguinte procedimento: clicar

    com o boto direito do mouse sobre a palavra

    Federao (R.12); na lista de opes decorrente dessaao, clicar Fonte; na janela disponibilizada, marcar o

    campo Tachado e, a seguir, clicar OK. Aps esse

    procedimento, a referida palavra ficar alterada para a

    forma Federao.

  • UnB / CESPE ANS / MS permitida a reproduo apenas para fins didticos, desde que citada a fonte.

    Cargo 20: Tcnico Administrativo 1

    16 Considere que, para a elaborao do texto mostrado, no

    tenham sido utilizadas as ferramentas Copiar e Colar do

    Word. Nesse caso, correto afirmar que foi necessrio o uso

    de opo encontrada no menu , para incluir o smbolo

    representado na linha 14 .

    17 Por meio da opo Propriedades, encontrada no menu

    , possvel saber o nmero de linhas e a quantidade

    de palavras existentes no documento em edio.

    18 Sabendo que o documento em edio est configurado para

    papel com tamanho A4, caso se deseje imprimir o

    documento em papel com tamanho Carta, necessrio

    alterar a referida configurao. A opo que permite fazer

    essa alterao encontrada no menu .

    1 A maior incidncia de mortalidade infantil est na

    faixa de bebs com at seis dias de vida. De 1996 a 2003, a

    reduo das taxas foi pequena, passando de 15,59 para 12,16

    4 em cada mil nascidos. Atualmente, as causas perinatais

    (decorrentes de gravidez, parto e nascimento) respondem por

    55% dos motivos dos bitos. Nos anos 80, os principais

    7 problemas eram as doenas infectocontagiosas, que ainda

    persistem no Norte e no Nordeste. Os dados sobre bitos

    precoces indicam pouca ateno dispensada ao pr-natal, ao

    10 parto e aos cuidados com o recm-nascido. So mortes que,

    em sua maioria, poderiam ser evitadas.

    Idem, ibidem.

    Com referncia ao texto acima, julgue os itens que se seguem.

    19 Estaria gramaticalmente correta e de acordo com as

    informaes do texto a insero do trecho de mortalidade

    infantil nessa faixa aps a palavra taxas (R.3).

    20 Na linha 5, o trecho entre parnteses, por ser uma

    explicao, poderia vir entre vrgulas antecedido pela

    expresso ou seja, tambm entre vrgulas, sem prejuzo para

    a correo gramatical do perodo.

    21 Se a palavra respondem (R.5) for substituda por so

    responsveis, a informao do texto sofre alterao

    significativa, com prejuzo da sua coerncia.

    22 Na linha 7, a substituio de que por cujas obedece s

    exigncias da norma escrita culta da lngua portuguesa.

    23 Em ao pr-natal, ao parto e aos cuidados (R.9-10), a

    presena de preposio deve-se regncia da palavra

    indicam (R.9).

    24 Caso a expresso verbal poderiam ser (R.11) fosse

    substituda por poderiam ter sido, o texto permaneceria

    gramaticalmente correto.

    25 Mortes que poderiam ser evitadas, como diz o texto, em

    geral decorrem de deficincias sanitrias, como falhas

    quando no ausncia mesmo dos servios de esgotamento

    sanitrio, gua tratada e coleta regular de lixo.

    1 Levantamento do Ministrio da Sade revela o

    mapa da contaminao ambiental no Brasil e conclui que a

    populao est adoecendo por causa da poluio do solo e da

    4 gua. O estudo informa que h 1,3 milho de pessoas

    expostas diretamente ao perigo. So moradores prximos s

    15 mil reas identificadas no relatrio da Secretaria

    7 de Vigilncia em Sade. Nesse diagnstico nacional, o

    estado de So Paulo aparece como a regio mais crtica.

    Tem 157 reas de contaminao, que colocam em risco

    10 470 mil pessoas.

    Samanta Sallum. In: Correio Braziliense, 12/1/2005 (com adaptaes).

    Em relao ao texto acima, julgue os prximos itens.

    26 O perodo estaria gramaticalmente correto se as formas

    verbais revela (R.1), conclui (R.2) e informa (R.4)

    estivessem no pretrito perfeito.

    27 linha 4, estaria igualmente correto o uso de

    h 1,3 milhes.

    28 O sinal indicativo de crase em s 15 mil reas (R.5-6)

    decorre de dois fatores: no contexto, a regncia da palavra

    prximo exige preposio a, e a expresso 15 mil

    reas admite artigo definido no plural.

    1 H cinco tipos de contaminao do solo

    identificados pelo Ministrio da Sade que podem causar

    danos sade pblica. Os lixes, por exemplo, contaminam

    4 o solo com um lquido altamente txico, chamado chorume,

    que polui tambm a gua do lenol fretico. As atividades

    petroqumicas, de extrao mineral e siderrgicas, as fbricas

    7 e os galpes de produtos para pulverizao da agricultura

    tambm esto listados como causadores de contaminao.

    Outro fato que preocupa o Ministrio da Sade a

    10 contaminao do solo por vazamento de combustvel

    de postos de gasolina. Em So Paulo, a Companhia

    de Tecnologia de Saneamento Ambiental estima que haja

    13 problemas de vazamento em um tero dos 7,5 mil postos.

    Idem, ibidem (com adaptaes).

    Em relao ao texto acima e considerando o tema por ele

    abordado, julgue os itens subseqentes.

    29 Na atualidade, estudos tcnicos demonstram que os

    chamados lixes no podem ser desativados em face de seu

    elevado poder de gerao de renda.

    30 A insero de vrgula logo aps a expresso Ministrio da

    Sade (R.2) transformaria a orao subseqente em

    explicativa e alteraria o sentido da informao do perodo.

    31 No texto, h mais de dez palavras que recebem acento

    grfico com base na mesma regra de acentuao: todas as

    proparoxtonas so acentuadas.

    3