of 23 /23
REQUALIFICAÇÃO DO ESPAÇO PÚBLICO EM FUNDO DE VALE PARQUE URBANO Atelier de Projeto IV Pré - TGI ARQUITETURA E URBANISMO Professores Orientadores: Elisângela de Almeida Chiquito Fábio Boretti Netto de Araújo Julyana Antunes dez. / 2009

Caderno Pré - TGI

  • Upload
    julyana

  • View
    1.764

  • Download
    8

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Leitura e Diagnóstico

Citation preview

Page 1: Caderno Pré - TGI

REQUALIFICAÇÃO DO ESPAÇO PÚBLICO EMFUNDO DE VALE

PARQUE URBANO

Atelier de Projeto IV Pré - TGI

ARQUITETURA E URBANISMO

Professores Orientadores: Elisângela de Almeida ChiquitoFábio Boretti Netto de Araújo

Julyana Antunes

dez. / 2009

Page 2: Caderno Pré - TGI

REQUALIFICAÇÃO DO ESPAÇO PÚBLICO EM FUNDO DE VALE

Page 3: Caderno Pré - TGI

USO DO SOLO

O entorno da área escolhida possui emsua maior parte a pre-sença de áreas verdes,o que contribui para a melhoria do microclimada região, fazendo com que o percurso fique maisagradável aos usuários.

Page 4: Caderno Pré - TGI

RELAÇÃO DOS BAIRROS

Por se tratar de uma área de in-

teresse público, e de acordo com

o Plano Diretor de São Carlos, a

zona 1 - Zona de Ocupação Indu-

zida, região do Córrego do Mon-

jolinho, tem como objetivo melho-

rias sociais e valorização ambien-

tal com a participação dos proprie-

tários, moradores, usuários, inves-

tidores públicos e privados, con-

forme as Operações Urbanas Con-

sorciadas, Art. 191.

Page 5: Caderno Pré - TGI

Início do percurso

Quadras poliesportivasPiscinaVestiárioSanitários

PassarelasEsculturas

Teatro de arenaOficinas

Estacionamento

O PROGRAMA

Educação AmbientalParque

Início do percurso

Os novos equipamentos públicos determinam as conexões estabelecidasentre as margens, possi-bilitando novos estudos para o sistema viário, pa-ra o acesso de pedestres e ciclistas.

Estacionamento

Page 6: Caderno Pré - TGI

O SISTEMA VIÁRIO

MIGUEL PETRONI

O local escolhido teve como partido a circulação sobreposta entre pedes-tres e ciclistas, com as vias de fluxo rápido de veículos - as marginais.

Apesar do sistema viário desta áreaser hierarquizada em função dos veí-culos, as marginais são utilizadas porciclistas (junto com os veículos) e os passeios públicos por pedestres, que acessam lugares ou que realizam ca-minhadas como atividade esportiva.

aSanta

Cas

SAAE

USP

N SESC

AV. FRANCISCOPEREIRA LOPES

Page 7: Caderno Pré - TGI

Ca

Santa

as

SAAE

USP

N SESC

VIA ATUAL

TRECHO DE VIAA DESATIVAR

VIA PROPOSTA

EQUIPAMENTOS PÚBLICOSMOBILIÁRIOS URBANOSTRILHAS

ESTACIONAMENTO

SÃO CARLOSCLUBE

CENTRO

(uso privativo)

SETORESPORTIVO

(uso público)

ESTUDOS

Eixos visuais

Passarelas

TravessiasSeguras

Page 8: Caderno Pré - TGI

USPHabitaçãoMultifamiliar

área não utilizada

centro

LEITURA DO LUGAR

área não utilizada

pedestre próximo à via, sem qualquer conforto ambiental

córrego funciona co-mo captação de águaspluviais, sem um trata-mento adequado ao meio ambiente

Por ficar localizadopróximo à USP, o lo-cal atrai grande flu-xo de pessoas

1

2

3

Page 9: Caderno Pré - TGI

1

O ponto de partida do projeto é caracterizado não somente pelo encontro de vias, divisor de áreas, mas também por ser um ponto de encontro entredois córregos - Tijuco Preto e Monjolinho . A propos-ta surge a partir do fluxo de pedestres e ciclistas que dividem o estreito passeio públ ico.

*

O início do percurso será marcado com passarelasde concreto, esculturas, bancos, e vegetação - paramelhoria do microclima e também servir de barreira natural para a poluição do ar e sonora.

* o projeto tem como diretriz a recuperação e revitalização de todos os afluentes do Monjolinho.

Page 10: Caderno Pré - TGI

2

vegetaçãobarreira naturalmelhoria do microclimatravessia

deck de madeira

A proposta é que os usuários possam permanecer no local, ao invés de só acessá-lo, con-forme a situação atual

ENTRE LUGARES

Page 11: Caderno Pré - TGI

3

No lugar de propagandas, proteger a área com vege-tação

Espaço protegido por vegetação,área de lazer com novos acessose mobiliários urbanos

Page 12: Caderno Pré - TGI

3

área residencialcreche

Área de Recreação

Este local será utilizado para lazer e recreação,com o objetivo de dar suporte à creche e aos mo-radores dos bairros

Serão definidos acessos e percursos diferenciadoscom a utilização de materiais específicos para ca-da ocasião

Page 13: Caderno Pré - TGI

INTERVENÇÃO EM FUNDO DE VALE - Percursos 1, 2 e 3

1

2

3

Page 14: Caderno Pré - TGI

LEITURA DO LUGAR

eixo comercial

área não utilizada

trecho crítico para travessias de pedestres e ciclistas

aplicar instrumentos dedesapropriação para finsde reforma urbana

Esta área não utilizadapossui a topografia aci-dentada, dificultando osacessos e passagens

via de fluxo rápido e intenso

4

5

Page 15: Caderno Pré - TGI

4

entrada A

deck de madeira

redutor de velocidade

a demolir

travessia segura

ParqueUrbano

pista para caminhada

B C

Page 16: Caderno Pré - TGI

5

SETOR ESPORTIVO

A

B

C

Residênciaparticular inva-dindo passeiopúblico

acesso à entrada B

a retirar

área de lazer

Estão previstas para esta

área um novo uso para a

população em geral, onde

poderão contar com qua-

dras poliesportivas, pisci-

na, entre outros.

Page 17: Caderno Pré - TGI

5

barreira naturalde vegetação nativa

entrada C

trilhas passeio existentecom a presençade vegetação, para conforto do usuário

Page 18: Caderno Pré - TGI

INTERVENÇÃO EM FUNDO DE VALE

5

6

Percursos 4, 5 e 6

4

Page 19: Caderno Pré - TGI

6

7

8

a retirarinício estacionamento

travessias que ‘costuram’as duas margens

Page 20: Caderno Pré - TGI

7

trilhas

barreira natural

trilhas

tipos de passeios

ENTRE LUGARES

Percurso marcadoentre áreas verdes,permitindo identida-de visual, além da possibilidade de ex-plorar novos cami- nhos e trilhas.

Page 21: Caderno Pré - TGI

7

8

área com potencial paisagístico

shoppingtravessia para pedestres

equipamentospúblicos

Apesar do percurso de maior distância (7),a proposta é que esta área de passagemforneça diferentes conexões com os equipa-mentos públicos, proporcionando algumas paradas interessantes e interrompendo a monotonia do percurso atualmente utilizado.

Page 22: Caderno Pré - TGI

INTERVENÇÃO EM FUNDO DE VALE - Percursos 7 e 8

8

7

Page 23: Caderno Pré - TGI

REFERÊNCIAS DE LEITURA

PROJETO BEIRA-RIO /2003PIRACICABA – SP

FAVELA DA ROCINHA/ 2003RIO DE JANEIRO - RJ

SESC POMPÉIA/ 1977SÃO PAULO - SP