Carta Mensal - Setembro 2014

  • Published on
    03-Apr-2016

  • View
    214

  • Download
    2

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Carta Mensal do Rotaract e Interact Distrito 1960 de Rotary International em Portugal.

Transcript

  • P. 1

    PRESIDENTE RI

    Gary C.K. Huang GOVERNADOR D1960

    Antnio Mendes

    ROTARACT D1960

    Lus Rodrigues INTERACT D1960

    Catarina Roque

    www.rotaractd1960.pt rotaract1960 Interact.Distrito1960

    N3 Setembro 2014 | AR 2014 2015

  • P. 2

    REPRESENTADORIA ROTARACT D1960 Lus Filipe Martins Rodrigues Av. Pedro lvares Cabral, 9 6000-085 Castelo Branco

    TLM 963 806 589 representadoria@rotaract1960.org

    REPRESENTADORIA INTERACT D1960 Catarina de Ftima Fernandes Roque

    Rua da Cancelinha, 3 - 1 Dto 6000-324 Castelo Branco

    TLM 963 968 467 itc.representadoria@rotaract1960.org

    EDITORES Lus Rodrigues Catarina Roque

    COLABORAO EDITORIAL

    Ana Antunes Ins Faustino

    Ricardo Madeira Filipe Varinio

    NDICE

    Mensagem do Presidente de RI

    Gary Huang

    Mensagem do Governador - D1960

    Antnio Mendes

    Mensagem do Representante Rotaract - D1960

    Lus Rodrigues

    Mensagem da Representante Interact - D1960

    Catarina Roque

    Setembro - Ms da Juventude

    Notas Informativas para o Distrito 1960

    Notcias do Distrito 1960

    Notcias dos Rotaract Clubes D1960

    Notcias dos Interact Clubes D1960

    Agenda dos Representantes

    3

    5

    7

    9

    10

    13

    18

    21

    31

    35

  • P. 3

    U m dos maiores privilgios da presi-dncia do Rotary International ter a oportu-nidade de visitar tantas partes do mundo. Ge-ralmente viajo para participar em eventos ro-trios; fazer apresentaes em Rotary Clubs, Conferncias e Institutos; e incentivar os rot-rio no seu trabalho humanitrio. Mas como presidente, tambm tenho o privilgio de apoiar o trabalho das nossas geraes mais jovens: rotaractistas, interactistas, estudantes do Intercmbio de Jovens e participantes do RYLA.

    Quando vejo o trabalho que os rotrios fa-zem, co sempre impressionado, entusiasma-do e inspirado. Quando vejo o trabalho que as novas geraes fazem, sinto o mesmo, mas, frequentemente, surpreso tambm. No s pela qualidade de seu trabalho, mas pela sua criatividade. Olho para as coisas que fa-zem e no penso apenas "que ptimo traba-lho!", mas sim "que ptima ideia!". Todas as geraes vem o mundo de forma diferente, e todas as pessoas tm diferentes pontos de vista. Frente aos mesmos problemas, encon-tramos as mais variadas solues. por isso que, no Rotary, a nossa diversidade de cul-tura, idioma, conhecimento, sexo e idade a nossa fora.

    No Rotary, tentamos pensar a longo prazo quando se trata do nosso trabalho. Quere-mos servir de maneiras que faro uma dife-rena duradoura, que continuaro a causar impacto positivo depois do trmino da nossa participao. As nossas geraes mais jovens, de acordo com a minha experincia, compar-tilham este sentimento e aplicam o mesmo conceito globalmente, concentrando-se em questes ambientais de maneiras inovadoras. Quando eu me tornei rotrio, as questes ambientais estavam praticamente fora do nosso radar. Para os jovens de hoje, estas preocupaes so centrais. As suas perspec-tivas so vlidas contribuies para o mundo de servios rotrios, e algo que todos deve-mos incentivar e apoiar. Assim como eles aprendem conosco, devemos aprender com eles.

    Os jovens que hoje esto no Rotaract, Inte-ract, Intercmbio de Jovens e RYLA so os ro-trios de amanh. Quando os apoiamos, es-tamos a apoiar o futuro da nossa organizao como um todo e a ajudar a treinar homens e mulheres que sero os nossos futuros lderes de clube, governadores de distrito, directores e presidentes do Rotary International.

    Gary C.K. Huang Presidente, Rotary International

    mensagem Presidente de RI

    GARY C.K. HUANG

  • P. 4

    D ,

  • P. 5

    E stamos no tempo em que o Rotary nos pede que faamos uma reexo

    profunda sobre o nosso Quadro Social e as Novas Geraes, a Juventude de que fazeis parte.

    O Quadro Social como sabeis, o grupo de companheiros que diariamente tentam con-cretizar o sonho de Paul Harris servindo a co-munidade em que esto inseridos. No mundo conturbado dos nossos dias, em que o indivi-dualismo exacerbado leva muita gente a s pensar em si de forma egosta, no tarefa fcil concretizarmos os nossos objectivos ro-trios.

    Precisamos de mais gente que goste de gen-te. preciso levarmos a boa nova a todos os nossos amigos na escola, no trabalho, no des-porto, na famlia. Ns que tivemos o privilgio de um dia entramos em Rotary, no Interact, no Rotaract pela mo de algum, no hesite-mos em imitarmos o gesto e procurarmos que outro algum venha connosco.

    s vezes camos to contentes de termos companheiros com quem partilhamos a ale-gria de servir, que nos esquecemos ou re-ceamos convidar outros a comungar do mes-mo prazer. Faz-me lembrar o poeta Miguel Torga que, recordando os tempos de menino no campo, escrevia eu sei de um ninho, mas no vou dizer a ningum.

    As crianas, no ambiente campestre, gostam muito de ver os ninhos, os passarinhos, os ovitos, os lhotes. E muitas vezes no querem que os outros partilhem do mesmo encanta-mento.

    Amigos no tenhais medo de dividir com os outros a alegria de que usufruis agora. Vs sois a esperana de um mundo melhor, onde as pessoas e os povos se vo amar apesar das diferenas.

    Vs sois o Rotary do futuro. No tenhais me-do de partilhar. No receeis a luz. Iluminai com a palavra e, sobretudo, com o exemplo os caminhos para que muita gente, toda a gente possa caminhar segura rumo sua rea-lizao pessoal e prossional.

    Recordo Plato: no estranho que uma cri-ana tenha medo do escuro; o que me preo-cupa que um adulto tenha medo da luz.

    Termino com o pensamento de Antnio Alei-xo (Inditos, 1978):

    O mundo s pode ser

    menos mau, menos atroz,

    se conseguirmos fazer

    mais plos outros que por ns

    e um forte abrao.

    O Companheiro Amigo

    Antnio Mendes

    Governador Distrital

    mensagem Governador

    ANTNIO MENDES

  • P. 6

    Lus Rodrigues REPRESENTANTE representadoria@rotaract1960.org

    Ana Antunes SECRETARIA secretaria@rotaract1960.org Ctia Tom PROTOCOLO protocolo@rotaract1960.org Diogo Santos TESOURARIA tesouraria@rotaract1960.org Alexandre Santos CONSELHEIRO formacao@rotaract1960.org

    Marta Manita AV. SERVIOS INTERNOS internos@rotaract1960.org Joaquim Freitas AV. SERVIOS INTERNACIONAIS internacionais@rotaract1960.org Ana Raquel AV. SERVIOS PROFISSIONAIS prossionais@rotaract1960.org Joo Casaca AV. SERVIOS COMUNIDADE comunidade@rotaract1960.org Ricardo Madeira COMISSO DE COMUNICAO comunicacao@rotaract1960.org

    Equipa da Representadoria Distrital

  • P. 7

    As Novas Geraes so o futuro de Rotary

    E nquanto jovem prossional, atrevo-me a dizer que as Novas Geraes so o nosso futuro. S quem tem a oportunidade de ser Interactista e Rotaractista sabe bem a importncia e o impacto que estes clubes tm no seu futuro, quer enquan-to jovens prossionais, quer enquanto seres hu-manos. Os programas de jovens de Rotary tm sido vistos como uma escola complementar nos-sa formao educacional e prossional uma Es-cola de Liderana e disso, so testemunhas mui-tos prossionais que hoje fazem parte de corpos administrativos de empresas, instituies, etc. Se Rotary uma escola de liderana, ento nos gru-pos de jovens que se desenvolvem as bases dos futuros lderes.

    A pensar nas Novas Geraes, Rotary dedica o ms de Setembro ao reconhecimento do trabalho desenvolvido pelos jovens (Interact, Rotaract, Ryla e estudantes de intercmbio) em projectos que visam melhorar as suas comunidades locais. So jovens que se recusam a car de braos cruzados perante as situaes desesperantes que os envol-vem. So jovens que procuram, em grupo, melho-rar as suas capacidades de liderana. So os mais recentes membros de Interact e Rotaract que ago-ra fazem parte desta famlia. So os jovens que hoje vo descobrir o que o Interact e o Rotaract, na sua primeira reunio. s tu que hoje ls esta carta e que nela procuras as actualidades do Dis-trito. Somos ns!

    Recentemente, tive a oportunidade de assistir a uma reunio de Rotaract e a outra de Interact, e no poderia ter cado mais satisfeito ao constatar

    a presena de novos jovens que assistiam pela primeira vez a uma reunio de Interact e Rotaract. Saber que os jovens esto, cada vez mais, consci-entes do que podem fazer pela sua comunidade, leva-nos a crer que as Novas Geraes esto cada vez mais fortes e decididas a construir um mundo mais justo.

    Mas, no s de solidariedade que os clubes vi-vem, eles so tambm autnticas escolas de lide-rana que formam jovens e os preparam para a vida futura. Da, armar que as Novas Geraes so o nosso futuro. nos clubes que, por vezes sem nos apercebermos, crescemos e desenvolve-mos as nossas capacidades de trabalho, tornando-nos jovens mais aptos para a vida prossional que nos espera.

    Mas, o ms de Setembro associa-se tambm ao arranque dos clubes sua actividade regular, aps um perodo de frias. Como forma de assi-nalar o arranque dos clubes, a Representadoria convida todos os companheiros a fazer parte da Festa da Rentre do Distrito 1960, num dia que se pretende ser de trabalho e de companheirismo. E desaamos, tambm, os clubes a iniciarem as su-as actividades com apresentao de candidaturas aos apoios aos Clubes para os Projectos das nfa-ses Presidenciais.

    Neste ms das Novas Geraes, mostremos ao Distrito que tambm ns fazemos Rotary Brilhar. Desejo a todos os clubes um bom arranque neste incio de actividades e relembro que a Represen-tadoria est disponvel para vos apoiar em tudo o que necessitarem.

    Lus Rodrigues Representante Distrital de Rotaract

    mensagem Representante Rotaract

    LUS RODRIGUES

  • P. 8

    Catari