of 13 /13
Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Embed Size (px)

Text of Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Page 1: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Costela do traseiro

Angela BernardonAnelise HagemannDouglas Bertoncelli

Drieli Reiner

Page 2: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Carcaça

Meia carcaça

Quarto

Page 3: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Quarto Traseiro

Ponta de agulha

Costela do traseiro

Page 4: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Termos utilizados

• Assado e costela

• É o corte constituído das oito últimas costelas e massas musculares correspondentes anteriores ao vazio

• Resultante da divisão da ponta-de-agulha

Page 5: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Limites

• Anterior: borda anterior da sexta costela • Posterior: vazio • Superior: superfície de corte da porção

dorsal das oito últimas costelas

Ponta de agulha Costela do traseiro Vazio

Page 6: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Costela

• Bases ósseas– Oito últimas costelas– Última estérnebra – Apêndice xifóide

• Gânglio Linfático Regional– Esterno-diafragmático

Page 7: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Componentes musculares• Cutâneo toraco-abdominal

• Grande dorsal

• Serrátil ventral

• Peitoral ascendente

• Oblíquo abdominal externo

Page 8: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Componentes musculares• Transverso abdominal

• Transverso torácico

• Intercostais externos

• Intercostais internos

• Reto abdominal e serrátil dorsal caudal

Page 9: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Preparação do corte

• O corte é obtido da divisão da ponta-de-agulha

• Por seção, à faca, das massas musculares ao nível da borda posterior do arco costal até o apêndice xifóide

• A seção transversal da costela-do-traseiro é uma variante conhecida como tira-da-costela-do-traseiro

Page 10: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Costela

• É carne preferida dos gaúchos, que assam as peças inteiras no fogo de chão

• Uma peça inteira de costela (completa, como é chamada) pesa, em média, mais de 20kg

• É o corte com maior variedade de texturas, sabores e aromas dentro de uma mesma peça

Page 11: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Costela

• Possui uma generosa camada de gordura, carne com fibras longas e detém o recorde de nomes diferentes para seus sub-cortes: – Ponta-de-agulha, janela, minga, costela de

ripa, costela de tira, pandorga, assado, costelão e outros

Page 12: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Costela

• Por ser uma carne dura, requer preparo demorado. Paciência é um dos ingredientes de qualquer receita de costela

Page 13: Costela do traseiro Angela Bernardon Anelise Hagemann Douglas Bertoncelli Drieli Reiner

Muito obrigda (o)!

[email protected]