Click here to load reader

Critérios Ambientais nos Acordos Quadro da ANCP

  • View
    1.151

  • Download
    28

Embed Size (px)

Text of Critérios Ambientais nos Acordos Quadro da ANCP

  • Mod.0

    17.0

    0

    Critrios Ambientais nos Acordos Quadro da ANCP

    Lisboa, 10 Dezembro 2010

  • Mod.0

    17.0

    0

    ndice

    1. Enquadramento:

    Sistema Nacional de Compras Pblicas

    Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

    Os Acordos Quadro

    2. Objectivos definidos para as Compras Pblicas Ecolgicas

    3. Critrios e Requisitos Ambientais nos Acordos Quadro:

    Formao dos Acordos Quadro

    Aquisies ao abrigo dos Acordos Quadro

    4. Compras Pblicas Ecolgicas 2009-2010: resultados e compromissos

  • Mod.0

    17.0

    0

    3

    Contribuir para o reequilbrio das Contas Pblicas, racionalizando e reduzindo a despesa

    em bens e servios transversais, e gerando poupanas

    Contribuir para a modernizao, eficincia e eficcia da Administrao Pblica, atravs da

    profissionalizao e centralizao das funes compras e gesto de veculos

    Contribuir para a promoo da competitividade econmica entre os fornecedores do

    Estado

    Optimizao, harmonizao e automatizao de processos, com orientao para as

    melhores prticas Nacionais e Internacionais

    Realizao de concursos pblicos que permitam celebrar os acordos quadro que melhor

    potenciem as sinergias e economias de escala, resultantes de um processo de

    concentrao da funo de compras pblicas

    Definio de estratgias de sourcing, polticas e medidas legislativas e linhas de

    orientao para implementao dos sistemas de informao de suporte

    Propsito Estratgico:

    Estratgia de Actuao:

    Agncia Nacional de Compras Pblicas

  • Mod.0

    17.0

    0

    Acordos Quadro Princpios Orientadores (I)

    Princpios Orientadores

    Eficincia Operacional

    Racionalizao da Despesa

    Gerao de Poupanas

    Medidas

    Simplificao dos processos aquisitivos

    Introduo de meios tecnolgicos de suporte ao processo aquisitivo

    Celebrao de Acordos Quadro (AQ) para as maiores rubricas de despesa da Administrao Pblica (AP)

    Normalizao e standardizao dos bens e servios a adquirir

    Qualificao e seleco dos fornecedores com melhores preos e condies

    Definio de preos mximos e condies mnimas a praticar

    Desburocratizar, desmaterializar e acelerar os processos aquisitivos

    Modernizao da AP

    Reduo e racionalizao da despesa pblica e dos consumos

    Contribuir para o reequilbrio das contas pblicas

    Benefcios

    4

  • Mod.0

    17.0

    0

    Acordos Quadro Princpios Orientadores (II)

    Princpios Orientadores

    Gerao de Informao de Gesto

    Diversidade de Fornecedores

    Promoo da Competitividade/

    Qualidade/ Eficincia

    Medidas

    Introduo da obrigatoriedade de envio de informao de gesto por parte dos fornecedores ANCP, UMCs e entidades adquirentes

    Subdiviso dos concursos: lotes de bens ou servios e lotes regionais

    Possibilidade de constituio de agrupamentos e de subcontratao

    Requisitos e critrios de qualificao e seleco no exclusivos

    Qualificao de fornecedores em funo de critrios econmicos, financeiros, tcnicos, ambientais, de qualidade e de nveis de servio gradualmente mais exigentes

    Avaliao da aplicao e do desempenho dos acordos quadro com entidades compradoras e fornecedores

    Melhoria contnua dos processos aquisitivos e dos procedimentos concursais

    Promover e estimular os mercados Promover o mais amplo acesso do tecido empresarial aos mercados pblicos

    Promover o desenvolvimento e a competitividade empresarial atravs do estmulo do desempenho e da eficincia

    Permitir AP beneficiar das melhores condies de mercado

    Benefcios

    5

  • Mod.0

    17.0

    0

    Concursos Pblicos para celebrao de Acordos Quadro 2008/2010 (I)

    Rubrica de Despesa

    Servio Mvel Terrestre

    Combustveis Rodovirios

    Papel e Economato

    Cpia e Impresso

    Equipamento Informtico

    Seguro Automvel

    Energia

    Plataformas Electrnicas Contratao Pblica

    Veculos Automveis

    Licenciamento de Software

    Mobilirio

    Vigilncia e Segurana

    Servio de Voz e Dados em Local Fixo

    Refeies Confeccionadas

    Higiene e Limpeza

    Status

    Setembro 2008

    Setembro 2008

    Novembro 2008 (renovao a decorrer)

    Dezembro 2008 (renovao a decorrer)

    Maro 2009 (renovao a decorrer)

    Maro 2009 (renovao a decorrer)

    Abril 2009

    Junho 2009

    Junho 2009 (renovao a decorrer)

    Setembro 2009

    Maro 2010

    Abril 2010

    Junho 2010

    Julho 2010

    Agosto 2010

    6

  • Mod.0

    17.0

    0

    Concursos Pblicos para celebrao de Acordos Quadro 2008/2010 (II)

    15 Acordos Quadro celebrados no espao de 3 anos:

    Mais 7 acordos quadro que o anteriormente realizado em 10 anos

    Valor da Despesa Pblica Anual em bens e servios transversais abrangida por acordos

    quadro: 1.000 milhes de euros (88% do total)

    Poupanas totais estimadas para o trinio 2008-2010: 150 milhes euros

    Poupanas j apuradas em resultado da celebrao dos acordos quadro e das aquisies

    efectuadas ao seu abrigo: 155 milhes euros (entre 2008 e o final de Setembro de 2010)

    Nos 15 concursos pblicos j concludos, participaram 338 concorrentes, tendo cerca de

    269 entidades ficado habilitadas a fornecer ao Estado (80%), destas 70% so PMEs.

    7

  • Mod.0

    17.0

    0

    Categorias de Bens e Servios a centralizar nas UMC's

    8

    Ministrio / Acordo Quadro

    SMT EI CI PECI LS CR ENE VS HL SFTRD VAMobilirio

    PEC RCN.

    Categ.

    Despacho / Portaria (Status)

    MADRP X X X X X 5Despacho

    10224/09, 17.04

    MAOT X X X X 4Despacho

    13481/09, 09.06

    MC X X X X X X 6Despacho

    16922/09, 23.07

    MEID X X X X X X X X X X X X X X 14Despacho

    18806/09, 14.08

    MFAP X X X X X X X X X X X X X X 14Despacho

    13477/09, 09.06

    MJ X X X X X X X X X X X X X X 14Despacho

    8293/09, 24.03

    MNE X X X X X X X X X X 10Despacho

    21286/09, 22.09

    MOPTC X X X X X X 6Despacho

    8551/09, 26.03

    MS X X X X X X X X X 9

    Despacho 8294/09, 24.03;

    Despacho 6278/2010,

    09.04

    MTSS X X X X 4Despacho

    18689/09, 13.08

    MDN X X X X X X X X X X X X X X 14Despacho n 7574/2010,

    30.04

    ME X X X X X X X X 8Despacho

    13646/2010,26.08

    MCTES

    MAI

    PCM

  • Mod.0

    17.0

    0

    Adeso ao Sistema Nacional de Compras Pblicas (SNCP)

    9

    Podem integrar o SNCP, na qualidade de entidades compradoras voluntrias, entidades da

    administrao local e regional e do sector pblico empresarial, mediante a celebrao de

    contrato de adeso com a ANCP.

    Entidades Compradoras Voluntrias Aderentes

    Nmero

    de Entidades

    Administrao Autnoma 26

    Autarquia Local 182

    Outras Pessoas Colectivas 10

    Sector Empresarial do Estado 48

    Sector Empresarial Local 39

    Total 305

    Data de Actualizao: 12 Novembro de 2010

  • Mod.0

    17.0

    0

    ndice

    1. Enquadramento:

    Sistema Nacional de Compras Pblicas

    Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

    Os Acordos Quadro

    2. Objectivos definidos para as Compras Pblicas Ecolgicas

    3. Critrios e Requisitos Ambientais nos Acordos Quadro:

    Formao dos Acordos Quadro

    Aquisies ao abrigo dos Acordos Quadro

    4. Compras Pblicas Ecolgicas 2009-2010: resultados e compromissos

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas Ecolgicas

    Estratgia Nacional para as Compras Pblicas Ecolgicas (RCM 65/2007)

    11

    A incluso de critrios ambientais nos contratos pblicos um dos vectores que permite estabelecer

    uma nova interligao entre as vrias aces e polticas comunitrias, possibilitando uma abordagem

    das questes ambientais mais abrangente e sustentvel;

    Pretendeu-se tornar a actividade do Estado cada vez mais neutra quanto s emisses de gases com

    efeito de estufa (GEE) e estimular a melhoria das prticas de contratao e de aquisio de bens e

    servios com respeito pelos valores ambientais;

    Esta estratgia dever resultar em relevantes redues de impactes ambientais em vrios domnios,

    nomeadamente pela promoo de mercados verdes e pelo seu potencial sensibilizador e

    disseminador em matria de boas prticas ambientais;

    As aquisies ambientalmente orientadas permitem, tambm, s autoridades pblicas, alcanar

    resultados econmicos, na medida que produzem efeitos ao nvel da poupana de matrias e energia

    e da reduo da produo de resduos e de emisses para diferentes compartimentos ambientais,

    promovendo assim um desenvolvimento mais sustentvel para o Pas.

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas Ecolgicas

    Estratgia Nacional para as Compras Pblicas Ecolgicas (RCM 65/2007)

    12

    Conceito de compras pblicas ecolgicas

    Entende-se por compras pblicas ecolgicas a integrao de critrios ambientais no processo

    de contratao pblica de aquisio de bens, prestao de servios e empreitadas, visando a

    identificao e possvel escolha de produtos ou servios com um melhor desempenho

    ambiental.

    Objectivo das compras pblicas ecolgicas

    Garantir a oferta, no mercado, de produtos e servios com um desempenho ambiental

    adequado e a reduo dos impactes ambientais associados ao consumo dos bens e servios.

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas Ecolgicas

    Metas da

    Estratgia Nacional para as Compras Pblicas Ecolgicas

    13

    Metas 2008 2009 2010

    N. de procedimentos pr-contratuais que

    incluem critrios ambientais, em relao

    ao total de procedimentos

    15%

    Valor dos contratos pblicos cujos

    procedimentos incluam critrios ambientais

    30% 50%

    15% 30% 50%

    Fonte: Resoluo do Conselho de Ministros n. 65/2007

  • Mod.0

    17.0

    0

    ndice

    1. Enquadramento:

    Sistema Nacional de Compras Pblicas

    Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

    Os Acordos Quadro

    2. Objectivos definidos para as Compras Pblicas Ecolgicas

    3. Critrios e Requisitos Ambientais nos Acordos Quadro:

    Formao dos Acordos Quadro

    Aquisies ao abrigo dos Acordos Quadro

    4. Compras Pblicas Ecolgicas 2009-2010: resultados e compromissos

  • Mod.0

    17.0

    0

    Formao dos Acordos Quadro

    Qualificao/Seleco e Ordenao de Fornecedores a constar no AQ Adjudicao ao abrigo do AQ

    Avaliao das Propostas

    Seleco dos concorrentes

    Habilitao dos

    concorrentes

    Avaliao tcnica e funcional

    Seleco e ordenao com

    base nos critrios definidos

    Comprovao das habilitaes do Adjudicatrio

    Pedido de Propostas

    Qualificao de

    candidatos

    Concurso Limitado por Prvia

    Qualificao

    Negociao Adjudicao

    Consulta aos fornecedores qualificados/

    seleccionados no mbito do acordo

    quadro

    Negociao das propostas

    apresentadas

    Adjudicao proposta

    economicamente mais vantajosa, de

    acordo com os critrios definidos no acordo quadro

    CENTRALIZAO DA CELEBRAO DE ACORDOS QUADROCENTRALIZAO DE AQUISIES AO ABRIGO

    DOS ACORDOS QUADRO

    ANCP UMC

    CENTRALIZAO NA ANCP DAS COMPETNCIAS PARA CELEBRAO DE ACORDOS QUADRO E DE AQUISIES AO SEU ABRIGO

    15

  • Mod.0

    17.0

    0

    Critrios Ambientais / Ecolgicos nos Concursos e AQs 2008/2010 (I)

    16

    Requisitos Ecolgicos mnimos(factores no submetidos concorrncia)

    Actividade regulada

    Actividade regulada

    Recolha de embalagens e dos consumveis j utilizados e remoo e tratamentodos mesmos (reutilizao, reciclagem ou eliminao) Considerao de um tipode papel reciclado Papel totalmente livre de cloro ou livre de cloro elementar Incluso de papel com 75gm/m2 Recolha de consumveis em recipienteapropriado (dedicado).

    Garantir o cumprimento da Directiva RoHS/REEE que restringe a utilizao decertas substncias perigosas em processos de fabrico de produtos Garantir ocumprimento dos requisitos Energy Star aplicveis ao consumo de energia Recolha de consumveis em recipiente apropriado (dedicado) Promover areduo do consumo de papel (possibilidade de impresso frente/verso).

    Prevista a possibilidade de upgrade, de modo a estender o perodo de vida til

    dos equipamentos Garantir o cumprimento da Directiva RoHS/REEE querestringe a utilizao de certas substncias perigosas em processos de fabricaode produtos Garantir o cumprimento do disposto na Directiva 2006/66/EC(estabelece as regras para a colocao no mercado, recolha, tratamento ereciclagem de baterias e carregadores) Os computadores devem cumprir osrequisitos Energy Star aplicveis ao consumo de energia Os monitores devemcumprir os requisitos TCO'03 e Energy Star Previsto um nvel mximo de rudo,a no exceder por portteis e computadores de secretria.

    Concurso/ AQ

    Servio Mvel Terrestre

    Combustveis Rodovirios

    Papel, Economato e Consumveis de

    Impresso

    Cpia e Impresso

    Equipamento

    Informtico

    Critrios Ecolgicos na adjudicao do

    AQ

    N.A.

    N.A.

    Majorao de at 10% para o

    papel que provenha de

    florestas sustentveis

    Incluso do custo

    energtico. Majorao de

    at 10% para o nvel de rudo

    Incluso do

    custo energtico.

    Majorao de

    ISO 14001

  • Mod.0

    17.0

    0

    Critrios Ambientais / Ecolgicos nos Concursos e AQs 2008/2010 (II)

    Requisitos Ecolgicos mnimos(factores no submetidos concorrncia)

    Actividade regulada

    Definio de trs lotes para a realizao de auditorias e consultorias energticas Definio de trs lotes para o aproveitamento dos recursos energticosrenovveis e de co-gerao Definio de prmio para fornecedores de energiaque proponham/implementem medidas que diminuam o consumo (prmio novalor de 25% da poupana).

    Modelo de Gesto do Parque de Veculos do Estado consagra limites mximospara as emisses de gases para as novas viaturas a adquirir: em 2009-20%veculos c/ emisses mximas de 120g/km e em 2012-50% veculos c/ emissesmximas de 100g/km. Por cada novo veculo adquirido dever ser abatido frota trs veculos em fim de vida. Lotes especficos para Hbridos.

    N.A.

    Existncia de procedimentos de gesto de resduos - DL 178/2006 Existncia deprocedimentos de gesto de embalagens - DL 92/2006 Equipamentos delimpeza devem estar de acordo com o DL 9/2007 Utilizao de produtos delimpeza com solventes orgnicos conforme o DL 181/2006.

    Possibilidade de distribuio electrnica (download): Eliminao das emisses deCO2 provenientes do transporte Eliminao da utilizao do papel e do cartocomo meio de distribuio dos manuais e na elaborao de caixas No necessria a impresso da caixa e de manuais Possibilidade de prescindir desuporte/Mdia (CD/DVD).

    17

    Concurso/ AQ

    Seguro Automvel

    Energia

    Veculos Automveis e Motociclos

    Plataformas electrnicas de

    contratao pblica

    Higiene e Limpeza

    Licenciamento de Software

    Critrios Ecolgicos na

    adjudicao do AQ

    N.A.

    N.A.

    Aplicao da Directiva

    2009/33/CE

    N.A.

    N.A.

    N.A.

  • Mod.0

    17.0

    0

    Critrios Ambientais / Ecolgicos nos Concursos e AQs 2008/2010 (III)

    Concurso / AQ

    Vigilncia e Segurana

    Servio de Comunicaes de Voz e Dados em Local Fixo

    Mobilirio

    Refeies Confeccionadas

    Requisitos Ecolgicos mnimos(factores no submetidos concorrncia)

    Actividade regulada.

    Actividade regulada.

    n.a.

    Obrigao de conduo para tratamento ou reciclagem do lixo ou resduos produzidos na confeco, transporte e consumo das refeies.

    Critrios Ecolgicos na

    adjudicao do AQ

    N.A.

    N.A.

    N.A.

    N.A.

    18

  • Mod.0

    17.0

    0

    Aquisies ao abrigo dos Acordos Quadro

    Qualificao/Seleco e Ordenao de Fornecedores a constar no AQ Adjudicao ao abrigo do AQ

    Avaliao das Propostas

    Seleco dos concorrentes

    Habilitao dos

    concorrentes

    Avaliao tcnica e funcional

    Seleco e ordenao com

    base nos critrios definidos

    Comprovao das habilitaes do Adjudicatrio

    Pedido de Propostas

    Consulta ao Mercado

    Concurso Limitado por Prvia

    Qualificao

    Negociao Adjudicao

    Consulta aos fornecedores

    seleccionados no mbito do acordo

    quadro

    Negociao opcional das propostas apresentadas

    Adjudicao proposta

    economicamente mais vantajosa ou mais baixo preo, de acordo com os critrios definidos no acordo quadro

    CENTRALIZAO DA CELEBRAO DE ACORDOS QUADROCENTRALIZAO DE AQUISIES AO ABRIGO

    DOS ACORDOS QUADRO

    ANCP UMC

    CENTRALIZAO NA ANCP DAS COMPETNCIAS PARA CELEBRAO DE ACORDOS QUADRO E DE AQUISIES AO SEU ABRIGO

    19

  • Mod.0

    17.0

    0

    Critrios Ambientais nas aquisies ao abrigo dos Aqs- Exemplo1: Cpia e Impresso -

    20

    Qualificao/Seleco e Ordenao de Fornecedores a constar no AQ

    Adjudicao ao abrigo do AQ

    ANCP UMC

    Requisitos Ecolgicos mnimos na Formao do Acordo Quadro

    Critrios de adjudicao ao abrigo do acordo quadro

    Garantir o cumprimento da Directiva RoHS/REEE que restringe a utilizao de certas substncias perigosas em processos de fabricao de produtos;

    Garantir o cumprimento dos requisitos EnergyStar aplicveis ao consumo de energia;

    Possibilitar a recolha de consumveis em recipiente apropriado (dedicado);

    Possibilitar a reduo do consumo de papel (possibilidade de impresso frente/verso).

    Caso a adjudicao seja feita segundo o critrio da proposta economicamente mais vantajosa, dever ter em conta os seguintes factores:

    a) Preo, com uma ponderao mnima de 60%;

    b) Requisitos ambientais e energticos,

    c) Qualidade de Impresso

    c) Prazo de entrega; e

    d) Adequao tcnica e funcional.

    e) Prazo de garantia

    Valorizar:

    os consumos energticos e volumes de calor

    e rudo produzidos por cada equipamento.

  • Mod.0

    17.0

    0

    Critrios Ambientais nas aquisies ao abrigo dos Aqs- Exemplo2: Refeies Confeccionadas -

    21

    Qualificao/Seleco e Ordenao de Fornecedores a constar no AQ

    Adjudicao ao abrigo do AQ

    ANCP UMC

    Requisitos Ecolgicos mnimos na Formao do Acordo Quadro

    Critrios de adjudicao ao abrigo do acordo quadro

    Obrigao de conduo para tratamento ou reciclagem do lixo ou resduos produzidos na confeco, transporte e consumo das refeies.

    Caso a adjudicao seja feita segundo o critrio da proposta economicamente mais vantajosa, dever ter em conta os seguintes factores:

    a) Preo, com uma ponderao mnima de 70%;

    b) Adequao tcnica e funcional;

    c) Requisitos ambientais e energticos.

    Valorizar:

    Propostas que enalteam aspectos ambientais:- Recolha selectiva dos resduos com posterior

    encaminhamento para tratamento e/ou reciclagem

    - Utilizao de materiais ecolgicos (guardanapos

    e toalhas de papel produzidos em material

    reciclado; produtos de limpeza produzidos em

    conformidade com requisitos de rtulos ecolgicos;

    etc.)

  • Mod.0

    17.0

    0

    ndice

    1. Enquadramento:

    Sistema Nacional de Compras Pblicas

    Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

    Os Acordos Quadro

    2. Objectivos definidos para as Compras Pblicas Ecolgicas

    3. Critrios e Requisitos Ambientais nos Acordos Quadro:

    Formao dos Acordos Quadro

    Aquisies ao abrigo dos Acordos Quadro

    4. Compras Pblicas Ecolgicas 2009-2010: resultados e compromissos

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas EcolgicasAquisies ao abrigo dos Acordos Quadro da ANCP

    23

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas EcolgicasAquisies ao abrigo dos Acordos Quadro da ANCP (2009)

    Acordo Quadro (AQ)N.

    Procedimentos

    Cpia e Impresso 10

    Equipamento Informtico 57

    Licenciamento de Software 12

    Papel, Economato e Consumveis de Impresso 103

    Veculos Automveis e Motociclos 46

    Total de procedimentos c/ critrios ecolgicos 228

    Total de procedimentos ao abrigo dos AQ`s 350

    % de procedimentos c/ critrios ecolgicos 65%

    24

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas EcolgicasResultados em 2009

    25

  • Mod.0

    17.0

    0

    Compras Pblicas EcolgicasCompromisso para 2010

    26

  • Mod.0

    17.0

    0

    www.ancp.gov.pt