Dei Gratia - files. Cristo Dei Gratia Charles Haddon Spurgeon “Para louvor

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Dei Gratia - files. Cristo Dei Gratia Charles Haddon Spurgeon “Para louvor

  • Curta: www.facebook.com/OEstandartede Cristo

    OEstandarteDeCristo.com

    Dei Gratia Charles Haddon Spurgeon

    Para louvor da Glria de Sua Graa.

    Efsios 1:6

  • Curta: www.facebook.com/OEstandartede Cristo

    OEstandarteDeCristo.com

    Algumas citaes deste Sermo

    NENHUMA verdade de Deus mais claramente ensinada na Palavra de Deus do que essa: que

    a salvao dos pecadores inteiramente devido Graa do Deus. Se houver qualquer coisa

    absolutamente clara nas Escrituras, e est plenamente declarado que os homens esto perdidos

    por suas prprias obras, mas salvos pelo Favor Gratuito de Deus, sua runa justamente

    merecida, mas sua salvao sempre o resultado da Misericrdia imerecida de Deus.

    Muitas das heresias que dividem a Igreja Crist, nasceram da confuso sobre este ponto. Fosse

    a palavra Graa plenamente lida, marcada, e apreendida, o grande sistema evanglico seria

    muito mais firmemente estabelecido, e claramente pregado, mas o esquecimento de que pela

    Graa sois salvos, um erro comum entre todas as condies de homens. Pecadores esquecem

    isso, e eles buscam a salvao pelas obras da Lei, pois eles se recusam render-se Soberana

    Graa de Deus, e entrincheiram-se atrs da cerca cambaleante de sua prpria justia, e santos

    esquecem isso tambm, e, portanto, suas mentes ficam nebulosas, seus espritos caem na

    escravido legal, e onde eles deveriam se alegrar no Senhor sem cessar, tornam-se desanimados

    e cheios de temor incrdulo.

    [...] no h nenhuma msica do Cu igual ao som da palavra Graa, salvo somente a melodia

    celestial do nome de Jesus!

    Quando voc ler da Graa no corao de Deus, da Piedade, do Favor Gratuito, da Soberana

    Misericrdia, isto claramente implica que haveria culpados a quem esse Favor Gratuito, em devido

    tempo, seja concedido! Assim, vemos que Deus escolheu a Salvao dos filhos dos homens,

    como a plataforma para a exposio de Sua Graa que, em Sua Eleio, Sua Graa pode

    demonstrar Sua Glria, assim como em outros eventos a Glria do Seu Poder ou da Sua Justia

    tem sido demonstrada.

    [...] irmos e irms, na obra da salvao do homem vocs tm um caso paralelo, pois um atributo

    no mais glorioso do que o outro. O louvor da Glria de Sua Graa em resgatar o homem da

    profunda runa em que ele tinha cado, em dar o Bem-Amado para sangrar e morrer, derrotando o

    pecado, a morte e o Inferno, levando cativo o nosso cativeiro, elevando-nos ao cu, e nos

    concedendo que sejamos participantes da Sua Glria atravs do mrito de Jesus Cristo, nosso

    Senhor em tudo isso, eu digo, a Graa to gloriosa quanto era o poder no Mar Vermelho!

    Quando todos os Eleitos forem congregados juntamente, e a Igreja de Deus no Cu dever ser

    perfeita, nenhuma pedra viva faltando de toda a estrutura em seguida, atravs deste edifcio

    esta inscrio ser escrita em letras da Luz de Deus, Para o louvor da Glria de Sua Graa. A

    obra da salvao do princpio ao fim, como um todo, foi concebida e executada, e deve ser

    aperfeioada para o louvor da Glria da Graa de Deus! Assim, a poro sobre o primeiro ponto

    A salvao do Senhor, e nela a Graa reina sem rival!

  • Curta: www.facebook.com/OEstandartede Cristo

    OEstandarteDeCristo.com

    Eu entendo que a partir da posio do meu texto. O 5 versculo fala da Predestinao e Adoo,

    e o 6 versculo fala de aceitao no Amado. A posio do meu texto coloca todos os trs destes

    sob a mesma marca todos eles so para o louvor da Glria de Sua Graa. Irmos e Irms, o

    mar salgado, como um todo, e cada gota dela salgada em seu grau se toda a obra da

    salvao da Graa, todos os detalhes desta obra igualmente de Graa. Os raios do sol como

    um todo possuem certas propriedades; analise um nico raio de sol, e voc dever encontrar

    todas as propriedades l. Agora, eu tenho justamente dito que toda a salvao poder se

    assemelhar a um grande templo, e que em toda a sua frente estaria escrito: Para o louvor da

    Glria de Sua Graa. Agora, alguns dos antigos edifcios orientais foram erguidos por alguns

    monarcas, e foram dedicados a eles, no somente o edifcio inteiro foi criado para a sua honra,

    mas cada tijolo separadamente foi carimbado com o braso real! No s a estrutura inteira, mas

    cada tijolo individualmente levou a impresso do construtor! Assim na questo da salvao

    toda da Graa, e cada poro particular dela manifesta igualmente sua medida do Favor

    Gratuito de Deus.

    [...] a Eleio de homens e mulheres por Deus antes de todos os tempos; Foi Ele quem escolheu

    para Si um povo para mostrar o Seu louvor; esta Escolha no foi feita em qualquer grau por conta

    de qualquer dvida para com o homem, nem por causa de qualquer mrito que existia nos

    homens, ou estava previsto existir, foi o resultado do Favor Gratuito ou Graa da parte de Deus

    que algum fosse escolhido para se tornar Seus filhos e filhas! Sim, Pai, porque assim te

    aprouve [Mateus 11:26], a resposta do Salvador pergunta por que Deus escondeu estas

    coisas aos sbios e entendidos, e as revelou aos pequeninos. Se algum Escolhido, no por

    causa de um merecimento natural ou reivindicao de preferncia, ou qualquer excelncia

    essencial nele que demandava que Deus deveria fazer a escolha, ns eram herdeiros da ira,

    como os outros,

    Pode algum ver o Filho de Deus que expira no Calvrio, carregando os pecados do homem, e

    dizer que aqueles por quem Ele morreu eram dignos de que Cristo devesse morrer por eles?

    uma blasfmia completa conectar qualquer ideia de mrito com um presente to grandioso e

    gratuito como o dom de Jesus Cristo para nos redimir dos nossos pecados! Por que, senhores, se

    tivssemos, cada um de ns, sido perfeitos, e se tivssemos guardado as Leis de Deus, sem

    omisso, como serafins fazem no Cu, ainda teramos feito apenas o que era nosso dever! No

    poderia ter havido nenhum mrito sobre o nosso servio que merecesse que Cristo morresse por

    ns! Deveria o Deus Eterno ser tido como sendo um tal devedor s Suas criaturas que Lhe era

    necessrio velar o seu esplendor em forma humana, e ser desprezado e rejeitado e cuspido?

    Dever dito que o Filho de Deus era devedor ao homem para que Ele devesse sangrar e morrer

    por eles? Eu tremo enquanto eu levanto a questo ou sugiro o pensamento! Tem de ser pura,

    espontnea, imparcial Misericrdia que pregou o Salvador no madeiro, nada poderia ter trazido

    Ele do Trono de Glria para a Cruz de aflio, seno Graa, pura, ilimitada Graa!

    Deus tem o prazer de chamar muitos de ns pela Palavra do Evangelho, e cada chamada do

    Evangelho uma coisa graciosa, pois no merecemos ser chamados para longe de nossos

    pecados. Se ns rejeitamos essas chamadas, e resistimos a elas, e ainda assim, depois de tudo,

  • Curta: www.facebook.com/OEstandartede Cristo

    OEstandarteDeCristo.com

    a Eficaz Graa de Deus vem de uma forma mais poderosa e torna o indisposto disposto, e corrige

    a obstinao do nosso corao ora, isto deve ser enfaticamente Graa! A chamada comum do

    Evangelho a todo o pecador a vir a Cristo, e crer nEle e viver a chamada que dada no

    Evangelho todos os dias Graa. Mas, para prosperar essa chamada, e para torn-la eficaz,

    mesmo para aqueles que tm at agora resistido, pois, isto Graa sobre Graa, superabundante

    Graa!

    Eu penso que no necessrio que eu diga que o perdo do pecado deve ser sempre o efeito da

    Graa; essa declarao evidente por si mesma, no pode ser devido a qualquer homem que ele

    deve ter seus pecados perdoados, pois o pecado que merece um perdo no pecado! [...]

    Nenhum homem pode reivindicar o perdo, seria um sacrilgio sugerir que ele poderia; Perdo e

    Justificao, ento, nos devem ser gratuitamente dados pela graa de Deus atravs da Redeno

    que h em Cristo Jesus.

    Santificao, ou Perseverana, ou melhor, ainda, Conservao Graciosa todos esses devem

    ser por Graa tambm. Nenhum homem tem qualquer reivindicao a Deus para preserv-los de

    entrar em pecado; eu sou obrigado a evitar o pecado, meu dever, mas que Deus me envie

    Graa pela qual estou habilitado para evitar o pecado no direito meu; deve ser o Seu Amor

    gratuito que faz isso. E se do dia a dia, Ele tem o prazer de dirigir a minha obstinao, e trazer o

    meu esprito errante de volta, se depois de milhares de deslizes Ele ainda restaura a minha alma,

    e estabelece os meus passos, eu no me atrevo a me elogiar por isso eu devo, agradecido,

    colocar a coroa da minha Perseverana na Justia sobre a cabea da Infinita Graa que tem

    operado todas as minhas obras em mim!

    No h nenhum ponto na vida do cristo, onde seu prprio mrito, o justifica, nenhum perodo em

    que sua prpria fora vem em auxlio do Poder Divino! Deve ser a Graa que faz com que a alma

    morta viva e igualmente a Graa que mantm a alma viva, vivendo; e deve ser a Graa que

    lava a alma escurecida pelo pecado, e a torna branca como a neve, e deve ser igualmente a

    Graa, que guarda essa alma de voltar sua antiga imundcia. Da fundao ao pinculo do

    templo da nossa salvao tudo por Graa!

    Foi a Graa que ps nosso corao se movendo em direo a Cristo e Santidade, igualmente

    a Graa que nos mantm ainda seguindo aps o prmio da soberana vocao em Cristo Jesus.

    Como as guas que cobrem os canais do mar, assim a Graa abrange toda a nossa Salvao, em

    cada jota e cada til da nossa carta celeste, a Graa orientou a pena; do princpio ao fim a

    Salvao gratuita. Porque pela graa sois salvos, por meio da f; e isto no vem de vs, dom