DESENVOLVIMENTO DE PORTA-ENXERTOS DE GOIABEIRA FRANCISCO... · Fitotecnia, modalidade Dinter, na Universidade…

Embed Size (px)

Text of DESENVOLVIMENTO DE PORTA-ENXERTOS DE GOIABEIRA FRANCISCO... · Fitotecnia, modalidade Dinter, na...

  • 0

    FRANCISCO TOMAZ DE OLIVEIRA

    DESENVOLVIMENTO DE PORTA-ENXERTOS

    DE GOIABEIRA SOB INFLUNCIA DE FONTES

    ORGNICAS, RECIPIENTES E FOSFATO

    NATURAL

    MOSSOR-RN

    2012

  • 0

    FRANCISCO TOMAZ DE OLIVEIRA

    DESENVOLVIMENTO DE PORTA-ENXERTOS DE GOIABEIRA

    SOB INFLUNCIA DE FONTES ORGNICAS, RECIPIENTES E

    FOSFATO NATURAL

    ORIENTADOR:

    Prof. D. Sc VANDER MENDONA

    CO-ORIENTADOR:

    Prof. D. Sc OSCAR MARIANO

    HAFLE

    MOSSOR-RN

    2012

    Tese apresentada ao Programa de Ps-

    Graduao em Fitotecnia da Universidade

    Federal Rural do Semi-rido, como parte

    das exigncias para obteno do grau de

    Doutor em Agronomia: Fitotecnia.

  • 1

    Ficha catalogrfica preparada pelo setor de classificao e catalogao da

    Biblioteca Orlando Teixeira da UFERSA

    Bibliotecria: Vanessa de Oliveira Pessoa

    CRB15/453

    O48d Oliveira, Francisco Tomaz de.

    Desenvolvimento de porta-enxertos de goiabeira sob influncia de

    fontes orgnicas, recipientes e fosfato natural. / Francisco Tomaz de

    Oliveira Mossor-RN, 2012.

    162f.: il.

    Tese (Doutorado em Fitotecnia. rea de concentrao:

    Agricultura Tropical) - Universidade Federal Rural do Semi-rido.

    Orientador: D.Sc. Vander Mendona

    Co-orientador: D.Sc. Oscar Mariano Hafle

    1. Psidium guajava L. 2. Fruticultura. 3. Substrato. 4.

    Macronutrientes. 5. Qualidade da muda. I. Ttulo.

    CDD: 634.421

  • 2

    DESENVOLVIMENTO DE PORTA-ENXERTOS DE GOIABEIRA

    SOB INFLUNCIA DE FONTES ORGNICAS, RECIPIENTES E

    FOSFATO NATURAL

    APROVADA EM: 28/09/2012

    __________________________ __________________________

    Prof. D. Sc. Jacob Silva Souto D. Sc. Amilton Gurgel Guerra

    Membro Externo Membro Externo

    _________________________ _________________________

    Prof. D. Sc. Oscar Mariano Hafle D. Sc. Django Jesus Dantas

    Co-OrientadorConselheiro

    _________________________

    Prof. D. Sc. Vander Mendona

    Orientador

    Tese apresentada ao Programa de Ps-

    Graduao em Fitotecnia da Universidade

    Federal Rural do Semi-rido, como parte

    das exigncias para obteno do grau de

    Doutor em Agronomia: Fitotecnia.

  • 3

    Aos meus queridos pais, Joo Joaquim (in

    memoriam) e Terezinha Maria (in memoriam), por

    terem me mostrado sempre o caminho do bem,

    com carter, honestidade e outros ensinamentos,

    por isso considero que eles nunca deixaro de

    existir.

    Dedico.

    minha esposa Luzineida e aos meus filhos:

    Hilrio, Daniel e Danielle, pelo amor, pacincia e

    compreenso em todos os momentos.

    Ofereo

  • 4

    AGRADECIMENTOS

    Aprendi que nessa vida nada se conquista sozinho. Por isso, agradecer

    reconhecer que se precisou de algum; admitir que o homem nunca poder

    chamar para si o dom da autossuficincia. Ningum cresce sozinho, sempre

    preciso um olhar de apoio, uma palavra de motivao, um gesto de compreenso,

    uma atitude de amor. A todos vocs meus sinceros agradecimentos!

    A Deus, pela ddiva da vida, fonte de luz, sabedoria, bondade e amor, meu

    refgio tanto nos momentos difceis como na alegria da caminhada de vida.

    Coordenao de Aperfeioamento de Pessoal de Nvel Superior

    (CAPES), pelo apoio financeiro na realizao do doutorado interinstitucional.

    Universidade Federal Rural do Semi-rido (UFERSA) pela

    oportunidade de concluir o curso de Doutorado em Fitotecnia.

    Ao Instituto Federal da Paraba Campus Sousa-PB, na pessoa do seu

    Diretor-Geral Francisco Cicupira de Andrade Filho, pelo incentivo, apoio e

    oportunidade que me foi concedida para realizao do doutorado.

    Ao pesquisador e orientador Prof. Dr. Vander Mendona pela sua

    confiana, pacincia e boa vontade em orientar e transmitir conhecimentos e

    experincias para melhorar a minha formao profissional.

    Ao Professor Dr. Oscar Mariano Hafle, pela co-orientao deste trabalho,

    exemplo de dedicao, humildade e compromisso profissional.

    A coordenao, professores e funcionrios do Curso de Ps-Graduao em

    Fitotecnia da Universidade Federal Rural do Semi-rido pela dedicao e ateno

    dispensada no decorrer do curso.

    Ao professor Dijauma Honrio Nogueira e as secretrias Nayara e Rejane,

    pelo apoio, incentivo, dedicao e amizade.

    Aos membros da banca examinadora, pelas valiosas sugestes, as quais

    foram fundamentais para o aperfeioamento da verso final deste trabalho.

    Ao professor Dr. Joserlan Nonato Moreira e ao doutorando Gernimo

    Ferreira da Silva pelas indispensveis sugestes e ajudas na parte de anlises

    estatsticas e confeco das figuras.

  • 5

    Aos colegas do Doutorado Interinstitucional (DINTER): Clepatra Saraiva,

    Ednaldo Jnior, Francineudo Alves, Francisco Cicupira, Frank Wagner, Gauberto

    Barros, Homero Sampaio, Joaci Pereira, Joaquim Branco, Lcio Jos, Luiz

    Rodrigues, Maria Edileuza, Maria Eliani, Miguel Wanderley, Pedro Aguiar,

    Ranieri Pereira e Robrio Vieira, pelo apoio e companheirismo constante.

    Aos servidores do laboratrio de anlises de solo, gua e planta do IFPB

    Campus Sousa (Hermano, Joo Jones, Miguel e Samuel), pelo apoio essencial nas

    anlises fsicas e qumicas.

    Aos meus irmos Afonso, Gerson, Joaquim, Jos Nilton, Maria das Neves

    e Severino pelos vrios momentos de alegrias compartilhados.

    Ao inestimvel Dorgival Assis Gadelha pela relevante colaborao nos

    servios de preparo das tabelas.

    Aos tecnlogos em agroecologia Jos Augusto e Josefa Daiana Arajo

    Lopes pelo o apoio e ajuda na coleta dos dados de campo.

    Aos funcionrios do viveiro de mudas do Campus Sousa, Francisco Jnio,

    Librio Ferreira (Bolinha) e Carlos Augusto (Cear), pela valiosa ajuda nos

    trabalhos de campo.

    Aqueles que no pude nomear pela traio do esquecimento, mas que

    contriburam direta ou indiretamente para a realizao deste trabalho, meus

    sinceros agradecimentos.

  • 6

    DADOS BIOGRFICOS DO AUTOR

    FRANCISCO TOMAZ DE OLIVEIRA, filho de Joo Joaquim de Oliveira e

    Terezinha Maria de Oliveira, nascido no dia 07 de dezembro de 1956 no distrito de

    Bandarra, municpio de So Joo do Rio do Peixe, PB. Concluiu o ensino

    fundamental no Colgio Estadual de Uirana (CEU) em Uirana-PB no ano de

    1973 e o ensino mdio no Colgio Liceu Paraibano em Joo Pessoa-PB em 1976.

    Em maro de 1977, ingressou no curso de Engenharia Agronmica do Centro de

    Cincias Agrrias da Universidade Federal da Paraba (UFPB), obtendo o ttulo de

    Engenheiro Agrnomo em maro de 1981. Em maio desse ano, iniciou a sua vida

    profissional como engenheiro agrnomo da Empresa de Projetos Agropecurios

    Gumercindo Santos de Castro, permanecendo at janeiro de 1982. Em fevereiro de

    1982, foi contratado professor de 1 e 2 graus da ex-Escola Agrotcnica Federal de

    Sousa (EAFS), hoje Instituto Federal da Paraba, Campus Sousa-PB. Em maro de

    2007, iniciou o curso de Mestrado em Zootecnia no Centro Social de Tecnologia

    Rural da Universidade Federal de Campina Grande, Campus de Patos-PB,

    recebendo o ttulo de Mestre em Sistemas Agrosilvopastoris no Semirido, em

    outubro de 2008. Em maro de 2010, ingressou no curso de Doutorado em

    Fitotecnia, modalidade Dinter, na Universidade Federal Rural do Semi-rido

    (UFERSA), recebendo o ttulo de Doutor em Agronomia: Fitotecnia em setembro

    de 2012.

  • 7

    RESUMO GERAL

    OLIVEIRA, Francisco Tomaz de. Desenvolvimento de porta-enxertos de

    goiabeira sob influncia de fontes orgnicas, recipientes e fosfato natural.

    2012. 162f. Tese (Doutorado em Fitotecnia) Universidade Federal Rural do Semi-

    rido (UFERSA), Mossor-RN, 2012.

    Trs experimentos foram realizados no perodo de setembro de 2010 a dezembro

    de 2011 no viveiro de mudas do Instituto Federal de Educao, Cincia e

    Tecnologia da Paraba, localizado no Permetro Irrigado de So Gonalo, Sousa-

    PB, com o objetivo de avaliar o desempenho de fontes orgnicas, volumes de

    recipiente e doses de fosfato natural na produo de porta-enxertos de goiabeira

    Var. Paluma. Em todos os experimentos, foi adotado o delineamento experimental

    em blocos completos casualizados, com os tratamentos arranjados em esquema

    fatorial 3 x 4 e quatro repeties. No primeiro experimento foram avaliadas trs

    fontes orgnicas (esterco bovino, esterco ovino e hmus de minhoca) e quatro

    propores destes materiais no substrato (0, 20, 40 e 60% v v-1

    ). No segundo

    experimento os tratamentos consistiram da combinao dessas trs fontes orgnicas

    com quatro volumes de recipiente (sacos de polietileno) (635, 1285, 1800 e 3300

    mL). No terceiro experimento, os tratamentos consistiram da combinao das trs

    fontes orgnicas supracitadas com quatro doses de fosfato natural (0,0; 2,5; 5,0 e

    7,5 kg m-3

    ). Nos primeiro e segundo experimentos foram avaliados parmetros

    morfolgicos e nutricionais. No terceiro experimento foram avaliados apenas os

    parmetros morfolgicos. As fontes esterco ovino e hmus de mi