of 40 /40
1

Dinheiro não é brincadeira

Embed Size (px)

DESCRIPTION

cartilha educação financeira

Text of Dinheiro não é brincadeira

  • 1

  • 2A histria em quadrinhos Dinheiro no brincadeira, editada pela Serasa, aborda Valores ecomportamentos envolvidos no ganho e no uso do dinheiro nocotidiano das famlias.

    A publicao tem como objetivo colaborar para o aprimora-mento da discusso em torno da relao trabalhoconsumo,numa concepo didtica, orientada e atrativa s crianas. Acrescente preocupao com esse tema determinou sua inclusocomo parte dos parmetros Curriculares Nacionais para oEnsino Fundamental (PCNs), a exemplo do que j pratica-do nos pases mais desenvolvidos.

    Os reflexos do descontrole oramentrio na vida de umafamlia so profundos e muitas vezes causam traumas edesagregao no ambiente familiar e no trabalho. Por isso, essencial investir em educao financeira, sobretudo duranteo ensino fundamental.

    Dinheiro no brincadeira faz parte da srie SerasaCidadania e contribui para que essa gerao que estingressando na escola cresa com maior preparo para aresponsabilidade financeira e o consumoconsciente, numa relao mais saudvel etica com o dinheiro e a sociedade.

    Elcio Anibal de LuccaPresidente da Serasa S. A.

    A Servio do Desenvolvimento do Brasil

  • 3

  • 4

  • 5

  • 6

  • 7

  • 8

  • 9

  • 10

  • 11

  • 12

  • 13

  • 14

  • 15

  • 16

  • 17

  • 18

  • 19

  • 20

  • 21

  • 22

  • 23

  • 24

  • 25

  • 26

  • 27

  • 28

  • 29

  • 30

  • 31

  • 32

  • 33

  • 34

  • 35

  • 36

  • 37

  • 38

    Direitos Reservados. No esto previamente autorizadas cpias ou transcries, parciais ou totais, porqualquer meio, para fins comerciais ou de recebimentos de vantagens diretas e indiretas, exceto no casode utilizao em meios de projeo visual especficos para cursos e palestras que divulguem este material.

    EXPEDIENTEO gibi DINHEIRO NO BRINCADEIRA uma publicao da Serasa S.A.

    Assessoria de Imprensa da SerasaAlameda dos Quinimuras, 187Planalto Paulista - So Paulo - SPwww.serasa.com.br

    CoordenaoVictoria Rosa Bustamante Iturrieta

    ArgumentosCssia DAquino

    RoteirosCssia DAquinoCludio de Oliveira

    DesenhosCludio de Oliveira

    DiagramaoGerson Lezak

    RevisoVictoria Rosa Bustamante IturrietaMeire Nery

    Educadora com especializao infantil,Cssia D Aquino Filocre autora delivros sobre Educao Financeira.Criadora e coordenadora de Programade Educao Financeira em inmerasescolas do Pas, Cssia o nicomembro sul-americano daInternational Association forCitizenship, Social and EconomicsEducation (IACSEE), organizao comsede na Inglaterra.

    Cludio de Oliveira jornalista pelaUniversidade Federal do RioGrande do Norte e estudou artesgrficas na Escola Superior de ArtesIndustriais de Praga, na RepblicaTcheca. Publicou vrios livros e foipremiado com o trofu HQ Mix como omelhorlivro de charges de 1998.Ganhador do Prmio Vladimir Herzogde 1996, na categoria Artes,atualmente, chargista do jornalAgora So Paulo.

  • 39

    A Serasa foi criada em 1968 com o objetivo de levantar informaesseguras de forma rpida e barata para dar crdito. A atividade da Serasa erareunir dados, proporcionando uma ficha cadastral nica que pudesse serusada por todos os bancos associados na avaliao do crdito. Isso repre-sentou enorme reduo de custos e tempo para bancos e empresas nasrelaes de crdito.A partir da dcada de 90, a Serasa estendeu sua atuao para organizaesde todos os segmentos da economia, desenvolvendo avanadas soluespara decises de crdito e apoio a negcios com alta tecnologia e a custosreduzidos, para todo o Brasil.A Serasa inovou em vrias frentes, inclusive em criar anlise de cadastropara a grande maioria das micro, pequenas e mdias empresas que tinhamna ausncia desse instrumento um fator histrico impeditivo de acesso aocrdito. Como resultado, ao tomar crdito, essas empresas contam commaior rapidez e custos menores, abrindo espao para o crescimento donegcio e a gerao de empregos.Com a Serasa, o crdito ficou mais fcil e gil, ampliando seus benefciospara as empresas e pessoas. Com mais crdito as empresas produzem mais,vendem mais e criam empregos. Com mais crdito, os brasileiroscompram mais casas, automveis e eletrodomsticos, entreoutros, o que aumenta de forma marcante o bem-estar dapopulao.A Serasa investe constantemente nas mais avanadastcnicas de crdito, por meio de acordos com Universida-des e Centros de Excelncia em estudos do instituto docrdito, como parte do aperfeioamento constan-te de sua atividade. A Serasa sabe que naescola esto o conhecimento e o futurodo Pas. Hoje, a Serasa oferecesuas solues para crdito eapoio a negcios nosmais diversosmeios eletrni-cos, entre eles aInternet. Portodas essasrazes, quepodemos afirmarque a Serasa esta Servio doDesenvolvimentodo Brasil.

  • 40

    O modo como cada um de ns lida com as finanas reflete nossasemoes e ambies, e nossos valores e sentimentos de auto-estima. No por acaso, que a vida financeira das pessoas contaquase tudo sobre o modo como elas vem a si e aos outros.

    O fato que construmos as bases de nossa relao com o dinheiroat por volta dos cinco anos de idade. As atitudes que funcionaramna infncia e nos levaram a conseguir os resultados desejadosforam, em boa parte, responsveis pela formao da mentalidadefinanceira que temos hoje.

    No difcil, por exemplo, reconhecer em adultos mimados, quese comportam como se o mundo inteiro lhes devesse os favoresde repetidos emprstimos a fundos perdidos, traos egocntricosda criana que cresceu sem que ningum impusesse limites aoseus desejos. evidente nada to definitivo em relao faltade jeito para lidar com as finanas que no possa ser, no decorrerda vida,consertado e aprendido. Mas, o ideal receber, aindacriana, educao em relao ao dinheiro.

    Dinheiro no Brincadeira, da srie Serasa Cidadania, um passoprecioso nessa direo.

    Cssia D Aquino