DOM - 06/02/2014

  • View
    222

  • Download
    2

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Diário Oficial do Município

Text of DOM - 06/02/2014

  • BELO HORIZONTE

    Posto registrou manifestaes dos cidados sobre os servios prestados pela PBH

    Foto

    s: B

    reno

    Pat

    aro

    Ano XX N. 4.493 R$ 0,90 Tiragem: 2.500 6/2/2014Dirio Oficial do Municpio - DOM

    Ouvidoria retoma trabalho que leva servio do rgo para as ruas da cidade

    Prximas Ouvidorias ItinerantesDia 18/2 - Regio Oeste (avenida Silva Lobo esquina com rua Viamo, bairro Nova Granada).

    Dia 18/3 - Regio Leste (rua Curvelo, esquina com Itajub e Pouso Alegre, bairro Floresta).

    Dia 3/4 - Regio Nordeste (rua Angola, prximo ao nmero 300, bairro So Paulo)

    Dia 16/4 - Regio Noroeste (avenida Ablio Macha-do, prximo ao nmero 1.900, bairro Alpio de Melo)

    Dia 29/4 - Regio Norte (avenida Dr. Cristiano Gui-mares, 1.691, bairro Planalto).

    Dia 13/5 - Regio Barreiro (avenida Sinfrnio Bro-chado, esquina com avenida Visconde de Ibituruna, Barreiro).

    Dia 27/5 - Regio Venda Nova (Estao BHBUS/ Res-taurante Popular, Venda Nova).

    O horrio de funcionamento das Ouvidorias Itine-rantes das 8h s 16h.

    Ouvidoria Itinerante foi instalada ontem na regio da Pampulha e servio vai prosseguir em outras regies de BHA Ouvidoria Geral

    do Municpio (Ouvim) le-vou ontem para a rua Con-ceio do Mato Dentro, no bairro Ouro Preto, na re-gio da Pampulha, um pos-to de escuta mvel para re-gistrar e encaminhar mani-festaes dos cidados so-bre os servios prestados pela Prefeitura de Belo Ho-rizonte. Chamadas de Ou-vidorias Itinerantes, as es-truturas tm a finalidade de estreitar o relacionamento entre o poder pblico e a sociedade, alm de ampliar ainda mais o acesso aos ser-vios prestados pela Ou-vim. A iniciativa retoma o trabalho que comeou em dezembro do ano passado, quando um posto da Ouvi-doria Itinerante foi instala-do na Praa Sete, na regio Centro-Sul. As outras sete regies da capital tambm recebero o servio at o fi-nal do ms de maio.

    Institudo em agosto de 2011, por meio de porta-ria conjunta entre a Ouvido-ria e a Controladoria Geral do Municpio, o programa Ouvi-doria Itinerante surgiu com o objetivo de qualificar o aten-dimento s questes e solici-taes formuladas pelos cida-

    dos junto aos rgos e enti-dades da administrao mu-nicipal. Por meio da Ouvido-ria Itinerante, assim como nos canais j existentes (ver qua-dro Como fazer o registro da manifestao? ao lado), os moradores da cidade podem expressar seus anseios, fa-zer crticas e sugestes. As in-formaes coletadas no pos-to mvel so transferidas na mesma hora, via internet, pa-ra a Central de Atendimento da Ouvidora.

    O interessante que nas Ouvidorias Itinerantes o sistema que vai ao encon-tro do cidado, como acon-teceu com Vera Lcia Lima, moradora do bairro Ouro Preto, que se surpreendeu com a estrutura enquanto passava pela rua. Achei o trabalho positivo. No meu caso, por exemplo, ou me esqueo de ligar ou no te-nho tempo de ir at a algum posto da Prefeitura para fa-zer uma solicitao. Hoje registrei aqui minhas ques-tes rapidamente, avaliou. Para o ouvidor geral do mu-nicpio, Saulo Amaral, importante que o cidado

    se conscientize de que a Ouvidoria um canal feito exclusivamente para ele e, mais do que isso, tambm uma ferramenta para que o cidado participe de forma direta da gesto da cidade.

    Na prtica, as deman-das registradas do condi-es para que as administra-es regionais, secretarias e autarquias da Prefeitura di-recionem investimentos e projetos para atender a po-pulao em suas questes mais recorrentes. Alm dis-so, o trabalho feito pela Ou-vidoria tambm contribui para a ampliao do acesso informao.

    A Ouvidoria em detalhesQual o trabalho da Ouvim?

    A Ouvim mais um canal de atendimento da Prefeitura. Ela registra e encaminha dvidas, recla-maes, sugestes, denncias ou elogios sobre ser-vios da PBH, alm de atender demandas j feitas a outros rgos da Prefeitura e que no foram retorna-das ou solucionadas, ou mesmo aquelas cujo prazo encontra-se vencido. A prpria Ouvim quem d o retorno ao cidado, dentro do prazo de 15 dias aps o registro.

    A Ouvim trata ainda de demandas ligadas lei federal 12.527/11, que dispe sobre o acesso a in-formaes pblicas. Essas demandas tm prazos di-ferentes. Informaes complementares podem ser consultadas no site www.pbh.gov.br/faleconosco ou no Portal da Transparncia, que pode ser acessado na pgina inicial do site da Prefeitura, www.pbh.gov.br.

    Quem pode recorrer Ouvidoria?Todos aqueles que queiram se manifestar a

    respeito dos servios prestados pela Prefeitura de Be-lo Horizonte.

    Como fazer o registro da manifestao?Pela internet: ouvidoriageral.pbh.gov.br

    Presencialmente: BH Resolve (avenida Santos Du-mont, 363, Centro), de segunda a sexta, das 8h s 18h.

    Por telefone: Central de Atendimento Telefnico 156 ou pelo fax (31) 3246-0001

    Por correio eletrnico: ouvim@pbh.gov.br

    Por carta: rua dos Tupis, 149, 16 andar, Edifcio Carvalho de Brito Centro CEP: 30.190-060 Be-lo Horizonte/MG.

    Quais dados so necessrios e o que de-ve ser informado?

    possvel registrar manifestaes mantendo o anonimato. No entanto, solicitaes relacionadas Lei de Acesso Informao devem, obrigatoriamen-te, conter dados como nome completo, nmero da identidade ou do CPF, e-mail, telefone e endereo do solicitante.

    dom 4493.indd 1 05/02/2014 18:31:18

  • BELO HORIZONTEQuinta-feira, 6 de fevereiro de 2014Dirio Oficial do Municpio2

    Poder Executivo

    Pea estrelada por Carlos Nunes tem 100 minutos de durao e fica em cartaz at o dia 23

    Dan

    iel C

    ota

    Kam

    ila D

    anta

    s

    Leg

    tima

    Una

    Div

    ulga

    o

    Fatos tpicos de ambientes de festas so temas de comdia em cartaz no Teatro Sesiminas

    Apresentao no PlugMinas retrata personalidades conceituais atravs de mulheres histricas

    O PlugMinas Centro de Formao e Experimentao Digi-tal recebe hoje, amanh e no s-bado, dia 8, o espetculo A Cas-ca, desenvolvido pelo Grupo Le-gtima Una, composto por alu-nos do Ncleo Valores de Minas, formados em 2012. O trabalho rene elementos coreogrficos e percussivos baseados em pesqui-sas prticas e tericas de danas africanas e afro-brasileiras, reve-lando e recriando elementos cultu-rais. As apresentaes acontecem a partir das 20h30 no PlugMinas

    (rua Santo Agostinho, 1.441, Hor-to). A entrada pode ser trocada por um quilo de alimento no perec-vel e a classificao livre.

    O espetculo retrata ain-da personalidades conceituais por meio de mulheres como Chica da Silva (escrava do sculo 18), Afro-dite (deusa da mitologia grega), Eva (personagem bblico), Gabrie-la (personagem de Jorge Amado), Geni (tema de msica de Chico Buarque) e Olga Benrio (militan-te comunista) e a mulher atual. O trabalho de pesquisa foi feito por

    meio de filmes, textos, livros e m-sicas, sempre com aprofundamen-to das histrias e caractersticas de cada personalidade.

    Segundo Aline Carolina Sou-za, integrante do grupo, a forma como foi tratada a histria dessas personalidades despertou nela um olhar mais crtico e diferenciado sobre sua relao com o mundo. Ela conta ainda que o trabalho de-ver proporcionar ao pblico dife-rentes sensaes e efeitos a partir do que cada mulher significa atra-vs do olhar do coletivo.

    Um dos destaques da 40 Campanha de Popularizao do Tea-tro e da Dana a a comdia Co-mo sobreviver em festas e recepes com buffet escasso, que ser apre-sentada hoje, s 21h, no palco do Teatro Sesiminas (rua Padre Mari-nho, 60, Santa Efignia). A pea fica em cartaz no local at o dia 23 deste ms, depois de ter cumprido tempo-

    radas no Teatro Bradesco e no Gran-de Teatro do Sesc Palladium.

    Durante os 100 minutos de apresentao, o comediante Car-los Nunes narra fatos tpicos que acontecem em ambientes de festas e ensina alguns truques de com-portamento em festas fartas... on-de farta bebida, farta comida... Com muito humor e ironia, o es-

    petculo funciona como um cur-so de autoajuda. Ao final, cada es-pectador recebe um certificado de concluso do curso. Os ingres-sos custam R$ 12. Mais informa-es sobre a programao da cam-panha, com as sinopses de todas as peas, preos e endereos dos postos de venda podero ser ob-tidas no site www.sinparc.com.br.

    Confira a programao de hoje da campanha de

    popularizaoDana Tango Nuestro Baile

    Teatro do Colgio Arnaldo (rua Timbiras, 540, Funcionrios), s 21h. R$ 12.

    Teatro adulto7LiesParaseConquis-

    tar um Homem Quase Perfeito Teatro da Maonaria (avenida Bra-sil, 478, Santa Efignia), s 21h. R$ 12.

    10ManeirasIncrveisDeDestruir Seu Casamento - Teatro Monte Calvrio Unidade Anchie-ta (avenida Contorno, 9.384, Bar-ro Preto), s 20h30. R$ 12.

    15MinutosdeFamaComDlar na Calcinha Espao Pit-goras (rua Santa Madalena Sofia, 30, Cidade Jardim), s 20h. R$ 12.

    A Mandioca Brava Spetculo Casa de Artes (rua Pou-so Alegre, 1.568, Santa Tereza), s

    21h. R$ 12.Acredite,UmEspritoBai-

    xou em Mim Hotel Dayrell (rua Esprito Santo, 901, Centro), s 21h. R$ 12.

    Aonde Est Voc Ago-ra? - Tea tro Sesi Holcim (rua Pa-dre Marinho, 60, Santa Efignia), s 21h. R$ 12.

    Atqueamorteossepa-re Teatro A.M.I (rua da Bahia, 1450, Lourdes), s 21h. R$ 12.

    Casar ou comprar umabicicleta? Teatro do Crea (aveni-da Nossa Senhora do Carmo, 230, So Pedro), s 21h. R$ 12.

    Como fazer uma mu-lher feliz com apenas cinco reais! - Tea tro Santo Agostinho (rua Ai-mors, 2.679, Santo Agostinho), s 20h30. R$ 12.

    Comoselivrardeumde-funto Colgio Sagrado Corao de Maria Unidade Anchieta (rua Professor Estevo Pinto, 400, Ser-ra), s 19h. R$ 12.

    Comosobreviveremfes-tas e recepes com buffet escas-so Teatro Sesiminas (rua Padre Marinho, 60, Santa Efignia), s 21h. R$ 12.

    Confisses das mulhe-res de quarenta Sala Juvenal Dias do Palcio das Artes (aveni-da Afonso Pena, 1.537, Centro), s 21h. R$ 12.

    Divas noDiv TeatroNossa Senhora