EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMÓVEIS RURAIS paulo.borges/Download... · ... GEORREFERENCIAMENTO

Embed Size (px)

Text of EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMÓVEIS RURAIS paulo.borges/Download... · ... GEORREFERENCIAMENTO

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    1

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    18

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    19

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Afinal, o que um imvel rural?

    Questiona-se se o imvel rural a unidade econmica

    agropastoril constante do cadastro do Incra, a unidade descrita

    na matrcula ou, at mesmo, se a rea englobada na declarao

    do ITR.

    At a 2 edio da Norma Tcnica, para o Incra, imvel era a

    unidade econmica rural.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    20

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Compete ao Incra:

    efetuar o cadastro rural;

    fiscalizar a correo dos trabalhos georreferenciados;

    emitir a certificao de que os vrtices do imvel

    georreferenciado no invadem a rea de outro imvel rural

    certificado.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    21

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Imvel, pela lei civil, o solo e suas acesses. Apenas e to-

    somente isso.

    Cdigo Civil Lei n 10.406/2002:

    Art. 79 - So bens imveis o solo e tudo quanto se lhe incorporar

    natural ou artificialmente.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    22

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Sob esse prisma, poderiam ser considerados unidades

    imobilirias um pas inteiro, um municpio, uma fazenda ou at

    mesmo uma diminuta rea delimitada por uma cerca de arame.

    No existem normas para definio dessa unidade e nem ser

    possvel cri-las, por total inviabilidade tcnica e, at mesmo,

    prtica.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    23

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    O Estatuto da Terra, legislao diretamente ligada s atividades

    especficas do Incra, define o que vem a ser imvel rural. Apesar

    de no-muito esclarecedor seu texto (h inclusive divergncias

    sobre sua abrangncia), uma coisa est bastante clara na norma

    legal, que esse conceito vale apenas para os efeitos dessa lei.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    24

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Estatuto da Terra Lei n 4.504/64:

    Art. 4 - Para os efeitos desta Lei, definem-se:

    I - Imvel Rural, o prdio rstico, de rea contnua, qualquer que

    seja a sua localizao, que se destine explorao extrativa

    agrcola, pecuria ou agro-industrial, quer atravs de planos

    pblicos de valorizao, quer atravs de iniciativa privada.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    25

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Segundo o que se extrai desse conceito legal, o imvel rural:

    a) deve possuir potencial para explorao agropecuria,

    agroindustrial ou extrativista;

    b) no perde sua caracterstica to-somente por estar localizado

    no permetro urbano; e

    c) deve ter rea contnua (eis aqui um outro foco de divergncia).

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    26

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    O controle efetuado pelo Estado sob o aspecto agrrio no depende

    diretamente das informaes sobre a titularidade, os nus reais

    eventualmente existentes ou a forma e os valores das transaes no comrcio

    imobilirio, mas sim do potencial produtivo da terra, com o intuito de

    incentivar o desenvolvimento desse importante setor econmico, promover o

    assentamento de famlias em busca de sua dignidade e, tambm, identificar

    as terras no aproveitadas e desapropri-las para fins de reforma agrria

    (misso do Incra).

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    27

    2.1 Conceito de Imvel Rural

    Para o Registro de Imveis, o que vem a ser unidade imobiliria?

    Cdigo Civil Lei n 10.406/2002:

    Art. 1.227 - Os direitos reais sobre imveis constitudos, ou

    transmitidos por atos entre vivos, s se adquirem com o registro no

    Cartrio de Registro de Imveis dos referidos ttulos (artigos 1.245 a

    1.247), salvo os casos expressos neste Cdigo.

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    28

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    USUFRUTO:

    - conceito: direito real conferido a algum de retirar, temporariamente, da coisa alheia os frutos e utilidades que ela produz, sem alterar-lhe a substncia.

    - objeto: mveis infungveis e inconsumveis; imveis; patrimnio; direitos, desde que transmissveis.

    - caracteres jurdicos: direito real sobre coisa alheia; temporrio; intransmissvel e inalienvel; impenhorvel.

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    29

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    SUPERFCIE

    Art. 1.369. O proprietrio pode conceder a outrem o direito de construir ou de plantar emseu terreno, por tempo determinado, mediante escritura pblica devidamente registradano Cartrio de Registro de Imveis.Pargrafo nico. O direito de superfcie no autoriza obra no subsolo, salvo se for inerenteao objeto da concesso.

    Art. 1.370. A concesso da superfcie ser gratuita ou onerosa; se onerosa, estipularo aspartes se o pagamento ser feito de uma s vez, ou parceladamente.

    Art. 1.371. O superficirio responder pelos encargos e tributos que incidirem sobre oimvel.

    Art. 1.372. O direito de superfcie pode transferir-se a terceiros e, por morte dosuperficirio, aos seus herdeiros.

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    30

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    SERVIDES

    Art. 1.378. A servido proporciona utilidade para o prdio dominante, e grava o prdio serviente, que pertence a diverso dono, e constitui-se mediante declarao expressa dos proprietrios, ou por testamento, e subseqente registro no Cartrio de Registro de Imveis.

    Art. 1.379. O exerccio incontestado e contnuo de uma servido aparente, por dez anos, nos termos do art. 1.242, autoriza o interessado a registr-la em seu nome no Registro de Imveis, valendo-lhe como ttulo a sentena que julgar consumado a usucapio.Pargrafo nico. Se o possuidor no tiver ttulo, o prazo da usucapio ser de vinte anos.

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    31

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    SERVIDESArt. 1.412. O usurio usar da coisa e perceber os seus frutos, quanto o exigirem as necessidades suas e de sua famlia.

    1o Avaliar-se-o as necessidades pessoais do usurio conforme a sua condio social e o lugar onde viver. 2o As necessidades da famlia do usurio compreendem as de seu cnjuge, dos filhos solteiros e das pessoas de seu servio domstico.

    Art. 1.413. So aplicveis ao uso, no que no for contrrio sua natureza, as disposies relativas ao usufruto.

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    32

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    HABITAO

    Art. 1.414. Quando o uso consistir no direito de habitar gratuitamente casa alheia, o titular deste direito no a pode alugar, nem emprestar, mas simplesmente ocup-la com sua famlia.

    Art. 1.415. Se o direito real de habitao for conferido a mais de uma pessoa, qualquer delas que sozinha habite a casa no ter de pagar aluguel outra, ou s outras, mas no as pode inibir de exercerem, querendo, o direito, que tambm lhes compete, de habit-la.

    Art. 1.416. So aplicveis habitao, no que no for contrrio sua natureza, as disposies relativas ao usufruto.

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    33

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    DO DIREITO DO PROMITENTE COMPRADOR

    Art. 1.417. Mediante promessa de compra e venda, em que se no pactuou arrependimento, celebrada por instrumento pblico ou particular, e registrada no Cartrio de Registro de Imveis, adquire o promitente comprador direito real aquisio do imvel.

    Art. 1.418. O promitente comprador, titular de direito real, pode exigir do promitente vendedor, ou de terceiros, a quem os direitos deste forem cedidos, a outorga da escritura definitiva de compra e venda, conforme o disposto no instrumento preliminar; e, se houver recusa, requerer ao juiz a adjudicao do imvel.

  • EAC-093: GEORREFERENCIAMENTO DE IMVEIS RURAIS

    34

    2. CONCEITO DE UNIDADE IMOBILIRIA

    PENHOR

    Art. 1.431. Constitui-se o penhor pela transferncia efetiva da posse que, em garantia do dbito ao credor ou a quem o represente, faz o devedor, ou algum por ele, de uma coisa mvel, suscetvel de alienao.

    Pargrafo nico. No penhor rural, industrial, mercantil e de veculos, as coisas empenhadas continuam em