ENGENHARIA DE PRODUÇÃO INSTALAÇÕES INDUSTRIAIS Prof. Jorge Marques Aula 8 Instalações Elétricas Elementos de proteção Fontes Consultadas CREDER. H. Instalações

  • View
    111

  • Download
    6

Embed Size (px)

Text of ENGENHARIA DE PRODUÇÃO INSTALAÇÕES INDUSTRIAIS Prof. Jorge Marques Aula 8 Instalações...

  • Slide 1
  • ENGENHARIA DE PRODUO INSTALAES INDUSTRIAIS Prof. Jorge Marques Aula 8 Instalaes Eltricas Elementos de proteo Fontes Consultadas CREDER. H. Instalaes Eltricas. LTC Manual e Catlogo do Eletricista. Schneider Telecurso 2000 - Manuteno
  • Slide 2
  • Curto Circuito Qual a resistncia eltrica de entrada de uma de uma mquina? Esta pergunta no tem resposta direta. Depende da mquina, porm, duas coisas podem ser ditas: 1. Se a resistncia de entrada for prxima de zero, a mquina est em curto-circuito. 2. Se a resistncia de entrada for muito grande, a mquina estar com o circuito de alimentao interrompido
  • Slide 3
  • Aterramento Circuitos (condutores) rompidos ou mal isolados podem provocar choques eltricos se em contato com a carcaa ou partes de acesso manunal. Tambm a energia eletrosttica pode provocar choques eltricos. Aterramentos so protees contra choques eltricos ou sobrecargas em dispositivos eltricos e componentes eletrnicos. Uma descarga eletrosttica, por exemplo, pode queimar um processador.
  • Slide 4
  • Aterramento Instalaes eltricas industriais possuem os fios fase, neutro e terra. O fio terra , como o nome diz, ligado terra por meio de uma barra de cobre ou ao galvanizado em uma rea especialmente preparada. O fio neutro origina-se de uma ligao terra no poste da concessionria de energia eltrica. A resistncia ideal entre neutro e terra deveria ser zero, j que o neutro tambm encontra-se ligado terra; mas, devido resistncia dos condutores e conexes, pode chegar at a 3 ohms.
  • Slide 5
  • Aterramento O fio terra cumpre uma funo de proteo aos operadores e s instalaes. As carcaas dos equipamentos devem, por norma, ser ligadas ao fio terra. Nesse caso, dizemos que a carcaa est aterrada, isto , no mesmo nvel eltrico que a terra. O aterramento evita choques eltricos quando se toca s carcaas que, por alguma falha ou acidente, encontra-se em contato com condutor fase carregou- se eletrostaticamente.
  • Slide 6
  • Aterramento Os choques podem ser por contato direto ou contato indireto com as mquinas eltricas, portanto, as carcaas mecnicas tambm devem ser aterradas.
  • Slide 7
  • Aterramento
  • Slide 8
  • Chave Designao geral de um dispositivo de manobra mecnica. Na posio aberta assegura o isolamento do circuito e na posio fechada mantm a continuidade do circuito
  • Slide 9
  • Disjuntores As funes bsicas de um disjuntor so: proteger os circuitos contra sobrecargas e curto circuitos permitir comandar a abertura ou o fechamento de um circuito Garante o seccionamento do circuito O disjuntor deve ter capacidade de corrente imediatamente acima da corrente mxima do circuito.
  • Slide 10
  • Disjuntores Os disjuntores no tm funo de: Evitar choques eltricos. Proteger contra falhas de baixa corrente ou baixa tenso. Prevenir correntes de fuga terra. Proteger contra surtos de corrente. Prevenir sobreaquecimentos em conexes.
  • Slide 11
  • interruptores diferenciais residuais (DR) So dispositivos que detectam correntes de fuga e desarmam o circuito quando isso acontece. Protegem as pessoas: o mais eficaz dispositivo de proteo contra choques. Protegem o patrimnio. Mas no dispensam o aterramento e os disjuntores.
  • Slide 12
  • Dispositivo de Proteo Contra Surto (DPS) Tm a funo de proteger os circuitos, as pessoas e os equipamentos eltricos contra correntes de surto. Correntes de surto so elevadssimas correntes em curto intervalo de tempo. Tipicamente as correntes provocadas por descargas de raios. Mas tambm pode ocorrer por alguma falha no sistema de distribuio. O DPS desvia as correntes de surto para a terra.