Fluidos de Perfuração

  • View
    228

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Fluidos de Perfuração

UFCG - UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE FUNDAMENTOS DO SETOR DE P&G

Fluidos de PerfuraoPROFESSOR: GILSON ALUNOS: JOS NAT BRITO ARAUJO AYSLAN CAISSON NORES MAIA VICTOR FELIPE MOURA B. MELO

NDICEDefinies Funes Aditivos Caractersticas Propriedades Classificao Concluso

2

DEFINIO:

Fluido de perfurao um fluido circulante usado para tornar vivel uma operao de perfurao. O fluido de perfurao como o sangue: flui, transporta, cicatriza, transmite fora, estabiliza as presses internas, enfim, perpassa todas as etapas da sondagem como se fosse a extenso viva do ato de perfurar. Eugnio pereira geolgo

3

FUNES

Lubrifica,limpa e resfria a broca.

4

POOS LIMPO COM DETRITOS REMOVIDOS

POO COM DETRITO NO REMOVIDOS

6

TRANSPORTAR OS DETRITOS A SUPERFCIE.

espao

http://www.youtube.com/watch?v=fl8L4qSqSqE&NR=17

PROTEGER E SUPORTAR AS PAREDES DOPOO

8

TRAZER A SUPERFCIE INFORMAES ARESPEITO DAS FORMAES PERFURADAS.

REDUZIR O ATRITO ENTRE A COLUNA DEPERFURAO E AS PAREDES DO POO

10

MANTER A ESTABILIDADE DO POO

11

ADITIVOS

Agentes utilizados para conferir o peso: So adicionados para aumentar o peso do fluido de perfurao com o objetivo de controlar a presso hidrosttica no interior do poo. O mais utilizado a barita ou sulfato de Brio (BaSO4), que pode conter traos de metais pesados como cdmio e mercrio, razo pela qual sujeita controle pelos rgos ambientais competentes. Viscosificantes: So agentes utilizados para conferir viscosidade aos fluidos de perfurao. A viscosidade representa a medida da resistncia interna da lama a fluir. O aditivo mais utilizado para este fim a bentonita. Dispersantes: Possuem a funo de dispersarem os slidos presentes nos fluidos de perfurao. So os lignosulfonatos e lignito.12

ADITIVOS

Defloculantes: Previnem a floculao dos slidos ativos nos fluidos de perfurao. So os poliacrilatos de clcio, sdio e potssio. Emulsionantes: So adicionados para formar, manter e estabilizar emulses. Estabilizam a emulso direta ou indireta (respectivamente, leo em gua e gua em leo). So exemplos os cidos graxos e alquilados sulfonados. Biocidas: Estes agentes controlam os processos fermentativos do fluido de perfurao devido ao de microorganismos como o glutaraldedo, sais quatern rios de amnio e tiocianato. Lubrificantes: Reduzem o atrito entre a coluna de perfurao e as paredes do poo. So os steres graxos e o polipropilenoglicol.

13

ADITIVOS

Inibidores de corroso: Preveno de corroso e descamao dos tubos e demais equipamentos de perfurao. So as aminas flmicas e lcoois superiores. Liberadores de coluna: Empregados no preparo de tampes de fluidos para injeo no espao anular, quando ocorre aprisionamento da coluna de perfurao. So os cidos, hidrocarbonetos e steres graxos. Controladores de ph: Aditivos destinados no s a controlar o pH dos fluidos de perfurao numa faixa preestabelecida, mas tambm reduzir as taxas de corroso e estabilizar as emulses. So os hidrxidos de sdio ou potssio, acido actico e acetato e carbonato de sdio.

14

CARACTERSTICAS Ser bombevel. Manter cascalhos em suspenso. No causar danos s paredes poo. Apresentar massa especifica suficiente para evitar fluxos para dentro do poo. No causar danos aos equipamentos. Permitir a separao e a interpretao dos cascalhos retornados superfcie.

15

PROPRIEDADES

Massa Especfica a massa do fluido por unidade de volume. y Valores limites:y

Mnimo: Determinado pela presso de poros esperada. Impede a ocorrncia de kicks. Mximo: Determinado pela presso de fratura da formao. Impede a fratura da formao.

Aumentar o peso: Baritina. y Diminuir o peso: + Fase lquida.y16

PROPRIEDADES

ReologiaComportamento quando em repouso e movimentao. y Comportamento desejado:y

Movimento: menor resistncia ao fluxo possvel. Repouso: maior resistncia ao fluxo possvel.

y

Os fluidos de perfurao so ditos tixotrpicos (Fora Gel).http://www.youtube.com/watch?v=S8gP3yWsloc

17

PROPRIEDADES

Parmetros de FiltraoRelacionados ao processo de filtrao de fluido para o interior das formaes. y Formao de reboco. y Possibilidade de causar danos a formao.y

18

CLASSIFICAOFluidos de perfurao = fase lquida + fase slida. De acordo com a fase lquida:y

Fluidos base de gua:

Baixssimo preo; Usados nas fases iniciais de perfurao; Baixa toxicidade; Melhor lubricidade; Maior inibio de formaes expostas; Melhor estabilidade a temperaturas elevadas; Aspectos financeiros e ambientais; Menor grau de toxidade; Desvantagem: alto custo;19

y

Fluidos base de leo:

y

Fluidos de base sinttica:

CONCLUSOO fluido devidamente projetado visando atender os diferentes tipos de formaes que sero perfuradas. Busca-se minimizar a interao da rocha como fluido. Utiliza-se o fluido mais vivel a fase a ser perfurada.

20

Obrigado pela ateno!

21