of 16 /16
Especial Pág. 6 Entrevista Pág. 4 www.facebook.com/jornalfolhametro www.folhametro.com.br Distribuição Gratuita Segunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 Ano 41 Nº 12663 o jornal de Guarulhos 0,72% R$ 678 Salário Mínimo Selic 181 Disque-Denúncia Comercialização financia organizações criminosas” Edson Vismona, presidente do Fórum Nacional Contra a Pirataria A experiência faz com que eu saiba o que o policial quer” Wilson Pratt, comandante do 31º Batalhão da Polícia Militar Pratt tem meta definida ao 31º Viajar exige planejamento SILVIO CESAR A abertura dos envelopes estava prevista para hoje, mas o site do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) não informa o motivo da suspensão. A parceria pública-privada (PPP) deveria assumir o tratamento de esgoto por 30 anos, informa Wellington Alves. Pág. 3 Saae suspende concorrência para terceirizar PPP do esgoto Copa abrirá chances a temporários em janeiro Pág. 10 SILVIO CESAR Acidente na Rodovia Régis Bittencourt mata 15 pessoas Cidade Pág. 12 Handebol feminino conquista título mundial inédito na Sérvia Pág. 14 Venda de pirataria gera R$ 24 bilhões ao comércio clandestino Pág. 7 Comemoração – Atletas levantam a taça em Belgrado Clandestinidade - Sonegação de impostos atrapalha o desenvolvimento das economias local e nacional SILVIO CESAR DARKO VOJINOVIC / ASSOCIATED PRESS / AE

Folha Metropolitana 23/12/2013

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Folha Metropolitana - o jornal de Guarulhos

Text of Folha Metropolitana 23/12/2013

  • Especial Pg. 6Entrevista Pg. 4

    www.facebook.com/jornalfolhametro www.folhametro.com.br Distribuio Gratuita

    Segunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 Ano 41 N 12663

    o jornal de Guarulhos

    0,72% R$ 678Salrio MnimoSelic 181

    Disque-Denncia Comercializao financia organizaes criminosas Edson Vismona, presidente do Frum Nacional Contra a Pirataria

    A experincia faz com que eu saiba o que o policial quer Wilson Pratt, comandante do 31 Batalho da Polcia Militar

    QR code generated on http://qrcode.littleidiot.be

    Pratt tem meta definida ao 31

    Viajar exige planejamento

    silvio cesar

    A abertura dos envelopes estava prevista para hoje, mas o site do Servio Autnomo de gua e Esgoto (Saae) no informa o motivo da suspenso. A parceria pblica-privada (PPP) deveria assumir o tratamento de esgoto por 30 anos, informa Wellington Alves. Pg. 3

    Saae suspende concorrncia para terceirizar PPP do esgoto

    Copa abrir chances a temporrios em janeiro Pg. 10

    silvio cesar

    Acidente na Rodovia Rgis Bittencourt mata 15 pessoas

    Cidade Pg. 12 Handebol feminino conquista ttulo mundial indito na Srvia Pg. 14

    Venda de pirataria gera R$ 24 bilhes ao comrcio clandestino Pg. 7

    Comemorao Atletas levantam a taa em BelgradoClandestinidade - Sonegao de impostos atrapalha o desenvolvimento das economias local e nacional

    silvio cesar DarKo voJiNovic / associaTeD Press / ae

  • EDITORIAL MORINI

    tos, sejam eles no trabalho ou na vida pessoal, preciso obter bons resultados em um acordo, deve-se analisar o todo e no cada um, in-dividualmente.

    Neste sentido, uma parbola exemplifica: O praticante catlico tira o chapu em sinal de respeito e humildade quando entra em uma Igreja. Com o mesmo objetivo, o judeu coloca o quip quando entra em uma Sinagoga. Para o catlico, colocar o chapu dentro do templo tem um significado diferente do que para o judeu e vice-versa.

    Na sociedade atual os conflitos surgem por trs razes: competio entre as pessoas; divergncias de quem se quer atingir em ambas as partes ou pela tentativa de autono-mia ou de libertao de uma pessoa em relao a outra. Bauman, soci-logo polons, descreve que nosso mundo de constante individuali-zao, oscila entre o sonho e o pe-sadelo, e no h como determinar quando um se transforma no outro.

    Mas a estrada foi longa, at que essas evidncias vividas abrissem um caminho no modo de pensar e agir das pessoas. Talvez essa pr-pria ideia de relacionamento con-tribua para essa confuso.

    O amor lquido o fascnio re-cproco entre as pessoas por aqui-lo que nelas tem de menos dizvel, de menos socializvel; de refra-trio aos papis e imagens delas mesmas que a sociedade lhes im-pe; aos pertencimentos culturais.

    emprego e sade, vivem infelizes.Gerar terreno frtil para as

    emoes, no fcil, pode-se trei-nar usando palavras que tm co-notao positiva e persuasiva, estes termos geralmente formam imagens da mente do ser humano, o recomendvel exercitar para que no momento da negociao as concluses apaream de forma simples para todos.

    Para criar fortes relacionamen-

    O amor lquido e a negociao

    Inicio o artigo relendo o que Fernando Pessoa descreveu: Os empregados pensam que sero fe-lizes, se conseguirem um emprego. Os enfermos pensam que sero fe-lizes, se conseguirem sade. Mas no pensam que no mundo exis-tem pessoas que, embora tendo

    Quando tudo tiver sido dito, tudo ainda ficar por dizer, sempre restar tudo a dizer

    ESPAO DO LEITORn Estou muito feliz com a inaugurao das salas de cinema do Shopping Ptio Guarulhos, na regio onde moro, a Vila Rio de Janeiro. Esse lazer importante para o bairro que no tem algo parecido e os jovens podero ter um lugar para passear sem se afastar muito de suas casas. Adelaide Figueiredo, por email

    n O anncio de que o ndice de mortalidade infantil cresceu em Guarulhos me deixou muito preocupada. O que ser que est faltando? Atendimento de qualidade ou mais informaes s mes sobre a importncia do pr-natal? De qualquer forma, um dado crtico que precisa mais ateno de todas as esferas de governo. Afinal, com sade no se brinca. Laura Vieira Lima, por email

    n Vi duas mulheres conversando dentro de um transporte coletivo de Guarulhos sobre as dificuldades em agendar cirurgia de mioma. No participei da conversa, porm, fiquei pensando o que poder acontecer com essas mulheres se no conseguirem agendar a cirurgia para tratar da sade. Vou torcer por elas.Carla de Souza, por email

    OPINIOSegunda-feira, 23 de Dezembro de 20132

    Ponto de VistaRosineia oliveiRados santosProfessora, especialista em Psicologia organizacional

    Sede, Redao e Publicidade: Rua Ip, 144 - Jardim Guarulhos - Guarulhos - SP CEP: 07090-130 - Fone: (11) 2475-7800

    CNPJ : 44 .193.423/0001-40

    Tiragem e distribuio auditada por:

    Gerente Comercial: Alceu dos Santos - [email protected] Gerente Comercial (Grandes Agncias): Ramon Martins Silva - [email protected]: [email protected] Comercial: [email protected] Distribuio: [email protected] Recursos Humanos: [email protected]: Reportagem local e Agncia Estado. Filiado a: APJ - Associao Paulista de JornaisRepresentantes Comerciais em Braslia e Rio de Janeiro: Pereira de Souza & Cia. Ltda. Fones: (61) 3226-6601 / (21) 2544-3070Impresso: FolhaGrficaOs artigos assinados so de responsabilidade de seus autores.

    Presidente: Paschoal Thomeu (in memoriam)Diretora-Presidente: Andra Santos Thomeu - Diretor-Geral: Orlando Reinas Jr.Gerente de Marketing: Alberto Frazo Junior - [email protected] e Jornalista Responsvel: Paulo Manso - [email protected]: Luciene Oliveira - [email protected] e Lourdes Dias - [email protected] - Chefe de Reportagem: Las Domingues - [email protected] - Editor de Arte: Sidney Joo de Oliveira - [email protected] de Arte: Ricardo Leocadio - [email protected] - Diagramao: Rafael dos Anjos Candido, Mauro Dias dos Santos e Neri Gonalves Pereira - Chargista: Maurcio Morini - Reviso: Felipe Rabello GonalvesFotos: Guilherme Kastner, Silvio Cesar e Lucas Dantas - Redao: [email protected]

    Relatrio em poder da Administrao

    www.folhametro.com.br

    O caos sob a falta de fiscalizao e planejamento

    Todo ano, na poca das festas, os aeroportos do Pas viram um verdadeiro caos. Oportunistas ou afetadas pela prpria falta de uma logstica eficiente, as companhias areas prota-gonizam desrespeito aos passageiros e uma srie de atrasos em cadeia nos voos sob suas responsabilidades. O resultado so passageiros se descabelando, perdendo compromissos e celebraes, alm de uma prova de que o sistema atual, que no d conta da demanda, est mesmo fadado ao fracasso.

    A iminncia, na semana passada, de uma paralisao dos pilotos e aerovirios em plena sexta-feira, dia j mo-vimentado nos aeroportos alavancou o sentimento de in-

    segurana quanto s falhas que poderiam haver, poten-cializando os problemas j comuns em dias de grande fluxo de passageiros.

    O cenrio desolador dos aeroportos de So Paulo, em-bora j seja conhecido pelas autoridades, Infraero e GRU

    Airport, continua sendo empurrado com a barriga, quase s vsperas da realizao da Copa do Mundo, quando os proble-mas tendem a ser ainda maiores, escancarando nossas defi-cincias estruturais que no so tratadas com a importncia que deveriam por quem compete arrumar a casa.

    No se trata apenas de melhorar a qualidade dos servios oferecidos e a organizao dentro dos aeroportos, com o devi-do cumprimento legislao, mas de prover toda uma estrutu-ra que funcione sem que isto demande mais gastos no bolso do cidado, muitas vezes, refm do sistema e da falta de uma fiscalizao digna e eficiente das autoridades competentes. Alm de voos atrasados e terminais abarrotados de gente, os aeroportos de So Paulo, sobretudo o de Cumbica, sofrem para atender demanda de txis, em que a espera pelo servio, em dias de alta movimentao, pode passar de 40 minutos.

    Passageiros e cidados desejam mais que Boas Festas nes-te fim de ano e esperam no ter presentes desagradveis e uma ceia indigesta em pleno saguo do aeroporto.

    preciso qualidade nos servios oferecidos e organizao dentro dos

    aeroportos, com estrutura que funcione

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 3

    Site do Saae no informa a razo da suspenso

    Sobrinho - Proposta repassar o tratamento de esgoto por 30 anos

    Souza - Previso manter a parceria com as 42 entidades

    Tomaz - Presidente afirma que est em busca de local para a Agru

    PPP para tratamentode esgoto est suspensaWellington Alves - A parceria pblico-privada (PPP) do Servio Autnomo de gua e Esgoto (Saae) para tercei-rizao do tratamento de esgoto em Guarulhos est suspensa. A abertura dos envelopes com as propostas das empresas interessadas seria hoje, mas estava sus-pensa segundo informaes do site da autarquia munici-pal de sexta-feira.

    A Folha Metropolitana solicitou uma entrevista com o superintendente do Saae, Afrnio de Paula Sobrinho, para falar da concorrncia, mas no obteve retorno. A proposta da Prefeitura de Guarulhos repassar o trata-mento de esgoto para empre-sas pelos prximos 30 anos, com contrapartida de R$ 1,2 bilho e investimento para construo de novas esta-es de tratamento.

    Com a suspenso da con-corrncia e as festas de final de ano, o Saae deve realizar a licitao apenas em 2014.

    Sobrinho adiou em quase um semestre o lanamento do edital por preocupao de evitar problemas jurdicos. A minuta inicial, por exemplo,

    divulgada em maio, teve 80 pedidos de alteraes.

    O repasse do tratamento de esgoto para iniciativa priva-da foi a alternativa encontrada pelo prefeito de Guarulhos, Sebastio Almeida (PT), para cumprir o Termo de Ajusta-mento de Conduta (TAC) com o Ministrio Pblico do Esta-do de So Paulo (MPE) que obriga o municpio a tratar 80% do esgoto at 2017.

    Educao tenta manter conveniadasWellington Alves - O secretrio municipal de Educao, Mo-acir de Souza, voltou atrs na deciso de exigir que todos os professores das creches conve-niadas da Prefeitura tivessem formao superior em peda-gogia. Com o risco de perder acordos e aumentar o dficit de vagas, ele publicou nova portaria na sexta-feira para atender aos pedidos de entida-des que ameaavam deixar a parceria com o governo.

    A partir de 1 de janeiro de 2014 todos os professores contratados pelas entidades conveniadas devero ter for-mao em pedagogia, mas a regra no ser aplicada aos funcionrios que j estiverem nas instituies. Os que no tiverem a formao adequada podero manter os empregos at o final do prximo ano, com exceo daqueles que es-tiverem cursando a faculdade.

    Em 26 de novembro a Fo-lha Metropolitana revelou, com exclusividade, que a Pre-feitura perdeu 20% das con-veniadas durante a gesto do

    prefeito Sebastio Almeida (PT). Segundo Souza, a previ-so manter a parceria com as 42 entidades que atenderam creches em 2013.

    O secretrio afirma que os pequenos ajustes servem para resolver o conflito. Ele diz que no prximo ano devero ser inauguradas novas creches prprias da Prefeitura nos cen-tros educacionais unificados (CEUs) Bonsucesso, Continen-tal e Itapegica.

    Promessa de 2012, agncia do Saae continua no papelWellington Alves - A poderosa Agncia Reguladora dos Servios Pblicos de Sanea-mento Bsico do Municpio de Guarulhos (Agru), anun-ciada pelo prefeito Sebas-tio Almeida (PT) no final de 2012, ainda no est em operao. O rgo que ir fiscalizar a aplicao dos servios pblicos inicia os trabalhos apenas em janei-ro, informou o presidente Plinio Tomaz.

    A Agru poder multar as secretarias e autarquias municipais, assim como os prestadores de servios. In-fraes consecutivas podem gerar multa de at R$ 50

    milhes. A agncia tambm ir regulamentar os proce-dimentos de atendimento.

    Tomaz afirma que est em busca de um imvel para instalar a Agru. Te-mos vrias opes, diz. A agncia deveria comear a vigorar no primeiro semes-tre, mas teve o lanamento adiado por consecutivas fa-lhas jurdicas da Prefeitura, que no tinha previsto or-amento para o rgo. J a equipe tcnica, que contar com um ouvidor, ainda ser definida com Almeida.

    Comeo com tudo em 2014, sem dvidas, afirma o presidente.

    Almeida cede terreno para a GuarucoopWellington Alves - O prefeito de Guarulhos, Sebastio Almei-da (PT), sancionou a lei que cede rea de 1,6 mil m no Jardim Pinhal para a Guaru-coop cooperativa dos taxis-tas do Aeroporto Internacio-nal de So Paulo/Guarulhos. A legislao, aprovada na Cmara Municipal, foi publi-cada ontem no Dirio Oficial do municpio e prev isen-o de taxas e impostos.

    A Guarucoop presidida h 18 anos pelo vereador Ed-milson Americano (PHS), que vice-lder de governo. A rea j estava sendo utilizada pela cooperativa atravs de um de-creto, mas Almeida aceitou o

    pedido de regulamentar a situ-ao por lei. O prefeito j tinha tomado outras decises que agradou aos taxistas, como permitir que os profissionais locais cobrassem bandeira 2 durante o ms de dezembro.

    A Guarucoop se compro-meteu a construir uma nova sede em um ano, alm de implantar uma praa pbli-ca com projeto paisagstico e equipamentos. De acordo com Americano a rea ser revita-lizada, com a proposta de ofe-recer curso de ingls no bair-ro. Ele diz que a Prefeitura j tinha concedido o mesmo be-nefcio para outras cooperati-vas de txi na cidade e a Fiesp.

    Lucas Dantas

    siLv

    io c

    esar

    siLv

    io c

    esar

  • entrevistaSegunda-feira, 23 de Dezembro de 20134

    Experincia das ruas inspira o comando

    Vivncia -Cel. Pratt diz que conhecer o trabalho da rua ajuda no comando

    Alfredo Henrique - O tenente--coronel Wilson Pratt Correa assumiu o comando do 31 Batalho da Polcia Militar de Guarulhos (31 BPM) h quase dois meses. Formado tenente pela Academia de Po-lcia Militar do Barro Bran-co, em So Paulo, o policial sempre trabalhou nas ruas. Ele atribui a experincia ad-quirida em quase 30 anos de policiamento ostensivo fardado ao estilo com o qual lida com seus subordinados. Ele afirma saber o que um policial quer sem precisar ouvir. Basta observar como ele entra em minha sala.

    Correa ficou trs anos na academia, de onde saiu for-mado em 1985. Aps isso, ele trabalhou 12 anos no po-liciamento de trnsito de So Paulo e mais 15 anos em pe-lotes e companhias da PM em todas as regies da Capi-tal, na Baixada Santista e no ABC Paulista. a primeira vez que o comandante vem profissionalmente a Guaru-lhos, onde vinha somente para visitar familiares.

    Folha Metropolitana Como o senhor pretende co-mandar o 31 BPM?

    Coronel Pratt - A presena um elemento de comando importante. A tropa tem que saber que o comandante co-nhece a rua e os problemas do policiamento ostensivo. A experincia faz com que eu saiba o que o policial est querendo, no momento em que ele pe o p para entrar em minha sala. O coman-dante precisa estar atento para o que a tropa anseia, precisa e gostaria.

    FM E o que sua tropa anseia, precisa e gostaria?

    CP No s a tropa do 31 BPM, mas toda PM gosta que seu trabalho seja reconheci-do. Pela corporao isso j feito, mas com a populao mais complicado. A prpria mdia ajuda para isso.

    FM De que forma?CP Uma matria so-

    bre violncia infelizmente d mais audincia do que um caso em que policiais ajudam, por exemplo, uma mulher a dar luz. O reco-nhecimento por parte da populao mais tardio e diminuto.

    FM Mas a imprensa tam-bm divulga casos de vulto, como grandes apreenses e aqueles em que a polcia au-xilia a populao. Como em todas as profisses, h bons e maus profissionais.

    CP - Sim, concordo. Tanto que a PM mantm um setor de comunicao que atende exclusivamente a imprensa, divulgando os casos de im-portncia que devem ser co-nhecidos pela sociedade.

    FM Qual o principal pro-blema percebido pelo senhor na regio do 31 BPM, no pouco tempo em que est na cidade?

    CP bom ressaltar que o batalho tambm cuida de Aruj e Santa Isabel. Nestas regies h uma discrepncia social muito grande. Temos que lidar com a diferena social nelas e em Guarulhos.

    FM Como isso acontece?CP O policial tem que es-

    tar preparado para conversar com o desembargador, que mora em uma rea de alto padro, por exemplo; como tambm conversar com o ci-dado pobre, que mora em uma regio carente.

    FM Este o principal desafio em sua rea?

    CP funo do coman-dante mostrar para o po-licial que ele precisa man-ter a mesma postura para qualquer pessoa. O PM tem que saber que abraou uma carreira que exige isso. E ele deve ter conscincia que tambm integra a popula-o que defende. Temos a obrigao funcional de aju-

    dar e apoiar qualquer um, sem distino.

    FM E os policiais do 31 BPM se encaixam neste perfil?

    CP Percebi que eles j lidam com isso (diferenas sociais). Mas com o apoio do comando eles tm mais respal-do. O comandante deve apoiar da mesma forma que fiscaliza. O policial um ser humano como outro qualquer.

    FM Quais outras caracte-rsticas o senhor poderia des-crever sobre os subordinados?

    CP No s os policiais do meu batalho, mas todos os PMs so legalistas. Eles no apenas prendem ladres contumazes como fazem com que a lei seja cumprida por todos.

    FM Poderia dar algum exemplo?

    CP Vamos pensar uma situao hipottica. Um se-nhor, trabalhador, usa seu carro para realizar o trans-porte de verduras para a fei-ra. Porm, a PM constata que os pneus do veculo esto ca-recas. No momento em que informam que o carro deve

    ser rebocado, as pessoas ale-gam que o carro pertence a um trabalhador. Tudo bem que o motorista trabalha, mas o carro est em situao irregular, expondo outras pessoas a riscos. Da aconte-ce um acidente com vtimas e as pessoas vo falar: cad a Polcia Militar que no ti-rou este carro da rua?.

    FM Mudando de assunto. H planos de futuras operaes para combater a criminalidade na regio do 31 BPM?

    CP Por uma questo de planejamento, no posso fa-lar datas de operaes. Mas posso garantir que para toda a cidade esto sendo es-tudadas intervenes para combater a criminalidade. Para isso, desenvolvemos um planejamento estratgi-co com base nas estatsticas que temos por regio, tipo de delito e o horrio em que eles acontecem. Nas reas das companhias da PM j ocorre isso.

    FM - Podemos chamar de microoperaes?

    CP Sim. So feitas cons-tantemente intervenes

    com base nos dados que j falei, com o intuito de preve-nir os crimes por regies de companhias, posicionando estrategicamente nossos ho-mens nos locais.

    FM fato que a partir do momento que a vtima no re-gistra o crime sofrido (subnoti-ficao) o trabalho estratgico da polcia fica prejudicado?

    CP Sim. importante que a populao colabore re-gistrando as ocorrncias para que a PM possa posicionar suas viaturas e homens em locais onde os crimes aconte-cem. Para combater efetiva-mente a criminalidade, ne-cessria uma estatstica que esteja o mais prximo poss-vel da realidade. E tambm h outras formas que atrapa-lham nossa logstica.

    FM Quais?CP De crimes que come-

    am, por exemplo, em So Paulo e terminam em Gua-rulhos. Por isso, importan-te que se leia um por um os boletins de ocorrncias em nossa regio.

    FM Qual o principal tipo de crime a ser combatido na regio de seu batalho?

    CP Os furtos e roubos de veculos.

    FM Segundo o secret-rio municipal de Transportes e Trnsito, Atlio Pereira, a frota de carros de Guarulhos de 600 mil veculos. Este aumen-to ajuda a aumentar os furtos e roubos?

    CP No diretamente. O crime migra. O bandido dei-xa de fazer uma atividade quando ela oferece riscos, comeando (a praticar) ou-tra. Os atuais crimes mais praticados em minha rea so reflexos disso. E esses crimes so combatidos com inteligncia. Unindo isso contribuio da populao (registrando os crimes) os n-dices tendem a diminuir.

    Silvio CeSar

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 5

    pblico

    Significados - Os pastores so representados no prespio pelos pobres e impuros que so salvos pelo Senhor

    igrejas catlicas montam 170 prespios Alfredo Henrique - Indo na con-tramo do consumismo de fi-nal de ano, as igrejas catlicas de Guarulhos montaram ao menos 170 prespios que po-dem ser admirados gratuita-mente nas capelas, resgatando o esprito do Natal cristo.

    O vigrio-geral da Dioce-se da cidade, padre Antonio Bosco, afirma que o prespio para os cristos uma forma de anunciar o evangelho [de Cristo]. No importa o lugar onde seja feito, o prespio sem-pre tem o mesmo significado. Cada regio enriquece o pres-pio com elementos locais.

    Segundo o padre, somen-te os apstolos Mateus e Lucas escreveram na Bblia sobre a infncia de Jesus e, consequentemente, sobre seu nascimento. Por isso, o relato atribudo a ambos usado para se montar e entender o significado do prespio.

    A montagem do pres-

    pio feita com imagens de Nossa Senhora, So Jos, os trs reis magos, os pastores, animais e, claro, do menino Jesus, diz o vigrio.

    O prespio para os cris-tos no encarado como uma alegoria, mas como uma representao clssica da palavra de Deus. Montar um prespio tem o valor de uma orao. uma forma artstica de se louvar ao Se-nhor, afirma Bosco.

    Segundo ele, Maria ouve a palavra de Deus e a acolhe no corao. So Jos, pai adotivo de Jesus, fiel e silencioso aos desgnios de Deus. Jesus o prncipe da paz, acrescenta.

    Bosco ainda diz que os trs reis magos representam as naes que creem em Cris-to. Eles trazem ouro, incenso e mirra que presenteiam ao rei, a Deus e aos sofrimentos humanos que se manifestam na pessoa de Jesus.

    Histria da representaoOs relatos bblicos dizem

    que os trs reis magos segui-ram uma estrela at Belm, que fica na atual Cisjordnia.

    A luz divina os guiou at uma manjedoura, onde havia um beb recm-nascido. Um anjo anunciou o nascimento

    do salvador a pastores, que tambm se dirigiram ao lo-cal de nascimento de Cris-to. A presena dos animais materializa uma profecia que diz que os irracionais seriam os primeiros a sentir a mensagem de Deus.

    A Prefeitura tambm montou trs represen-taes do nascimen-to de Jesus Cristo na cidade: na Biblioteca Monteiro Lobato, no Bosque Maia e na sede da Proguaru.

    Lucas Dantas

  • especialSegunda-feira, 23 de Dezembro de 20136

    Os detalhes na escolha e na quantidade certa de peas resultam em uma mala bem organizada

    Sade: fique atendo S vacinaS

    Sade - H pases que exigem o certificado de vacina ao turista

    Planejamento - Todos os detalhes de uma viagem, por mais simples que possa ser, devem ser planejados para evitar transtornos, dizem especialistas

    Comparar preos ajuda a economizar na viagemDeisy De Assis - Para a aquisio de produto ou servio, a pes-quisa de preo sempre a principal indicao dos espe-cialistas. Com as viagens no diferente. Para economizar, a dica comparar valores.

    Segundo pesquisa do Con-selho Regional de Correrores de Imveis do Estado de So Paulo (Crecisp), as dirias em imveis na praia neste perodo vo variar entre R$ 120 e R$ 1.792,86 em doze cidades do li-toral paulista, sendo que o me-nor valor o encontrado em apartamentos com um dormi-trio e o mais alto, em casas com at quatro dormitrios.

    No entanto, o presiden-te da entidade, Jos Augusto Viana Neto, considera que os preos ainda possam aumento se o vero for de muito sol e calor. Segundo o especialista, provvel que muitos prefi-ram dias na praia em funo dos preos para viagens inter-nacionais. Alm do tempo, certamente vai pesar nessa de-ciso a situao do oramento das famlias que cogitavam destinos na Europa ou nos Es-tados Unidos, afirma.

    Segundo a empresa TripAd-visor, site de viagens com mais 500 mil propriedades para alu-guel de temporada, possvel economizar at 56% durante as frias, se os preos forem comparados precocemente. Um exemplo da TripAdvisor Orlando, na Flrida.

    Para o destino, sete dias em aluguel de temporada de dois quartos custa R$ 2.181, ao pas-so que sete dias em dois quar-tos de hotel custa R$ 4.948. Ainda segundo a empresa, destinos mais populares de Es-tados Unidos e Europa tm os melhores preos de hotis.

    Ainda no que diz respeitos s locaes, o diretor do Zap Imveis, Eduardo Schaeffer, diz que fundamental plane-jar com antecedncia para evi-tar problemas e, se possvel, visitar o imvel. Temos a ferramenta de busca de im-vel para temporada, frisa.

    Organizao da mala faz a diferenaDepois de decidir des-

    tinos, comprar passagens, acertar hospedagem, chega a hora de arrumar as baga-gens, acompanhadas de d-vidas sobre como organizar a mala, o que levar e como.

    Gerente de hospedagem do Hotel Escola Senac, Ser-gio Kiyoshi Kawasaki frisa que a escolha das peas que iro compor a bagagem de-vem ser feitas levando em considerao o destino, o tempo de permanncia e se se trata de viagem de traba-lho ou de frias.

    De maneira geral, acon-selho uma troca de roupa

    para cada dia da viagem. preciso ateno para no le-var roupas em excesso, diz Kawasaki, que ainda orien-ta a escolha de peas em co-res neutras.

    Quanto organizao da mala, a dica que os cala-dos sejam colocados em sa-cos plsticos e acomodados em primeiro lugar na mala. Em segundo lugar coloca--se a cala dobrada com as duas pernas formando uma s. Depois vm as demais roupas e, quando terminar a bagagem, a parte de baixo das pernas das calas abra-a as outras peas, diz ele, que ainda frisa que o pija-ma a ltima pea a com-por a mala.

    No que se refere aos produtos de higiene, estes devem ser colocados na ba-gagem de mo. Outra dica incluir na mala maletas dobrveis para acomodar presentes que possam ser comprados no percurso.

    A Secretaria de Estado da Sade alerta que dependendo do des-tino escolhido, necessrio tomar a vacina contra a febre ama-rela. Em regies silvestres de alguns estados brasileiros, como Minas Gerais, Bahia, Paran, Rio Grande de Sul e parte do Estado de So Paulo, o risco de contgio pela febre amarela maior. Por isso a preveno fundamental para evitar a doena. Alguns pases tambm exigem um certificado internacional obrigatrio de imunizao contra a febre amarela, uma vacina para permitir a entrada de turistas.A doena, infecciosa viral aguda, transmitida por mosquitos e que pode levar morte. Os sintomas mais comuns so febre alta, calafrios, vmitos, dores no corpo, pele e olhos amarelados, san-gramentos, fezes cor de borra de caf e diminuio da urina. Indica-se a vacina a partir dos nove meses de idade e o ideal que seja tomada at dez dias antes da viagem.

    Guilherme Kastner

    lucas Dantas

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 7

    Mercado ilegal de softwares tambm acentuado, com 53% de produtos piratas e receita de R$ 2,8 bilhes

    sdu nega

    Campeo - A venda de culos piratas lidera a lista, seguida da de cigarros

    comrcio clandestino fatura R$ 24 bilhesSilvio CSar

    Alfredo Henrique - A comerciali-zao de produtos piratas gera lucros bilionrios aos respon-sveis pela circulao de itens com qualidade duvidosa pe-los mercados clandestinos do Pas. Somente em 2012, foram comercializados R$ 24 bilhes em produtos sem patente e fiscalizao. Os dados so do Frum Nacional Contra a Pi-rataria e a Ilegalidade (FNCPI). Os dados de 2013 ainda no foram divulgados.

    O presidente do frum, Edson Vismona, afirma que o mercado de produtos piratas gera prejuzos ao governo (que deixa de arrecadar impostos) e principalmente ao consumi-dor. A sonegao de impostos total e a comercializao des-tes produtos financia organi-zaes criminosas, afirma.

    Vismona acrescenta que no ano passado a Receita Fe-deral apreendeu o equivalente a R$ 2 bilhes em produtos pi-

    ratas. Os nicos que ganham com isso so as pessoas que vendem estes produtos.

    Dados do FNCPI infor-mam que o produto cam-peo em pirataria so os culos. A venda ilegal deles rendeu R$ 8 bilhes. O mer-cado de culos piratas repre-senta 41% de todos os itens do gnero comercializados no Brasil. O segundo item no ranking o cigarro. Vis-mona ressalta que 26% do mercado nacional constitu-do por cigarros piratas.

    Guarulhos tem 24 feiras irregularesO Sindicato do Comr-

    cio Varejista de Guarulhos (Sincomrcio) identificou 24 pontos de feiras ilegais na ci-dade, entre o ano passado e a semana passada.

    O comrcio irregular de produtos foi identificado em 17 bairros, sendo que os locais

    com maior incidncia deste tipo de atividade so Jardim Presidente Dutra e Cidade So-berana. O feirante clandesti-no vende artigos baratos, mas a origem duvidosa, frutos de produo em regime de se-miescravido e at corrupo, informa o sindicato.

    Piratas vendidos na regio central

    A reportagem verificou na manh de sexta-feira que produtos piratas so comer-cializados livremente na re-gio central da cidade. No calado da Rua Dom Pedro II, chuteiras de futebol da marca Nike eram vendidas a R$ 50. O produto original custa entre R$ 100 e R$ 189, segundo apurado em lojas regularizadas da regio.

    A Secretaria de De-senvolvimento Urbano de Guarulhos (SDU) foi questionada sobre o n-mero de produtos piratas apreendidos na cidade. Porm, nenhum dado foi enviado pela pasta.

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 20138

    Descarte de entulho irregular frequente no local

    A Proguaru informa que ir limpar novamente o local nesta semana. Quem for flagrado jogando entulho irregularmente na cidade paga multa de R$ 1.652 por metro cbico. Denncias podem ser feitas no telefone 0800-772-2006, de segunda a sexta-feira, das 8h s 22h.

    limpeza

    estgio paraarquitetura e urbanismo

    O CIEE est com vagas abertas para Arquitetura e Urbanis-mo. Os estudantes devem estar cursando entre o 7 e 9 semes-tre. A bolsa-auxlio de R$ 1.356 para jornada de seis horas di-rias. Entre os benefcios est o auxlio-transporte. O local de trabalho ser em Guarulhos e os interessados devero mandar um currculo para [email protected] e no assun-to informar o cdigo da vaga: 01009128.

    Outras oportunidadesEnsino Mdio Alunos do 1 ano. Empresa localizada no Jardim Terespolis, Guarulhos. Bolsa-auxlio de R$ 300. Cdigo 01018045.

    Fisioterapia Alunos do 1 ao 7 se-mestre. Empresa localizada no Cen-tro, Guarulhos. Bolsa-auxlio de R$ 700. Cdigo 00973130.

    Relaes Pblicas Alunos do 3 ao

    6 semestre. Empresa localizada na Vila Roslia, Guarulhos. Bolsa-auxl-io de R$ 1.000. Cdigo 00993551.

    Enfermagem Alunos do 5 ao 7 semestre. Empresa em Itapegica, Guarulhos. Bolsa-auxlio de R$ 450. Cdigo 01017522.

    Engenharia de Produo Alunos do 3 ao 6 semestre. Empresa locali-zada em Industrial, Guarulhos. Bolsa-

    Mais informaesPara acessar as vagas de Guarulhos e regio, basta fazer o cadastro no site do CIEE www.ciee.org.br ou ligar no telefone 3046-8211 e informar o cdigo da vaga. J as vagas de Mo-gi das Cruzes e regio, ligar para 4799-2500.

    auxlio de R$ 903. Cdigo 01014358.

    Tcnico em Segurana do Trabalho Alunos do 1 e 2 semestre. Em-presa localizada em Cidade Satlite, Guarulhos. Bolsa-auxlio de R$ 806. Cdigo 01007011.

    Engenharia Civil Alunos do 3 ao 6 semestre. Empresa localizada no Parque So Miguel, Guarulhos. Bolsa-auxlio de R$ 750. Requisito: Excel. Cdigo 01015974.

    Tcnico em Indstria Alunos do 1 ao 2 semestre. Empresa localizada no Jardim Perova, Aruj. Bolsa-auxl-io de R$ 900. Cdigo 01015417.

    Direito Alunos do 3 ao 8 semes-tre. Empresa localizada no Centro, Itaquaquecetuba. Bolsa-auxlio de R$ 700. Cdigo 01011978.

    centro de integrao empresa-escola

    Entulho e lixo em rua do Continentalobstruem passagem alfredo Henrique - Montes de entulho so jogados irregu-larmente no meio da Rua Valdimiro Laurentino Pes-soa, que ser uma das vias de acesso ao futuro Cen-tro de Educao Unificado (CEU) do Parque Continen-tal. Apesar das constantes limpezas realizadas pela Prefeitura, o lixo volta a ser despejado no local.

    Os descartes so feitos a poucos metros de distn-cia de um Ponto de Entrega Voluntria (PEV), na Ave-nida C, onde os restos de obras so separados e en-caminhados para a Usina Recicladora da Progresso e Desenvolvimento de Gua-rulhos (Proguaru).

    A Prefeitura limpa, mas em apenas dois dias cami-nhes vm na madrugada e sujam tudo de novo, in-forma o mecnico aeronu-tico Aldair Jos dos Santos.

    Segundo ele, desde que se mudou para regio, h seis anos, convive com entulho despejado irregularmente na rua que ser uma das vias que margearo o futu-ro CEU do bairro.

    A reportagem esteve no local, na manh des-ta tera-feira, e verificou que alm de entulho h um monte de pneus, onde havia gua acumulada, na qual mosquitos procriam. O risco de dengue. Alm disso, ratos, escorpies e at cobras so atrados pe-los descartes irregulares e j teriam invadido casas da regio.

    lucas dantas

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 9

    Comerciantes dizem que foram prejudicados

    Mudana - Depois que o sentido de direo na Rua Dona Dica foi alterado comerciantes lamentam prejuzos

    Nathlia Braga - A alterao do sentido de direo na Rua Dona Dica, no Jardim Tranqui-lidade, deixou comerciantes locais indignados. A rua, que uma travessa da Avenida Emlio Ribas, passou a ser con-tramo recentemente. Quem vem da avenida e segue em direo ao Centro no pode mais entrar direita.

    Segundo o proprietrio de um posto de gasolina, Carlos Alberto, a queda no movimen-to desde a alterao gritante. Caiu uns 50%. Os carros no podem entrar na rua para che-gar ao posto. Tem que dar a volta na [rua] Jacob, que est sempre travada, declara.

    Outra queixa a de que no houve nenhum estudo ou aviso por parte da Secreta-ria de Transportes e Trnsito (STT) antes de o sentido de direo ser mudado. Coloca-ram a placa na quarta-feira

    alterao em via cria polmica no Tranquilidadenoite. Na quinta-feira de ma-nh a rua j era contramo, conta o comerciante Neri Oli-veira dos Santos.

    Os comerciantes j se orga-nizaram e fizeram um abaixo--assinado com moradores da rua para recorrer. Na semana que vem vamos entregar di-retamente nas mos do Atlio um pedido formal para que a alterao seja revista, diz o conselheiro da ACE Mrcio Justino Godoy, referindo-se ao secretrio de Transportes e Trnsito de Guarulhos, Atlio Pereira. A STT foi procurada, porm no se pronunciou so-bre o assunto at o fechamen-to desta edio.

    Lucas Dantas

  • economiaSegunda-feira, 23 de Dezembro de 201310

    Janeiro - Fluxo de turistas deve provocar movimento de vagas

    Copa - Devem aumentar chances a temporrios logo no incio do ano. Essa a aposta de economistas sobre o cenrio de empregos no Pas e na cidade

    Emprego deve retomar flego em janeiroChiCo Junior - O fraco desempe-nho na criao de empregos registrado em novembro no

    Pas e tambm em Guaru-lhos deve perder o flego no incio do ano, preveem economistas ouvidos pela Folha Metropolitana. Os entrevistados argumentam que a Copa do Mundo j comear a gerar oportu-nidades logo em janeiro. Principalmente para pos-tos temporrios.

    O economista e profes-sor da Faculdade Anhan-guera Antonio Azambuja afirma que o prximo ano vai estar cheio de opor-tunidades. Azambuja ar-gumenta que o torneio mundial vai ser respons-vel pelo aquecimento na economia com resultado na gerao de empregos. O fluxo de turistas deve pro-vocar movimento de vagas logo em janeiro.

    Um estudo feito pela Associao Internacional de Transporte Areo (Iata, sigla em ingls) aponta que as cidades-sede responde-ro por 75% do movimento areo no Pas. A presena do Aeroporto Internacio-nal de So Paulo/Guaru-lhos um catalisador dessa expectativa. A previso que o segmento temporrio seja beneficiado.

    A presena de uma se-leo e a ampliao do ae-roporto so outros dois fa-tores relacionados Copa que podem impulsionar contrataes locais em 2013. Em agosto, o pre-sidente da GRU, Antonio Miguel Marques, disse que as mudanas estruturais capacitam Cumbica para atingir movimento de at 60 milhes de passageiros por ano. Os setores de ser-vios e de comrcio so os que mais devem receber essa injeo.

    Agncias respondem por 21 mil vagasAs agncias de emprego

    que atuam no municpio, consultadas pela reporta-gem, registraram juntas mais de 21 mil vagas dis-ponveis no primeiro se-mestre deste ano. O levan-tamento foi feito a partir dos dados enviados pelas empresas conforme pedido da reportagem. O nmero desconsidera as vagas da agncia pblica.

    Por haver agncias com oferta em setores seme-lhantes, a soma pode repre-sentar dupla contagem. No entanto, o volume aponta o crescimento de postos no municpio. A unida-de guarulhense do grupo New Company possua no primeiro semestre mais de 70% das vagas ligadas aos segmentos tcnicos e ope-racionais.

    Emprego teve forte desempenho Na retrospectiva no primei-

    ro semestre, o comportamento do emprego registrou forte de-sempenho em Guarulhos. O ano vem registrando resultado positivo, mesmo com o recuo registrado em novembro.

    Elaborado a partir de dados do Ministrio do Tra-balho e Emprego (MTE), o Cadastro Geral de Empre-gados e Desempregados (Caged) aponta que foram criados pouco mais de 8

    mil postos de trabalho. Esse nmero dos seis pri-meiros meses resultado das admisses excludas as demisses no perodo.

    J em novembro, o Caged apontou que a criao de va-gas sofreu queda de 35% no comparativo ao mesmo pe-rodo de 2012. As empresas guarulhenses geraram 630 postos no ms passado. Em novembro anterior, foram criados 969 empregos.

    Baixa taxa de empregoCom otimismo moderado, a economista e professora da PUC--SP Cristina Helena Pinto Mello afirma que o nvel de desem-prego no deve sofrer mais queda. natural que no tenha um crescimento quando a gente j est diante de uma esp-cie de esgotamento. A no ser que seja feita uma mudana estrutural no teremos crescimento, argumenta. Na mesma linha de raciocnio de Antonio Azambuja, Cristina diz acreditar tambm que alguns setores da economia brasi-leira vo ter um crescimento. Em especial, empregos na rea de temporrios, declara.

    Silvio ceS

    ar

    Divulgao

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 11

    Secretaria de Desenvolvimento Urbano informa que ir vistoriar o estabelecimento

    consumidor

    Jorge Wilsonespecialista em Direito do Consumidor

    Consumidor: Ateno!

    Troca de presentes

    Qualquer dvida, entre em contato no telefone

    2408-6556 ou pelo sitewww.jorgewilson.org

    Chegando as comemoraes de fim de ano, voc s vezes precisa voltar s lojas para trocar aquela roupa que no serviu, o sapato de que no gostou, o eletroele-trnico que voc j tem, e surge a seguin-te pergunta: eu tenho direito de trocar o produto? A resposta : depende! O Cdigo de Proteo e Defesa do Consumidor es-tabelece em seu artigo 49 que o Consu-midor pode desistir do contrato, no prazo de sete dias a contar da assinatura ou do ato de recebimento do produto ou servio, sempre que a contratao do fornecimen-to de produtos ou servios ocorrer fora do estabelecimento comercial, especialmente por telefone ou em domiclio. Desta for-ma, voc tem possibilidade de troca sim-

    plesmente porque o produto no do seu agrado ou porque no serviu, a chamada troca imediata.

    No caso de compras feitas pessoalmen-te, as lojas, em regra, procuram efetuar trocas para fidelizar seus clientes, man-tendo assim um bom relacionamento com sua freguesia. Deste modo optam por con-ceder um prazo para realizar a troca. Veri-fique no produto se consta prazo para tro-ca e fique atento ao prazo estabelecido e s condies que foram determinadas no ato da compra. Se o produto apresentar al-gum defeito, voc tem o prazo de 90 dias para reclamar para produtos durveis e 30 dias para produtos no durveis. Caso a loja ou o fabricante conceda garantia contratual maior que 90 dias, voc poder reclamar no prazo estabelecido. O que importante neste momento, consumidor, a boa relao e o respeito do fornecedor com o seu cliente.

    Moradores se queixam de som em bar no Maia AlfreDo Henrique - Alguns mo-radores do Parque Renato Maia afirmam que suas noi-tes de sono esto sendo pre-judicadas por causa do som alto, uso de drogas e at sexo praticado prximo a uma praa do bairro. Alguns vizi-nhos do bar Mauii atribuem o barulho ao estabelecimen-to, da mesma forma que ou-tros discordam disso.

    Uma moradora da re-gio, que pediu para no ter o nome publicado, informa que o estabelecimento pro-move festas de quinta-feira a domingo. O barulho se mantm at de madrugada, por volta das 4h.

    Outro morador, que tam-bm no quis ter o nome pu-blicado, informa que o pro-prietrio do Mauii, Leandro Balcone, foi de casa em casa para conversar sobre eventu-

    ais transtornos e que estaria disposio da populao para solucionar problemas causados pelo bar.

    Balcone informa que o estabelecimento estaria fe-chado desde ontem para re-alizao de projeto acstico.

    J o coronel Carlos Alber-to Protti, comandante do 15 Batalho da Polcia Militar, informa que reforar o po-liciamento na regio para impedir o uso de drogas e averiguar as demais queixas.

  • cidadeSegunda-feira, 23 de Dezembro de 201312

    Resgate Bombeiros tiveram trabalho para realizar o resgate das vtimas

    NELSON ANTOINE / FOTOARENA / AE

    ae/abr - Um acidente na Rodo-via Rgis Bittencourt deixou ao menos 15 pessoas mortas na madrugada de domingo, j na chegada da pista a So Paulo, na altura da cidade de So Loureno da Serra, km 301. O motorista foi indicia-do por homicdio culposo, pois h indcios de que ele tenha dormido ao volante.

    Segundo dados da Auto-pista Rgis Bittencourt, um nibus da Viao Penha saiu da rodovia e tombou com 50 passageiros em um barran-co, caindo de uma altura de aproximadamente 50 metros. Segundo a Polcia Rodovi-ria Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 2h e o

    acidente com nibus mata 15 pessoas na Rgis Bittencourt

    Evento de ontem coletou alimentos que sero doados a entidades

    o saldo trgico do acidente

    Jogo do bem Para celebrar aniversrio, houve quatro partidas de futebol

    15vtimas fatais

    Implantessua oportunidade!

    Implantessua oportunidade!

    Tcn

    ico

    Resp

    onsa

    vl D

    r. An

    toni

    o de

    And

    rade

    Net

    o CR

    O C

    L 12

    .039

    Seleo para tratamentos em condies especiais!

    Ligue e agende sua avaliao 11 2461 2234

    Av. Dr. Timteo Penteado, 2321 I Vila Hulda I Guarulhos SPwww.dierenzaodontologia.com.br

    Faculdade Funorte

    Da reDao - O projeto JB12 completou ontem um ano de atividade em Guarulhos. Para celebrar a data, foi or-ganizado um evento que contou com a presena de jogadores profissionais de futebol. Eram esperadas en-tre 600 e 700 pessoas para a festa. A sigla JB12 so as ini-ciais de Jonathan Borges. J o nmero 12 se refere aos anos que ele se dedicou ao futebol.

    Projeto assistencial completa um ano na cidadeLucAS DANTAS

    Ajudamos as comunida-des de Guarulhos, de forma geral, com iniciativas que prio-rizam o social, afirma Borges. Ele informa que, em um ano de trabalho, 15 instituies foram ajudadas pelo JB12. Foi cobrado como entrada para a festa de ontem dois quilos de alimentos no perecveis por convidado, que sero doados a entidades beneficentes.

    O evento de ontem, cha-mado de O Grande Espet-culo, reuniu 19 atletas profis-sionais, sendo 11 do futsal e o restante do futebol de campo.

    Eu apadrinhei o projeto, pois acredito que iniciativas como esta so fundamentais para mudar a realidade de crianas e jovens carentes,

    afirma o jogador profissional de futsal Fino de Arajo. Ele jogou na Rssia e voltou ao Brasil h oito meses para atuar, a partir do prximo ano, no So Jos.

    Toda semana o JB12 re-aliza atividades para coletar alimentos, vestimentas e ma-teriais escolares para as comu-nidades carentes da cidade.

    Durante a festa de on-tem, foram realizadas qua-tro partidas de futebol, com destaque para a que reuniu craques profissionais dos gramados e das quadras. Alm disso, tambm hou-ve a apresentao da Banda Orquestral Pimentinhas e a apresentao de danas acrobticas.

    nibus havia sado de Curitiba com destino ao Rio de Janeiro.

    Para o Hospital Geral de Itapecerica da Serra, foram encaminhadas 12 vtimas. Uma destas vtimas morreu a caminho do hospital.

    Os corpos de todas as vti-mas fatais foram transferidos para o Instituto Mdico-Legal (IML) Central, no centro da capital paulista, por determi-nao do governador Geraldo Alckmin. Quatro hospitais da

    regio prestam atendimento aos feridos.

    A psicloga Elisabete Sou-za Lima, que prestou depoi-mento na delegacia de Itape-cerica da Serra, relatou que no sentiu freada brusca e que acordou com a sensao de que o veculo havia batido em alguma coisa mole, pois no ouviu barulho. Em se-guida, o nibus comeou a capotar. Tenho muita sorte de estar viva.

  • variedadesSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 13

    palavras cruzadas diretaswww.coquetel.com.br Revistas coquetel 2013

    RIES: Momento que poder benefici-lo nas questes familiares. Pode demorar, mas conseguir o que est pretendendo. Pense mais em seu lar.

    TOURO: Sua personalidade estar ressaltada hoje, o que vai deixar voc mais atraente e simptico. O fluxo benfico dos astros esto lhe dando continuidade e persistncia.

    GMEOS: Evitar afobaes e correrias e a precipitao, ser muito importante. Demonstre domnio sobre si prprio e passar airosamente por um perodo difcil do ano.

    CNCER: H possibilidades de se sentir um pouco indisposto no perodo da manh. Cuide do sistema nervoso. Voc atravessa um grande perodo de vantagem material e financeira.

    LEO: Uma notcia agradvel sobre negcio ou encontro amoroso, lhe trar satisfao. Excelentes oportunidades de se realizar sentimentalmente, socialmente e profissionalmente.

    VIRGEM: Indcios de excelente contatos com pessoas mais idosas que voc e bom nvel financeiro e material. Inteligncia clara e forte magnetismo pessoal.

    LIBRA: Dia negativo para os negcios, para tratar de assuntos jurdicos e mudanas de um modo geral. Neutro para os casos sentimentais e um tanto quanto ruim para viagens.

    ESCORPIO: Suas energias podero ser empregadas com resultado. No entanto, evite assumir compromissos contra os seus interesses, mesmo que seja para agradar a algum.

    SAGITRIO: Aproveite este benfico dia para promover seu sucesso social, profissional e material. Saiba que uma excelente conjuno astral o est favorecendo.

    CAPRICRNIO: Se voc conseguir evitar a tenso nervosa diante das pessoas importantes, tudo poder acabar bem neste dia.

    AQURIO: Procure a felicidade no terreno espiritual e tudo ser mais fcil, hoje. Os astros o favorecem em todos os sentidos para isso.

    PEIXES: Hoje, voc ter surpresas agradveis. Ascenso prevista durante todo este dia. Amor e vida conjugal, favorecidos.

    21 MAR.20 ABR.

    21 ABR.20 MAI.

    21 MAI.20 jUN.

    21 jUN.21 jUL.

    22 jUL.22 AGO.

    23 AGO.22 SET.

    23 SET.22 OUT.

    23 OUT.21 NOV.

    22 NOV.21 dEz.

    22 dEz.20 jAN.

    21 jAN.19 fEV.

    20 fEV.20 MAR.

    HOrscOpO omaR caRdoso Filho | www.omarcardoso.com.br

    A coluna Livros & Ideias volta a ser publicada no dia 6 de janeiro de 2014

    Carlos Gontow professor de ingls para crianas, adultos e adolescentes

    Em cena - Trabalhos como ator, autor e diretor no ensino de ingls

    Professor e blogueiro, Carlos Gontow lana dois livros

    O professor de ingls, es-critor, diretor de teatro, ator e blogueiro Carlos Gontow lan-a dois livros pela Disal Edito-ra: Voc Consegue Aprender o Que Quiser Estratgias e dicas de aprendizado que podem ser aplicadas a qual-quer rea (183 pgs., R$ 29) e Aprenda Ingls Cantando e Aprenda a Cantar em Ingls (172 pgs., R$ 36, escrito em parceria com Cris Gontow, sua ex-mulher).

    Calos Gontow professor de ingls h 27 anos. D aulas para crianas, adolescentes e adultos. Alm disso, d cur-sos e palestras de treinamen-to para professores de ingls, em diversos Estados do Pas. Trabalha tambm - como ator, autor e diretor - com o ensino de ingls por meio do teatro.

    autor do livros The Classroom is a Stage - 40 Short Plays for English Stu-dents (A Sala de Aula um Palco 40 peas para Estu-dantes de Ingls) e 101 Dicas Para Voc Aprender Ingls com Sucesso (344 pgs., R$ 58), tambm publicados pela Disal. Alm disso, autor do blog Dicas para Aprender In-gls (http://dicasingles.word-press.com), que j teve cerca de 200 mil acessos.

    Autores escreveram cenas para vdeoEm 2005, Carlos Gontow

    e Cris Gontow foram convi-dados pelo professor Donald Freeman, do SIT Graduate Ins-titute de Vermont (EUA), para escrever o vdeo que acompa-nha a sua srie de livros Icon, vendida no mercado de ensino de ingls. Escreveram 24 pe-quenas cenas em que utiliza-ram as estruturas gramaticais dos diversos captulos do livro.

    Gontow foi convidado a participar das gravaes do

    vdeo em Boston, nos EUA. As cenas foram gravadas em DVDs, que so vendidos com os livros de Freeman.

    DIVUlgAO

  • esportesSegunda-feira, 23 de Dezembro de 201314

    Na deciso do terceiro lugar, a seleo da Dinamarca derrotou a Polnia por 30 a 26 e garantiu a medalha de bronze

    xtase Jogadoras do Brasilcomemoram o ttulo indito

    Lance Deonise Cavaleiro, do Brasil, tenta se esquivar da marcao na partida de ontem

    Al dA MAtA guarulhense, mster em Gesto do Futebol pela FPF/FGV e jornalista.Email: [email protected]

    De bate-pronto

    Como duro quando a idade pesa, amigo!

    Dez minutos do primeiro tempo. Um camisa 10 arranca com a bola, consegue um bom drible, troca passes com os companheiros, sai na cara do gol e pe a bola para balanar as redes! A eu-foria toma conta rapidamente daquele jogador experiente. Bem como de um garoto, que o tem como dolo, e acompanha tudo posicionado jun-to ao alambrado.

    Trinta minutos do primeiro tempo. O mes-mo jogador tenta mais uma finta, mas em-barreirado pelo adversrio, bem mais jovem. Ganhar na velocidade j no d mais. Parte do prazer com a pelota fica na saudade. Resta a bola parada. O torcedor mirim faz o primeiro comentrio desapontado.

    So quinze minutos da etapa final. Agora os passes precisos no se completam. A bola sai curta, no peito de um rival. O companheiro bate com os baos na cintura. O contra-ataque mortal. Do lado de fora, uma camiseta cobre o rosto daquele pupilo.

    Aos quarenta do segundo tempo, ah, bem antes disso, o futebol solidrio vai para o espa-o. Ningum mais toca a bola ou marca de for-ma aguerrida. A bola passa perto, mas o joga-dor no alcana. A pelada est instituda. Sem graa. O menino deixa o camarote.

    Como duro quando a idade pesa, amigo! Por mais que se treine, o metabolismo no mais o mesmo. As novas geraes vem ba-bando. Resta o futebol segmentado, por faixa etria. Mas como se cada vez mais falta tempo para quem passou dos 30 anos?

    A situao aqui serve para o amador e o pro-fissional. Do Jos ao Ronaldinho Gacho. Isso mesmo. Do Jos ao Ronaldinho Gacho.

    Sem jogar com a mesma competitividade, uma pergunta comea a martelar: o momento de parar? Depende. O que te faz mais feliz? Pro-curar um lugar e as pessoas certas para uma nova dinmica com a bola ou se entregar s limitaes naturais do corpo humano da cabea aos ps? A resposta do Jos no sei. A do Ronaldinho Gacho pode estar em breve no futebol dos EUA.

    ESTUFANDO AS REDES!Ainda acredito em Leandro Damio. Sem entrar no mrito do valor pago, acho que o Santos faz bem em tirar o atacante do Internacional. Dos centroavantes em atividade no Pas, o que me parece com mais condies fsicas e tcnicas para ir bem nos prximos anos.

    Brasil bate Srvia e fatura1 Mundial no handebolAE - O dia 22 de dezembro de 2013 ficar para sempre marcado na histria do handebol brasileiro. Foi neste domingo que a seleo bra-sileira feminina escreveu de uma vez por todas seu nome como uma das grandes potncias da modali-dade, conquistando pela primeira vez o Campeonato Mundial. O gi-nsio lotado em Belgrado e a pres-so de disputar a primeira final de sua histria no assustou o time de Morten Soubak, que derrotou as donas da casa srvias por 22 a 20 e faturou o ttulo da competio.

    A campanha foi perfeita, com nove vitrias em nove partidas dis-putadas. Mesmo quando enfrentou equipes de muito mais tradio no esporte, como as prprias srvias, as dinamarquesas - ambas derrota- das duas vezes -, ou as hngaras, as

    jogadoras brasileiras passaram por cima, com a propriedade de uma seleo que se consagrou ontem como a melhor do mundo.

    O ttulo coroou um projeto que foi iniciado nos ltimos anos, com oito jogadoras da seleo, mais o tcnico Morten Soubak, atuando juntas na equipe Hypo N, da ustria. Depois de um quinto lu-gar no Mundial de So Paulo, em 2011, e da sexta posio nos Jogos

    Olmpicos de Londres, no ano se-guinte, o lugar mais alto do pdio finalmente veio neste domingo.

    A felicidade foi completa porque tambm neste domingo a brasileira Duda foi anunciada como a me-lhor da competio. A goleira Babi tambm foi considerada a melhor de sua posio e entrou na seleo do torneio. Na final, no entanto, foi a melhor jogadora do mundo em 2012, Alexandra Nascimento, que decidiu ao marcar seis gols.

    Depois de se acalmar, brasileiras viram o jogoA seleo brasileira comeou

    um pouco nervosa. Mesmo as-sim, no deixava a Srvia desgar-rar no placar, ficando atrs por um ou dois gols durante quase todo o primeiro tempo. Com o passar do tempo, no entanto, as comandadas de Morten Soubak se acalmaram e conseguiram a virada, indo para o intervalo em vantagem: 13 a 11

    No incio da etapa final foi a vez de as srvias mostrarem nervosismo e o time brasileiro aproveitou para abrir cinco gols de vantagem. As donas da casa s voltaram a marcar com mais de trs minutos no segundo tempo, graas a um tiro de sete metros que suspendeu Duda por dois minutos.

    A ausncia de Duda fez o

    Brasil diminuir o ritmo e as srvias aproveitaram para en-costar. Foi a vez de as brasilei-ras passarem um longo perodo sem marcar e a situao s no piorou ainda mais porque a go-leira Babi e a falta de pontaria das anfitris ajudaram.

    Com cinco minutos para o fim, a Srvia chegou ao empate, o que incendiou o ginsio.

    O Brasil voltou a ficar frente, mas a Duda foi novamente sus-pensa por dois minutos quando a partida se encaminhava para o fim. As donas da casa consegui-ram o empate, mas Rana recolo-cou o time brasileiro em vanta-gem a dois minutos para o final. Ana Paula ainda marcou mais uma vez para confirmar de uma vez por todas o ttulo.

    DARKO VOJINOVIC / ASSOCIATED PRESS / AE

    MARKO DROBNJAKOVIC / ASSOCIATED PRESS / AE

  • classificadosSegunda-feira, 23 de Dezembro de 2013 15 TUdo aQUi - Anuncie 2475-7810

    CURSOS

    Vende-sestio em

    Cidade Pilar(MG)com 91,7 hectare

    Valor por hectare R$ 6.000,00Casa com energia eltrica a

    60 km de Patos de Minas;Terra mista, com 15 hectare

    de eucalipto na faze de corte.Contato direto c/proprietrio

    (011) 4114-4030Marisa

    SENSITIVADO AMOR

    Marque hoje mesmo umaconsulta e mude j sua vida.

    97959-9933 Tim

    Sigilo absoluto e trabalhosrpidos e eciente.

    Respostas e solues p/ todosos seus problemas, consulta c/tar do amor e dos anjos. Eladir a sua vida, sem que voc

    diga nada.

    2605-3772

    Promoes parafechamento de

    Eventos em:DEZEMBRO

    eJANEIRO

    DJ e decorao GRTIS

    Ganhe 20 pessoasGRATUITAS para

    eventos nasSEXTAS e DOMINGOS

    Parcelamentoposterior ao Evento

    2408-1502www.espacocoliseobuet.com.br

    4215-7626

    Bate-Papo

    (Antigos 4003!) (Maiores 18 anos!)(Ligao Local! 24 Horas!)

    So Paulo, Rio e Porto Alegre

    Canal Brasil (Heteros): 3080-9000LFeminino: 3080-9023

    GMasculino: 3080-9022

    Com mulheres ehomens de:

    Empresa de transporte contrata:

    Atendimento SAC / COLETA,com experincia em funesadministrativas;Coordenador de Trfego;Expedio;Vendedor;Motorista;Aj. de carga;Telemarketing

    Enviar CV:[email protected]

    Residir em Guarulhos - SP

    EMPREGOS

    Contrata

    PRECISA GAROTAMaior, p/ trabalhar em Priv no Centro- GRS. F: 2087-2091 SERRALHEIROP/ montagem de portes auto-mticos. F: 2937-3586

    IMVEIS

    Aluga-seALUGA-SE SITIOp/ temporada, finais de sema-na e casamento. Tenho vaga p/ Natal. Tel: 4483-0323 CASA V.AUGUSTA2 cmodos, p/ 1 pessoa. R$ 450,00. F:4964-3250/99338-2087 GALPOrea 300m c/ plataforma, escritrio, wc, coz., zona mis-ta. P direito 7,5m. R$ 7 mil. Tranquilidade. F: 2422-5767 c/ Vicente

    LitoralCHCARAS PERUBEOportunidade. Entr.+ R$ 299,/ ms. 98083-2678/ 4116-1714 POUSADA ITANHAMR$ 130,00/ casal c/ caf, 30 mt da praia, exceto Reveillon. F: 98779-4740 t/ 99988-0181 v

    APTO ANEL VIARIO75 Mts, sac. churr. 2 vgs. Aceita Apto maior valor. R$ 385Mil. F: 4964-2885/ 7831-5826/ 7732-3589 APTO GOPOUVA2 Dorm, 1 vg, elevador e pisci-na. R$ 205 Mil F: 4964-2885/ 7831-5826/ 77323589 APTO MXIMO97 Mts. R$ 540 Mil. F: 4964-2885/ 7831-5826/ 7732-3589 APTOS IGARATA 100 m Apenas 190 Mil ac. Fin. C/ Renata F: 4658-1254/ 4278-0133 APTOS PIMENTAS2 Dorms, 54m, a partir R$ 44 mil F: 96145-3033 Pacheco IMPERDVEL Sobrado! 3 dorms, aceita fi-nanc. R$ 320 mil. F: 3437-4648 LINDA CASACaragu, 2 dorms c/ sute. F: 2409-5457 / 99856-4856 VIVO. LINDA CASA NOVAPrx. ao Continental 1; c/ 2 dorms, 2 vgs gar, ac. financ. R$ 280 mil F: 7852-8107 LINDO APTOExcel. acabamento prox. Sho-pping $ 145 mil vista. 3437-4648 LINDO APTO VAGOC/ 2 dorms. Prx. ao Sonda V. Rio; oportunidade!! R$ 165 mil, ac. financ.; F: 7852-8107 MAIRIPORATerreno 520m, c/ 13 de frente e 40 de fundos.Agua,luz,tel e conduo perto T 24053877. OPORTUNIDADE!Terreno 5x25, 1 comodo, R$ 50mil. 2229-3624/ 2482-0977 SAIA DO ALUGUELParc. a partir de $ 218,75. c/ FGTS F: 3462-2999 SOBRS. VILLAGIO MAIA3 E 4 Dorms. F: 4964-2885/ 7831-5826/ 7732-3589 TERR. MARAGOGIPEItaqu, Murado, c/ asfalto, dok. OK, 6x36, plano. Entr. R$65 mil + 24 parc. R$ 800,00 FIXAS. F: 98739-0022/ 98020-0674 TERRENO 512 MJ construdo, c/ 1 sobrado e 1 casa, entr. individual, c/ es-critura, R$ 360 mil. F:. 95388-2582 TERRENO ITANHAMAo lado do aeroporto, 240 m, R$ 55 mil. F: 95881-1791 tim/ 99896-7619 vivo TERRENO MISTO248m, R$ 150 mil ou entrada de R$ 50 mil + saldo do finan-ciamento. F: 2437-7721

    NEGCIOS

    CursosSEGUNDO GRAUSupletivo rpido publicado em Dirio oficial, incio ime-diato. Aceito Fac. e concurso. F: 2463-2761/ 2409-9561

    INGLSCurso de frias de 1 ms . Ja-neiro 2014. F: 2358-2804.

    Esotersmo

    OportunidadesALUGA-SE BOXNo mini-shop. (Jd. Itapo). F: 96874-9200 Oi/ 4378-9510 EQUIPAMENTOSP/ aougue em timas condi-es. F: 2446-1981/ 96329-6821 EXELENTE PONTOCentro Gru 80 m + fundos. Fone: 95024-5650 SORV./ PASTELARIA110m,completissima, Mov. R$ 60mil; Oportunidade!! R$ 125mil. pgto.negociar F: 96145-3033 VDO DISTRIBUIDORAProdutos p/ Sorvete e Emba-lagem. Praa 8 de Dezembro - Guarulhos. F: 2405-3608 VENDE-SEUma Padaria e Aluga o ponto. F: 2401-5998/ 2407-8364- Guarulhos-SP VENDO MERCADOC/ Aougue e Padaria, R$ 250 mil. F: 95755-8944 c/ Mrcio. VENDO PADARIAC/ amplo espao p/ investi-mento. Fone: 2229-7324 VENDO PIZZARIAGopouva! Delivery, funcionan-do. F: 2087-0137/ 98056-5379

    SERVIOS

    Festas

    ALEGRIA FESTLocao de mesas, cadeiras, freezer e toalhas F: 2279-1928 96166-7449 CHCARA P/ FESTAS2 sales, 2 pisc., 2 cpo fut., qd. vlei e Pq. infantil. F: 4657-2028/ 99291-1405 CRISTAL - ALUGAMesas, Cadeiras, tendas, to-alhas, Freezer. 3435-5232/ 2809-0405

    OutrosA BIG CAMPE1 a 10 dias SPC/ Serasa/ Bco Central/ c/ ou s/ch dev/ prot Tx ap $100, 2981-9051/ 2983-3654

    COZINHEIRO EAj. de Garom p/ trab. Kame Sushi Restaurante Japons, Centro Guarulhos F: 2229-0886 ARTE FINALISTAIndstria de embalagem em Cumbica contrata: C/ conhe-cim. Corel/ Fotoshop. Inicio imediato F: 99631-5092/ 99631-0651 AUX. TECNICODe Enfermagem p/ casa de repouso,12x36, cooperativa. P/ trabalhar em Tucuruvi, ZN. F: (11) 2987-8688 COSTUREIRAExterna, c/ exp. em Malha. F: 2229-6427/ 96892-7014 oi EMPRESAEm Bonsucesso/ Guarulhos contrata Eletricista de Ma-nuteno Eltrica, Eletricista Montador e Eletrotcnico, Supervisor de Manuteno Eltrica. Curso Eletrotcnica ou Eletricista SENAI. 1 ano ex-perincia. CV p/ [email protected] EMPRESA PAUPEDRAAbre vagas p/ pessoas c/ Defici-ncia todos benefcios masc./ fem. Tratar F: 2466-8888 n-gela GRAOM/ BARMANP/ inicio imediato, Compare-cer c/ CV na R: Estrela Hacki-mey Zeraibe, 42- Centro- Gua-rulhos. INSTALADORProfissional de Som, alarmes e Insufilm c/ exp Sl. R$ 2 mil CTR + VT. F: 4307-1333/ 1334. JOVENS/ CRIANASBebs. Mesmo s/ exp. p/ figura-o comerciais TV e catlogos. 2409-6279/ 2409-6806 agen-ciaSdemodelo.com.br MOTOBOYP/ entrega de gua mineral, diria R$20,00 + R$1,00 por galo, hor. 8:30 as 18:00. moto prpria. 2409-5907/ 2229-6538 MOTORISTACategoria E, para trab. em Guinchos. F: 2304-2065. ORAMENTISTAE Polidor, c/ exp. Comparecer R.: Brs Cubas, 249. Vl. Lanzara em Hor. Comercial.

    Sitios & ChcarasTAPERA GRANDE3.500 m t. topografia e loca-liz. R$ 60 mil. F: 96314-2035 C

    TemporadaAPTO FRENTE MARAlugo. Fao reservas fim de ano. 1 dorm, sl, coz, wc, churr. na sacada, 1 vg. AcomoD 6 pess. F: 3854-9646/ 98784-3475 KITNET PRAIA GDEp/ 6 pess. Natal e frias dispo-nvel. F: 97317-8643

    Vende-seAP NA PLANTA 76M3 dorm c/ ste,Terrao (espao p/ sac gourmet), 1 vg. Entr. prevista 03/2014. Dir. c/ propr. No paga tx. comis. e interm. imobil. Empreend. Tecnisa lo-caliz. Av. Dr. Timoteo Pentea-do, 2.410. Vl Galvo. Invest. R$ 95 mil entr. R$ 243 mil financ. c/ bco sua escolha. Invest. to-tal R$ 338 mil. 98407-1778 c/ Karla

    ALTO PODERTrago seu amor aos seus ps, pgto aps result 2601-2548/ 98655-6305 T/ 99741-9008 V DONA JULIAPare de sofrer! Joga-se bzios, cartas e tar. Fao mais de 21 magia africana para obter seu amor de volta. No fao falsas promessas, meus trab. so rap. e garantidos. Trago seu amor de volta. Consulta grtis. F: 95153-3864tim/ 96405-3123vivo/ 3715-7463 FAO 21 AMARRAOFalo tudo s/ que diga nada, tra-go seu amor 7 dias amarrado e apaixonado a seus ps, domi-nado p/ sempre por + dificil que seja, cons. pessoal ou tel., result. imed.100% garantidos. F: 3445-5620 / 98425-4957T/ 96817-6671O ME DE SANTOConhecida na TV e no Rdio, faz tds os tipos de trab., p/ amor, comrcio, vcios, impo-tncia sexual, trab. Africanos e Baianos. Trago seu amor em 12h. F: 2229-1043/ 95793-8836 T Obs: Marque sua con-sulta e mude sua vida. Previ-ses p/ 2014. PARE DE SOFRERTrago o seu amor aos seus ps, 100% garantido, sigilo absolu-to. Trab. p/ todos os fins. Fao o que os outros s prometem. F: 2825-1608/ 98106-0863 PARE E REFLITAJoga-se bzios e cartas, ensi-na simpatia p/ o amor, exp. H mais de 50 anos. Consulta 3kg alimento no perecvel F: 4965-4972/ 98411-1850

    InformticaASSIST. TCNICAConserto computadores, re-movemos vrus, conf. speedy, tx nica $ 45, atend. local. 4604-2633/ 96871-0130 Oi seg. seg.

    RelaxACOMPANHE O SITE!www.elenlemos.net BELA LOI-RA Atendo s. 99387-0124 ANITA 18A. INICIANTE+ 6 Amigas. Rua Cuevas, 18 - Centro- GRS. F: 2087-2091 BRUNA ANAL GIRT.Duda ninfeta/ Mnica/ Cin-tia Oral Puro. 2091-6140 M. Carro CACAU R$30/1HBeijo grego, anal na faixa s/ frescura, 3224-9866 Mt. Re-pblica CAMILA COROALorraine anal giratrio, oral s/ camis. + amigas. 2082-2050 Penha GACHA 19A.Linda, S. e BB. enormes, Orl. gul. inic. no Anl. 2409-1089 Guarulhos KUBANACANPrecisa-se de garotas p/ Priv e Boate. C/ almoo e janta, a par-tir de 18 anos. F: 2303-0398 MASSAGEMF: 97392-6238 c/ espuma, v-rias tcnicas, atendo s PROMOO!Leve 3 p/ R$ 40,00 (imperdi-vel) F: 3435-3991/ 2087-3887 Guarulhos

    Sade

    ServiosESTETICISTAMass .Relaxante, drenagem linfatica e limp. de pele. At. c/hr. marcada. F: 980326308 - oi Sueli

    VECULOS

    CarrosFIAT IDEA 1.6 16VMPI Essence, flex, 4p, autom. 10/11. Al., ar cond., bco mo-torista c/ ajuste alt, comp. de bordo, DT, DH, encosto de cabea traseiro, LT, rdio, CD player e toca fitas, RE, rodas de liga leve, TE, VE, volante c/ regulagem altura,bcos couro. IPVA pago e lincenciado R$ 31.500. 94138-1778/ 7887-1372 Ramon

    GOL GERAO 42007, R$11500,00, doc. ok.,bom estado F:2440-7130/7723-1822 HILUX 3.0 SRV 4X4Turbo, diesel, automtica, cor cinza, 2008. F: 7837-4334 KIT GS DE KOMBIVendo completo R$ 200,00. F: 3432-3610/ 98731-2077 KOMBI / 97Branca, t estado, partic. R$ 8 mil. F: 3432-3610/ 98731-2077 MONTANA SPORTPreta, 1.4 flex, 2011. F: 7837-4334 PNEUS MEIA VIDANacionais, Pirelli, Firestone, Goodyear, carros, Pick ups e utilitrios aro 13 ao 17. Todas medidas. Bom preo. 7724-1871/ 7724-5681 www.pes-capneus.com.br SIENA 2007vidros eletricos e travas. R$ 16 mil . F: 3534-6032 TEMPRA 97 4 P., 16V.Compl. R$ 4 mil + multas (R$ 3.500 pagto futuro). 97057-9912 VENDO TUCSON 2012Preta. 24.000 km. R$ 51.500,00. Aceita troca por Onix 1.0 ou HB20 1.0. F 97402-3819

    SPACEFOX 07Flex / Preta / Completa - R$23.600,00 F:99138-0874

  • Segunda-feira, 23 de Dezembro de 201316