Click here to load reader

Folha Regional de Cianorte - Edição 990

  • View
    226

  • Download
    7

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Versão Impressa da edição 990 da Folha Regional de Cianorte com circulação na quinta-feira, 19 de junho de 2014

Text of Folha Regional de Cianorte - Edição 990

  • CIANORTE-PR - QUINTA-FEIRA, 19 DE JUNHO DE 2014 - ED. N 990 - Web: www.folhadecianorte.com - Email: [email protected]

    1 O JOrnal da famlia!

    Avanam as obras da Praa Duque de Caxias

    Ano 13 - Edio 990 R$ 2,00 - Site: www.folhadecianorte.com - E-mail: [email protected] - Fone (44) 3018-2876

    Quinta-feira, 19 de Junho de 2014

    Torcida de Cianorte comemora at empate do Brasil

    COPA DO MUNDO

    O torcedor cianorten-se est to animado com a Copa do Mundo de Fu-tebol 2014 que comemora at empate em jogo ruim.Mesmo com o 0 a 0 entre Brasil e Mxico na ltima tera-feira (17) tarde em Fortaleza (CE), o centro

    de Cianorte teve a presen-a de grande nmero de torcedores combuzinao em motocicletas,carros de-corados e a tradicional fes-ta. Inclusive com famlias passeando juntas e unifor-mizadas com camisas da Seleo Brasileira. PG. 8

    Mulher morta a facadas em Cianorte

    TRAGDIA

    Um crime brbaro cho-cou a populao de Cianor-te, na manh desta quarta--feira (18). Tnia de Souza Servilieri, de 37 anos, fun-cionria de uma tica em Cianorte, foi morta com pelo menos duas facadas no peito. O crime foi come-tido na Avenida Paraba, dentro do carro de Tania. Segundo as informaes, aps desferir as facadas, o assassino trancou o vecu-

    lo e deixou a mulher ago-nizando at a morte. Tes-temunhas informaram a polcia que um homem chegou em um veculo VW Logus, com placas de Cia-norte e entrou dentro do Corsa com placas de Jussa-ra, onde estava a mulher. Ali eles conversaram e aps um tempo, o homem sacou de uma faca, desferindo-lhe dois golpes em seu peito na altura do corao. PG. 4

    Reunio discute impacto das motos de trilha

    Na manh da ltima tera-feira (17), o prefei-to Bongiorno, juntamente diversas autoridades reu-niram-se com os represen-tantes do Cianorte Trail Clube (CTC), Wilson Al-ves Ferreira (presidente) e Luiz Henrique Pedro-ne (vice-presidente), para discutirem questes re-lativas prtica de trilha em motos, principalmente o impacto gerado no meio ambiente, o cadastro de tri-lheiros e a fiscalizao de reas protegidas. PG. 8

    MEIO AMBIENTE

    Grupo Co Paixo realiza Feira de Adoo no sbado

    O mau tempo no lti-mo dia 07 de junho im-pediu a realizao da 1 Feira de Adoo do Gru-po Co Paixo. Mas os or-ganizadores remarcaram o evento para este sba-do (21), das 10 s 17 ho-ras no estacionamento do Paran Supermercados. Os bichinhos principal-mente ces sero entre-gues aos futuros donos tratados e castrados. O objetivo do grupo - en-contrar um lar definitivo para os animais. PG. 4

    AO

    Com estrutura funcional, local sediar uma nova feira do produtor, eventos e exposies

    Quem passa pelo cruzamen-to das avenidas Arthur Thomas e Braslia pode notar diferenas no Largo Duque de Caxias. Isto por-

    que, as obras de revitalizao do local, iniciadas no final de maro e que deixaro a rea estruturada para receber eventos e exposies,

    j se encontram em estgio avan-ado. O projeto prev uma cober-tura central, dois banheiros com acessibilidade para cadeirantes, es-

    tacionamento, ATI e Parque Infan-til que, juntos, representam 841 m de construo. Os investimen-tos so de R$ 583,6 mil, sendo R$

    341,2 mil fruto de uma emenda do deputado federal Zeca Dirceu e R$ 242,4 mil a contrapartida do Go-verno Municipal. PG. 4

    Wils

    on R

    ussi

    nhol

    i/Dia

    a D

    ia N

    otic

    ias

    Assessoria/PMC

  • CIANORTE-PR - QUINTA-FEIRA, 19 DE JUNHO DE 2014 - ED. N 990 - Web: www.folhadecianorte.com - Email: [email protected]

    2 O JOrnal da famlia!

    Desde o incio do governo Beto Richa, j foram investidos R$ 92 milhes no programa Compra Direta

    SUSTENTABILIDADE

    ESTRAGO DAS CHUVAS

    CuritibaagnCia Estadual

    O governador Beto Ri-cha assinou nesta quar-ta-feira (18), no Palcio Iguau, em Curitiba, con-vnios do programa de Gesto de Solo e gua em Microbacias, que beneficia-r inicialmente 30 munic-pios do Estado, com a ade-quao ambiental de 350 microbacias e um investi-mento estimado em R$ 30 milhes at 2017.

    O objetivo do programa recuperar e manter a ca-pacidade produtiva da ter-ra, com base na gesto de microbacias hidrogrficas. A parceria do Estado com os municpios permite a re-

    cuperao e conservao do solo paranaense, que a nossa maior riqueza, afir-mou o governador.

    Com esta iniciativa demonstramos que pos-svel conciliar desenvol-vimento econmico com incluso social e preser-vao do meio ambien-te, garantindo as prticas adequadas de manejo e conservao da gua e do solo nas nossas microba-cias, ressaltou Richa.

    O secretrio da Agricul-tura, Norberto Ortigara, Ortigara afirmou que com este programa o Paran ir modernizar o planeja-mento e a gesto ambien-tal para a correta utilizao dos recursos naturais.

    CuritibaagnCia Estadual

    O governador Beto Ri-cha afirmou nesta tera--feira (17/06), em Unio da Vitria, que o Governo do Paran formalizou um pedido de auxlio da Unio no valor de R$ 159,6 mi-lhes para a recuperao de rodovias danificadas pe-las chuvas intensas de 6 e 7 de junho. Richa esteve pela terceira vez em oito dias no municpio, o mais afetado pela cheia do rio Iguau, onde recebeu a presidente Dilma Rousseff.

    O valor do pedido foi le-vantado pela Secretaria da Infraestrutura e Logstica. At agora, foram mapeados 1.755 quilmetros de estra-das prejudicadas pela chuva, alm da necessidade de re-construo de trs pontes. O ofcio foi formalmente enca-minhado para o Ministrio da Integrao Nacional.

    No encontro com a pre-sidente, Richa disse que a estimativa que prejuzos totais do Paran passem de R$ 1 bilho. Em todo o Estado so 152 municpios atingidos e mais de 700 mil pessoas afetadas. O gover-nador tambm reforou a necessidade de o governo federal agilizar a liberao de recursos financeiros para atendimento emergencial s famlias paranaenses.

    Todos os pedidos fo-ram feitos e agora aguar-damos as respostas do go-verno federal, afirmou o governador Beto Richa. Lutamos pelos interes-ses legtimos do Paran. meu dever como governa-dor fazer isso, para todos

    os municpios, sem distin-o partidria.

    AO CONJUNTA A presidente Dilma Rous-

    seff afirmou que esse o momento em que o governo federal, estados e munic-pios trabalharem juntos em aes emergenciais, para ga-rantir a segurana das pes-soas. A etapa da recons-truo diferente, implica em mais recursos, elabora-o de projetos e escolher a forma de reconstruo para reduzir novos riscos, expli-cou a presidente.

    No vou chegar aqui com a pretenso de mandar fazer isso ou aquilo. O go-verno federal no vive aqui. O que garanto que no mediremos esforos, nunca medimos, para apoiar e aju-dar na reconstruo, afir-mou a presidente.

    O chefe da Casa Mili-tar e Coordenador Estadu-al da Defesa Civil, coronel Adilson Castilho, informou que Estado j solicitou ao Governo Federal, para aju-da humanitria, 12.200 conjuntos dormitrios e 14.200 para compra de ali-mentos. O valor soma R$ 2,12 milhes. Foi noticia-do sobre a liberao des-tes recursos, mas at agora eles no chegaram, no fo-ram depositados na conta do Estado, relatou ele na manh desta tera.

    Alm disso, tambm fo-ram pedidos R$ 3,15 mi-lhes para aquisio de leo diesel, que ser usado pelas prefeituras na recupe-rao das estradas rurais, mais nove mil conjuntos de dormitrios e nove mil conjuntos de cozinha, alm

    de 550 toneladas de rao animal. Para todos os pedi-dos, o governo federal soli-citou planos detalhados.

    Castilho informou que a Unio j encaminhou 4.200 kits dormitrio e 4.200 kits alimentao, cujo valor foi estimado em R$ 996 mil pelo governo federal. O Exrcito tambm instalou uma ponte mvel em So Joo do Triun-fo, nos Campos Gerais, ora-da em R$ 75,35 mil.

    RECURSOS DO PARAN O Governo do Paran j

    liberou mais de R$ 20 mi-lhes para atendimento s famlias paranaenses afeta-das pelas chuvas e tambm para recuperao de pon-tos de rodovias e de pontes para restabelecimento da trafegabilidade.

    Por meio do programa Fa-mlia Paranaense, da Secreta-ria Estadual da Famlia e De-senvolvimento Social, foram destinados R$ 11 milhes para os municpios. O recurso atende pessoas que foram de-sabrigadas e desalojadas em funo das enchentes. A Se-cretaria da Sade liberou R$ 8 milhes do programa Vigia-Sus e para aes de controle e combate dengue.

    O governo estadual j encaminhou aos mu-nicpios 35.920 coberto-res, 71.740 peas de rou-pas, 1.900 cestas bsicas, 3.889 fraldas, 419 col-ches, 3.978 kits dormi-trios, 16 mil pacotes de salgadinhos, 450 latas de leite, 1.122 litros de leite, 149 conjuntos de cozinha, 8.567 litros de gua e145 conjuntos de limpeza (de-tergente e gua sanitria).

    Polcia Rodoviria inicia operao Corpus Christi

    CuritibaagnCia Estadual

    Durante o feriado pro-longado, que ocorrer de quinta-feira (19) at do-mingo (22), o Batalho de Polcia Rodoviria Estadu-al (BPRv) desencadear a operao Corpus Chris-ti, que vai intensificar o policiamento rodovirio em pontos e horrios crti-cos nas principais rodovias que ligam ao Litoral e ao interior do estado. A ope-rao iniciar s 14h desta quarta-feira (18) e segui-r at s 12h de segunda--feira (23). De acordo com o oficial responsvel pelo setor de planejamento da unidade, tenente Hildemar Jose Stabach, sero reali-zados teste de etilmetro (bafmetro), utilizados ra-dares para controle de ve-locidade, bloqueios em lo-cais pr-definidos, alm de atividades rotineiras de ve-rificao de documentao e de infraes de trnsito rodovirio.

    O BPRv est preparado para um aumento conside-rado do trnsito, por cau-sa do feriado e da Copa do Mundo, e para tanto con-tamos com a participao dos policiais que atuam no administrativo e com o apoio dos alunos do Curso de Formao de Soldados (CFSd). Nosso objetivo evitar acidentes e reduzir o nmero de mortes atravs da ostensividade como for-ma de prev

Search related