Foundation Years Style Guidelines - Pre-school viewOrientaesAnlise do progresso aos dois anos13 Orientaes Anlise do progresso aos dois anos 13 OrientaesAnlise do progresso aos dois

  • View
    216

  • Download
    4

Embed Size (px)

Text of Foundation Years Style Guidelines - Pre-school viewOrientaesAnlise do progresso aos dois anos13...

Foundation Years Style Guidelines

Um Guia de Orientaes

A Anlise do progresso da EYFS aos dois anos

ndice

Seco 1: Introduo............................................................................................pgina 2

Seco 2: Objetivos e princpios.......................................................................... pgina 3

Seco 3: Avaliao em parceria ........................................................................pgina 8

Seco 4: Concluir a anlise do progresso ....................................................... pgina 12

Seco 5: Fornecer informaes aos pais ........................................................ pgina 22

("Orientaes"Anlise do progresso aos dois anos) (12)

Seco 1: Introduo

1.1 O que a anlise do progresso aos dois anos?

A Primeira Etapa da Educao Bsica (The Early Years Foundation Stage), no seu acrnimo ingls a EYFS, estipula que os pais e encarregados de educao devem receber um resumo breve por escrito sobre o desenvolvimento da criana nas trs reas primrias de aprendizagem e desenvolvimento estabelecidas para a EYFS: Desenvolvimento pessoal, social e emocional; Desenvolvimento fsico; e Comunicao e linguagem; quando a criana tem entre 24 e 36 meses de idade.

1.2 Qual o objetivo deste documento?

O quadro regulamentar para a Primeira Etapa da Educao Bsica (EYFS) estabelece os padres para o desenvolvimento, a aprendizagem e os cuidados das crianas desde o nascimento at aos cinco anos. Desde setembro de 2012, todos os estabelecimentos de ensino e educadores so obrigados1 a seguir o quadro regulamentar.

Este documento tem como objetivo apoiar os profissionais em estabelecimentos de educao de infncia que esto a realizar a anlise do progresso da EYFS das crianas com dois anos. A anlise do progresso foi introduzida para permitir a identificao precoce de necessidades de desenvolvimento para que possa ser implementado apoio adicional.

1.3 O que deve abranger a anlise do progresso?

O quadro regulamentar para a Primeira Etapa da Educao Bsica (EYFS) no exige que a anlise do progresso seja elaborada num formato prescrito ou normalizado. Apenas especifica que as informaes sobre o desenvolvimento da criana relativamente s reas primrias de aprendizagem e desenvolvimento da EYFS devem ser fornecidas aos pais. Este documento fornece alguns exemplos de como os educadores atualmente fornecem informaes aos pais. O objetivo estimular ideias sobre como os educadores podero abordar a anlise do progresso.

1.4 Questes de desenvolvimento

As Questes de desenvolvimento definem o progresso das crianas em reas primrias e especficas de aprendizagem desde o nascimento at aos 5 anos. Fornece materiais teis aos educadores para que possam:

fundamentar os seus pareceres relativamente ao desenvolvimento da criana nas reas primrias

identificar se existe alguma rea na qual a criana poder estar a desenvolver-se a um ritmo mais rpido ou mais lento do que o esperado para a respetiva idade

fundamentar as conversas com os pais e outros profissionais (quando necessrio).

Recursos:

http://www.foundationyears.org.uk/

1 A menos que o Secretrio de Estado tenha concedido uma iseno relativamente a alguns/todos os requisitos de aprendizagem e desenvolvimento.

Seco 2: Objetivos e princpios

2.1 Objetivos da anlise do progresso aos dois anos

Os objetivos da anlise do progresso so:

avaliar o desenvolvimento da criana nas trs reas primrias da Primeira Etapa da Educao Bsica (EYFS);

garantir que os pais tm uma perspetiva clara acerca do desenvolvimento da criana;

possibilitar que os educadores compreendam as necessidades da criana e planeiem atividades que atendam a essas necessidades no contexto educativo;

possibilitar que os pais compreendam as necessidades da criana e, com o apoio dos educadores, melhorem o desenvolvimento em casa;

identificar as reas em que a criana est a ter um bom progresso e as reas onde o progresso inferior ao esperado; e

descrever as aes que o educador pretende realizar para dar resposta a quaisquer preocupaes relativamente ao desenvolvimento (incluindo trabalhar com outros profissionais, se adequado).

2.2 Princpios chave

A anlise:

deve ser concluda por um educador que conhea bem a criana e que trabalhe diretamente com ela. Normalmente, ser a pessoa responsvel pela criana;

resulta das avaliaes contnuas baseadas na observao e realizadas como parte do trabalho dirio no contexto educativo;

baseia-se nas competncias, nos conhecimentos, na compreenso e no comportamento que a criana demonstra consistentemente e de forma autnoma;

tem em conta as opinies e contribuies dos pais;

leva em considerao as opinies de outros educadores e, sempre que relevante, de outros profissionais que trabalham com a criana;

permite que as crianas contribuam ativamente no processo.

(Perspetiva clara acerca da criana) (Participao da criana no seu prprio desenvolvi-mento e aprendizagem) (Observaes baseadas no que a criana consegue fazer de forma consistente e autnoma) (Opinies e informaes recolhidas junto dos pais) (Informaes da avaliao contnua recolhidas ao longo do tempo) (As opinies de outros educadores e profissionais que conhecem bem a criana) (Conhecimentoque o educador tem da criana)

Figura 1. Princpios para a anlise do progresso

2.3 A relao entre a avaliao contnua baseada na observao e a anlise do progresso

A anlise do progresso tem por base uma avaliao contnua de alta qualidade baseada na observao:

Isto pode ser demonstrado como um ciclo:

(Os educadores e os pais utilizam estas observaes para identificar prioridades na aprendizagem para a criana e apoiar a aprendizagem em casa.) (Os educadores planificam oportunidades de aprendizagem adequadas e estimulantes para a criana.) (Os educadores fazem observaes sobre os interesses, resultados e aes da criana no estabelecimento de educao e recolhem observaes dos pais. As contribuies das crianas so includas.)

Fig. 2: Avaliao contnua

Por conseguinte, a anlise do progresso pode inserir-se no ciclo da seguinte forma:

(Os educadores e os pais utilizam estas observaes contnuas em conjunto com os seus conhecimentos para identificar prioridades na aprendizagem para a criana e apoiar a aprendizagem em casa.) (Os educadores planificam oportunidades de aprendizagem adequadas e estimulantes para a criana.) (Os educadores fazem observaes sobre os interesses, resultados e aes da criana no estabelecimento de educao e recolhem observaes dos pais. As contribuies das crianas so includas.) (A anlise do progressoOs educadores e os pais utilizam estas observaes contnuas e conhecimentos sobre a criana para criarem uma perspetiva clara do desenvolvimento da criana a determinada altura.)

Fig. 3: A relao entre a anlise do progresso e a avaliao contnua

2.4 Ouvir a voz da criana

Todas as crianas tm o direito de ser ouvidas e valorizadas no contexto educativo. As crianas gostam e podem ter uma boa capacidade de avaliar e de pensar acerca da sua prpria aprendizagem e desenvolvimento, se receberem o reconhecimento e o apoio corretos. As crianas podem ajudar a registar o seu progresso e a identificar aquilo de que gostam e aquilo em que tm dificuldades. As crianas muito pequenas e as crianas com um atraso na fala ou no desenvolvimento ou com uma deficincia podero no dizer nada ou muito pouco verbalmente, mas comunicam efetivamente de outras formas, por exemplo atravs dos gestos, aes, expresso corporal e lngua gestual.

Incluir as crianas na avaliao contnua

O Jack tem 2 anos e dois meses. Ele nasceu prematuramente, diz algumas palavras individuais e a fala no muito clara. Ele frequenta o infantrio desde que tinha um ano e trs meses. Ele gosta de olhar para as fotografias no seu dirio de aprendizagem do infantrio que partilhado com a famlia. Ele gosta especialmente das fotografias de beb, principalmente da fotografia em que est na piscina infantil no jardim do infantrio. A pessoa responsvel por ele, a Aimee, perguntou-lhe se ele gostaria de incluir uma fotografia em que est a pendurar o casaco no cabide do infantrio, pois ele j consegue fazer tantas coisas sozinho. Ele demonstrou claramente que queria incluir outra fotografia, ao empurrar a fotografia para a Aimee dizendo "ned, ned!!". Nesta fotografia ele tinha um par de botas de borracha vermelhas, as botas que ele insiste serem suas nos dias de chuva no infantrio e que se recusa a descalar quando vem para dentro.

Recursos

Materiais de apoio ao processo de avaliao contnua na Primeira Etapa da Educao Bsica (EYFS) esto disponveis em: http://www.foundationyears.org.uk/

Os recursos para apoiar a prtica de escutar as crianas pequenas incluem os panfletos da srie Listening to young children (Ouvir as crianas pequenas). Estes esto disponveis em: http://www.ncb.org.uk/ycvn/resources/listening-as-a-way-of-life

Seco 3: Avaliao em parceria

Para que uma avaliao do desenvolvimento seja significativa e til, necessrio obter uma viso completa da criana. Isto pode ser alcanado da melhor forma, se os pais, a criana e todos os educadores e profissionais que conhecem ou esto envolvidos com a criana participarem plenamente no processo de avaliao.

3.1 O papel dos pais

Um ponto de partida para todas as avaliaes o reconhecimento de que os pais conhecem a criana melhor do que qualquer outra pessoa. Os pais so os primeiros educadores e os mais duradouros e estveis, com conhecimentos mais aprofundados sobre o desenvolvimento fsico, emocional e da linguagem da criana ao longo do tempo. Estes conhecimentos devem ser refletidos tanto no dilogo contnuo como na anlise do progresso.

O qua