GÁS NATURAL RESIDENCIAL - ?· Composto basicamente por metano, o GN (Gás Natural) é um gás combustível…

  • View
    213

  • Download
    1

Embed Size (px)

Transcript

  • GS NATURALRESIDENCIALGuia do usurio - 6 edio

  • Composto basicamente por metano, o GN (Gs Natural) um gs

    combustvel que se difere do GLP (Gs Liquefeito de Petrleo) por se

    encontrar na natureza j no estado gasoso. Esse gs transportado at

    voc por meio de redes de tubulaes subterrneas, em um processo

    contnuo que garante seu conforto e comodidade.

    Voc pode utilizar o Gs Natural em aquecedores de gua, aquecedores

    de ambiente, mquinas de lavar e secar, fornos, foges, churrasqueiras,

    lareiras e estufas, aquecimento de piscinas, geradores de energia

    eltrica, entre outros.

    Conhea as vantagens de utilizar o Gs Natural na sua residncia.

    Segurana O GN mais leve que o ar. Por isso, em casos de vazamento em

    ambiente ventilado, ele se dissipa rapidamente na atmosfera.

    O gs chega at os pontos de consumo por meio de tubulaes, ou

    seja, no h armazenamento e nem manuseio do combustvel.

    Como medida de segurana extra, o Gs Natural odorizado antes da

    sua comercializao. Ele recebe um cheiro caracterstico, facilitando

    sua rpida identificao em caso de vazamento.

    O Q U E G S N A T U R A L ?

    U S O R E S I D E N C I A L D O G S N A T U R A L

    2

  • Comodidade na aquisio No exige controle para reposio de estoques, pois o fornecimento

    contnuo.

    Paga-se aps o efetivo consumo do combustvel e somente a

    quantidade consumida.

    Meio ambiente considerado um combustvel ecologicamente correto. Sua queima

    completa, emitindo um baixssimo teor de poluentes e reduzindo o

    avano do efeito estufa.

    Menos manuteno Aumenta a vida til dos aparelhos, reduzindo a necessidade de

    manuteno.

    3

  • Ao sentir o cheiro do gs, feche o registro do local onde sentiu o

    cheiro. Pode ser o registro dos aparelhos ou o registro de bloqueio da

    residncia. Sempre que possvel, chame imediatamente um tcnico

    para identificar o local e a causa do vazamento.

    P R O C E D I M E N T O SE M C A S O D E V A Z A M E N T O

    Se necessrio o fechamento de gs

    geral do condomnio em emergncia,

    sempre chame a Sulgs para refazer a

    liberao do gs.

    Em caso de emergncia, informe-se com a Sulgs pelo 0800 54 197 00.

    Registro de bloqueio do aparelho.

    Registro de bloqueio da residncia.

    Registro de bloqueio de emergncia.

    4

  • Os aparelhos a gs (fogo, aquecedor de passagem, lareira, aquecedor

    de ambiente, lavadora e secadora a gs, entre outros) a serem utilizados

    no condomnio devero ser prprios para o uso com Gs Natural (GN)

    ou devero ser convertidos para GN para que funcionem perfeitamente.

    Confira abaixo as opes para converso dos aparelhos.

    C O N V E R S O D E A P A R E L H O S A G S

    APARELHOS NOVOSO morador que for adquirir aparelho novo dever, preferencialmente,

    optar por modelos prprios para Gs Natural. Aquecedores de passagem

    prontos para o uso de gs natural so facilmente encontrados no

    mercado, j outros, como foges, so vendidos, em sua maioria, para

    GLP (Gs Liquefeito de Petrleo), sendo posteriormente convertidos

    para GN pela autorizada do fabricante.

    APARELHOS A GLP NO PRAZO DE GARANTIAO morador que j possui aparelhos que utilizam GLP e que ainda

    esto no perodo de garantia de fbrica poder procurar a assistncia

    tcnica autorizada e solicitar a converso. Os fabricantes de foges

    normalmente oferecem a primeira converso para Gs Natural

    gratuitamente no perodo de garantia. Para tanto, o morador dever

    procurar a assistncia tcnica autorizada com antecedncia. J os

    fabricantes de aquecedores de gua costumam cobrar o custo da

    converso.

    APARELHOS A GLP FORA DA GARANTIAO morador que possui aparelhos que utilizam GLP e que esto fora

    do perodo de garantia de fbrica poder converter os aparelhos com

    empresa especializada. A assistncia tcnica do fabricante uma

    opo, mas o servio cobrado.

    Ateno: os aparelhos que utilizam GLP no funcionaro adequadamente com gs natural sem que seja feita a converso.

    5

  • A instalao de aparelhos como foges e aquecedores de passagem

    deve ser feita com vlvula de bloqueio manual esfrica de 1/2 (meia

    polegada) e tubo flexvel metlico tipo Tomback em liga de cobre

    com revestimento tranado, adequados para o uso do gs. Esse tipo

    de flexvel resiste mais ao calor.

    A vlvula de bloqueio deve estar acessvel para fechamento em caso

    de vazamentos e emergncias.

    Caso algum desses requisitos no seja cumprido, ser necessrio

    realocar o ponto de gs. Esse servio dever ser contratado com um

    tcnico ou empresa especializada.

    Fique atento para que no haja contato do flexvel com superfcies quentes e instalaes eltricas.

    A P A R E L H O S A G S - I N S T A L A O

    6

  • Ao queimar, o gs consome

    oxignio e libera gases,

    como CO2. Os locais onde

    funcionam aparelhos a gs

    devem dispor de ventilao,

    e as aberturas devem estar

    livres de obstculos que

    impeam a renovao de ar

    no ambiente.Nunca obstrua as aberturas permanentes dos ambientes.

    R E C O M E N D A E S D E S E G U R A N A

    Quando a combusto do gs

    est correta e o aparelho em

    bom estado de conservao, a

    chama no oscila e apresenta

    um tom azulado. Chama

    oscilante e de cor amarelada

    indica uma m combusto, que

    pode ser causada pela falta de

    conservao ou regulagem do

    aparelho. Contate o fabricante

    ou a assistncia tcnica

    autorizada do seu aparelho.

    A CHAMA DE GS COMO SINAL DE BOA COMBUSTO

    VENTILAO DOS AMBIENTES ONDE H APARELHOS A GS

    7

  • SADA DOS PRODUTOS DA COMBUSTO DOS AQUECEDORES

    Os aquecedores de gua, alm da ventilao permanente no local

    onde esto instalados, necessitam de uma chamin para a conduo

    de gases resultantes da combusto ao ambiente externo, pois esse

    tipo de aparelho consome mais O2 e libera mais gases.

    Essa chamin deve ter um terminal tipo T ou tipo Chapu Chins

    para evitar o retorno de resduos da queima ao interior do ambiente

    por meio do vento. Se possvel, d preferncia para aquecedores

    com sistema de exausto forada, os quais so mais seguros contra

    a incidncia de vento. Consulte o instalador ou a assistncia tcnica

    autorizada do fabricante sobre a correta instalao do aquecedor.

    Lembre-se: as normas tcnicas sempre devem ser seguidas.

    8

  • A Sulgs efetuar, ao final de cada ms, a leitura do medidor principal

    (em frente ao condomnio) para fins de cobrana do gs consumido

    no perodo.

    O volume medido ser informado j com os ajustes de presso e

    de poder calorfico na parte superior direita do extrato enviado por

    e-mail administrao do condomnio.

    Cabe administrao do condomnio o rateio do custo do gs entre

    os condminos. Para tanto, a Sulgs sugere que o condomnio faa a

    leitura dos medidores dos apartamentos ao final de cada ms e que

    a conta de gs dos moradores considere o valor unitrio do m3 da

    Sulgs naquele ms.

    Para fazer a leitura dos medidores dos apartamentos, deve-se ler o

    volume de gs conforme mostrado na imagem.

    S A I B A C O M O F E I T A A L E I T U R AD O G S N O S M E D I D O R E S

    EXEMPLO: leitura inicial 01873,425 - leitura final 01910,658.A diferena ser o consumo deste apartamento= 37,233m3.

    Converse com a administrao do condomnio para liberao ou bloqueio do gs no seu apartamento.

    Os nmeros esquerda da vrgula so os metros cbicos (m3).

    Os nmeros direita da vrgula so os decimais, centesimais e milesimais de m3.

    9

  • ManutenoA manuteno da rede interna do gs de responsabilidade

    do usurio. A Sulgs sugere que, anualmente, as instalaes e os

    aparelhos a gs sejam vistoriados. Caso alguma irregularidade

    seja detectada, prudente que essa seja reparada imediatamente.

    Empresas especializadas tm condies de medir e analisar os gases

    liberados nas chamins dos aparelhos e medir a presso do gs na

    rede. Podem tambm identificar algum possvel vazamento por meio

    de teste de estanqueidade e verificar os acabamentos das redes e

    peas procurando por possveis pontos com corroso.

    A Sulgs mantm em seu site uma relao de empresas no Programa

    Empresas de Manuteno.

    Acesse pelo endereo:

    www.sulgas.rs.gov.br/sulgas/empresas-manutencaoServio de Atendimento ao Cliente - SAC: 0800 54 197 00

    T E S T E D A S I N S T A L A E S D O C O N D O M N I OO teste de estanqueidade uma prtica realizada na manuteno das

    instalaes que tem como objetivo detectar possveis vazamentos na

    rede de distribuio interna de gs do prdio.

    recomendvel que este teste seja realizado anualmente ou quando

    houver a necessidade de reparo de algum dos componentes da rede.

    Para a realizao do teste, o condomnio deve contratar empresa

    habilitada e informar ao SAC da Sulgs o dia agendado, pois a religao

    do gs s pode ser realizada pela Sulgs.

    Ateno: antes de iniciar o procedimento, a empresa contratada deve fechar a vlvula da sada da estao do gs e solicitar a religao para

    a Sulgs.

    10

  • PARA UTILIZAR O GS NATURALDE UMA MANEIRA SEGURA, ADOTEOS SEGUINTES PROCEDIMENTOS:

    No instale aparelhos a gs em locais sem ventilao permanente.

    Instale corretamente as chamins dos aquecedores.

    No utilize as tubulaes de gs como suporte de outros objetos.

    No submeta as tubulaes do GN ao contato de cabos eltricos.

    No coloque