Governança Pública - .6 Conceito de Governança •É o sistema pelo qual as organizações são

Embed Size (px)

Text of Governança Pública - .6 Conceito de Governança •É o sistema pelo qual as organizações são

  • Governana Pblica O papel do gestor e do auditor

    Cludio Silva da Cruz, MSc, CGEIT

    Assessor COESTADO/TCU

    Braslia-DF, 28 de maio de 2013 TCU Dilogo Pblico

    Dilogo pblico para melhoria da governana pblica

  • 3

    Para que serve o Estado?

    um prestador de servios pblicos (CF/88, art. 175, caput ...) que tm de ser adequados (... e IV)

    O cidado pode exigir qualidade e o Estado deve manter servios de atendimento e avaliaes de qualidade (CF/88, art. 37, 3, I)

    TCU deve avaliar a legitimidade das operaes (servios) (CF/88, art. 70)

  • 4

    O que Governana?

    Agente

    Delega

    Executa

    Interesse

    prprio

    Principal

    O problema da agncia (agente) (pblico e privado)

    Interesse

    prprio

    Conflito de interesse Assimetria de informao

  • 5

    O que Governana? O problema de agncia O desenvolvimento das teorias sobre governana visa

    encontrar melhores respostas seguinte pergunta:

  • 6

    Conceito de Governana o sistema pelo qual as organizaes so dirigidas,

    monitoradas e incentivadas, envolvendo os relacionamentos entre proprietrios, conselho de administrao, diretoria e rgos de controle. (IBGC, 2009, p.19)

    Os princpios e prticas da boa Governana Corporativa aplicam-se a qualquer tipo de organizao, independente do porte, natureza jurdica ou tipo de controle [...] este Cdigo foi desenvolvido [...] adaptvel a outros tipos de organizaes, como, por exemplo, [...] rgos governamentais, entre outros. (IBGC, 2009, p.15)

  • 7

    Conceito de Governana O sistema pelo qual as organizaes so dirigidas e

    controladas. (NBR ISO/IEC 38.500, item 1.6.2)

    Consiste no conjunto de diretrizes, estruturas organizacionais, processos e mecanismos de controle que visam assegurar que as decises e aes relativas gesto e ao uso dos recursos da organizao estejam alinhadas s necessidades institucionais e contribuam para o alcance das metas organizacionais. (adaptado de Res-TCU 247/2011 (PGTI-TCU), art. 2, II)

  • Governana Gesto O termo Governana derivado do verbo grego Kuberno, significando para dirigir.

    Governana refere-se a todas as possibilidades e mecanismos que ajudam as mltiplas partes do negcio a avaliar condies e opes, determinando tambm a direo, o monitoramento, a conformidade, o desempenho e o progresso, alinhando, desta forma, os planos e os objetivos do negcio, visando satisfazer as metas especficas da organizao.

    A Gesto sempre diferenciada da governana, ou seja, h distino entre comprometido (governana) e envolvido (gesto).

    Gesto implica na utilizao criteriosa de meios (recursos, pessoas, processos, prticas) para alcanar um fim identificado. um meio ou instrumento pelo qual o rgo de administrao consegue um resultado ou objetivo.

    A Gesto atua sobre o planejamento, construo, organizao e controle das atividades operacionais e se alinha com a direo definida pelo rgo de administrao.

    Fonte: WEBSTER, 2012

  • 9

    Sistema de Governana Corporativa

    Fonte: Cdigo de melhores prticas de governana corporativa do IBGC

  • 10

    Alguns princpios que norteiam as prticas de Governana:

    Transparncia

    Equidade

    Prestao de contas (accountability)

    Responsabilidade corporativa

    O que Governana?

    10

    IBGC (2009)

    http://www.ibgc.org.br/Download.aspx?Ref=Codigos&CodCodigo=47

  • 11

    Alguns princpios que norteiam as prticas de Governana:

    Transparncia

    Integridade

    Prestao de contas (accountability)

    Princpios da Governana

    11

    IFAC (2001)

    http://www.ibgc.org.br/Download.aspx?Ref=Codigos&CodCodigo=47http://www.ibgc.org.br/Download.aspx?Ref=Codigos&CodCodigo=47http://www.ibgc.org.br/Download.aspx?Ref=Codigos&CodCodigo=47

  • 12

    Governana funciona?

    Sim, pois: reduz riscos e agrega valor (aumenta eficcia, eficincia, efetividade e economicidade).

    Exigido, por exemplo, no sistema financeiro mundial (COSO; Sox; Basilia etc.).

    Aumenta o retorno sobre o ativo no Brasil. (SILVA; LEAL, 2005)

    O que Governana?

    12

    http://virtualbib.fgv.br/ojs/index.php/rbfin/article/viewFile/1143/306

  • 13

    Qualquer mandatrio um Agente.

    O Principal a sociedade brasileira, que concede mandato por meio do voto e do sustento da estrutura do Estado para agir em seu nome.

    E a Governana no setor pblico?

    13

  • 14

    H conflito de interesse?

    Pode haver!

    necessrio identificar com clareza os interesses e as expectativas da sociedade mandante na concesso do mandato a seus representantes.

    O que Governana no setor pblico?

    14

  • 15

    H princpios que norteiam as prticas que conciliam os interesses?

    Sim! ...

    ... esses princpios esto positivados no ordenamento jurdico brasileiro ...

    O que Governana no setor pblico?

    15

  • 16

    Princpios da Administrao Pblica: Planejamento e Controle (DL200/1967, art. 6) Transparncia e publicidade (CF, art. 37 e LRF) Moralidade (CF, art. 37) Impessoalidade (CF, art. 37) Economicidade (CF, art. 70) Legalidade (CF, arts. 37 e 70) Legitimidade (CF, art. 70) Eficincia (CF, art. 37) Eficcia e efetividade (L10180/2001, arts. 7, III, 20, II) etc.

    Princpios da Governana

  • 17

    Prticas de governana: (principais)

    Conselhos representantes da sociedade civil

    Planejamento Institucional (misso, objetivos, indicadores, metas e aloc.de recursos)

    Comits estratgicos (tica, Negcio, Pessoal, TI etc.)

    Excelncia de pessoal e descentralizao

    ...

    O que Governana no setor pblico?

  • 18

    Prticas de governana: (principais)

    Gesto de Riscos

    Controles internos

    Publicao de planos, portflios e resultados

    Avaliao de desempenho individual e institucional

    Auditoria Interna

    Controle externo (CN com auxlio do TCU)

    O que Governana no setor pblico?

  • 19

    Como a APF e a sociedade se beneficiam?

    Aumento da agregao de valor dos recursos utilizados (humanos, financeiros etc.)

    Reduo de riscos

    Prestao de melhores servios sociedade.

  • Governana - Liderana da Alta Administrao

    Resultados da Governana

    - para os cidados

    - para a sociedade

    Gesto (controles) - Estratgias e planos

    - Informao e conhecimento

    - Pessoas

    - Processos

    Resultados da Gesto eficcia

    eficincia

    efetividade

    legalidade

    legitimidade

    economia

    Perfil GovTI 2012

  • 21

    Excelncia na Gesto - Gespblica

  • 22

    Liderana

    0%

    10%

    20%

    30%

    40%

    50%

    60%

    70%

    80%

    90%

    100%

    0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100%

    go

    ve

    rna

    na

    em

    pro

    cess

    os

    de

    TI

    governana em liderana de TI

    Correlao entre governana em liderana e governana em processos de TI

    0%

    10%

    20%

    30%

    40%

    50%

    60%

    70%

    80%

    90%

    100%

    0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100%

    go

    ve

    rna

    na

    em

    pro

    cess

    os

    de

    TI

    governana em liderana de TI

    Correlao entre governana em liderana e governana em processos de TI

    Coeficiente de correlao=0,60

    +liderana +processo

    -liderana -processo

  • rgos Governantes Superiores (OGS)

    Tm a responsabilidade por

    normatizar e fiscalizar o uso e a

    gesto de TI em seus

    respectivos segmentos da

    Administrao Pblica Federal (Voto do Acrdo 1.145/2011-TCU-Plenrio)

    AGU

    CGU

    CNMP

    CNJ

    Dest/MP

    Enap/MP

    GSI/PR

    Segep/MP

    SLTI/MP

    SOF/MP

    STN/MF

  • Sociedade

    APF

    Aes de controle

    Situao de Governana

    Recomendaes

    Boas prticas

    OGS TCU

    Critrios de auditoria

    Normatizao, orientaes, fiscalizaes

    (1)

    (2)

    (4)

    (6)

    (3)

    (5)

    Mais e melhores servios

    Ratifica legitmidade

    (7) (8)

  • Contribuir para melhoria da gesto e do desempenho da

    Administrao Pblica

    Contribuir para transparncia da Administrao Pblica

    Coibir a ocorrncia de fraudes e desvios de recursos

    Condenar efetiva e tempestivamente os responsveis

    por irregularidades e desvios

    RESULTADOS

    PROCESSOS INTERNOS

    Intensificar aes que promovam a melhoria da gesto de riscos e de controles internos

    da Administrao Pblica

    Governana e desempenho

    Aprimorar as aes de controle voltadas

    melhoria do desempenho da Administrao Pblica

    Intensificar aes de controle para combate ao desperdcio

    e utilizao irregular de recursos pblicos

    Induzir a Administrao Pblica a divulgar informaes

    de sua gesto

    Transparncia

    Intensificar a comunicao com a sociedade

    Facilitar o exerccio do controle social

    Modernizar e integrar as prticas de gesto de

    pessoas

    Estruturar a gesto do conhecimento organizacional

    Desenvolver competncias gerenciais e profissionais

    Desenvolver cultura de inovao

    Fortalecer cultura orientada a resultados

    PESSOAS E

    INOVAO

    ORAMENTO E

    LOGSTICA

    Aprimorar o relacionamento com o Congresso Nacional

    Assegurar razoabilidade no tempo de apreciao dos processos

    Atuar em cooperao com a