HDR 2011 PT Complete

Embed Size (px)

Text of HDR 2011 PT Complete

LEGENDA DOS PASESClassicao do IDH de 2011 e alterao na classicao de 2010 para 2011Afeganisto frica do Sul Albnia Alemanha Andorra Angola Antiga Repblica Jugoslava da Macednia Antgua e Barbuda Arbia Saudita Arglia Argentina Armnia Austrlia ustria Azerbaijo Bahamas Bangladesh Barain Barbados Blgica Belize Benim Bielorrssia Bolvia, Estado Plurinacional da Bsnia-Herzegovina Botswana Brasil Brunei Darussalam Bulgria Burkina Faso Burundi Buto Cabo Verde Camares Camboja Canad Cazaquisto Chade Chile China Chipre Colmbia Comores Congo Congo, Repblica Democrtica do Coreia, Repblica da Costa do Marm Costa Rica Crocia Cuba Dinamarca Djibuti Dominica Egipto El Salvador Emirados rabes Unidos Equador Eritreia Eslovquia Eslovnia Espanha Estados Unidos da Amrica Estnia 172 123 70 9 32 148 78 60 56 96 45 86 2 19 91 53 146 42 47 18 93 167 65 108 74 118 84 33 55 181 185 141 133 150 139 6 68 183 44 101 31 87 163 137 187 15 170 69 46 51 16 165 81 113 105 30 83 177 35 21 23 4 34 1 1 Etipia Federao Russa Fiji Filipinas Finlndia Frana Gabo Gmbia Gana Gergia Granada Grcia Guatemala Guiana Guin Guin Equatorial Guin-Bissau Haiti Honduras Hong Kong, China (RAE) Hungria Imen ndia Indonsia Iro, Repblica Islmica do Iraque Irlanda Islndia Israel Itlia Jamaica Japo Jordnia Kiribati Kuwait Laos, Repblica Popular Democrtica do Lesoto Letnia Lbano Libria Lbia Liechtenstein Litunia Luxemburgo Madagscar Malsia Malawi Maldivas Mali Malta Marrocos Maurcia Mauritnia Mxico Mianmar Micronsia, Estados Federados da Moambique Moldvia, Repblica da Monglia Montenegro Nambia Nepal Nicargua 174 66 100 112 22 20 106 168 135 75 67 29 131 117 178 136 176 158 121 13 38 154 134 124 88 132 7 14 17 24 79 12 95 122 63 138 160 43 71 182 64 8 40 25 151 61 171 109 175 36 130 77 159 57 149 116 184 111 110 54 120 157 129 Nger Nigria Noruega Nova Zelndia Om Pases Baixos Palau Panam Papusia-Nova Guin Paquisto Paraguai Peru Polnia Portugal Qatar Qunia Quirguzia Reino Unido Repblica Centro-Africana Repblica Checa Repblica Dominicana Romnia Ruanda Salomo, Ilhas Samoa Santa Lcia So Cristvo e Nvis So Tom e Prncipe So Vicente e Granadinas Senegal Serra Leoa Srvia Seychelles Singapura Sria, Repblica rabe Sri Lanka Suazilndia Sudo Sucia Sua Suriname Tailndia Tajiquisto Tanznia, Repblica Unida da Territrios Palestinianos Ocupados Timor-Leste Togo Tonga Trindade e Tobago Tunsia Turquemenisto Turquia Ucrnia Uganda Uruguai Uzbequisto Vanuatu Venezuela, Repblica Bolivariana da Vietname Zmbia Zimbabu 186 156 1 5 89 3 49 58 153 145 107 80 39 41 37 143 126 28 179 27 98 50 166 142 99 82 72 144 85 155 180 59 52 26 119 97 140 169 10 11 104 103 127 152 114 147 162 90 62 94 102 92 76 161 48 115 125 73 128 164 173 1

Relatrio do Desenvolvimento Humano de 2011-3 1

-2 1 2 1

Sustentabilidade e Equidade: Um Futuro Melhor para TodosO grande desao do desenvolvimento do sculo XXI a salvaguarda do direito das geraes de hoje e do futuro a vidas saudveis e graticantes. O Relatrio do Desenvolvimento Humano de 2011 oferece novos e importantes contributos para o dilogo global sobre este desao, mostrando como a sustentabilidade est indissociavelmente ligada equidade a questes de imparcialidade e justia social e de um maior acesso a melhor qualidade de vida. As previses sugerem que o continuado insucesso na reduo dos riscos ambientais graves e das crescentes desigualdades ameaa abrandar dcadas de progresso sustentado da maioria pobre da populao mundial e at inverter a convergncia global do desenvolvimento humano. O nosso notvel progresso no desenvolvimento humano no pode continuar sem passos globais arrojados para a reduo dos riscos ambientais e da desigualdade. Este Relatrio identica caminhos para que as pessoas, as comunidades locais, os pases e a comunidade internacional promovam a sustentabilidade ambiental e a equidade de formas mutuamente reforadoras. Anlises recentes mostram como os desequilbrios de poder e as desigualdades de gnero ao nvel nacional esto ligados reduo do acesso a gua potvel e saneamento melhorado, degradao das terras e s doenas e mortes provocadas pela poluio do ar, amplicando os efeitos associados s disparidades do rendimento. As desigualdades de gnero tambm interagem com os resultados ambientais, agravando-os. Ao nvel global, frequente que as disposies governamentais enfraqueam as vozes dos pases em vias de desenvolvimento e excluam os grupos marginalizados. Contudo, existem alternativas desigualdade e insustentabilidade. Os investimentos que melhoram a equidade (por exemplo, no acesso a energias renovveis, gua e saneamento e nos cuidados de sade reprodutiva) podem promover a sustentabilidade e o desenvolvimento humano. Responsabilizao mais slida e processos democrticos podem melhorar os resultados. As abordagens bem sucedidas baseiam-se na gesto comunitria, em instituies amplamente inclusivas e na ateno aos grupos desfavorecidos. Para alm dos Objectivos de Desenvolvimento do Milnio, o mundo precisa de um quadro de desenvolvimento que reicta a equidade e a sustentabilidade. Este Relatrio mostra que as abordagens que integram a equidade nas polticas e nos programas e que capacitam as pessoas para originar mudanas nas arenas legal e poltica so extremamente promissoras. O nanciamento necessrio para o desenvolvimento muitas vezes superior actual ajuda pblica ao desenvolvimento. Por exemplo, a despesa actual em fontes de energia com baixa emisso de carbono no atinge sequer os 2% da estimativa de necessidades mais baixa. Os uxos nanceiros tm de ser canalizados para os desaos crticos da insustentabilidade e da desigualdade. Embora os mecanismos de mercado e o nanciamento privado sejam vitais, devem ser suportados e alavancados por investimento pblico pr-activo. A eliminao do dce de nanciamento requer ideias inovadoras, coisa que este Relatrio proporciona. O Relatrio tambm defende reformas para promover a equidade e a expresso. Temos uma responsabilidade colectiva para com os menos privilegiados entre ns, actualmente e no futuro, em todo o mundo assegurar que o presente no seja inimigo do futuro. Este Relatrio pode ajudar-nos a divisar os caminhos em diante.

1

1 -1

1 -1 1

RDH 2011 Sustentabilidade e Equidade: Um Futuro Melhor para Todos

2 -1 1 -1 1

-1

2

1 -1

-1 1 1

-1

-1 -1

-1 -1 -1 1

-1 1 2 1 -1

1

-1 1 -2

-1 1 -10 1 -2 3

1

1

-1 -1

1 -1 3 3

-1 -1 -1

-1 1

-2

1 1 -1

1

NOTA: As setas indicam o movimento ascendente ou descendente na classicao do pas ao longo do perodo 2010-2011 usando dados e metodologia consistentes, ao passo que um espao em branco indica que no houve alterao.

Relatrios do Desenvolvimento Humano Globais, Regionais e NacionaisMAIOR

Equidade e sustentabilidade suportadas pelas capacidades humanas

Relatrios do Desenvolvimento Humano: Os Relatrios do Desenvolvimento Humano globais anuais so publicados pelo PNUD desde 1990 como uma anlise intelectualmente independente e empiricamente fundamentada das questes, das tendncias, dos progressos e das polticas do desenvolvimento. Os recursos relacionados com o RDH de 2011 e Relatrios anteriores esto disponveis em hdr.undp.org, incluindo textos completos e resumos nos principais idiomas da ONU, resumos de consultas e discusses em rede, a Srie de Documentos de Investigao do Desenvolvimento Humano, boletins informativos do RDH e outros materiais de informao pblica. Indicadores estatsticos, outras ferramentas de dados, mapas interactivos, chas informativas dos pases e recursos informativos adicionais associados aos Relatrios esto tambm disponveis de forma gratuita no stio web do RDH do PNUD. Relatrios do Desenvolvimento Humano Regionais: Nas ltimas duas dcadas, foram produzidos mais de 40 Relatrios do Desenvolvimento Humano de mbito regional editorialmente autnomos com o apoio dos gabinetes regionais do PNUD. Com anlises e defesas de polticas frequentemente provocadoras, estes Relatrios analisaram questes to crticas como as liberdades cvicas e a capacitao das mulheres nos Estados rabes, a corrupo na regio sia-Pac co, o tratamento dos ciganos e de outras minorias na Europa Central e a distribuio desigual da riqueza na Amrica Latina. Relatrios do Desenvolvimento Humano Nacionais: Desde o lanamento do primeiro Relatrio do Desenvolvimento Humano Nacional em 1992, foram produzidos RDH Nacionais em 140 pases por equipas editoriais locais com o apoio do PNUD. Estes relatrios dos quais foram publicados mais de 650 at data trazem uma perspectiva de desenvolvimento humano s preocupaes das polticas nacionais atravs de consultas e investigao geridas localmente. Os RDH nacionais centram-se frequentemente nas questes do gnero, da etnia ou das cises rural-urbano para ajudar a identi car desigualdades, medir o progresso e identi car sinais prematuros de potenciais con itos. Como estes relatrios se baseiam em necessidades e perspectivas nacionais, muitos tiveram uma in uncia signi cativa sobre as polticas nacionais, incluindo estratgias para a realizao dos Objectivos de Desenvolvimento do Milnio e outras prioridades do desenvolvimento humano. Para mais informaes sobre Relatrios do Desenvolvimento Humano nacionais e regionais, incluindo formao relacionada e recursos de consulta, visite hdr.undp.org/en/nhdr/. Relatrios do Desenvolvimento Humano 1990-2010 2010 A Verdadeira Riqueza das Naes: Vias para o Desenvolvimento Humano 2009 Ultrapassar Barreiras: Mobilidade e Desenvolvimento Humanos 2007/2008 Combater as Alteraes Climticas: Solidariedade Humana num Mundo Dividido 2006 A gua para l da Escassez: Poder, Pobreza e a Crise Mundial da gua 2005 Cooperao Internacional numa Encruzilhada: Ajuda, Comrcio e Segurana num Mundo Desigual 2004 Liberdade Cultural num Mundo Diversi cado 2003 Objectivos de Desenvolvimento do Milnio: Um Pacto Entre Naes para Eliminar a Pobreza Humana 2002 Aprofundar a Democraci