Informativo FCEE n°01 - out/nov/dez/2012

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Informativo semestral da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE)

Text of Informativo FCEE n°01 - out/nov/dez/2012

  • Libras Brincando: FCEE oferece software de apoio pedaggico gratuito para escolas pblicas. Pg. 2 ?

    Histrias de guerreiras: confira o relato de trs servidoras que venceram a luta contra o cncer de mama.

    Pgs. 6 e 7 ?

    Tecnologia e incluso: conhea os servios oferecidos pelo Centro Tecnolgico de Educao Especial. Pgs. 10 e 11 ?

    Publicao trimestral da Fundao Catarinense de Educao Especial | n 1 | ano 1 | Out/Nov/Dez de 2012

    Informativo

    FCEE recebe consultoria para o desenvolvimento institucionalAssessoria de professor cubano tm como objetivo propor alteraes na estrutura e funcionamento das Gerncias vinculadas Diretoria de Ensino, Pesquisa e Extenso (Depe) e dos Centros de Atendimento Especializados subordinados a ela. Pginas 8 e 9 ?

    Entrevista: do trabalho no Ncleo de Atividades de Altas Habilidades/Superdotao.

    Maria das Graas Moukarzel fala

    Pgs. 4 e 5 ?

  • Palavra da Presidente

    A Fundao Catarinense de Educao Especial (FCEE) agora conta com uma pgina no Facebook, criada com objetivo de divulgar as aes da instituio e fomentar o debate acerca de temas relacionados educao especial. Se voc j possui perfil nessa rede social, basta "curtir" a pgina da FCEE para passar a receber atualizaes em seu mural. Acesse o endereo http://www.facebook.com/pages/Fundao-Catarinense-de-Educao-Especial-FCEE/444425595599380 ou clique no banner Pgina da FCEE no Facebook que se encontra no lado direito do site da Fundao (http://www.fcee.sc.gov.br).

    J est disponvel para acesso em escolas pblicas municipais e estaduais de Santa Catarina o software educacional online Libras Brincando, projeto desenvolvido pela FCEE em parceria com a empresa de tecnologia Nmera. Por meio de jogos, com personagens e animaes, o Libras Brincando tem como objetivo apoiar professores no ensino da lngua de sinais para crianas de 4 a 8 anos. Para utilizao do software no preciso conhecimento prvio em Libras ou mesmo em portugus.

    Patrcia Amaral, coordenadora do Centro de Capacitao de Profissionais da Educao e de Atendimento as Pessoas com Surdez (Cas), ressalta a integrao que o software pode proporcionar em sala de aula. A criana atrada pela tela do computador, pelos jogos coloridos, o que estimula tambm os ouvintes a aprenderem a lngua de sinais, por serem curiosos e quererem se comunicar com os colegas surdos. J os alunos com surdez podem se sentir atender uma parcela dos mais de mil alunos surdos valorizados por terem uma atividade na lngua deles e, matriculados na rede pblica de ensino no estado, alm assim, sentirem-se parte da sala de aula e da sociedade. de seus colegas de sala. Para utilizar o software as

    O lanamento oficial aconteceu em setembro, no escolas precisam efetuar um pr-cadastro no site auditrio da FCEE. A iniciativa indita no pas e deve www.librasbrincando.com.

    FCEE disponibiliza software gratuito para o ensino de Libras

    Pgina 02 Informativo FCEE Outubro/Novembro/Dezembro de 2012

    A Fundao Catarinense de Educao Especial desenvolve um trabalho fundamental para as pessoas com deficincia, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotao do nosso Estado. Este trabalho dignifica e preserva os direitos adquiridos pela Constituio Federal a todos os Brasileiros, portanto nos sentimos ainda mais responsveis no sentido de garantir estes direitos para alcanarmos uma sociedade mais justa, humana e igualitria.

    Desejamos a todos e a todas muita paz, sade, foras e amor. Feliz natal e um timo 2013!

    Rose Bartucheski, Presidente da FCEE

  • Informativo FCEE Outubro/Novembro de 2012 Pgina 03

    Projeto capacita profissionais para identificao de crianas com atraso no desenvolvimento em Palhoa

    AFCEE, com apoio do 1. Promotoria de Justia da considerados, pois a partir deles que o governo traa Comarca de Palhoa (SC), implantou neste ano um polticas pblicas.projeto piloto para identificar atrasos no desenvolvi- Esse grande nmero de pessoas com deficincia mento neuropsicomotor em crianas de zero a trs anos de apontado pelas pesquisas um indicativo de que os gover-idade no municpio. O objetivo que, ao final do projeto, nos tm se preocupado pouco com a preveno primria cerca de 650 servidores, entre agentes comunitrios, (feita antes que o fato ocorra, por meio de medidas como professores da educao infantil e da educao especial, pr-natal, aes de preveno de acidentes, etc.) e secund-estejam capacitados para a realizao de triagem e encami- ria (que age antes que o quadro se agrave). Segundo Srgio, nhamento de crianas com possveis indicadores de atraso a identificao precoce muito importante porque medidas para atendimento especializado. Os dados coletados nesse de baixo custo tomadas na fase de desenvolvimento da trabalho vo servir de estudo para a Fundao e resultaro criana podem evitar diversos tipos de sequelas. em um mapeamento do municpio. Os protocolos enviados pelos profissionais da sade e

    A implantao do projeto foi acordada no ms de agosto, educao participantes do projeto sero analisados pela em audincia realizada com o promotor de justia Aurlio FCEE e, de acordo com os resultados apresentados, o Giacomelli da Silva, da qual participaram representantes da estudo poder identificar a necessidade de uma readequa-FCEE e das Secretarias de Educao e de Sade de Palhoa. O o das polticas pblicas relacionadas ao atendimento das municpio comprometeu-se em liberar os profissionais para a crianas com dificuldades de desenvolvimento no municpio.participao nos cursos, que contemplam noes bsicas de desenvolvimento, sinais de alerta e instrues para o preen-chimento do protocolo de triagem, alm de orientaes para Entre os meses de outubro e novembro, 335 professores o encaminhamento aos servios de estimulao do municpio, da rede municipal de Palhoa foram capacitados pela FCEE, sejam eles vinculados sade ou educao. por meio de um curso preparatrio realizado na Faculdade

    Idealizador do projeto, Srgio Otvio Bassetti, psiclogo Municipal de Palhoa. Um dos destaques desta capacitao e articulador de grupo de trabalho da Gerncia de foi a apresentao ao Guia Portage de Educao Pr-escolar, Capacitao, Extenso e Articulao (Gecea) da FCEE, instrumento a ser utilizado para identificar os atrasos. Trata-destaca que a proposta faz parte de uma ideia maior, a de se de um inventrio de comportamento humano, composto repensar a funo da Gecea. "Queremos que esta Gerncia por um manual de treinamento e um conjunto de 580 fichas proponha mais projetos de extenso e articulao com de ideias e estratgias de interveno. entidades pblicas e privadas". Ele conta que durante seu O Portage surgiu nos Estados Unidos na dcada de 70, perodo de atuao no Centro de Reabilitao Ana Maria devido necessidade do governo de identificar atrasos no Philippi (Cener) da Fundao percebeu que muitas crianas desenvolvimento de crianas da zona rural por meio de um acabavam sendo identificadas com atraso muito tardiamen- instrumento que pudesse ser manipulado por qualquer te. Isso nos fez pensar em um projeto para ser posto em profissional ou mesmo membro da famlia. Desde ento, o prtica em um dos municpios da Grande Florianpolis que guia foi testado e aprimorado para aplicado nas escolas, possibilitasse a identificao precoce, explica. instituies e lares.

    Alm das observaes e pesquisas realizadas na FCEE, as Solange de Souza, professora do Centro de Reabilitao estatsticas em mbito estadual justificam a criao de um Ana Maria Phillippi (Cener) da FCEE, conta que o guia projeto como este. Dados do IBGE de 2010 indicam que utilizado pelas equipes de Estimulao Essencial I e II do 24% da populao de SC tem algum tipo de deficincia, ou Centro desde 2009. Serve como ferramenta de avaliao seja, quase um milho e meio de pessoas. muita gente. inicial e processual, alm de guia de sugestes e atividades, e Palhoa, de acordo com o mesmo Instituto, tem um contin- encaminhado famlia, escola e ao servio especializado gente populacional de 135.720 mil habitantes e, destes, que a criana frequenta com o objetivo de fazer com que 39.891 tem algum tipo de deficincia, o que representa 29% todos os que esto envolvidos possam acompanhar e esti-da populao". O psiclogo explica ainda que, mesmo mular o seu desenvolvimento.considerando controversa a metodologia utilizada pelo A prxima etapa do projeto a capacitao dos agentes IBGE para chegar a esses nmeros, os dados devem ser de sade, que j comeou a ser realizada em dezembro.

    Profissionais da educao j foram capacitados

    A estimativa que cerca de 650 servidores, entre agentes comunitrios, professores da educao infantil e especial, sejam capacitados para a realizao de triagem e encaminhamento

  • Qual sua funo no Ncleo?

    Quais as principais dificuldades encontradas?

    Conte um pouco da histria do Ncleo.

    Qual o maior desafio do trabalho desenvolvido?

    sediar o ncleo de Santa Catarina. lidade para pensar em aes de Contudo, um trabalho que vem se mdio e longo prazo, para que Trabalho como pedagoga no constituindo com muita dificuldade. juntos possamos consolidar uma Naah/s, na Unidade de Atendimento

    proposta de trabalho nesta rea.ao Aluno, praticamente desde o incio do Ncleo (o Naah/s foi

    Alm disso, cito a prpria dificulda-implantado em 2006 e o atendi-de da sociedade em entender o que mento em 2007). Em 2007 eu vim A primeira dificuldade que tivemos a superdotao. Ns ainda temos para c e participei dos processos e ainda persiste diz respeito uma viso de senso comum sobre tanto de avaliao quanto de capacitao. A maioria dos profissi-as altas habilidades em geral. Ainda implantao dos diferentes servios onais que passaram pelo Ncleo e acredita-se que a pessoa superdota-que hoje temos