Click here to load reader

INSTRUÇÕES - qconcursos.com · para uma história em quadrinhos divulgada em todo o País por Jeca, considerado preguiçoso, bêbado e idiota por todos, descobria que sofria de

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of INSTRUÇÕES - qconcursos.com · para uma história em quadrinhos divulgada em todo o País por...

  • Tipo B

    CONCURSO PBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAO DE CADASTRO-RESERVA EM CARGOS DE NVEL

    SUPERIOR E NVEL MDIO EDITAL No 1 DO CONCURSO PBLICO 1/2017 CFM NORMATIVO

    I N S T R U E S Voc receber do fiscal:

    o um caderno de questes da prova objetiva e discursiva contendo 50 (cinquenta) questes de mltipla escolha, com 5 (cinco) alternativas de resposta cada uma e apenas 1 (uma) alternativa correta, e 1 (uma) questo discursiva;

    o uma folha de respostas personalizada da prova objetiva; e o uma folha de texto definitivo da prova discursiva.

    Quando autorizado pelo fiscal do IADES, no momento da identificao, escreva no espao apropriado da folha de respostas da prova objetiva, com a sua caligrafia usual, a seguinte frase:

    Esforos desafiam as impossibilidades.

    Verifique se esto corretas a numerao das questes, a paginao do caderno de questes e a codificao da folha de respostas

    da prova objetiva e da folha de texto definitivo da prova discursiva. Voc dispe de 4 (quatro) horas para fazer a prova objetiva e discursiva e deve controlar o tempo, pois no haver prorrogao

    desse prazo. Esse tempo inclui a marcao da folha de respostas da prova objetiva e o preenchimento da folha de texto definitivo da prova discursiva.

    Somente 1 (uma) hora aps o incio da prova, voc poder entregar sua folha de respostas da prova objetiva, a folha de texto definitivo da prova discursiva e o caderno de provas e retirar-se da sala.

    Somente ser permitido levar o caderno de questes da prova objetiva e discursiva 3 (trs) horas e 30 (trinta) minutos aps o incio da prova. Aps o trmino da prova, entregue ao fiscal do IADES a folha de texto definitivo da prova discursiva e a folha de respostas da prova

    objetiva devidamente assinada. Deixe sobre a carteira apenas o documento de identidade e a caneta esferogrfica de tinta preta, fabricada com material transparente. No permitida a utilizao de qualquer aparelho eletrnico ou de comunicao. No permitida a consulta a livros, dicionrios, apontamentos e apostilas. Voc somente poder sair e retornar sala de aplicao de provas na companhia de um fiscal do IADES. No ser permitida a utilizao de lpis em qualquer etapa da prova.

    I N S T R U E S P A R A A P R O V A OB J E T I V A E D I S C U R S I V A

    Verifique se os seus dados esto corretos na folha de respostas da prova objetiva e na folha de texto definitivo da prova discursiva. Caso haja algum dado incorreto, comunique ao fiscal.

    Leia atentamente cada questo e assinale, na folha de respostas da prova objetiva, uma nica alternativa. A folha de respostas da prova objetiva e a folha de texto definitivo da prova discursiva no podem ser dobradas, amassadas,

    rasuradas ou manchadas e nem podem conter qualquer registro fora dos locais destinados s respostas. O candidato dever transcrever, com caneta esferogrfica de tinta preta, as respostas da prova objetiva para a folha de respostas e

    o texto definitivo da prova discursiva para a folha de texto definitivo. A maneira correta de assinalar a alternativa na folha de respostas da prova objetiva cobrir, fortemente, com caneta esferogrfica

    de tinta preta, o espao a ela correspondente. Marque as respostas assim:

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 2/13

    P R O V A O B J E T I V A

    LNGUA PORTUGUESA Questes de 1 a 8

    Textos 1 e 2 para responder s questes de 1 a 5.

    Texto 1

    1 4 7

    A cena apresentada pertence ao filme Jeca Tatu, estreladopelo ator e diretor brasileiro Mazzaropi. O personagem foicriado por Monteiro Lobato em sua obra Urups, quecontm 14 histrias baseadas no trabalhador rural paulista esimboliza a situao do caipira brasileiro, abandonado pelospoderes pblicos s doenas, ao atraso econmico,educacional e indigncia poltica.

    Texto 2

    1 4 7

    10

    13

    16

    19

    22

    25

    28

    31

    34

    37

    40

    Prolongamento das campanhas sanitrias, as expediescientficas do Instituto Oswaldo Cruz, no incio do sculo 20,permitiram um maior conhecimento das molstias queassolavam o Pas e possibilitaram a ocupao e a integrao dointerior brasileiro ao litoral, mais desenvolvido. O Brasil umpas doente, diziam os pesquisadores de Manguinhos. Eprovavam. O retrato sem retoques da misria, da desnutrio edas molstias de nosso povo, apresentado por eles em seusrelatrios, vinha jogar por terra o idealismo romntico de nossosintelectuais, influenciando o movimento realista que surgia.

    Essa influncia se fez sentir em maior grau em MonteiroLobato. Seu contato com as pesquisas de Manguinhos levaramo criador de Emlia, integrante da clebre turma do Stio doPicapau Amarelo, a alterar completamente a concepo de umde seus famosos personagens, o Jeca Tatu, e engajar-se emuma campanha pelo saneamento do Pas: O Jeca no assim:est assim, e podemos mudar sua realidade.

    Esse nome se generalizou no Pas todo como sinnimode caipira, homem do interior muitas vezes acusado depreguia, ignorncia e acomodao. No prefcio quartaedio de Urups, em 1918, Lobato declarou: Eu ignoravaque eras assim, meu caro Jeca, por motivo de doenastremendas. Est provado que tens no sangue e nas tripastodo um jardim zoolgico da pior espcie. essa bichariacruel que te faz papudo, feio, molenga, inerte.

    Indignado com a situao da sade no Pas, lanou-seem uma vigorosa campanha jornalstica em favor dosaneamento. Denunciou, sem medir as palavras, a realidadenacional, em que, poca, 17 milhes de pessoas sofriamcom ancilostomose, trs milhes com Chagas, dez milhescom malria e outros tantos com bcio, o popular papo.

    Investiu contra os falsos patriotas que o criticaram porexpor nossa misria. Associou a questo sanitria economia doPas. Criticou os bacharis e polticos, atribuindo-lhes a situaocatica do Brasil. Censurou o descaso de nossas elites, e impressionante a atualidade de algumas de suas crticas.Denunciou fraudes nos produtos consumidos pela populao eironizou os poucos recursos concedidos sade pblica. Acampanha acabou forando o governo a dar ateno aoproblema, e o cdigo sanitrio foi remodelado, transformado

    41

    44

    47

    50

    52

    em lei. Mas Lobato achava necessrio mobilizar no apenas as

    elites que seus artigos jornalsticos alcanavam. Igualmente importante seria alertar e educar o povo, principal vtima da falta de saneamento. Escreveu ento Jeca Tatu - a ressurreio,mais conhecido como Jeca Tatuzinho, que serviu de inspirao para uma histria em quadrinhos divulgada em todo o Pas por meio do Almanaque Biotnico Fontoura. Nessa narrativa, Jeca, considerado preguioso, bbado e idiota por todos, descobria que sofria de amarelo, nome popular da ancilostomose. Tratava-se e transformava-se em um fazendeiro rico.

    Disponvel em: . Acesso em: 8 jan. 2018, com adaptaes.

    QUESTO 1 ________________________ Ambos os verbos sublinhados no primeiro pargrafo do texto 2 (linhas 3 e 4) so (A) transitivos diretos e, por isso, ambos so

    acompanhados dos respectivos objetos diretos. (B) transitivos diretos e indiretos e, por isso, o primeiro

    acompanhado por um objeto direto e o segundo por um objeto indireto.

    (C) intransitivos e, por isso, no precisam de complementos. (D) transitivos diretos preposicionados e, por isso, ambos

    so acompanhados dos respectivos objetos diretos com preposio.

    (E) intransitivo e transitivo direto, respectivamente, e, por isso, o primeiro no tem complemento e o segundo acompanhado de objeto direto.

    QUESTO 2 ________________________ Com base nos trechos (...) situao do caipira brasileiro, abandonado pelos poderes pblicos s doenas, ao atraso econmico, educacional e indigncia poltica. (linhas de 5 a 7 do texto 1) e Mas Lobato achava necessrio mobilizar no apenas as elites que seus artigos jornalsticos alcanavam. (linhas 42 e 43 do texto 2), correto inferir que (A) a expresso poderes pblicos representa, no texto, o

    significado literal de elites que seus artigos jornalsticos alcanavam.

    (B) os nveis educacionais, polticos e econmicos da elite e da populao em geral sempre foram semelhantes na linha de desenvolvimento histrico brasileiro.

    (C) as elites e a populao em geral tinham o mesmo acesso aos jornais que estavam em circulao no contexto da poca.

    (D) h correlao direta, no contexto brasileiro, entre doenas e atraso econmico, poltico e educacional.

    (E) a mobilizao proposta por Lobato serviria apenas para provocar a rebelio da populao adoecida e uma consequente instabilidade poltica.

    QUESTO 3 ________________________

    O trecho sublinhado no texto 2 (linhas 13 e 14) est isolado pela pontuao e exerce a funo sinttica de

    (A) adjunto adverbial. (B) aposto. (C) complemento nominal. (D) adjunto adnominal. (E) vocativo.

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 3/13

    QUESTO 4 _______________________ Com base na leitura dos textos, assinale a alternativa correta. (A) Aes educacionais e poltico-econmicas devem agir

    dissociadamente, de modo a obterem resultados mais especficos nas respectivas reas de abrangncia.

    (B) No h como confundir as doenas s quais o texto se refere com atitudes viciosas e (ou) com a ausncia de valores morais dos habitantes/cidados.

    (C) A pesquisa cientfica na rea da sade tradicionalmente um contexto que recebe apoio poltico e econmico na histria brasileira.

    (D) A situao da sade, a ao social e o engajamento ideolgico de escritores e de outros artistas esto associados histria brasileira h mais de um sculo.

    (E) A campanha de Lobato no tem elementos semelhantes na contemporaneidade brasileira do sculo 21.

    QUESTO 5 _______________________ No segundo pargrafo do texto 2, o trecho a alterar completamente a concepo de um de seus famosos personagens (linhas 14 e 15) apresenta, respectivamente, a partcula a com as funes de (A) artigo e artigo. (B) pronome oblquo e preposio. (C) preposio e preposio. (D) preposio e artigo. (E) artigo e pronome oblquo.

    Textos 3 e 4 para responder s questes de 6 a 8.

    Texto 3 1 4 7

    10

    13

    16

    19

    22

    23

    Evoluo dos mosquitos

    Os mosquitos surgiram provavelmente no Jurssico,perodo em que os dinossauros dominavam a Terra e asflorestas tropicais eram mais quentes. Eles so dpteros, ouseja, insetos que possuem um par de asas, como as moscas,mas sua caracterstica principal que as fmeas tm aspeas bucais alongadas, adaptadas para picar e sugar osangue de animais vertebrados. O primeiro fssil conhecidode mosquito data do perodo Cretceo, tendo de 90 a 100milhes de anos de idade. Ele pertence espcieBurmaculex antiquus, era uma fmea e foi descoberto emMyanmar (antiga Birmnia) em 1999, dentro de ummbar fossilizado.

    De acordo com estudos recentes sobre evoluo, o Aedesaegypti teria surgido na frica e de l se espalhado por todo oglobo. No Brasil, diversos estudos apontam para a existnciade dois grupos diferentes de Aedes aegypti, um delesrelacionado aos mosquitos do oeste da frica e outro aosmosquitos encontrados hoje no Qunia, leste da frica,introduzidos no pas em diversas levas. Isso nos mostra, maisuma vez, que o Aedes um mosquito extico, ou seja, ele no originrio daqui, e chegou ao Brasil junto com o trfico deescravos no sculo 16, que trazia pessoas do Benin, da Costado Marfim, de Angola e de outros pases daquele continente.

    Disponvel em: . Acesso em: 8 jan. 2018, com adaptaes.

    Texto 4

    Disponvel em: . Acesso em: 8 jan. 2018. QUESTO 6 ________________________ Considerando-se a hiptese apresentada no texto a respeito da evoluo dos mosquitos a de que o mosquito Aedes aegypti tenha chegado ao Brasil em decorrncia do comrcio de escravos , assinale a alternativa correta. (A) Deslocamentos e prticas de cunho poltico, social e

    econmico tm consequncias apenas nesses mbitos. (B) Como os movimentos migratrios so fenmenos

    complexos, no h como avaliar com clareza todas as consequncias futuras dessa dinmica.

    (C) Os escravos deveriam ser responsabilizados pelas epidemias atuais de dengue e zika vrus e pelas consequentes mortes.

    (D) A escravido deveria ter sido evitada no Brasil para prevenir a migrao de espcies exticas e nocivas para o nosso contexto.

    (E) Os escravos deveriam ter passado por um processo de desinfeco antes de serem colocados nos navios negreiros, para evitar a vinda dos mosquitos junto com eles.

    QUESTO 7 ________________________ A expresso ou seja, utilizada no primeiro pargrafo (linhas 3 e 4) e no segundo pargrafo (linha 20) do texto 3, pode, nas duas ocorrncias, ser substituda, sem prejuzo de sentido nem de construo sinttica, pelas expresses (A) isto , quer dizer, em vez de. (B) no lugar de, ao contrrio de, ao revs de. (C) melhor dizendo, isto , quer dizer. (D) isto , quer dizer, o que equivale a. (E) isto , quer dizer, no lugar de.

    rea livre

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 4/13

    QUESTO 8 _______________________ Quanto ao emprego de palavras no texto 3, assinale a alternativa correta. (A) Jurssico (linha 1) e Cretceo (linha 8) so dois

    termos cientficos referentes a perodos de desenvolvimento sociolgico do planeta Terra.

    (B) A expresso diversos estudos apontam para a existncia de dois grupos diferentes (linhas 15 e 16) indica que no h nenhuma confluncia nos resultados de pesquisas a respeito do mosquito realizadas no Brasil.

    (C) As expresses Burmaculex antiquus (linha 10) e Aedes aegypti (linhas 13 e 14) esto grafadas em portugus, com uso da norma culta padro.

    (D) A expresso teria surgido na frica (linha 14) indica certeza na afirmao construda a respeito da origem do mosquito Aedes aegypti.

    (E) O adjetivo dpteros (linha 3) caracteriza os insetos que possuem duas asas, e o adjetivo extico (linha 20) est utilizado no sentido biolgico: originrio de outro bioma ou ecossistema.

    LEGISLAO APLICADA AO CFM

    Questes de 9 a 14 QUESTO 9 _______________________ O Tribunal Superior de tica est previsto na Resoluo CFM no 1.998/2012. No que se refere ao referido rgo, assinale a alternativa correta. (A) As reunies plenrias para julgamento de processos

    disciplinares sero realizadas com a presena da maioria dos respectivos membros.

    (B) Em regra, o secretrio-geral do CFM presidir as sesses do Tribunal Superior de tica.

    (C) As sesses do pleno sero abertas ao pblico em geral. (D) Ao Tribunal Superior de tica defeso funcionar por

    meio de cmaras do CFM. (E) O voto de desempate no Tribunal Superior de tica

    de competncia do conselheiro corregedor. QUESTO 10 ______________________ O Decreto no 44.045/1958 aprovou o Regulamento do Conselho Federal e dos Conselhos Regionais de Medicina. Considerando o citado regulamento, assinale a alternativa correta. (A) Os mdicos denunciados que respondam a processos

    tico-profissionais devem ser obrigatoriamente representados por advogado.

    (B) Os mdicos legalmente habilitados ao exerccio da profisso devem dirigir o pedido de inscrio ao presidente do competente Conselho Regional de Medicina.

    (C) Nas eleies dos Conselhos Regionais de Medicina, o voto ser facultativo.

    (D) O Conselho Federal de Medicina ser composto por 20 membros.

    (E) Os candidatos das eleies para os Conselhos Regionais de Medicina podem figurar em mais de uma chapa.

    QUESTO 11 _______________________ Com base na Lei no 3.268/1957, correto afirmar que, entre as atribuies do Conselho Federal, est a de (A) velar pela conservao da honra e da independncia

    do Conselho. (B) publicar relatrios anuais dos prprios trabalhos. (C) votar e alterar o Cdigo de Deontologia Mdica. (D) deliberar a respeito da inscrio e do cancelamento

    no quadro do Conselho. (E) fiscalizar o exerccio da profisso de mdico. QUESTO 12 _______________________ A Resoluo CFM no 1.998/2012 trata do Regimento Interno do Conselho Federal de Medicina. No que tange ao Conselho Pleno Nacional, rgo de assessoria poltica do CFM, assinale a alternativa correta. (A) O Conselho Pleno Nacional reunir-se- de forma

    ordinria sempre que houver convocao de 2/3 dos CRM.

    (B) As decises tomadas no Conselho Pleno Nacional so aprovadas por maioria simples.

    (C) O Conselho Pleno Nacional composto pelos conselheiros efetivos do CFM e pelos presidentes dos CRM ou por seus substitutos legais.

    (D) Em casos excepcionais, o Conselho Pleno Nacional poder ser consultado quando da alterao do Cdigo de Processo tico-Profissional.

    (E) A primeira reunio anual do Conselho Pleno Nacional realizar-se-, obrigatoriamente, na sede do CFM.

    QUESTO 13 _______________________ Acerca do Cdigo de Processo tico-Profissional previsto na Resoluo CFM no 2.145/2016, assinale a alternativa correta. (A) Em regra, o julgamento das infraes

    tico-profissionais est vinculado ao julgamento da questo criminal referente aos mesmos fatos.

    (B) A citao por edital no admitida nos processos tico-profissionais.

    (C) O Termo de Ajustamento de Conduta poder ser admitido nos casos que envolvam leso corporal e assdio sexual.

    (D) O processo tico-profissional pode ser extinto por desistncia da parte denunciante.

    (E) A competncia para apreciar e julgar infraes ticas do Conselho Regional de Medicina em que o mdico esteja inscrito ao tempo da ocorrncia do fato punvel.

    rea livre

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 5/13

    QUESTO 14 ______________________ Com relao ao sigilo profissional mdico, previsto no Captulo IX do Cdigo de tica Mdica (Resoluo CFM no 1.931/2009), assinale a alternativa correta. (A) O mdico pode deixar de guardar o sigilo profissional

    na cobrana de honorrios por meio judicial. (B) O mdico s pode fazer referncia a casos clnicos

    identificveis, em meios de comunicao em geral, se houver autorizao do paciente.

    (C) O mdico pode revelar fato de que tenha conhecimento em virtude do exerccio da prpria profisso, se o fato for de conhecimento pblico.

    (D) O mdico deve prestar todas as informaes a respeito das circunstncias da morte do paciente sob seus cuidados para as empresas seguradoras e, inclusive, auxiliar prestando informaes alm das contidas na declarao de bito.

    (E) Ao mdico vedado revelar o sigilo profissional relacionado a paciente menor de idade, inclusive a seus pais ou representantes legais, desde que o menor tenha capacidade de discernimento, salvo quando a no revelao possa acarretar dano ao paciente.

    RACIOCNIO LGICO E MATEMTICO

    Questes de 15 a 18

    QUESTO 15 ______________________ Na repartio de certa empresa, existem 3 assistentes administrativos. Durante todo o ano de 2017, cada um dos assistentes dessa repartio assumiu voluntariamente determinado valor em reais, a critrio de cada um, para que fosse dividido de modo inversamente proporcional quantidade de folhas desperdiadas na elaborao de documentos.

    Assistente No erros A 2 B 3 C 5

    Sabendo-se que o montante arrecadado durante todo o ano de 2017 foi de R$ 310,00 e que a quantidade de folhas desperdiadas consta no quadro apresentado, o valor, em reais, que coube ao assistente administrativo que menos desperdiou folhas de papel foi de (A) 60. (B) 120. (C) 150. (D) 160. (E) 155.

    QUESTO 16 ______________________ Em uma pesquisa com candidatos de um concurso no Distrito Federal, foram feitas as seguintes perguntas para que eles respondessem sim ou no: Gosta de estudar matemtica? Gosta de estudar portugus? Entre os candidatos entrevistados, 220 candidatos responderam sim primeira pergunta; 200 responderam sim segunda; 75 responderam sim a ambas; e 90 responderam que no gostam de estudar nenhuma das duas matrias. Quantos candidatos foram entrevistados?

    (A) 345 (B) 510 (C) 420 (D) 435 (E) 585

    QUESTO 17 _______________________ Uma caixa dgua, na forma de um paraleleppedo retngulo cujas medidas so 0,120 dam de comprimento, 90 cm de largura e 1,35 m de altura, est com um tero da respectiva capacidade com gua. O volume dgua, em metros cbicos, que falta para deixar o reservatrio completamente cheio de (A) 1,458. (B) 0,786. (C) 0,486. (D) 2,187. (E) 0,972.

    QUESTO 18 _______________________ Ao comprar uma cala e um par de tnis, que juntos custavam R$ 620,00, Miguel conseguiu o desconto de 25% no preo do par de tnis e de 20% no preo da cala. Ele percebeu que, aps os descontos, os valores pagos pelos dois produtos ficaram iguais. Considerando essa situao hipottica, assinale a alternativa correta. (A) O preo do par de tnis, antes do desconto, era

    R$ 300,00. (B) O valor pago pela cala, aps o desconto, foi

    R$ 240,00. (C) O valor total conseguido com os descontos foi

    R$ 160,00. (D) O valor do desconto concedido para o par de tnis foi

    R$ 60,00. (E) O valor pago pelos dois produtos foi R$ 520,00.

    rea livre

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 6/13

    MICROINFORMTICA Questes de 19 a 22

    QUESTO 19 ______________________

    [...] Os links podem estar associados execuo de programas maliciosos. Voc pode verificar isso no momento de passar o mouse sobre o link. O endereo do objeto do link aparece no canto inferior esquerdo da tela, como mostrado na Figura 4.18.

    Voc tambm pode verificar, no finalzinho do link, se ele direcionado para um arquivo. Algumas extenses podem indicar que o link para um arquivo executvel (um programa) ou um arquivo script. Provavelmente, um vrus.

    Disponvel em: .

    Acesso em: 30 jan. 2018, com adaptaes. Considerando as informaes apresentadas, assinale a alternativa que indica uma das extenses citadas no ltimo pargrafo do texto. (A) pdf (B) html (C) scr (D) png (E) xls

    QUESTO 20 ______________________

    A imagem apresentada mostra o preenchimento de uma planilha no Excel. Se o usurio pretende que o valor da soma dos processos aparea na clula B8, uma maneira de ele obter o valor correto, nessa clula, seria com a seguinte frmula: (A) =SOMA(B2;B7) (B) =MEDIA(B2:B7) (C) =SOMA(B2+B7) (D) =SOMA(A2:B7) (E) =MEDIA(B2;B7)

    QUESTO 21 _______________________

    A imagem apresentada mostra parte da barra de ferramentas do Word em um arquivo em edio. Se o usurio pretende alterar a orientao do texto de retrato para paisagem, ele consegue fazer isso ao clicar com o mouse sobre a guia (A) Layout. (B) Design. (C) Inserir. (D) Referncias. (E) Correspondncias. QUESTO 22 _______________________

    Considere hipoteticamente que Joo da Silva enviou um e-mail para seis pessoas, como mostra a imagem apresentada. Caso Fernanda Lima utilize o recurso responder a todos para esse e-mail, quantas pessoas recebero essa resposta? (A) 4 (B) 5 (C) 3 (D) 2 (E) 6

    rea livre

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 7/13

    CONHECIMENTOS ESPECFICOS Questes de 23 a 50

    QUESTO 23 ______________________ Com base nos conhecimentos relacionados tecnologia da informao (TI), correto afirmar que o HyperText Transfer Protocol (HTTP) (A) um protocolo de rede definido pela RFC 2646, que

    esclarece como escrever um Applet Java. (B) um tipo de protocolo de aplicao peer-to-peer

    (P2P). (C) o protocolo de aplicao que permite localizar e

    identificar os endereos web do tipo www. (D) armazena os dados coletados na web e, quando

    solicitado, fornece o endereo web requisitado. (E) um protocolo da camada de aplicao que define a

    estrutura das mensagens trocadas entre cliente e servidor web e permite a troca de objetos como arquivos HTML, imagens e vdeos.

    QUESTO 24 ______________________ Acerca dos conhecimentos relacionados segurana de TI, assinale a alternativa correta. (A) Um gateway de aplicao faz filtragem com base no

    cabealho IP do pacote oriundo do servidor de aplicao.

    (B) Um firewall de filtragem de pacotes analisa somente o contedo web.

    (C) Um firewall somente gera alertas, mas no filtra pacotes.

    (D) Um gateway de aplicao analisa o contedo da mensagem na camada de aplicao.

    (E) Um firewall de filtragem de pacotes analisa o contedo da mensagem.

    QUESTO 25 ______________________ A respeito de gesto de segurana da informao, assinale a alternativa correta. (A) Ataque a causa potencial de um incidente

    indesejado, que pode resultar em dano para um sistema ou uma organizao.

    (B) Ameaa a chance de um risco se concretizar ou de um evento ocorrer.

    (C) Ameaa a fragilidade de um ativo ou grupo de ativos que pode ser explorada por uma ou mais ameaas.

    (D) Evento qualquer ao que pode comprometer a segurana de uma organizao.

    (E) Vulnerabilidade qualquer fraqueza que pode ser explorada e comprometer a segurana de sistemas ou informaes.

    QUESTO 26 ______________________ Em relao aos grupos de processos e s reas do conhecimento do PMBOK 5, correto afirmar que

    (A) estimar as duraes das atividades um processo da rea de Planejamento.

    (B) criar a estrutura analtica do projeto (EAP) um processo da rea de conhecimento de Gerenciamento do Escopo do Projeto.

    (C) desenvolver a equipe do projeto um processo do Grupo de Processos de Iniciao.

    (D) monitorar e controlar o trabalho do projeto um processo da rea de Gerenciamento do Escopo do projeto.

    (E) definir as atividades um processo da fase de Gerenciamento do Escopo do Projeto.

    QUESTO 27 _______________________ A respeito do ITIL v3, correto afirmar que o(s) (A) Portflio de Servios est inserido no Catlogo de

    Servios. (B) processos Gerenciamento de Problema e

    Gerenciamento de Incidente fazem parte da fase Operao do Servio.

    (C) processo Gerenciamento de Portflio de Servios faz parte da fase Desenho do Servio.

    (D) processo Gerenciamento da Mudana faz parte da fase Operao do Servio.

    (E) processo Gerenciamento da Continuidade do Servio faz parte da fase Transio do Servio.

    QUESTO 28 _______________________ Com relao ao COBIT 5, correto afirmar que o domnio (A) Entregar, Servir e Suportar refere-se entrega dos

    servios de TI necessrios para atender aos planos tticos e estratgicos e inclui processos para gerenciar operaes, requisies de servios e incidentes, o gerenciamento de problemas, a continuidade, os servios de segurana e o controle de processos de negcio.

    (B) Alinhar, Planejar e Organizar diz respeito aos processos de gerenciamento da disponibilidade e da capacidade; mudana organizacional; gerenciamento de mudanas; aceite e transio; e gerenciamento de ativos, configurao e conhecimento.

    (C) Avaliar, Dirigir e Monitorar faz parte dos processos de gesto, os quais ditam as responsabilidades da alta direo para a avaliao, o direcionamento e a monitorao do uso dos ativos de TI para a criao de valor.

    (D) Alinhar, Planejar e Organizar faz parte dos processos de governana, os quais ditam as responsabilidades da alta direo e podem contribuir melhor com os objetivos de negcio.

    (E) Entregar, Servir e Suportar inclui os processos para gerenciar operaes, requisies de servios, incidentes e mudanas; aceite e transio; e gerenciamento de ativos, configurao e conhecimento.

    rea livre

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 8/13

    QUESTO 29 ______________________ Quanto a dois modelos de maturidade de processo de software: Capability Maturity Model Integration (CMMI) e Melhoria do Processo de Software Brasileiro (MPS.BR), assinale a alternativa correta. (A) Os modelos CMMI e MPS.BR tratam especificamente

    da mensurao da qualidade do software, que pode inclusive ser aplicada a softwares adquiridos.

    (B) O que difere o CMMI do MPS.BR que o primeiro avalia a qualidade do produto e o segundo avalia a qualidade do processo de desenvolvimento.

    (C) No nvel G Parcialmente gerenciado do MPS.BR, necessrio que seja verificado que o resultado DR7 Os requisitos so validados seja atendido.

    (D) No nvel F Gerenciado do MPS.BR, necessrio que seja verificado o resultado GCO5 As modificaes e liberaes so disponibilizadas para todos os envolvidos.

    (E) O MPS.BR possui cinco nveis de maturidade: inicial, gerenciado, definido, quantitativamente gerenciado e em otimizao.

    QUESTO 30 ______________________ A respeito de bridges, switches e roteadores, correto afirmar que (A) uma bridge um dispositivo de hardware analgico

    utilizado para estender uma rede local. (B) uma bridge um mecanismo usado para conectar

    dois segmentos de rede diferentes e enviar quadros de um segmento ao outro de forma transparente.

    (C) o comutador ethernet, tambm chamado de switch, apresenta desvantagens em relao s bridges, uma vez que estas no permitem a realizao de operaes de transmisso de pacotes em paralelo.

    (D) o conceito de spanning tree protocols utilizado em bridges para realizar a virtualizao das redes.

    (E) a diferena entre roteadores e bridges reside no fato de que as bridges montam tabelas de roteamento esttico de pacotes e os roteadores montam tabelas dinmicas.

    QUESTO 31 ______________________ Quanto aos padres WiFi, assinale a alternativa correta. (A) O padro 802.11n utiliza o mtodo multiple-input

    multiple-output (MIMO) para eliminar problemas na transmisso e aument-la para taxas de 300 Mbps.

    (B) O padro 802.11g no possui compatibilidade com o padro 802.11b, pois opera em 5.7 GHz.

    (C) O padro 802.11a o mais avanado e permite taxas de at 300 Mbps.

    (D) Os padres 802.11g e 802.11n utilizam a mesma faixa de frequncias do 802.11a; por isso, so todos compatveis.

    (E) O padro 802.11n utiliza as faixas de 2,4 GHz, 4,8 GHz e 5.7 GHz simultaneamente; por isso, consegue aumentar a taxa para 300 Mbps.

    QUESTO 32 _______________________ Em relao Virtual Private Network (VPN), assinale a alternativa correta. (A) O protocolo Encapsulating Security Payload (ESP), do

    Protocolo de Segurana IP (IPSec), prov apenas a autenticao aos usurios de uma conexo VPN.

    (B) Para se criar um tnel VPN, utiliza-se o Autentication Header (AH), do IPSec, para gerenciamento de chaves.

    (C) Uma VPN pode ser constituda utilizando-se o ESP, do IPSec, para prover a integridade e o sigilo dos dados.

    (D) Com o IPSec, pode-se estabelecer uma VPN; porm, no possvel estabelecer sigilo entre os dois hosts.

    (E) Um tnel VPN constitui-se entre dois hosts utilizando o Autentication Header (AH), do IPSec, para encapsulamento dos pacotes, garantindo o sigilo dos dados.

    QUESTO 33 _______________________

    ELMASRI, R.; NAVATHE, S. B. Sistemas de Bancos de Dados. 6a ed. So Paulo: Pearson Addison Wesley, 2011.

    Com base no esquema de entidade-relacionamento (ER) para o banco de dados de uma empresa, conforme apresentada a figura, assinale a alternativa correta. (A) A chave primria da entidade DEPARTAMENTO

    Numero_funcionarios. (B) O atributo Localizacoes da entidade

    DEPARTAMENTO pode assumir mais de um valor ao mesmo tempo.

    (C) Cada funcionrio possui N supervisores. (D) A entidade FUNCIONARIO possui oito atributos. (E) Cada elemento da entidade PROJETO pode estar

    ligado a N elementos de FUNCIONARIO.

    rea livre

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 9/13

    QUESTO 34 ______________________ Assim como a maioria das tecnologias, os bancos de dados existem em diferentes arquiteturas em diferentes aplicaes. Acerca das vantagens e desvantagens dos bancos de dados relacionais, assinale a alternativa correta. (A) O MySQL um sistema de gerenciamento de banco

    de dados (SGBD) relacional rpido, confivel e escalvel. Entretanto, mais conhecido por no ser um banco SQL de cdigo aberto.

    (B) Uma das desvantagens dos bancos de dados relacionais que eles no trabalham com dados estruturados.

    (C) Os bancos relacionais realizam a normalizao dos dados, o que resulta em perda de velocidade.

    (D) A forte tipagem dos bancos relacionais suficiente para garantir a integridade e a consistncia dos dados.

    (E) O MySQL um dos sistemas de mais baixa qualidade, por se tratar de um sistema de cdigo aberto; isso, pouco utilizado no mercado.

    QUESTO 35 ______________________ A Unified Modeling Language (UML) uma linguagem utilizada para documentar, especificar e visualizar artefatos de software. Em relao ao exposto e aos diferentes tipos de diagramas UML, assinale a alternativa correta. (A) Diagramas de atividade so responsveis por

    descrever como diferentes classes interagem entre si, apresentando as informaes apenas de processos de alto nvel.

    (B) Diagramas de estado permitem a visualizao dos possveis estados de cada classe do sistema, de forma que no so responsveis por descrever a transio entre os estados.

    (C) Diagramas de sequncia mostram uma sucesso detalhada de passos tomados na execuo de um caso de uso ou, ainda, apenas de parte de um caso de uso.

    (D) Um diagrama de casos de uso tem foco na assinatura e na estrutura de cada classe e nos respectivos mtodos no sistema.

    (E) Em um diagrama de classes, cada bloco dividido em trs partes. De cima para baixo, cada parte representa, respectivamente, o nome da classe e os respectivos mtodos e atributos.

    QUESTO 36 ______________________ Com base nas classificaes de padres de projeto de acordo com o respectivo propsito, assinale a alternativa correta. (A) Padres temporais so aqueles que garantem a

    chamada dos mtodos de cada classe nos instantes apropriados.

    (B) Padres estruturais lidam com a composio de classes ou objetos, bem como com a prpria criao.

    (C) Padres comportamentais caracterizam a forma como objetos ou classes interagem entre si e distribuem responsabilidades. o que ocorre, por exemplo, com o padro Prototype.

    (D) Padres criacionais se limitam a descrever o processo de criao de um objeto.

    (E) Padres aquisitivos descrevem a forma como os parmetros de cada mtodo e o valor de cada atributo de uma classe so adquiridos.

    QUESTO 37 _______________________

    Um dos tipos de diagramas UML (Unified Modeling Language) o diagrama de casos de uso. A respeito do exposto e do diagrama apresentado, assinale a alternativa correta. (A) O ator Cliente Comum capaz de realizar um saque

    sem o pagamento de tarifas. (B) O ator Cliente Premium realiza o pagamento de

    tarifas ao realizar um saque. (C) O banco oferece servio de investimento em aes

    somente para os atores Cliente Bsico e Cliente Premium.

    (D) O banco oferece servio de emisso de cheques via caixa eletrnico.

    (E) O ator Cliente Bsico capaz de depositar algum valor em conta.

    QUESTO 38 _______________________ No tocante ao padro de projeto Decorator, tambm conhecido como Wrapper, assinale a alternativa correta. (A) O citado padro resulta em implementaes menos

    flexveis do que a herana esttica. (B) O Decorator adiciona responsabilidades a um objeto

    dinamicamente, de modo que constitui uma alternativa prtica da implementao de subclasses.

    (C) Os objetos resultantes da implementao de um Decorator possuem diversas diferenas, porm as formas como eles se conectam so as mesmas.

    (D) Uma das vantagens de sistemas implementados no referido padro que eles possuem diversos objetos parecidos.

    (E) O mencionado padro de projeto no permite adicionar responsabilidades extras ao objeto desejado.

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 10/13

    QUESTO 39 ______________________

    Como garantimos que uma classe tenha somente uma instncia e que essa instncia seja facilmente acessvel? Uma varivel global torna um objeto acessvel, mas no impede voc de instanciar mltiplos objetos.

    GAMMA, E. et al. Padres de Projeto: Solues reutilizveis de software orientado a objetos. Porto Alegre: Bookman, 2000.

    Em relao ao exposto e ao padro de projeto Singleton, assinale alternativa que indica uma das vantagens do referido padro. (A) O padro de projeto garante a existncia de apenas

    um nico objeto da classe em questo, disponibilizando um modo de acess-la.

    (B) O padro aumenta a quantidade de variveis globais no namespace em questo.

    (C) No necessrio implementar qualquer mecanismo de controle de instncia do objeto.

    (D) O padro Singleton no apresenta uma interface simples, uma vez que a implementao dele no trivial.

    (E) O padro faz necessrio o uso de variveis globais.

    QUESTO 40 ______________________

    O Modelo Espiral (Spiral) foi originalmente proposto por Boehm (1986) e fortemente orientado reduo de riscos.

    WAZLAWICK, R. S. Engenharia de Software: Conceitos e prticas. So Paulo: Elsevier, 2013.

    Considerando o exposto e o Modelo Espiral de ciclo de vida de software, assinale a alternativa correta. (A) O Modelo Espiral realiza uma etapa de cada vez,

    partindo para a prxima etapa apenas aps a anterior estar totalmente validada.

    (B) Tal modelo de ciclo de vida tem foco apenas na resoluo de riscos de requisitos mal compreendidos, fornecendo tempo suficiente para que estes possam ser entendidos e implementados.

    (C) O projeto dividido em subprojetos, cada qual abordando um ou mais elementos de alto risco, at que todos os riscos identificados tenham sido tratados.

    (D) Cada iterao iniciada sem planejamento prvio, resolvendo-se os problemas no momento em que surgem.

    (E) O incio do ciclo de vida do projeto se parece mais com o Modelo Cascata.

    QUESTO 41 ______________________ A respeito dos processos de verificao, de validao e de teste de software, assinale a opo correta. (A) Verificao, validao e teste so atividades

    independentes, de maneira que no possuem qualquer vnculo entre si.

    (B) Validao uma atividade que permite realizar a verificao e os testes do software.

    (C) Teste consiste em analisar-se o software construdo para confirmar se ele atende s verdadeiras necessidades dos interessados (cliente, usurio etc).

    (D) Verificao consiste em analisar-se o software para confirmar se ele est sendo construdo de acordo com o que foi especificado.

    (E) Os testes devem ser executados antes das atividades de verificao.

    QUESTO 42 _______________________ Em relao ao Modelo V de ciclo de vida de um software, assinale a alternativa correta. (A) O referido modelo dirigido por testes. (B) O planejamento de testes realizado durante as fases

    de levantamento de requisitos, design arquitetural e design detalhado.

    (C) um modelo que trata a documentao como um artefato secundrio.

    (D) Caracteriza-se como um modelo que tem foco primeiro na execuo e depois na correo dos bugs conforme aparecem. Por ser um modelo objetivo, no h testes referentes arquitetura do sistema.

    (E) Trata-se de uma variao do Modelo Cascata e prev uma fase de validao e de verificao para cada fase de construo.

    QUESTO 43 _______________________ Duas das tcnicas de controle de qualidade mais conhecidas so o walkthrough e a inspeo. Quanto s tcnicas de controle de qualidade de software, correto afirmar que o (a) (A) tcnica do walkthrough dispensa um moderador

    durante as correes. (B) processo de inspeo altamente aplicvel nos casos

    em que as entradas e sadas de um mdulo ainda no esto bem definidas.

    (C) inspeo sempre feita por duas pessoas em cada computador, em geral por um programador mais experiente e um aprendiz.

    (D) walkthrough utiliza uma equipe de especialistas na qual cada um faz uma anlise prvia do produto e, depois, todos se renem para trocar impresses e sugerir melhorias.

    (E) grande vantagem do processo de inspeo reside no fato de que reunies no so importantes.

    QUESTO 44 _______________________

    Considerando a rvore ilustrada na figura, assinale a alternativa correto. (A) A subrvore esquerda do n de valor 150

    est balanceada. (B) Trata-se de uma rvore balanceada. (C) Trata-se de uma rvore binria de busca. (D) Ao remover-se o n de valor 97, o n de valor

    70 assume o seu lugar. (E) A subrvore direita do n de valor 100 est

    balanceada.

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 11/13

    QUESTO 45 ______________________

    Quando dois elementos esto fora de ordem, h uma inverso, e esses dois elementos so trocados de posio, ficando em ordem correta. Assim, o primeiro elemento comparado com o segundo. Se uma inverso for encontrada, a troca feita. Em seguida, independentemente de se houve ou no troca aps a primeira comparao, o segundo elemento comparado com o terceiro, e, caso uma inverso seja encontrada, a troca feita. O processo continua at que o penltimo elemento seja comparado com o ltimo. Com esse processo, garante-se que o elemento de maior valor do vetor seja levado para a ltima posio. A ordenao continua com o posicionamento do segundo maior elemento, do terceiro etc., at que todo o vetor esteja ordenado. CELES, W.; CERQUEIRA, R.; RANGEL, J. L. Introduo a Estruturas de

    Dados. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004, com adaptaes. Em relao ao algoritmo descrito, correto afirmar que a respectiva ordem de complexidade, no pior caso, (A) O(log(n)) (B) O(n) (C) O(nn) (D) O(n*log(n)) (E) O(n) QUESTO 46 ______________________ A sigla do padro de projeto MVC vem do ingls model-view-controller. A respeito do MVC, assinale a alternativa correta. (A) Trata-se de um modelo conhecido por dificultar a

    documentao. (B) A comunicao entre as interfaces e as regras de

    negcio responsabilidade da camada controller. (C) A camada view responsvel pelas regras de

    negcio. (D) A maior desvantagem desse padro no ser

    aplicvel a muitos contextos, o que diminui o reuso de cdigo.

    (E) A camada model responsvel pela exibio de dados na tela.

    QUESTO 47 ______________________ Um dos sistemas mais utilizados para o controle de verso de cdigo o git. Considere hipoteticamente que um programador inadvertidamente realizou um commit na branch errada utilizando o git. necessrio que ele remova esse commit sem perder o trabalho que ele realizou localmente. O comando que resolver o problema (A) git push (B) git reset --hard HEAD~1 (C) git stash (D) git clone (E) git reset --soft HEAD~1

    QUESTO 48 _______________________

    O modelo relacional representa o banco de dados como uma coleo de relaes.

    ELMASRI, R.; NAVATHE, S. B. Sistemas de Bancos de Dados. 6a ed. So Paulo: Pearson Addison Wesley, 2011.

    Considerando-se o exposto e o modelo relacional, correto afirmar que cada linha de uma tabela recebe o nome de (A) grupo. (B) atributo. (C) relao. (D) tupla. (E) domnio. Texto 5 para responder s questes 49 e 50. Por muitas vezes, necessrio representar dados em tabelas, que podem ser traduzidas por relaes dentro de um banco de dados, como no exemplo a seguir.

    QUESTO 49 _______________________ Com base no exposto e nos dados apresentados na tabela, correto afirmar que (A) o uso de Nome como chave primria uma

    boa prtica. (B) a tabela em questo pode ser representada pelo seguinte

    esquema relacional: PESSOA(Nome: string, CPF: string, Idade: integer, Naturalidade: string).

    (C) CPF uma chave primria e, por isso, possvel que possua valores iguais para diferentes linhas da tabela.

    (D) o terceiro atributo da segunda tupla possui valor 123.456.789-01.

    (E) a tabela representa uma relao de grau 3. QUESTO 50 _______________________ O MySQL um dos sistemas de gerenciamento de banco de dados (SGBD) mais utilizados quando se trata de bancos de dados relacionais. Considerando o exposto e apresentada as informaes da tabela, assinale a alternativa que indica o resultado da query a seguir: SELECT Nome,Idade FROM PESSOA WHERE Idade = (SELECT DISTINCT(Idade) FROM PESSOA as p1 WHERE (SELECT COUNT(DISTINCT(Idade))=2 FROM PESSOA as p2 WHERE p1.Idade

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 12/13

    P R O V A D I S C U R S I V A

    Orientaes para a elaborao do texto da prova discursiva. A prova composta por 1 (uma) questo discursiva. A prova dever ser manuscrita, em letra legvel, com caneta esferogrfica de tinta preta, fabricada com material transparente. A folha de texto definitivo da prova discursiva no poder ser assinada, rubricada nem conter, em outro local que no o

    apropriado, nenhuma palavra ou marca que identifique o candidato, sob pena de anulao da prova. A deteco de qualquer marca identificadora no espao destinado transcrio de texto definitivo acarretar anulao da

    prova do candidato. A folha de texto definitivo o nico documento vlido para a avaliao da prova discursiva. O espao para rascunho, contido no caderno de provas, de preenchimento facultativo e no valer para avaliao da prova

    discursiva. A resposta da questo dever ter extenso mnima de 20 (vinte) linhas e mxima de 30 (trinta) linhas.

    QUESTO DISCURSIVA Leia, com ateno, o texto a seguir.

    O Brasil precisa parar de tratar inaugurao de hospital ou anncio de projetos miraculosos como a nica poltica pblica de sade e comear a reconhecer que essa uma responsabilidade transversal de todas as partes do governo e da sociedade. E no s o atendimento mdico-hospitalar sade. Em muitos casos, o fato de o paciente ser atendido em um hospital indica, antes, um fracasso da poltica de ateno prvia. O ideal no ter leitos suficientes para atender todos os pacientes com dengue, por exemplo, mas sim ter aes de preveno para que as pessoas no contraiam a doena, em primeiro lugar, e essas aes precisam ir alm do escopo estrito de atuao do Ministrio da Sade, ensinando a lidar com temas fundamentais, como alimentao, higiene, riscos das drogas, sade sexual, trnsito, questes ambientais e de saneamento, preveno ao suicdio e violncia etc.

    Disponvel em: . Acesso em: 8 jan. 2018, com adaptaes.

    Com base em seus conhecimentos acerca do assunto, e considerando que o texto apresentado tem carter meramente motivador, redija um texto dissertativo e (ou) descritivo que indique como o Conselho Federal de Medicina pode auxiliar no desenvolvimento de aes de sade alm do hospital.

    rea livre Rascunho na pgina seguinte

  • CONCURSO PBLICO CFM 102 ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAO TIPO B PGINA 13/13

    RASCUNHO

    1

    5

    10

    15

    20

    25

    30

  • ERRATA

    Questo: 16 Prova Tipo A 15 Prova Tipo B 18 Prova Tipo C 17 Prova Tipo D

    Onde se l:

    Assistente No erros A 2 B 3 C 5

    Leia se:

    Assistente No de folhas

    desperdiadas A 2 B 3 C 5

    z/P"+0]`E_