of 12 /12
Somente os ousados triunfarão SOL DA JUSTIÇA A serviço da Comunidade - Diretor responsável: Luiz Marco - Setembro de 2011 - Ano XVI - nº 203 - Distribuição Gratuita PROJETO IMPACTO JOVEM REALIZA PALESTRA ANTIDROGAS 22 ANOS DA CONGREGAÇÃO FILADÉLFIA VICTORINO SILVA MEU TRIBUTO EM CURITIBA COMUNHÃO CRISTÃ ABBA MARCA CIDADE REUNIÃO DE PARTIDOS MOBILIZA FAZENDA RIO GRANDE O conhecido cantor Victorino Silva abrilhantou o 26º Aniversário da Banda Filarmônica Última Milha, na Assembleia de Deus da Vila Ameri- cana em Curitiba Página 03 Página 10 Página 09 Página 07 Página10 Luiz Marco

Jornal Alvorada 203

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Setembro de 2011

Text of Jornal Alvorada 203

  • Somente os ousados triunfaro

    SOL DA JUSTIA

    A servio da Comunidade - Diretor responsvel: Luiz Marco - Setembro de 2011 - Ano XVI - n 203 - Distribuio Gratuita

    PrOJeTO IMPACTO JOVeMreALIzA PALeSTrA AnTIDrOGAS

    22 anoS dacongregao

    filadlfia

    VICTOrInO SILVAMeU TrIbUTO eM CUrITIbA

    comunho criSt abba

    marca cidade

    reunio departidoS mobiliza

    fazenda rio grande

    O conhecido cantor Victorino Silva abrilhantou o 26 Aniversrio da

    banda Filarmnica ltima Milha, na Assembleia de Deus da Vila Ameri-

    cana em Curitiba

    Pgina 03

    Pgina 10

    Pgina 09Pgina 07

    Pgina10

    Luiz Marco

  • 02Setembro de 2011

    vivermos um mar de frus-traes, e uma vida arru-inada por conta da nossa prpria ignorncia, no prezando assim o chama-do de Cristo em nossas vidas em amar os nossos semelhantes como a ns mesmos. Na maior par-te do tempo, se fazemos algo de bom para algum, porque estamos esper-ando retornos em bene-fcio prprio, sem nos dar conta de que nada adianta fazermos o bem apenas por esperar algo em troca. Ser que nossa conscincia no nos diz que estamos totalmente equivocados com tanta ganncia e ignorncia a qualquer custo? hora de refletirmos sobre o que somos, e o que fazermos para sermos mais huma-nos uns para com out-ros sem precisar puxar tapete de ningum para poder alar as alturas de nossos objetivos. Este ponto de reflexo para todos ns, independente do credo religioso. algo moral e humano para que venhamos ter vida, e vida com abundncia em todas as reas de nossa existncia. Esta-mos neste mundo ape-nas de passagem, e no vamos levar nada para o Alm, a no ser nossas qualidades como seres humanos; isto sim vai fazer uma grande dife-rena no mundo da eter-nidade. Que venhamos nos aprimorar em fazer o bem sem saber a quem; podem ter certeza, quem mais ganhar com isto somos ns mesmos e o nosso esprito ser mais grato por tudo que Deus tem nos dado. Quando plantamos o bem, col-hemos amor, paz, e pros-peridade; porm, quando plantamos a semente do mal, s colhemos ini-mizades, frustraes, e opresses em nossas vi-das. Que venhamos ter uma boa escolha para vivermos um mundo melhor e desfrutarmos da bondade de Deus em nossa vida aqui e no por vir.

    Temos visto travs dos tempos que somos in-divduos interesseiros, cada qual buscando seus prprios objetivos a qualquer custo, sem que venhamos nos preo-cupar com as demandas grupais. O que mais vale aquilo que queremos, no nos importando com a coletividade social ou principalmente humana. O amor que deveria estar em primeiro plano nesta coletividade humana, tem se deteriorado por princpios gritantes de uma gerao carnal onde o poder fala mais alto. At quando vamos nos apri-sionar neste doloso de corrupo por desfecho da nossa prpria gann-cia pelo poder? Fico per-plexo; paralisado pela fal-ta de compreenso onde ns seres humanos no temos mais; estamos per-dendo os valores morais e ticos tudo em nome do poder, da ganncia e sobre tudo, pelo individ-ualismo. algo que no cabe na minha conscin-cia este individualismo grotesco e sem moral que tem invadido as mentes e levado o ser humano a ser perverso e sem amor uns para com os outros. Minha alma tem gritado por este desamor alastra-do em todas as esferas da sociedade no s local, mas tambm global. Por-tanto, ns como conhece-dores do Evangelho que nos liberta, no podemos aceitar este tipo de de-sunio, e que venhamos fazer nossa parte expul-sando essas agresses verbais em rodas de es-carnecedores, onde no nos leva a nada a no ser

    AFINAL O QUE SOMOS?

    Luiz Marco

    EditorialCHARGES DO MS

    Nas Lentes de Luiz Marco

    Reprter Escritor - Jornalista - Poeta

    Links relacionados ao Luiz Marco onde voc pode encontrar fotos dos eventos gratuitamente:

    Orkut: Perfil 2:[email protected]

    Perfil 3:[email protected]

    Facebook: [email protected] do Jornal Alvorada

    www.jornal-alvorada.blogspot.com

    BERLIM Uma autoridade alem que responde pelo setor de proteo de dados dos cidados afirmou que o boto Like (curtir) do Facebook no bem-vindo no pas. Thilo Weichert, responsvel pelo rgo em Schleswig-Holstein, ord-enou nesta sexta-feira que as instituies pblicas fechassem suas fan pages na rede social e removes-sem o boto de seus sites. Ele afirma que a plata-forma permite perfilar os usurios, recolhendo in-formaes de forma ilegal.A anlise feita por Weichert afirma que o Facebook rene ilegamente os gostos e hbitos dos usurios de seu site que, ao clicar no boto Like para informar que gostam de um deter-minado link ou pgina de fs, permitem que o plug-in se instale violando leis de privacidade europeias ao capturar as informa-es.Ele pediu ainda que usurios da internet em geral mantenham seus dedos longe de cliques em plug-ins de redes sociais e no criem uma conta no Facebook para evitar ser perfilado pelo site.Os defensores das rgidas leis de privacidade da Ale-manha tm entrado em confronto com gigantes internacionais de inter-net, como o Facebook e a Google, alegando que seus servios violam normas lo-cais e que prejudicam os usurios.O Facebook rejeitou as alegaes, dizendo que to-dos os dados armazenados so excludos aps o pero-do padro de noventa dias. Mesmo assim, os sites que operam no estado da Ale-manha que est fazendo essa alegao deve reti-rar o boto social at dia 30 de setembro, a multa para quem no tirar pode chegar a 72 mil dlares. Os sites tambm tero que remover suas fan-pages.

    BOTO CURTIR DECLARADO

    ILEGAL NA ALEMANHA

    O Globo

  • congregao filadlfia completa 22 anos

    03Setembro de 2011

    proteger os fiis nos dias de chuva. Recentemente a igreja passou por uma grande reforma, na qual recebeu pintura nova por dentro e por fora, reforma da cantina e instalao da placa nova da fachada da igreja. Os dois dias de comemo-rao foram marcados pelo mover do Esprito Santo, com curas acontecendo e novas vidas se rendendo aos ps do Senhor. O can-tor Moiss Cleyton minis-trou belos louvores no dia 26 de agosto, ao lado de cantores de destaque que congregam na igreja. O Pr. Mario Portugal recebeu, em nome da igreja, votos de louvor da Cmara Municipal de Cu-ritiba, a requerimento da vereadora Nomia Rocha. O Dc. Olvio Camargo, da Assembleia de Deus em Curitiba fez a entrega do ttulo. O Pr. Isaias Guedes e o Pr. Srgio da Silva min-istraram a Palavra do Se-nhor. Por tudo que tem acon-tecido nesta igreja, se al-gum merece receber uma placa de homenagem, estes so os crentes sin-ceros e valorosos desta congregao que de bra-os dados com o seu pas-tor local, oferecem o seu melhor para o engrandeci-mento do reino de Deus aqui na terra. A minha eterna gratido a todos os obreiros, membros e con-gregados desta igreja em meu nome e de toda a minha famlia. Pr. Mario Portugal.

    Nos dias 25 e 26 de agosto comemoraram-se os vinte e dois anos de fundao da Igreja Evanglica Assemblia de Deus Congregao Filad-lfia - bairro Gralha Azul, em Fazenda Rio Grande. Esta congregao teve inicio na casa do Pb. Ge-nilson e da Irm Lauren-tina no ano de 1986, ali permanecendo at 1989 quando foi adquirido o ter-reno onde atualmente a Igreja est loca-lizada. Em 1996 foi lanada a pedra fundamental e iniciou-se a construo do novo templo. Muitos irmos se esforaram para a edifica-o, ora contribuindo fi-nanceiramente ou partici-pando de mutires, pois o desejo era muito grande pela concluso da obra. Atualmente a congregao Filadlfia composta de cento e oitenta membros, quarenta e seis congrega-dos e tem no seu corpo ministerial o Pastor Ma-rio Portugal - dirigente da congregao, nove Pres-bteros, quatro Diconos e doze cooperadores. A con-gregao prioriza o ensino da palavra de Deus, tendo a Escola Bblica Dominical como base de ensino com 135 alunos matriculados e uma frequncia mdia de 125 alunos a cada do-mingo. O pastor Mario as-sumiu a Congregao no dia 10 de janeiro de 2010 e desde ento, com a con-tribuio generosa dos ir-mos, foi instalada uma tenda no estacionamento da igreja e toldos para

    A Prefeitura Munici-pal de Fazenda Rio Grande, a Cmara Mu-nicipal de Vereadores e a sociedade civil realizaram a 2 Confe-rncia Munici-pal da Juventude no dia 25 de agosto. O tema foi Conquistar Direitos, de-senvolver o Brasil. Logo pela manh os presentes acompanharam a com-posio da mesa direto-ra, seguida de palestras. Houve tambm apresen-tao cultural de dana de rua pelo Grupo Up Crew. Todos os presentes sa-borearam um delicioso al-moo servido sem custo. As atividades foram reto-madas tarde com gru-pos de discusso sob os

    seguintes eixos: Direito ao desenvolvimento integral, Direito ao Territrio, Di-reito experimentao e qualidade de vida, Direito diversidade e vida segu-ra e Direito participao.

    Os presentes elogiaram a organizao do evento e a qualidade das discusses. Dentre os projetos conce-bidos para a Juventude em mbito municipal, vale destacar a proposio de se criar a secretaria do Es-porte e Lazer e a secretaria de Juventude, assim como o Conselho Municipal de Juventude. Tudo isso para assegurar direitos e criar medidas que os tornem reais.

    conferncia da JUVentUde

    Pr. Mrio recebe homenagem

    Pr. Srgio da Silva

    Cantor Moises Cleyton

    Up Crew Davi Andrade e Syllas Pinheiro

    Organizadores

    O cantor Moiss Cleyton ministrou belos louvores

    Fotos: Luiz Marco

  • Nova jerusalm surpreeNdeNdo

    04Setembro de 2011

    Participe dos cultos daAssembleia de Deus

    Cong. Nova Jerusalm.

    domingo.Culto da Famlia

    18h30

    sbadodepartamentos

    19h

    Quintaexploso de milagres

    19h30

    r. rio oiapoque, 1265, Iguau II

    Fazenda rio Grande

    O Pr. Srgio da Silva vice-presidente da As-sembleia de Deus em Fa-zenda Rio Grande, desde 2006, tem realizado um belo trabalho na Assem-bleia de Deus, congrega-o Nova Jerusalm. Desde 2003 pastoreando a congregao, os frutos do trabalho so visveis, e a igreja permanece reple-ta de fieis. Na quinta-fei-ra, dia 29 de agosto, real-izou-se um grande culto de curas e milagres, com a presena do Cantor Moises Cleyton. Muitas pessoas estiveram reuni-das com o propsito de adorar a Deus. O prega-dor mirim Daniel Pente-costes deixou uma pala-vra igreja, logo antes da ministrao da Palavra pelo Pr. Moiss Liba. O Pr. Srgio valoriza even-tos especiais, que acres-centem a f das pessoas. Todas as quintas-feiras realizado o Culto Ex-ploso de Milagres.

    Com isso, a empresa vai auxiliar ainda mais nas discusses para uma mobili-dade melhor em todas as ci-dades brasileiras As cidades tm passado por transformaes im-portantes. No apenas por conta das expectativas da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpadas de 2016, que exigiro municpios mais modernos, prticos e que ofeream melhor qualidade de vida populao e turis-tas, mas porque as pessoas precisam de urgncia nas aes que possam resultar

    em cidades mais agradveis para se viver. Os transportes pblicos so apontados como uma das alternativas para que sejam criadas condies de vida melhor nas reas urba-nas, seja em cidades peque-nas, mdias, grandes ou metrpoles como So Paulo.Com a intensificao das atividades econmicas e crescimento da populao ao longo das ltimas dcadas, surgiram problemas graves como o trnsito e a poluio, causados pelo excesso de nmero de veculos particu-

    Grupo leBloN INTeGra CoNselHo de assoCIao NaCIoNal de empresas de NIBus

    Fotos: Luiz

    lares nas ruas praticamente ao mesmo tempo. Assim, o transporte pblico ser no apenas uma opo, mas uma necessidade para que o direito de ir e vir da populao seja assegurado, alm claro, para o combate emisso de gases poluen-tes, que provem dos esca-pamentos de automveis. A poluio gerada pelos car-ros j maior do que a dos chamins das indstrias. No entanto, o transporte precisa se modernizar e para isso no basta apenas ni-bus novos, mas polticas pblicas que priorizem os meios coletivos em detrimen-to ao transporte individual. Afinal, essa uma questo de democratizao do espao urbano: um nibus que ocu-pa 13 metros de comprimen-to e consegue transportar de 80 a 100 pessoas precisa ter preferncia em relao a um carro de passeio com cinco metros de comprimento que no leva em mdia mais de duas pessoas. Mas para que essas polti-cas pblicas venham a ser implantadas de fato, no adianta apenas esperar dos entes governamentais. preciso colaborar com eles, expor ideias e experincias.Por isso, as organizaes de

    classe e sociais so impor-tantes. O Grupo Leblon Trans-porte de Passageiros que sempre atuou em parceria com os poderes pblicos e associaes de moradores por um transporte melhor, agora pode fazer mais ainda. Ele integra agora os Con-selhos da NTU - Associao Nacional das Empresas de Transportes Urbanos, enti-dade que representa as com-panhias de transporte de passageiros em todo o Pas. Os conselhos da NTU foram modernizados e de-vem ser mais participativos ainda nas discusses em prol da mobilidade urbana em todo o Brasil. A gesto ocupada pela Leblon e mais 23 representantes de outras companhias compreende o binio 2011 - 2013. importante destacar que o perfil do empresariado de nibus tem evoludo. Os do-nos de empresa, diferente-mente da imagem antiga, no defendem apenas seus interesses, mas de toda a populao para um bem es-tar maior nas cidades e uma mobilidade com qualidade. Isso porque, os interesses de donos de empresas de ni-bus e populao no diver-gem. Para o empresrio, fi-

    nanceiramente interessante uma priorizao ao trans-porte pblico e para a quali-dade de vida das cidades, isso essencial. A Leblon, que recebeu cer-tificaes e reconhecimen-tos de qualidade, como ISO 9001, ISO 14001 e OHSAS 18001, pretende colaborar com sua experincia desde os anos de 1960 de opera-o nos transportes de Curi-tiba e parte da regio Metro-politana, e com as aes de melhorias nos transportes pblicos que implementou em Mau, no ABC Paulista, onde opera desde novembro de 2010.Alm disso, a Leblon quer aprender ainda mais com seus parceiros de setor. Tudo em prol de cidades e sistemas que atendam de maneira tcnica e humana seus clientes.

    Adamo Bazani, jornalista da Rdio CBN, especializado em transportes.FOTO: Grupo Leblon Trans-porte de Passageiros opera sistema tronco-alimentador e linha expressa indita do municpio de Mau, na Grande So Paulo. Sistema diminuiu o tempo de viagem e o trnsito em parte da ci-dade. foto: Adamo Bazani

  • aSSEMBLEIa DE DEUS MISSO EM frg

    05Setembro de 2011

    A Assembleia de Deus Misso em Fazenda Rio Grande iniciou seus trabalhos em sete de jun-ho de 2010, desfrutando das bnos de Deus.

    Buscando e resgatando almas, realizando tambm o trabalho de ao social. A prova disso so os ba-tismos em guas, j cin-co foram realizados, com mais de 50 novos crentes.So grandes os planos para a construo do novo templo, com capacidade para 800 pessoas senta-das, com espao para rea administrativa da igreja, salas da Escola Bblica Dominical e refeitrio. Espera-se que em nove meses se conclua a con-struo do novo templo.

    Segundo o presidente do ministrio, Pr. Ereson Matias Loureno, at aqui o Senhor nos ajudou. No estamos aqui pelo homem, mas por Deus.. Segundo ele, a igreja olha para o social, arrecadando roupas e alimentos para os necessitados, tendo projetos de evangelizao, que sero implantados a partir de outubro, com cultos nas praas. Tam-bm, ser comprada uma tenda mvel para os cultos e cruzadas evangelsticas.

    Em 14 de Agosto as ir-ms Camilo estiveram presentes na igreja em um grande culto de Santa Ceia. Muita gente participou do culto, no qual o pregador foi o Pb. Elias Ferreira.

    Em 22 de outubro estar presente Rayssa e Ravel, numa grande cruzada evangelstica.

    PrOgraMaO:TEra - EnSInO - 20h

    QUInTa LIBErTaO 20hSBaDO DEParTaMEnTOS - 19h30

    DOMIngO - EBD - 9hDOMIngO faMLIa - 19h

    Em parceria com Associao educacional Assembleia de Deus em Curitiba, a IEADMFAZ oferece curso de teologia ENSINAI. 20 alunos j fazem curso bsico e mdio em teologia, faa tambm. Sexta-feira

    20h

    Irms Camilo

    Ao Social

    OrquestraPipo Filmagens Pb. EliasPr. Sergio Cascardo

    Pr. Ereson Loureno

  • 06Setembro de 2011

    Vivo em Fazenda Rio Grande desde minha infncia. Aqui passei a maior parte de minha vida e vi muita coisa acontecer neste lugar. Lembro-me bem de quando vim morar nesta terra. Eram poucos os vizinhos, e extensas as reas desabitadas. Pas-sava parte de meu dia a ver os cavalos correndo pela verde pastagem que se estendia pelas pro-ximidades de onde moro. Quando chovia os cala-dos ficavam amarelos - a cor do barro da regio

    - e o carro no podia nem chegar a garagem, pois logo fi-cava atolado. Minha me me proibia de comprar c a l a d o s claros, afinal de contas o p castigava a todos, j que quase nenhuma rua era asfaltada. Como es-quecer-me das brincadei-ras de criana com a ar-gila das olarias, e do cho rachado pelo calor que me intrigava nas minhas caminhas para a escola... Confesso que no comeo no me sentia bem nesta cidade, j que tudo era to precrio. Lembro-me tam-bm dos tiros que ouvia sendo disparados em bri-gas de gangues, prximos a minha casa em quase to-das as noites, e isso sem-pre morei no mesmo local prximo ao terminal. Como esquecer-me da sade que era precria, das poucas escolas que existiam, da

    debilidade de saneamento bsico. Pode parecer ab-surdo para quem veio re-sidir nesta cidade a pouco tempo, mas quase todos os esgotos eram a cu-aberto imagine o fedor! Mas, muita coisa mu-dou. Anos atrs a maioria dos moradores da cidade diriam que gostariam de morar em outro lugar, in-clusive eu. Porm, hoje me considero um filho desta terra, e posso dizer que aqui gosto de viver. E sabe o porqu desta mudana? Descobri que a cidade feita por ns, pelas nossas lutas, pelos nossos objeti-vos. A cidade um reflexo

    de seus mo-radores. Isso quer dizer que se no lutarmos por uma cidade melhor, tere-mos a mesma de sempre. E a frmula bem simples: Acomodao + falta de ob-jetivos = ci-dade ruim.

    Todavia outra frmula tambm existe: Fora de vontade + objetivos = ci-dade melhor. Hoje nos-sa Fazenda Rio Grande melhorou muito, que diferena! Nosso povo trabalhador e cativante, gente esforada que acor-da cedo e enfrenta o en-garrafamento da BR. Real-mente no podemos nos acomodar, tem muito tra-balho pela frente e mui-ta coisa para melhorar. Sempre que fao pa-lestras para os estudantes de nossa cidade digo: amem a Fazenda, essa cidade feita por vocs. Vocs so o futuro dela! Nosso compromisso por

    FAZENDA RIO GRANDE

    um cidade cada vez me-lhor, com mais sade, educao, trabalho... Com menos crimes e drogas. E claro, uma cidade com gente feliz, que goste de aqui viver. Agradeo a Deus por aqui viver. An-tes no entendia por que necessitei aqui morar, porm hoje compreen-do: Os planos de Deus so mais que perfeitos!

    Syllas Pinheiro bacharelando em Direito pelo Unicuritiba; Capelo Voluntrio pela ACAFEBI;

    Apresentador e Locutor pela FATADC

    Fotos: Luiz Marco

    O Projeto Impacto Jovem realizou o Encontro Jo-vem na Assembleia de Deus congregao Belm, juntamente com a juven-tude local, no dia 27/08. O objetivo foi promover um ambiente agradv-el para encontro de jo-vens, demonstrando o trabalho realizado pelas palestras do Impacto Jo-vem durante todo o dia 24 de agosto no Colgio Estadual Lria Nichelle, e tambm conscientizar os jovens sobre a neces-sidade de aes anti-dro-gas. Estiveram presentes a cantora Fernanda Breu, de Rondnia, o cantor Edson, de Curitiba e a cantora Kelly Lima, tam-

    bm de Curitiba. O pre-letor foi Ruberdan Lima, que trouxe uma mensa-gem de despertamento para a juventude. Real-mente a congregao Belm tem feito um belo trabalho, sob a dirigncia do Pr. Jos Joo Lemos, e a mocidade com o Coop. Israel.

    ENCONTRO JOVEM BELM

  • O conhecido cantor Victorino Silva abril-hantou o 26 Aniversrio da Banda Filarmnica ltima Milha, na As-sembleia de Deus da Vila Americana em Curitiba. Victorino tem quase 50 anos de carreira. Dentre os trabalhos mais consagra-dos, est o LP No Chores Mais. Em 2008 ocorreu a gravao do DVD ao vivo no Centro de Convenes de Curitiba.O show contou com orquestra regida pelo Maestro Misael Passos, que desde o incio da car-reira de Victorino tem par-ceria com o cantor. Agora, nos dias 27 e 28 de agosto, Victorino esteve de volta a Curitiba para o musical Meu Tributo com a Banda Filarmnica ltima Milha, em comemorao aos 26 anos da Banda.

    A Assembleia de Deus da Vila Americana, pas-toreada pelo Pr. Edmun-do Shilling de Souza, es-teve em festa, recebendo milhares de pessoas nos dois dias de evento, que vieram de todos os lugares do Paran e de outros esta-dos para prestigiar o even-to. A Banda Filarmnica ltima Milha, que tem por maestros Silvino Ro-drigues, Lucas Braso e Jimmy Leivis Gou-lart, tocou belssimos hi-nos de adorao a Deus, que perfeitamente se encaixaram com a voz marcante de Victorino.

    Vrias autoridades es-tiveram presentes, inclu-sive a Vereadora Nomia Rocha, uma voz repre-sentativa dos evanglicos na Cmara municipal de Curitiba, que vem apre-sentando um trabalho de grande valia para o mu-nicpio e sua populao. Foram dois dias para ficar marcado na memria.

    victorino silva em curitiba, meu tributoum pouco sobre

    victorino Victorino nasceu numa famlia pobre, na Baixada Fluminense, e acabou per-dendo a me e o pai ainda criana. As perdas, soma-das discriminao social por ter um brao deficiente, acabaram impactando a vida de Victorino e o con-duzindo ao mundo do crime e dos vcios. Alm do roubo, tambm se enveredou pelas drogas e chegou at a tomar conta de boca de fumo.

    Foi no mdico que detectou-se um

    cncer nos pulmes. Nessa poca ele tinha um conjunto e fazia shows. Cantava em emissoras como a Rdio Nacional e a Rdio Tupi e conhecia diversos ar-tistas. O cncer, envolvendo uma tuberculose, tinha to-mado o pulmo direito e j passava para o esquerdo. Diante do desengano do mdico, cantor pensou em matar a primeira pessoa que o cumprimentasse, an-tes de se suicidar.

    Numa casa, passando pelo porto, ouviu um culto evanglico, e ao ser con-vidado para entrar, se con-verteu. Era o ano de 1959, quando tinha 19 anos de idade. A cura da doena veio com a orao feita naquela casa.

    A carreira como cantor evanglico

    Como msico na igreja, era convidado pelo pastor Paulo Leivas Macalo para cantar no plpito, e o tal-ento o fez gravar um Disco compacto simples em 1963. Era o primeiro trabalho de uma srie que nunca mais

    07Setembro de 2011

    Igreja Evanglica Assembleia de Deus, Vila Americana

    Camargo e Victorino

    Pr. Edmundo Shilling de Souza

    Banda Filarmnia ltima Milha

  • conselho de pastoresde fazenda rio grande

    08Setembro de 2011

    certo que todos en-frentamos certas aflies. A Biblia j diz que basta a cada dia o seu mal. Por isso, talvez, ns encontramos pes-soas que esperam pelo cu, que no vem a ora de Jesus voltar em sua glria e acabar com toda esta angustia. De encon-tro a estes vo aqueles que no esto nem ai pro cu, sua vida limitada a esta terra e s querem usufruir das coisas que este sculo lhes oferece. Procuram tirar vantegem em tudo e de todos. Eu particularmente es-pero pela volta de Jesus e creio que ela ser como a Biblia diz. Mas e at l? O que fazer enquento espe-ramos por este dia? Jesus ensinou a seus discipulos que quando orassem clamassem a Deus: Venha Teu Reino; seja feita a Tua vontade, assim na terra como nos cu. (Mateus 6:10). E como esta vontade de Deus? Paulo diz em Ro-manos 12:2 que esta von-tade boa, agradvel e perfeita. E Davi declarou no SALMO 27:13 que ve-ria a bondade do Senhor na terra dos viventes.Perceba, a vontade de Deus : fazer SUA VON-TADE na terra como nos cu. Agora imagine a vontade Dele sendo feita em sua vida!A maneira de que esta VONTADE de DEUS, boa agradvel e perfeita seja feita aqui na terra e pos-

    Fotos: Luiz Marco

    samos ver a BOMNDADE de Deus em nossa vida orara para que o REINO dEle venha. Esta foi a ori-entao e o ensino de Je-sus aos que Ele amava. Orem para que o REINO venha!Pra que o Pai possa reali-zar sua vontade e aben-oar seus filhos preciso que o Reino De DEUS seja implantado aqui na Terra. Certamente, assim como eu, voc j orou por cura, familiares, emprego e tan-tas outras coisas. Mas quanto temos orado para que o REINO dEle venha e a Vontade dEle seja fei-ta em nossa vida, famlia, trabalho e cidade?A igreja precisa ser ainstituio que expressa na terra a vontade de Deus e que deseja que o Reino Dele venha. Fica ento a pergunta: Ser que vi-vemos como cidados deste reino? A reposta que voc procu-ra esta no Reino! Por isso, oremos ao Pai: Venha Teu Reino!Esperando contribuir na edificao da Verdadeira Igreja de Cristo e na ex-panso de Seu Reino so-bre a terra, abenoar sua famlia e proporcionar a possibilidade de uma NOVA VIDA!

    Pr. Marcio MoreiraF: 9679-7128 - [email protected](casado com Carla Re-gina, pastor da Comuni-dade Crist Nova Vida e Presidente do Conselho de Pastores de FRG).

    deseJando o reino de deUs

    pr. Marcio Moreira e pra. carla

    O Conselho de Pas-tores de Fazenda Rio Grande esteve reunido no dia 6 de agosto na Comu-nidade Crist Nova Vida, em um momento muito agradvel de comunho e orao pelo municpio. Foram discutidos assun-tos sobre vrias atividades que as igrejas tm de-senvolvido, depois de um tempo de louvor Ministrio Marca, e um devocional com Pr. Plcido Casarini,o Papi. Um dos grandes mo-mentos foi a intercesso pelas autoridades e pela cidade. O real objetivo foi a comunho com o propsi-to de consolidar unidade da Igreja em Fazenda Rio Grande. Orou-se pela uni-dade: pra que as placas denominacionais no se-jam obstculo para a co-munho. Tambm foram feitas oraes pelas fam-lias e pela prosperidade da cidade.Os pastores que partici-pam do conselho tm sido motivados, pois recebem apoio das demais igrejas, com uma mutualidade de ajuda. O Conselho tem convidado mais pastores para participar do grupo, que no tem propsito poltico-partidrio, nem vnculo com nenhum gru-po poltico da cidade. O interesse o Reino atravs

    da igreja, com uma f r m u l a bem sim-ples: cres-cimento da igreja para e x p a n s o do Reino. Os pastores tem tido uma melhor compreen-

    so sobre a necessidade de ser um corpo na cidade. A igreja na cidade, apesar das vrias denominaes, uma. Relata o presiden-te do Conselho, Pr. Mrcio Moreira dos Santos.Foi lanado, tambm, o projeto Dia da bblia 2011, que ser evento social evangelstico, com vrias atividades de cunho as-sistencial para atender a comunidade, a ser re-alizado na Comunidade Batista Shalom. Ser um evento de ao social, com mdico, dentistas, asses-soria jurdica, corte de cabelo, recreao para as crianas, tudo isso dis-ponibilizado a populao. Ao trmino dos eventos de ao social, previsto para s 17h, ser realizado um grande culto com todas as igrejas associadas.Estiveram presentes a Igreja De Deus no Brasil, a Igreja Apostlica Vale da Bno, a Comunidade C a r i s m a , Igreja do E v a n g e l h o Quadrangu-lar, a Igreja Presbiteriana do Brasil, Igreja Evan-glica Vitoria em Cristo,

    a Assembleia de Deus Misso, o Ministrio Mar-ca, a Comunidade Crist Nova Vida, a Comunidade Batista Shalom, a Igreja Presbiteriana renovada, a Comunho Crist Abba, a Igreja Fonte da Vida e a Assembleia de Deus em Fazenda Rio Grande.

    A Prxima reunio do Conselho ser 10 de setembro, 8h30 na Com. Batista Shalom, Av. Por-tugal, esq. Com Flamin-gos. Gralha-Azul todos os pastores e lderes da ci-dade, independente da de-nominao, esto convida-dos para mais um tempo de comunho, edificao e orao pela cidade.

    O Conselho tam-bm promove uma reunio para pastoras e esposas de pastores, na qual as irms compartilham seus obje-tivos, expectativas e o de-safio de serem esposas de pastores, ou pastoras, e desempenharam sua fun-o.

    Ms de aniversrio da comunidade crist nova Vida

    Ch de mulheres 10 de setembro 15h30Encontro com Deus 16, 17 e 18 de setembro

    TREMENDO!Seminrio de Evangelismo dias 24 e 25 com. Pr. Getlio.

    Ministrio Da Graa Braslia.

  • 09Setembro de 2011

    Fotos: Luiz Marco

    A Comunho Crist ABBA vem realizando um belo trabalho em Fa-zenda Rio Grande. Des-de sua inaugurao, em maro de 2010, a igreja tem contado com grande crescimento. A cada dia se achegam pessoas, que so chamadas pelo pastor Papi de construtores dos alicerces deste trabalho: Deus tem nos mandado muitas pessoas que fazem parte da estruturao do projeto. O pastor Papi, como carinhosamente chamado pelos fiis, est em Fa-zenda Rio Grande desde 2009, quando a igreja ai-nda se reunia na casa de irmos. Segundo ele, at

    aqui o enfoque foi restau-rao de casamentos, e de famlias, evanglicos em formao como chama os novos convertidos.

    O enfoque da igreja sal-var vidas e formar lderes, com a comunho entre os irmos. Lderes no so apenas para a igreja, mas especialmente para a so-ciedade, formando bons empresrios, pais, pro-fissionais. A igreja tem tra-balhado para garantir uma melhor viso de vida para as pessoas. Se eu te-nho minha casa alugada, eu posso ter minha casa prpria. Se tenho minha casa prpria, posso ter minha casa maior e mais bonita. o no contentar-se com as coisas como elas esto, mas sempre procu-rar o melhor. Revela o prprio pastor da comuni-dade.

    Festival de sopas, comunho em foco.

    No dia 23 de Julho a Comunidade ABBA teve

    Os campos esto bran-cos para a colheita. Fazenda Rio Grande e regio esto prontos para uma grande colheita de almas. Voc cr nisso?

    A ETMtv (Escola de Treinamento Ministerial) um Curso Superior de Teologia, interdenomina-cional, com reconheci-mento pelo MEC, que tem como objetivo preparar aqueles que querem co-nhecer mais sobre a Pa-lavra de Deus e colher com maior eficcia.

    Ele visa todo corpo ministerial da igreja e membros que desejam ser relevantes no so-mente na sua igreja local

    bem como em seu local de trabalho onde exerce o chamado de Deus, e, alm disso, ter seu di-ploma de ensino superior em Teologia.

    No ultimo dia 16 ini-ciamos mais uma tur-ma aqui na Fazenda Rio Grande. Essa turma ter suas aulas sempre as se-gunda-feira s e quintas-feiras, s 20h, duas vezes na semana. O local ser na igreja Bola de Neve, Rua Cedro 213, esquina com a Rua Frana.

    Interessado, venha as-sistir nesse ms aulas gratuitas para conhecer o curso e conversar co-nosco.

    mais um encontro de co-munho entre os irmos. Foram momentos muito agradveis, nos quais os fieis tiveram a oportuni-dade de servir uns aos outros. J que eles fizeram uma sopa e participaram dos pratos feitos pelos outros irmos. Vrios visi-tantes estiveram presen-tes, inclusive familiares dos prprios membros da igreja. Uma pea teatral muito bela foi apresentada O mercador de vasos, levando muito dos pre-sentes a se emocionarem. Posteriormente o pastor Papi ministrou sobre o tema Deus nos criou para relacionamentos

    Houve, tambm, um concurso de sopas, para eleger a sopa mais sabo-rosa, e na outra categoria a mais criativa, no qual foram as vencedoras a irm Arlete e a irm Mar-garida, nas respectivas categorias.A realizao de todo o evento ficou por conta do Ministrio ABBA Jovem.

    COMUNHO CRIST ABBA

    ESCOLA DE TREINAMENTO MINISTERIAL

    Contatos: Pr.Papi,41 36275781

    (horrio comercial) 41 9965 5118 ou

    [email protected], ou no prprio local.

  • 10Setembro de 2011

    Fotos: Luiz Marco

    O prefeito Chico Santos liderou uma reunio entre vrios partidos no dia 19 de Agosto, para apresen-tar o trabalho. O prefeito Chico Santos liderou uma reunio entre vrios par-tidos no dia 19 de Agosto, para apresentar o trabalho realizado nos mais de dois anos de gesto. Aproxi-madamente 300 pessoas estiveram presentes, en-tre vereadores, lideranas polticas, pastores, em-presrios e representantes da sociedade civil. Segundo o prefeito, j foram milhes de reais investidos em Fa-zenda Rio Grande, fazendo com que a cidade vivesse um grande avano nos lti-mos anos.Foi apresentado, tambm, o projeto de uma nova etapa de investimentos, que to-talizaro R$ 42 milhes in-vestidos nas obras da Praa da Juventude, quatro novas

    creches, pavimentao das ruas Jatob, Rio Piedade, Santo Agostinho e Avenida ustria. Tambm macro-drenagem, construo da Unidade de Pronto Atendi-mento 24h, escola munici-pal, escola tcnica e novas praas. O prefeito Chico Santos aproveitou a oca-sio para declarar: Esta-mos aqui reunidos para uma prestao de contas da nossa administrao e para provar que estamos traba-lhando em prol do progres-so e desenvolvimento de Fazenda Rio Grande para que, consequentemente, os cidados fazendenses tenham uma qualidade de vida muito melhor.ealizado nos mais de dois anos de gesto. Aproxi-madamente 300 pessoas estiveram presentes, en-tre vereadores, lideranas polticas, pastores, em-presrios e representantes

    da sociedade civil. Segundo o prefeito, j foram milhes de reais investidos em Fa-zenda Rio Grande, fazendo com que a cidade vivesse um grande avano nos lti-mos anos.Foi apresentado, tambm, o projeto de uma nova etapa de investimentos, que to-talizaro R$ 42 milhes in-vestidos nas obras da Praa da Juventude, quatro novas creches, pavimentao das ruas Jatob, Rio Piedade, Santo Agostinho e Avenida ustria. Tambm macro-drenagem, construo da Unidade de Pronto Atendi-mento 24h, escola munici-pal, escola tcnica e novas praas. O prefeito Chico Santos aproveitou a oca-sio para declarar: Esta-mos aqui reunidos para uma prestao de contas da nossa administrao e para provar que estamos trabal-hando em prol do progres-so e desenvolvimento de Fazenda Rio Grande para que, consequentemente, os

    O Projeto Antidrogas Impacto Jovem rea-lizou palestras no Colgio Estadual Lria M. Nichele, durante todo o dia 24/08. Nos turnos da manh, da tarde, e da noite, uma equipe esteve presente alertando aos estudantes sobre o perigo das drogas. No faltaram animao e linguagem jovem, afinal de contas o pblico precisava entender de maneira clara e simples a mensagem a ser passada.O Projeto Impacto Jovem faz parceria com o pro-jeto Semear da ONG Fa-zendo Diferena de Curi-tiba, para a realizao de pa-lestras. O coordenador do Projeto Semear, Lean-dro Santos, falou sobre a sua histria, como ex-dependente qumico e sua reabilitao. Leandro foi usurio de maconha, cocana e crack, tendo

    comeado o envolvimento com as drogas logo aos 17 anos. Em pouco tempo a vida dele encontrava-se lit-eralmente destruda, mo-rando nas ruas, sem a am-izade e o carinho de mais ningum, nem da prpria famlia. Ento Leandro en-controu a igreja evang-lica, e o centro de interna-mento no qual passou pelo processo de reabilitao. Hoje, longe do uso das drogas, Leandro revela: as drogas encontraram um inimigo, porque at o final da minha vida vou lutar contra elas.. Todo o pblico ficou emocionado ao ouvir as palestras de Leandro, e as musicas que comps contando de sua histria, e como encontrou um verdadeiro amigo, Je-sus. Tambm estiveram presentes jovens que pas-sam pelo processo de re-abilitao, j demonstran-

    do a mudana positiva que tem passado. Apresenta-es culturais sempre tm seu espao reservado naspalestras do Impacto Jo-vem. A garotada se ani-mou com o Rap do Mc. Dennis, ex-dependente qumico, que atravs de suas letras conta o novo caminho que encontrou: Agradeo a Deus, todo poderoso, por estar de p e no no fundo do poo. Uma bela apresentao de pantomima, um es-tilo teatral mudo, levou os estudantes reflexo, no qual Tiago e Dennis faziam o papel de depen-dente qumico e pregador do Evangelho, respectiva-mente. Na pea, Tiago es-tava preso pelas drogas e s consegue se ver livre ao aceitar a Palavra pregada por Dennis, Jesus. Tiago tambm passa pelo pro-cesso de reabilitao em

    uma das clnicas coman-dadas pela ONG Fazendo Diferena.A palavra motivacional fi-cou por conta do coorde-nador do Projeto Impacto Jovem, Syllas Pinheiro, que de uma forma bas-tante descontrada levou os alunos a refletirem so-bre suas decises e o fu-turo. Com um bordo que j ficou marcado, Syllas dizia: aqui no tem lugar para tristeza, s alegria!. Com a garotada animada, Syllas fez com que os alu-nos refletissem sobre o poder de suas decises, j que elas decidiriam seus prprios futuros. Ainda, incentivou o estudo e a profissionalizao, alm da conscincia democrtica e o amor pelo municpio de Fazenda Rio Grande. Vivo nesta terra h 13 anos, vi muita coisa melhorar, mas muito ainda tem que

    ser feito. Ame esta cidade, o futuro dela somos ns. Ao ser perguntado por que empreende tanto de seu tempo no projeto, Syllas Pinheiro revelou: Muita gente precisa saber dos males da droga, para nem entrarem neste caminho. Sei que, infelizmente, no podemos alertar a todos, mas sei que quem tem sua vida mudada e melhorada, atravs de nosso projeto, j faz todo nosso esforo valer a pena.O Projeto Impacto Jovem existe desde 2009, com um trabalho voluntrio que agrega dezenas de pessoas, prevenindo o uso de drogas e motivando a juventude a melhorar sua qualidade de vida. Todos os colgios que j tiveram a presena do projeto aprovam o trabalho e que-rem mais.

    cidados fazendenses te-nham uma qualidade de vida muito melhor.

    No ltimo dia 19 de Agosto foi realizada uma reunio pelo Prefeito Municipal de Fazenda Rio Grande Chico Santos, na qual reuniram-se vrias lideranas polticas do Municpio. Dentre elas se fizeram presentes o SrEdnelson Queiroz Sobral e a Sr Geonice Luiza Arajo, membros da Executiva Mu-nicipal do Partido da Mobi-lizao Nacional ( PMN) de Fazenda Rio Grande e vrias lideranas polticas do PMN como a Professora Roseli, Professora Loidia, Sr Moura, Sr Leite, Valdir eletricista, Sr Sergio, Pastora Snia e sua famlia, Professora Fti-ma e famlia, Professora Lu-ciane e demais filiados.

    Geonice e Edenelson Partido da Monilizao

    Nacional

    REUNIO DE PARTIDOS

    IMPACTO JOVEM -PALESTRA ANTIDROGAS EM COLGIO

  • 11Setembro de 2011

    VER. RICARDO MIRANDA COBRA INFORMAES SOBRE PASSARELAS

    VEREADORA ANA LCIA QUERFEIRAS ITINERANTES

    O Vereador Ricardo Miranda co-brou atravs de requerimento um posicionamento da concessionria OHL, quanto previso do inicio das obras de instalao das pas-sarelas de pedestres na BR 116, bem como o mapa das obras e onde sero instaladas. Ricardo refora a importncia da obra. O pedido para a concretiza-o das passarelas reivindicada por moradores que perderam fa-miliares e amigos atropelados no trecho. A passarela, com certeza, vai salvar muitas vidas. Diaria-mente, trabalhadores, estudantes e famlias so obrigadas a atraves-sar a rodovia, colocando a vida

    em perigo em meio ao movimento intenso de carros. A obra vai dar mais segurana a esses mora-dores, afirma Ricardo. Miranda

    conversar com a ministra Gleisi Hoffman na prxima semana para reforar a disposio de aju-dar o municpio nesta mobilizao para executar o quanto antes esta obra.

    A vereadora Professora Ariel (PV) apresentou requerimento sugerindo estudos para criar o programa Ecopontos no mu-nicpio, para que o cidado d destinao correta para o lixo txico. Ariel prope a colocao de re-cipientes especiais de lixo nos terminais de nibus e em lo-cais pblicos, para o recolhi-mento de pilhas e baterias. A nossa cidade tem um ser-vio de coleta seletiva de lixo, mas podemos melhorar ainda mais com a ampliao dos ob-jetos coletados, afirma

    Os fazendenses so con-

    scientes da necessidade e im-portncia da separao de lixo. Entretanto, o mtodo atual utilizado para recolher o lixo txico precisa ser mais amplo e realizado em locais de fcil acesso, diz a vereadora. Devemos criar hbitos que protejam o meio ambiente e contribuam para a qualidade de vida do ser humano, fina-

    liza

    A vereadora Ana Lcia Pacheco apresentou requerimento so-licitando estudo do executivo para que feiras (como a feira da Lua realizada na Praa Brasil) sejam intensificadas para out-ras praas de nossa cidade. A idia garantir aos feirantes no s organizao, mas tam-bm garantia de permanncia em outros locais. Ana salienta que esta alterao ser decisiva para as ativi-dades dos feirantes, pois com a ampliao os espaos podero

    ser mais movimentados, bem como iro oferecer aos mora-dores de outras localidade, alm do comrcio, mais um ponto de encontro de lazer e divertimento,destaca.

    PROF ARIEL QUER AMPLIAR COLETA DE LIXO TXICO ECOPONTOS

    VER. ARIEL DA AGRICULTURA VIAJA BRASLIA EM BUSCA DE RECURSOS

    O Vereador Ariel da Agricultura PP de Fazenda Rio Grande, em viagem de trabalho Braslia levou a pasta cheia de ofcios endereados aos gabinetes dos deputados federais, Minist-rios e a Casa Civil.Na capital federal foi recepcio-nado pelo Suplente de Depu-tado Wilson Picler, com muita presteza na qual faz questo de agradecer em pblico. O vereador Ariel a Agricultura com informaes do secretrio de planejamento foi intervir nos projetos voltados para macro drenagem em nossa cidade no valor R$4.611,607,33, recurso este que trar a soluo aos al-agamentos de ruas e moradias de nossa regio.Outra questo pleiteada por Ariel foi junto ao Ministrio da Agricultura, para a aqui-sio de equipamentos agrco-las como uma moto niveladora (patrola) e resgatar o recursos para a implantao de uma unidade de processamento transformao de alimentos.Ariel tambm protocolou na Casa Civil junto Ministra

    Gleisi Hoffmann para que ela intervenha junto para que o recurso R$ 35.000.000,00 seja destinado para linha verde Pin-heirinho- Fazenda Rio Grande seja concretizado.Uma grata surpresa foi encon-trar Daiane Hirtz sua conter-rnea trabalhando como as-sessora especial da ministra Gleisi e se comprometendo a encabear esta luta. O vereador tambm solicitou ao deputado Nelson Meurer do PP recursos para a revitaliza-o da Avenida Joo Quirino Leal alm de protocolar ofcio junto ao Ministrio da Fazenda pedindo doao de dois ni-bus para o transporte coletivo rural.

    Com o objetivo de ofer-ecer condies de segurana e circulao aos ciclistas, o vereador Pedro Paulo Pedroski (Pepaki) protocolou um ante projeto solicitando a criao de um sistema ciclovirio. Pepaki salienta que viabili-zar o uso de bicicletas para o transporte urbano, contribui para o desenvolvimento da mo-bilidade sustentvel e lembrou que o transporte por bicicle-tas deve ser incentivado em reas apropriadas e deve ser compreendido como modo de transporte efetivo da popula-o para realizar as atividades do cotidiano. De acordo com o ante proje-to de lei, o Sistema Ciclovirio do Municpio dever ser forma-do por ampla rede viria para o transporte por bicicletas, constituda por ciclovias, ciclo-faixas, faixas compartilhadas e rotas operacionais de ciclismo; e por locais especficos para es-tacionamento: bicicletrios. A mobilidade sustentvel busca estratgias inovadoras que permitam o acesso de pes-soas, bens e servios aos seus destinos com menor impacto ambiental, econmico e so-cial, explicou o vereador.

    VEREADOR PEPAKI SOLICITA CRIAO

    DE SISTEMA CICLOVIRIO

    Josiane Ferreira de LizPresidente do Diretrio Municipal Convoca:

    Vereador Pepaki

  • PASTOR PIMENTEL SERHOMENAGEADO PELACMARA DE CURITIBA

    12Setembro de 2011

    Por iniciativa da verea-dora Noemia Rocha (PMDB), o pastor Jos Pimentel de Carvalho ser homenageado pela Cmara Municipal de Curitiba. Durante a ses-so plenria, realizada nesta segunda-feira (29), foi aprovada a indica-o do nome do religio-so para um logradouro ou espao pblico quedestaque o trabalho so-cial, doutrinrio e comu-nitrio que realizou pela cidade. Pastor Pimentel nasceu no Rio de Janeiro e viveu 50 anos em Curitiba, de-ixando inmeras obras nos setores de doutrina-o religiosa, educao e assistncia social ado-lescentes e idosos. Noemia Rocha destacou que ele foi um homem visionrio que construiu um projeto

    belssimo. A iniciativa da peemedebista recebeu voto favorvel unnime. Em apartes, diversos parlamentares fizeram o reconhecimento pblico do trabalho deixado pelo pastor.

    Coluna Social

    O Modelo Victor Boucchi, 18 anos, morador de Fazenda Rio Grande, estar representando o estado do Paran no Concurso Mister Beleza Brasil 2012 que acontecer em 24 de Setembro