Jornal do Grêmio UG

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Jornal do Grêmio Estudantil Ulysses Guimarães - Abril de 2011

Text of Jornal do Grêmio UG

  • Jonal do Grmio Estudantil Ulysses Gumiares ANO I N01 Abril de 2011

    Grmio UG

    Jornal do

    Participe da Semana Estudantil do Grmio

    A LUTA CONTRA O AUMENTO DA PASSAGEM DE NIBUS CONTINUA!

    TODOS AUDINCIA PBLICA NO DIA 29/04. Pgina 04

    Na luta por uma educao de qualidade!

  • Grmio UGJornal do Pgina 02

    Para avanar nas melhorias da escola, reforma j! NOTAS CURTAS

    O Grmio UG esteve participando na linha de frente

    das mobilizaes que ocorreram no final de 2010

    contra o ENEM. Esse ano nossa luta continua.

    Est sendo promovido um concurso para definir a

    logomarca do grmio. Os interessados devem entrar

    em contato com o grmio.

    No dia 17/04 completa 14 anos do massacre de

    Eldorado dos Carajs, onde a polcia de Almir Gabriel

    assassinou 19 sem terra. Esta data transformou-se

    no dia nacional de luta por reforma agrria.

    A partir da semana estudantil, o Grmio UG estar

    promovendo um cine clube, que ocorrer duas vezes

    por ms.

    Esse ano, fazem 20 anos que os estudantes de Belm

    conquistaram a meia-passagem. Ese direito no foi

    presente de nenhum governo, mas veio da

    mobilizao de nossos pais, tios. Um exemplo pros

    dias atuais.

    Mobilizao contra os problemas no ENEM em 2010:

    Grmio UG marcou presena

    Todo apoio a luta dos professores!

    Estamos juntos com nossos professores esse ano,

    apoiando sua campanha salarial. A luta de nossos

    educadores em defesa de seu plano de carreira a

    mesma luta que travamos em defesa de uma educao

    de qualidade.

    Por isso apoiamos:

    Reajuste de 66%, j!

    Por uma educao pblica de qualidade!

    Por mais verbas para a educao!

    Por melhores condies de trabalho!

    Por um Piso Salarial Profissional digno!

    Gesto Democrtica na Rede Estadual de Ensino!

    ano letivo comea no UG com importantes

    mudanas funcionais e organizativas. O Obebedouro voltou a funcionar, depois de meses sem gua, o laboratrio de cincias finalmente ser

    aberto. A biblioteca foi reformada e a organizao da

    mesma retomada. Essas e outras melhorias no teriam

    ocorrida se no fosse a insistncia do grmio em mudar a

    situao do colgio.

    Entretanto, alguns problemas que persistem precisam

    ser aqui expostos. Alguns ar-condicionados no resfriam

    de forma satisfatria, e pra indignao de muitos, nossas

    arvores foram cortadas, ainda faltam funcionrios para a

    limpeza, que continua precria. Mas por reforma nos

    banheiros, que ns do grmio realmente lutamos. E

    denunciar e reverter esse quadro dever da nossa

    direo, assim como do grmio e dos estudantes.

    Quem o verdadeiro responsvel pelo Caos nas

    estruturas fsicas das escolas?

    Para o Grmio UG o grande responsvel pela catica

    situao das escolas pblicas so os sucessivos governos

    que no investem em educao como se deveria. No

    precisamos ir longe para perceber que o problema da

    falta de reforma no s do UG. Ao nosso lado, os

    estudantes do Deodoro de Mendona realizaram ano

    passado uma paralisao chamando o Ministrio Pblico

    para averiguar que at ratos estavam morando nas salas

    de aula. E por isso temos a necessidade de nos mobilizar,

    pois s assim podemos mudar nossa situao. Convidamos

    os representantes de turma para uma reunio, que ser

    na tera-feira (19/04), na qual debateremos os

    problemas da escola.

    Participe do Conselho de representantes de turma

    19/04 (Tera-feira), s 10 e 16h Local: Auditrio

    Expediente

    Esta uma publicao do Grmio Estudantil Ulysses

    Guimares.

    Redao e Edio: Gabriel Cunha e Elton

    Magalhes

    Diagramao: Grfica G4

    Comunique-se com o Grmio UG: Gabriel: 8220-

    6705, Elton: 8365-5840.

  • Grmio UGJornal doPgina 03

    Contra a medida arbitrria da SEDUC

    Gesto democrtica na rede estadual de ensino!Democracia um direito de todos ns, seja

    elegendo um deputado, um governador, um presidente

    ou decidindo sobre as nossas vidas em sociedade. E na

    escola, com democracia, que em nossas salas,

    elegemos nosso representante de turma ou

    representante do grmio e diretor. No entanto, o

    governador que foi eleito com discurso de defesa da

    democracia, Simo Jatene, mostrou a real cara do seu

    governo, atacando esse direito em nossa escola.

    A ex-diretora do Ulysses Guimares, prof.

    Flaviana Couto se aposentou. O Conselho Escolar e os

    professores fizeram um abaixo assinado indicando

    uma professora da escola para assumir a direco, a

    prof. ngela, mas a SEDUC e o governo nos

    surpreendeu em uma reunio anunciando uma nova

    direo para a escola. Tambm apresentou novo

    decreto do governo proibindo as escolas de fazerem

    eleies diretas para diretor.

    Esse absurdo tambm esto fazendo aqui ao

    lado, na Escola Deodoro de Mendona que j haviam

    eleito uma nova direo, e mesmo assim, a SEDUC e o

    Governo no aceitaram, e quer valer um decreto de

    n05 que suspende eleies para diretor na escola.

    Em reunies com a SEDUC, o Sindicato dos

    Trabalhadores da Educao (SINTEPP) vem

    tentando aprovar que o conselho escolar possa

    chamar a eleio e garantindo que a atual diretora

    possa concorrer.

    O grmio contra essa ao da SEDUC e

    chama os alunos a lutarem por democracia na escola

    para que possamos eleger nosso prprio

    representante, com eleies diretas, e exercer nosso

    direito, atacado pelo governo. Esperamos que a nova

    diretora interina do UG discuta suas propostas com

    democracia.

    A LUTA CONTRA O AUMENTO DA PASAGEM DE NIBUS CONTINUA!

    TODOS AUDINCIA PBLICA NO DIA 29/04!

    Depois de muitos anos a prefeitura no consegue

    aplicar no incio do ano, junto com o Sindicato das Empresas de

    Transportes de Belm ($ETRAN$BEL) o aumento no valor da

    tarifa de nibus na regio metropolitana. Esse ano a proposta

    dos empresrios era que o valor da passagem subisse dos atuais

    R$ 1,85 para R$ 2,15, um aumento de 16%.

    O Grmio Estudantil do UG junto com o SINTSEP-

    PA(Sindicato dos Servidores Pblicos), SINTRAM(Sindicato

    dos Rodovirios) e o DCE UNAMA vem realizando desde o incio

    do ano um conjunto de aes e mobilizaes contra esse

    ataque. Foram feitas diversas colagens de cartazes pelo

    centro da cidade, feitas tambm panfletagens e agitaes em

    pontos de grande circulao com o objetivo de dialogar com a

    populao sobre a gravidade do aumento e a falta de qualidade

    do transporte coletivo na cidade.

    Foram realizados dois atos de rua nos dias 03/02 e 23/02.

    Neste ltimo a prefeitura garantiu que no haver aumento da

    passagem de nibus at a concluso dos estudos que esto

    sendo feitos pela Companhia de Transportes de Belm

    (CTBEL) e que no dia 29/04, haver audincia pblica para se

    debater a situao do transporte e da tarifa de nibus.

    Para garantir que que no haja mais aumento esse ano

    preciso que retomemos nossa mobilizao contra o aumento

    da tarifa!

    Mesmo sem haver aulas nas escolas no incio do ano foi possvel

    mover centenas de estudantes para lutar contra esse ataque

    de Duciomar e da $ETRAN$BEL. Convidamos todos os

    estudantes a agora tomar as ruas de Belm e que participemos

    da audincia pblica no dia 29/04, na prefeitura.

    Lutamos por

    - Barrar o aumento

    - Garantir gratuidade nos onibus aos domingos em Belm e

    em toda regio metropolitana.

    - Garantir a legalizao e fim da criminalizao dos

    alternativos.

    - Mais nibus e linhas

    - Meia passagem para os estudantes de cursinhos

  • Grmio UGJornal do Pgina 04

    Por Elton Magalhes coordenador de meio ambiente e sade

    do grmio

    No perodo de 14 a 17/03, ocorreu no Rio de Janeiro o Encontro

    Nacional de Entidades de Base da Unio Nacional dos Estudantes

    (CONEB da UNE) que contou com a participao do Grmio do

    Ulysses Guimares. O encontro visava atualizar a opinio e o

    posicionamento da UNE acerca de diversos temas, como os rumos

    do desenvolvimento econmico e social do Brasil, polticas para a

    juventude, assistncia estudantil, Reuni, Prouni, entre muitos

    outros assuntos de interesse dos estudantes brasileiros.

    Tentando despolitizar o encontro, a direo majoritria

    a UNE (UJS/PCdoB), reduziu o evento a dois dias de debate e

    dispersou os estudantes do real objetivo do encontro. No entanto

    a oposio de esquerda da UNE deu o batalho para polarizar o

    debate e denunciar o aumento no salrio dos parlamentares e os

    ataques do governo na Educao. J que a presidente Dilma

    comea o ano anunciando um corte de 3,1 bilho de reais do

    oramento para a educao. O que significa que nossa escola pode

    passar mais um ano sem reforma ou qualquer tipo de melhoria na

    estrutura.

    Grmio UG participa do CONEB da UNE

    Por isso participamos do CONEB acreditando que

    possvel com mobilizao barrar esses ataques e garantir uma

    educao pblica e de qualidade. Apoiamos a jornada de lutas

    impulsionada pela UBES no ms de maro. Essa jornada deve

    ser reproduzida no movimento secundarista de Belm atravs

    da luta por reforma estrutural nas escolas, denunciando o

    PRONATEC (PROUNI do Ensino Tcnico que em vez de abrir

    vagas novas nas escolas pblicas d bolsa em cursos privados)

    e o aumento da passagem de nibus.

    No a Belo Monte!!! Em defesa dos povos do Xing