Click here to load reader

Jornal Vitrine Lageana

  • View
    247

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edição 187

Text of Jornal Vitrine Lageana

  • VITRINE LAGEANA - LAGES, SEXTA-FEIRA, 3 DE JULHO DE 2015Lages, sexta-feira, 3 de julho de 2015 - Edio 187

  • VITRINE LAGEANA - LAGES, SEXTA-FEIRA, 3 DE JULHO DE 2015

    VITRINE LAGEANA - LAGES, SEXTA-FEIRA, 3 DE JULHO DE 2015CULTURA

    Vitrine Cultural

    Em 1988 por influncia do Kamuflagem e um convite do Gercino (tio Gera),

    irmo do Pixe, comecei a cantar

    na casa deles! Nesse mesmo local formamos

    ento a banda Reshus, nome dado pelo Flvio Agustini. Mussho Dayan no vocal, Alexandre Cunha (Pixe) na batera, Robson Anadon no baixo e Naninho na Guita! Pouco tempo depois, com a sada do baixista Joo Paulo e o guitarrista Edson Rosar (Mick) da Kamuflagem, juntam-se ao Mussho e Pixe e nasce ento a banda Medusa! A banda fica na ativa e cai na estrada at 1994, ano que fui morar em Blumenau! Neste mesmo ano ajudei a fundar em Blu a Tanger, Banda que tocou por um ano no principal bar de Blumenau na poca, o Bud.

    Sendo observado pelo baterista da Portal da Cor j a uns tempos, recebi em 1995, o convite para integrar a banda! Assumi os vocais deste incrvel grupo at 2002! Nesse mesmo ano os mesmos integrantes da lendria Portal fundavam a Banda FRED LEE em Blumenau.

    Nome inspirado nos dolos vocais Freddie Mercury e David Lee Roth est na ativa at hoje e j atravessou de ponta a ponta todo o sul do Brasil, arrematando fs por onde passou! Radicada em Floripa desde 2008 mantm apenas Mussho Dayan da formao original! Formao atual: Mussho Dayan vocal, Vicente Eastwood guitar, Nando So Thiago baixo e Marco Fiorelli, batera. Formao original. Formao atual: Mussho Dayan vocal, Vicente Eastwood guitar, Nando So Thiago baixo e Marco Fiorelli batera. E agora louco para matar a saudade da terrinha. Quero gua do Caveiras para reabastecer! , observou Mussho Dayan.

    Mussho: uma histria de sucesso

  • VITRINE LAGEANA - LAGES, SEXTA-FEIRA, 3 DE JULHO DE 2015

    OpinioSadeSegurana Destaque CidadeEducaoEsporte Poltica

    Lages, sexta-feira, 3 de julho de 2015R$ 2,00

    Ano 05 - Edio 187

    A populao brasileira assiste perplexa o desenrolar dos acontecimentos na Cmara dos Deputados, onde esto sendo realizadas as batalhas, no bom sentido, claro, envolvendo a questo da

    maioridade penal, cujas discusses ainda prometem ser acaloradas. A segunda votao realizada no decorrer da semana, muito embora o resultado tenha sido de acordo com os interesses da maioria

    dos parlamentares, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), segundo o presidente da entidade, afirmou que o resultado inconstitucional e, certamente recorrer ao STJ. Enquanto isso, a sociedade

    brasileira est disposio da bandidagem. Diga-se de passagem, dos menores de idade, autores da maioria dos crimes que acontecem diariamente em todo territrio nacional. | Pg. (5)

    Div

    ulga

    o

    Governo quer crise econmica longe de SC:Atravs de importantes projetos lanados recentemente, o Governo do Estado acredita que, com investimentos e realizaes, a crise econmica que afeta os demais estados brasileiros, no afetar Santa Catarina. | Pg. (4)

    STJ definir futuro de Elizeu Mattos:Se o pedido de Habeas Corpus impetrado pelos advogados de defesa do prefeito Elizeu Mattos for aceito e julgado pelo Superior Tribunal de Justia, ser a ltima esperana para o seu retorno ao cargo, j que seu afastamento est completando sete meses.

    Motoneve chegaem sua 20 edioSer de 09 a 12 de julho de 2015 no Parque Conta Dinheiro a 20 Edio do Motoneve, agora atrao internacional.

    Enquanto no se define a maioridade penal, sociedade permanece insegura

    Div

    ulga

    o

  • VITRINE LAGEANA - LAGES, SEXTA-FEIRA, 3 DE JULHO DE 2015OPINIO1204

    Respeito bom e conserva os dentes

    Nossa Opinio

    Pode at ser que as coisas mudem at as prximas eleies. Porm, se fosse hoje

    o pleito eleitoral, o candidato apoiado pelo governador Raimundo Colombo venceria folgadamente. Hoje, por exemplo, no tem um nome sequer para disputar o Governo do Estado que seja capaz de, pelo menos, fazer sombra ao prestgio e competncia do atual governador. No adianta, o PMDB e outras siglas nanicas sonharem com a vitria numa eleio vindoura.E tem mais, o Governador Raimundo Colombo nunca disse, porm, se quiser poder ser vice de qualquer futuro postulante a presidente da Repblica. Ou quem sabe, poder at disputar at o cargo mais importante da Nao. Hoje, em todo territrio Nacional tambm no tem um nome capaz de disputar com Raimundo Colombo. A maioria esto envolvidos em escndalos financeiros etc. Acio Neves, no tem moral para ser um forte

    candidato. Alckimin, governador de So Paulo, j perdeu para o Lula, e perde para o catarinense. Jos Serra, o campeo das derrotas, tambm, seu bonde poltico j passou. Quem mais? No tem, um s nome que possa reunir, prestgio, competncia e honestidade para disputar a presidncia da Repblica. Vai sobrar ao Raimundo Colombo.Infelizmente, alguns gatos pingados so encontrados por a, algumas vezes dizendo bobagens. Porm, se acompanhar os projetos que esto sendo lanados pelo Governo do Estado, principalmente o SC + Energia, vers que o projeto tem a garantia de no deixar o Estado de Santa Catarina cair na catastrfica crise que o resto do Pas est mergulhado. Alis, beira de um precipcio levado por atuaes de polticos incompetentes, larpios, corruptos. Baseado nessa premissa, chega-se concluso que Raimundo Colombo a bola da vez na prxima eleio em 2018.

    Bons projetos para precaver crise econmica no Estado

    GrimpaMais uma vez ficou comprovado que, o brasileiro, no todos, claro, necessita de retornar s escolas para aprender boas maneiras, ser educado e, aprender, principalmente, respeitar as autoridades

    constitudas do Pas. No se faz protesto agredindo a integridade fsica de um cidado que representa a Nao. O que se comenta aqui, foi o que aconteceu na tera-feira, quando um cafajeste quis, atravs de um adesivo agredir a integridade da principal autoridade do pas. Um crime, que deve ser investigado e levado at as ltimas consequncias. Essa no a maneira de protestar civilizadamente. Se o autor for um menor de idade, mais uma razo para que a maioridade penal seja aprovada. Se tiver a participao de um adulto, que seja investigada a mando de quem foi realizada essa desagradvel manifestao. Isso politicagem. S pode ser dor de cotovelo ou dor de corno da derrota nas ltimas eleies.

    PF novai investigar ?

    Normando da Silva Pereira

    bem essa a resposta que merecem os brasileiros cafajestes que no sabem respeitar as autoridades constitudas. Se no sabem, aprendam, a educao vem de bero. Quem sabe, at pode ser que no so to culpados assim. Seus pais que no souberam dar educao. Portanto, se fosse em outras pocas, j deveriam estar presos, levando cacete em algum poro de alguma delegacia. Infelizmente, o Brasil vive um momento de desmando, onde ningum respeita ningum. Onde qualquer vagabundo faz seus prprios julgamentos. Na Internet est repleto

    dessas corjas, bandidos de meia tigela. Por um aumento de energia ou de gua, j abrem suas latrinas e esquecem de fechar. Quem no tem nada a ver com as aes do governo que paga o pato. At parece que estamos beira de uma revoluo. E isso j foi dito por algum: Se houver retaliaes, h uma classe que est disposta a sair para as ruas cortar os pescoos de muita gente. Parece piada, porm, que merece ser levada a srio. E nesse segmento h mais de 200 mil integrantes. J d uma boa batalha.Na verdade, j no h mais considerao entre os seres humanos. No preciso ir muito longe

    para se dar conta disso. Aqui mesmo em Lages, no decorrer da semana, rolou uma publicao na face denunciando as manobras de alguns integrantes da imprensa local que, em troca de um dinheirinho fcil so capazes de apunhalar pelas costas seus prprios companheiros. Que absurdo hein?!!!Essa denncia foi mais longe ainda. Segundo o denunciante, na 27 Festa Nacional do Pinho, s participaram das divulgaes do evento um grupo de blogueiros, cujas atitudes so discutveis. Tambm, segundo informaes, o privilgio foi ainda mais longe. A direo do Garden Shopping de Lages

    tambm privilegiou esse mesmo grupo para realizaes de suas divulgaes. Isso, pode at ser uma verdade, e ficou demonstrado quando alguns veculos de comunicao escrita, principalmente divulgaram matrias cobrando pela demora das instalaes dos cinemas. Logo ditos profissionais saram em defesa daquele estabelecimento. Ou seja, no vale defender os interesses da comunidade. Vale, sim, o dinheiro nos seus bolsos.

    At quando???

    O Pas est caminhando para um destino perigoso. A grande mdia no sabe divulgar

    outra coisa seno a Operao Lavajato. At parece que o Brasil est vivendo apenas essa situao. Esquecem a corporao encarregada de investigar que a Nao teve outros presidentes da Repblica, os quais tambm merecem ser investigados.

    Lava jato?

    Alguns peemedebistas lageanos ainda sonham com a remota possibilidade do prefeito afastado Elizeu Mattos retornar s funes. At porque, est protocolado em

    Braslia no Superior Tribunal de Justia um recurso impetrado por seu advogado de defesa. Ser essa a ltima esperana de vislumbrar um possvel retorno do prefeito afastado Prefeitura Municipal de Lages.

    Prefeitopode retornar ?

  • VITRINE LAGEANA - LAGES, SEXTA-FEIRA, 3 DE JULHO DE 201503

    Maioridade penal: querem recorrer ao STF

    DESTAQUE 05

    A alegria de quem era con-tra durou pouco e deu espao alegria de quem era a favor. Agora, a proposta sobre a reduo da maioridade penal no Brasil pode ter mais uma reviravolta. A OAB (Ordem dos Advogados do Bra-sil) informou que pode ir ao STF para barrar a medida, votada menos de 24 horas aps uma proposta sobre o mesmo tema ter sido rejeitada. A reduo da maioridade, que j possua incon-stitucionalidade material, porque fere uma garantia ptrea funda-mental, passa a contar com uma inconstitucionalidade f