lajes treliçadas

  • View
    688

  • Download
    75

Embed Size (px)

DESCRIPTION

lajes treliçadas

Text of lajes treliçadas

Manual de lajes treliadas CYPECAD

ndice1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. Editor de fichas de laje Cadastro de fichas e fabricantes Materiais Janela principal Iniciando o cadastro Definio da Geometria Tabela de Vigotas Tabela de armadura de negativos Dados de vigotas 3 3 4 4 4 7 9 10 10 11 13 14 15

10. 11.

Positivos: Negativos: Resistncia ao esforo Cortante: Exportao das fichas de laje para o CYPECAD

Lajes TreliadasPara criar as fichas de vigotas treliadas ou pr-tensionadas preciso utilizar um software prprio chamado Editor de fichas de laje este programa encontra-se dentro do CD de instalao, dentro do diretrio Instalar programas isolados no sub-diretrio Instalao para o Brasil. 1. Editor de fichas de laje O acesso ao programa feito pelo cone:

2. Cadastro de fichas e fabricantes Ao acessar o programa pela primeira vez ser aberta janela de gerenciamento de arquivos, para iniciar o trabalho crie um novo arquivo e d um nome apropriado, em seguida o programa pede a seleo do tipo de vigota (treliada ou pr-tensionada) e a norma a ser utilizada para o dimensionamento.

O prximo passo ser introduzir os dados do fabricante

3. Materiais Nesta tela ser necessrio definir os materiais utilizados para compor a vigota. O concreto utilizado deve ser o mesmo definido no menu DADOS GERAIS do CYPECAD para pisos, e o ao dever ser o mesmo definido para barras. 4. Janela principal

5. Iniciando o cadastro Primeiramente devem-se cadastrar os blocos de alvio, para isso vamos clicar no seguinte cone:

Ser aberta a seguinte janela para cadastro dos blocos:

Nesta janela deve-se definir o nome da laje. (Cermica 12+5). Ser definida tambm a camada de compresso, aps incluir estes dados clique no boto Acrescentar novo elemento lista para adicionar o primeiro bloco de alvio.

Neste ponto importante definir uma referncia que identifique o bloco de alvio como : H10X30X20. Outro fator de grande importncia o peso unitrio do bloco pois ele ir definir o peso de nossa laje posteriormente no CYPECAD. possvel encontrar uma srie de fabricantes de blocos no mercado que so capazes de fornecer os dados necessrios para o cadastro, o bloco acima por exemplo foi retirado da seguinte imagem:

Ao concluir o cadastro ser exibida a seguinte janela:

Agora ser necessrio incluir o peso TOTAL do bloco com a vigota. Repita o procedimento criando uma srie de vigotas (10+5, 12+5, 10+7 etc.). Assim quando exportar ao CYPECAD ter uma biblioteca completa de lajes pr-fabricadas.

6. Definio da GeometriaAps cadastrar os blocos ser necessrio cadastrar a geometria das vigotas:

O CYPECAD oferece 3 tipos de vigotas cada uma contendo dados diferentes para serem preenchidos: Plana

Invertida

Dupla

7. Tabela de VigotasO prximo passo ser cadastrar a tabela de vigotas:

Onde: SIMPLES: o nome que ser atribudo vigota simples. DUPLA: o nome que ser atribudo vigota dupla. TRIPLA: o nome que ser atribudo vigota tripla. Para os prximos dados ser utilizado como referncia a seguinte imagem:

Temos 3 colunas de Num Barras onde: 1 Num Barras (Armadura Base): no desenho ser o inf . 2 Num Barras (Primeiro Reforo Parcial): ser a primeira camada. 3 Num Barras (Segundo Reforo Parcial): ser a segunda camada.

Basta digitar a quantidade de barras que ir possuir em cada camada e na coluna Dimetro selecionar a bitola que ser utilizada. Cadastre a quantidade de vigotas que desejar.

8. Tabela de armadura de negativosUtilizando como referncia a imagem anterior, a tabela de armadura de negativos representa as camadas de armadura negativa. Antes de iniciar o cadastro necessrio selecionar um dos 2 tipos de armao de vigotas: Por vigotas: a armadura definida como negativo ser multiplicada por 2 ou por 3 no caso de possuirmos vigotas duplas ou triplas. Por nervura: a armadura ser a mesma independente do tipo de vigota (dupla ou tripla) por nervura.

possvel cadastrar at 3 camadas de armadura para negativos, cada uma contendo sua prpria quantidade de barras, basta clicar em Num Barras e digitar a quantidade de barras que se deseja na primeira, segunda ou terceira camada, depois basta clicar em Dimetro e selecionar a bitola do ao.

9. Dados de vigotasO prximo passo ser cadastrar os dados das vigotas. de grande importncia tomar cuidado com os valores a serem introduzidos, recomendamos que em caso de dvida contate o Suporte Tcnico ou outro profissional qualificado para auxili-lo no desenvolvimento destas fichas. Positivos: Sero introduzidos os necessrios para os clculos de positiva. Negativos: Sero introduzidos os necessrios para os clculos de negativa dados flexo dados flexo

Positivos:O primeiro cadastro de dados dever ser o de Positivos, ao clicar neste boto ser aberta a seguinte janela:

Clique no seguinte boto para editar os valores:

E selecione a vigota cadastrada:

Ser exibida a seguinte janela:

Temos uma srie de dados que devem ser calculados e cadastrados manualmente (por isso o cuidado com estes itens): Abaixo uma imagem para auxiliar durante o clculo dos itens mencionados:

Armadura: ser utilizada a armadura definida anteriormente para a vigota selecionada. rea: o programa calcula automaticamente a rea de ao. Mu (Kgf-m/m): o momento ltimo de clculo por metro. Pode ser calculado pela seguinte expresso sendo Md=Mu: Rcd = 0,68 . x . bw . fcd z = d (0,4 . x) Md = Rcd . z Md = [ (0,68 . x . d) (0,272 . x2) ] . bw . fcd Obs.: vlido para x xlim Mf (Kgf-m/m): o momento de fissurao por metro. Pode ser calculado pela seguinte expresso:

Mr = fctm Io YtSendo: = 1,2 para sees em T ou duplo T fctm: Resistncia mdia do concreto a trao. Io = Inrcia da pea Io = bw h + bw h(yt h ) + (bf bw) hf + (bf bw) hf (h hf yt ) 2 12 2 Rt: Rigidezes totais, obtidas pela seguinte expresso: Rt = Ecs Io Ecs = Mdulo de elasticidade secante do concreto Ecs = 0,85 Eci

Eci = Mdulo de elasticidade do concreto Eci = 5 600 fck Rf: Rigidez fissurada, obtida pela seguinte expresso: Rf = Ecs Ie Ie = Inrcia equivalente (obtida pelo mtodo de Branson) Ie = (Mr) Io + [1-(Mr) ] Iii Io Mu Mu

Negativos:Teremos uma janela semelhante de positivos, para adicionar uma linha de armadura aos dados de negativos clique no boto editar:

Selecione a armadura:

Com a linha de armadura na janela principal deve-se calcular e introduzir alguns dados manualmente:

Armadura: ser utilizada a armadura definida anteriormente para a vigota selecionada. rea: o programa calcula a rea de ao automaticamente. Mu: calcula-se como o item de positivos de mesmo nome. Mu, sm: momento ltimo da seo macia da vigota, abaixo uma imagem com a descrio da seo macia:

Deve-se realizar o clculo da seo macia como se no existissem os blocos de alvio, sendo uma viga retangular de concreto. Mf: calcula-se como o item de positivos de mesmo nome. Rt: calcula-se como o item de positivos de mesmo nome. Rf: calcula-se como o item de positivos de mesmo nome.

10.

Resistncia ao esforo Cortante:

Agora ser necessrio definir a resistncia a cortante da vigota por metro. Clique no boto cortantes.

Ser exibida a seguinte janela:

Agora introduza um novo elemento lista e a partir da rea de ao deve-se calcular a resistncia da vigota ao esforo cortante. Esforo cortante: Vd = As1 Zfyd(cotg + cotg) sen S

11.

Exportao das fichas de laje para o CYPECAD

Clique no cone Ficha para o CYPECAD:

Ser criado um arquivo de extenso .FVA

Agora com o CYPECAD aberto selecione a laje de vigotas treliadas e clique em adicionar novo elemento lista:

Clique no boto Importar da biblioteca:

Selecione a ficha com extenso FVA. Sua vigota ser importada, com o menu FICHA voc poder selecionar as fichas criadas e com o menu LAJE voc pode selecionar os diferentes tipos de lajes que existem nesta ficha, ex: EPS, CONCRETO, CERMICA etc.