Click here to load reader

LOG-IN LOGÍSTICA INTERMODAL S.A. ... Navegação Costeira Destaques Sumário LOG-IN LOGÍSTICA INTERMODAL S.A. RESULTADOS 3T19/9M19 A Log-In atingiu o EBITDA Consolidado de R$210,3

  • View
    5

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of LOG-IN LOGÍSTICA INTERMODAL S.A. ... Navegação Costeira Destaques...

  • Destaques

    Sumário

    LOG-IN LOGÍSTICA INTERMODAL S.A.

    RESULTADOS 3T19/9M19

    ✓ A Log-In atingiu o EBITDA Consolidado de R$210,3 MM nos 9M19, superando em 62,5% os R$129,4 MM (Ajustado) nos

    9M18. A Margem EBITDA foi de 26,7% nos 9M19 (17,8% nos 9M18).

    ✓ O EBITDA da Navegação Costeira somou R$179,1 MM nos 9M19, superando em 56,4% os R$114,5 MM nos 9M18. A

    margem EBITDA foi de 29,2% nos 9M19 (19,4% nos 9M18).

    ✓ O volume de contêineres transportados na Navegação Costeira somou 269,1 mil TEUs nos 9M19, 8,5% superior aos

    248,1 mil TEUs nos 9M18.

    ✓ Em 05 de agosto de 2019, foi subscrito o saldo restante (R$25 milhões) da 2ª Emissão de Debêntures, no valor total de

    R$90 milhões, com a finalidade de financiar o pagamento da última parcela do navio Log-In Polaris (quitado em 1º julho

    de 2019) e os respectivos custos de importação da embarcação.

    ✓ Evento subsequente: Em 10 de outubro de 2019, o Conselho de Administração aprovou aumento do Capital Social de

    R$22.762.052,00 e a emissão de 11.103.440 ações, em função de exercício de bônus de subscrição em ações. O Capital

    Social passou a ser de R$698.348.901,05, representado por 59.599.191 ações ordinárias. Vale mencionar que os bônus

    de subscrição tinham vencimento em 30 de setembro de 2019 e que não existe mais bônus de subscrição em circulação.

    Teleconferência

    Segunda-feira, 04 de novembro de 2019 – PORTUGUÊS: Horário: 11h (horário de Brasília) Conexão: +55 (11) 3181-8565 - Código de Acesso: Log-In

    O áudio e a apresentação serão transmitidos também pela Internet em www.loginlogistica.com.br/ri - Posteriormente, será disponibilizada a transcrição na versão em inglês. O replay da teleconferência estará disponível até 11/11/2019. Número de Acesso: +55 (11) 3193-1012. Código: 1993244#

    Marco Antônio Souza Cauduro

    Diretor Presidente

    Gisomar Francisco de Bittencourt Marinho

    Diretor Financeiro e de Relações com Investidores

    Rio de Janeiro, 01 de novembro de 2019

    Contato RI

    Fábio de Ornellas Pereira

    Tel.: +55 21 21116762

    E-mail: [email protected]

    Site: www.loginlogistica.com.br/ri

    Resumo Financeiro e Operacional ...................................................................................................................................... 02

    Resultado Consolidado....................................................................................................................................................... 03

    Navegação Costeira ........................................................................................................................................................... 06

    Terminal de Vila Velha (TVV) .............................................................................................................................................. 10

    Terminais Intermodais ....................................................................................................................................................... 12

    Investimentos (CAPEX) ....................................................................................................................................................... 12

    Dívida ................................................................................................................................................................................ 13

    Eventos Subsequentes ....................................................................................................................................................... 15

    Anexos............................................................................................................................................................................... 16

  • 2

    IFRS 16

    As normas contábeis do IFRS 16 que entraram em vigor em 1º de janeiro de 2019 modificaram o tratamento contábil do

    arrendamento operacional para formato similar ao do arrendamento financeiro.

    Com a adoção da norma, os contratos de aluguel passaram a ser contabilizados no ativo na rubrica de ativos de direito de

    uso e amortizados por todo o tempo de vigência do contrato. Esta alteração aumenta o custo de Depreciação e Amortização

    e provoca um impacto positivo no EBITDA, pois o custo de aluguel passa a ser contabilizado como Depreciação e Amortização

    numa linha abaixo do referido indicador.

    Neste relatório, a Companhia adequou os resultados operacionais do 3T18/9M18 de acordo com as práticas contábeis (IFRS

    16) em vigor a partir deste ano para fins de comparabilidade:

    Resumo Financeiro e Operacional

    * Os valores do 3T18/9M18 foram recalculados, conforme a nota explicando o impacto do IFRS 16 na pág.2 deste relatório. Esses ajustes nas informações financeiras do

    3T18/9M18 não foram revisados/auditados pelos auditores independentes.

    * Capacidade da frota ao final do período abordado no relatório.

  • 3

    Resultado Consolidado

    * Os valores do 3T18/9M18 foram recalculados, conforme a nota explicando o impacto do IFRS 16 na pág.2 deste relatório. Esses ajustes nas informações financeiras do 3T18/9M18 não foram revisados/auditados pelos auditores independentes.

    Receita Operacional Líquida

    Receita Operacional Líquida (ROL) (R$ MM)

    No 3T19, a ROL totalizou R$278,3 milhões, 1,1% superior à receita de R$275,3 milhões do 3T18, devido ao crescimento das

    receitas do transporte de contêineres na Navegação Costeira e das receitas acessórias no Terminal de Vila Velha (TVV), sendo

    negativamente impactada pela menor atividade do transporte de veículos (no Mercosul) na Navegação Costeira.

    Nos 9M19, a ROL atingiu R$786,8 milhões, um aumento de 8,1% comparada aos R$728,1 milhões nos 9M18, em função do

    aumento das receitas de transporte de contêineres e das receitas de movimentação de contêineres, de carga geral e

    acessórias no TVV, sendo negativamente impactada pelo transporte de veículos (no Mercosul).

    Custo dos Serviços Prestados (CSP)

    No 3T19, o CSP somou R$194,8 milhões, 5,3% inferior ao custo de R$205,6 milhões auferidos no 3T18. Nesta comparação, o

    aumento dos custos relacionados ao maior volume (contêineres) na Navegação Costeira e no TVV foi mais do que

    compensado pelo menor custo com afretamento de navios Roll-on/Roll-off, utilizados para o transporte de veículos.

    Nos 9M19, o CSP totalizou R$556,4 milhões, 2,9% inferior aos R$573,1 milhões nos 9M18, também devido ao menor custo

    com afretamento de navios Roll-on/Roll-off.

  • 4

    Despesas Operacionais

    No 3T19, as Despesas Operacionais totalizaram R$20,4 milhões, superiores às despesas de R$8,0 milhões incorridas no

    mesmo período no ano anterior, pois as mesmas foram positivamente impactadas pelo evento não recorrente – resultado

    de alienação de ativos (Terminal de Camaçari – TERCAM) - no montante de R$12,1 milhões. Em base recorrente, as despesas

    operacionais nos 3T18 seriam de R$20,1 milhões.

    Nos 9M19 as Despesas Operacionais somaram R$63,0 milhões, versus receitas operacionais líquidas de R$1,9 milhões nos

    9M18, devido ao impacto de eventos não recorrentes, representado pelo reconhecimento de créditos fiscais (PIS/COFINS) -

    no montante de R$37,8 milhões no primeiro trimestre de 2018 e pelo resultado positivo já mencionado da venda do TERCAM.

    Em base recorrente, as despesas operacionais nos 9M18 seriam de R$48,0 milhões.

    EBITDA

    * Os valores do 3T18/9M18 foram recalculados, conforme a nota explicando o impacto do IFRS 16 na pág.2 deste relatório. Esses ajustes nas informações financeiras do 3T18/9M18 não foram revisados/auditados pelos auditores independentes.

    EBITDA Ajustado(1) (R$ MM) Margem EBITDA (Ajustado) (%)

    (1) EBITDA Ajustado por eventos não recorrentes, conforme demonstrado no Anexo II – Composição do EBITDA Consolidado.

    A Log-In segue uma trajetória de melhora contínua dos seus resultados operacionais: o EBITDA Ajustado da Companhia se

    mantém em trajetória de crescimento desde o 2T17 na sua comparação trimestral (ano corrente contra ano anterior), ou

    seja, ao longo de 10 trimestres.

    No 3T19, o EBITDA atingiu R$70,0 milhões, superando em 21,3% os R$57,7 milhões do 3T18. A Margem EBITDA foi de 25,2%

    no 3T19, 4,2 p.p. superior à margem de 21,0% no 3T18.

    Nos 9M19, o EBITDA totalizou R$210,3 milhões, resultado recorde, superando em 62,5% os R$129,4 milhões (ajustado) nos

    9M18. A Margem EBITDA foi de 26,7% no 3T19, 8,9 p.p. superior à margem (ajustada) de 17,8% nos 9M18.

  • 5

    Resultado Financeiro

    Nesta abertura isolamos as receitas e despesas de variações monetárias e cambiais.

    No 3T19, o Resultado Financeiro totalizou uma despesa de R$67,5 milhões, versus uma despesa de R$40,9 milhões do 3T18.

    A variação é explicada pela despesa de variação cambial sobre o saldo de parte dos financiamentos junto ao BNDES para a

    construção de navios, em função da desvaloriza