Medidas de Saúde Coletiva

Embed Size (px)

Text of Medidas de Saúde Coletiva

Prof. Jos Celso Rocha Martins Jnior

A

quantificao de variveis populacionais, ou seja, Medidas de Sade Coletiva, uma etapa importante para conhecer as principais doenas e agravos sade que atingem uma determinada comunidade, os grupos mais suscetveis, as faixas etrias mais atingidas, os riscos mais relevantes e os mecanismos efetivos de controle para cada caso.

A

interveno tanto para mudar uma situao existente julgada insatisfatria como simplesmente com o objetivo de guiar os prximos passos em Sade Coletiva constitui o ato de conhecer adequadamente a situao.

Indicador

o que indica refletindo uma particular caracterstica. um termo utilizado para representar ou medir aspectos no sujeitos observao direta. Indicador e ndice so termos empregados, ora como sinnimos, o que era comum no passado, ora com significados distintos, o que a tendncia atual.

Os

indicadores de sade passam a ser utilizados, na prtica, quando se mostram relevantes, ou seja, quando so capazes de retratar com fidedignidade e praticidade, seguidos os preceitos ticos, os aspectos da sade individual ou coletiva para os quais foram propostos.

Os

indicadores de sade passam a ser utilizados, na prtica, quando se mostram relevantes, ou seja, quando so capazes de retratar com fidedignidade e praticidade, seguidos os preceitos ticos, os aspectos da sade individual ou coletiva para os quais foram propostos.

Determinados

pela:

1. VALIDADE 2. CONFIABILIDADE (REPROTIBILIDADE OU FIDEDIGNIDADE) 3. REPRESENTATIVIDADE (COBERTURA) 4. A QUESTO TICA 5. O NGULO TCNICO-ADMINISTRATIVO

A. Resultados expressos em freqncia absoluta B. Resultados expressos em frequncia relativa

Exemplo: bitos por febre amarela, no Rio de Janeiro A. em relao populao, ou seja, o nmero de pessoas falecidas por febre amarela, no Rio de Janeiro, entre as que residiam nesta cidade, em cada ano; essa forma de expresso denominada coeficiente ou taxa; B. em relao ao total de bitos; no caso, expressaria a proporo de bitos devidos febre amarela, no obiturio geral; e C. em relao a um outro evento, isto , a razo entre o nmero de bitos por febre amarela e o nmero de bitos por tuberculose, em exemplo.

Indicadores positivos e negativos

Tradicionalmente, em avaliaes realizadas na rea da sade, so utilizados indicadores negativos, como a mortalidade e a morbidade, em lugar dos positivos, do tipo bem-estar, qualidade de vida e normalidade.

A. MORTALIDADE

Primeiro indicador utilizado em avaliaes de sade coletiva

Limitaes indicador.

do

uso

da

mortalidade

como

As estatsticas de mortalidade exprimem a gravidade da situao

B. MORBIDADE As estatsticas que expressam a situao das doenas na populao tm mltipla utilizao:

elas permitem inferir os riscos de adoecer a que as pessoas esto sujeitas, constituem indicaes a serem utilizadas na preparao das investigaes dos seus fatores determinantes e na escolha das aes saneadoras adequadas.

B. MORBIDADE As medidas de morbidade, comparadas s de mortalidade, so mais sensveis para expressar mudanas de curto prazo.

C. INDICADORES NUTRICIONAIS Numerosas medidas do estado nutricional das pessoas so usadas na valiao das condies de sade e nutrio de populaes. 3539 Elas so agrupadas, a seguir, em duas categorias, conforme a avaliao seja feita de forma indireta ou direta.

C. INDICADORES NUTRICIONAIS

Avaliao indireta do estado nutricional Avaliaes laboratoriais

D. INDICADORES DEMOGRFICOS Apresentam maior interesse aos campos da demografia e da sade so a mortalidade e a esperana de vida

F. INDICADORES AMBIENTAIS

Saneamento bsico:

abastecimento de gua, de esgotos, de coleta de lixo e de guas pluviais.

G. SERVIOS DE SADE

G. SERVIOS DE SADE