of 21 /21
Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética Contração Muscular Esquelética

Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Embed Size (px)

Citation preview

Page 1: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Microfilamentos de Actina

Contração Muscular EsqueléticaContração Muscular Esquelética

Page 2: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Drogas Antitumorais Alvo - Actina

• Faloidina: estabilização dos filamentos de actina (deixa polimerizado).

• Citocalasina: reveste a extremidade positiva e impede a polimerização.

Page 3: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos Intermediários

Conceito: • Filamentos protéicos de 10nm de diâmetro.• Resistência célula-célula, • Resistência citoplasmática e nuclear. • Estabilidade relativa

Page 4: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos Intermediários

Page 5: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos IntermediáriosEstrutura e Organização dos filamentos Intermediários Monômero

sDímeros

Tetrâmeros

“Corda”

Page 6: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos Intermediários

Lâminas Nucleares: Rede Bidimensional instável permite divisões celulares

Page 7: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos IntermediáriosInstabilidade

Desfosforilação

Fosforilação

DIVISÃO CELULARDIVISÃO CELULAR

Page 8: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos Intermediários Conferem resitência às células de

forma homogênea

Queratinas

Page 9: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Filamentos Intermediários

Mutações nos genes para queratina levam à

Epidermólise Bullosa Simplex

Page 10: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Microtúbulos

Conceito: Filamento

oco, longo, relativamente rígido formados por proteínas que podem se agregar e desagregar rapidamente.

Page 11: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

Microtúbulos

Funções: •Organizacional•Transporte•Divisão Celular•Movimentação (Cílios e Flagelos)

Page 12: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosEstrutura do Microtúbulo

-tubulina + -tubulina = dímeros

13 protofilamentos

MICROTÚBULO

Page 13: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosCentrossomo Conceito: pequena estrutura situada

próxima ao centro da célula, apresenta um par de centríolos e vários anéis de -tubulinas

Page 14: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosInstabilidade Dinâmica dos Microtúbulos

Page 15: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosInstabilidade Dinâmica dos Microtúbulos

Page 16: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosInstabilidade Seletiva dos Microtúbulos

Page 17: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosOs Microtúbulos e a Divisão Celular

Células com menor

diferenciação

Maior Instabilidade

Page 18: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosOs Microtúbulos Organizam o Interior das Células

Células com MAIOR

diferenciaçãoMAIOR

ESTABILIDADE

Polarização da Célula

Page 19: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosVelocidade de deslocamento das vesículas no microtúbulo.

Page 20: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosOs Microtúbulos não trabalham sozinhos!!

Proteínas Motoras

Orientação dos Movimentos

Unidirecional (+) ou (-)

ATP

ADP + Pi

Page 21: Microfilamentos de Actina Contração Muscular Esquelética

MicrotúbulosOs Microtúbulos não trabalham sozinhos!!Proteínas Motoras