Click here to load reader

Monografia Eja

  • View
    4.376

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Monografia Eja

Mayra de Paula Lioncio

Principais motivadores da evaso escolar no Ensino Mdio EJA

Instituto Federal de Educao, Cincia e Tecnologia De So Paulo 2009

Mayra de Paula Lioncio

Principais motivadores da evaso escolar no Ensino Mdio EJA

Monografia apresentada na diretoria de pesquisa e ps-graduao do Instituto Federal de Educao, Cincia e Tecnologia de So Paulo (IFSP), como parte dos requisitos para avaliao final. Orientadora: Prof Dra. Lucia Collet

Instituto Federal de Educao, Cincia e Tecnologia De So Paulo 2009

RESUMO O presente trabalho teve por objetivo verificar os principais motivadores da evaso escolar. Observando alunos do ensino mdio EJA (Educao para Jovens e Adultos), h um elevado ndice de evaso nas escolas por parte destes alunos, assim tornando-se relevante a pesquisa sobre o assunto. Alunos do EJA apresentam maiores dificuldades em realizar os trabalhos escolares devido a seus afazeres dirios e responsabilidades como chefes de famlia, donas do lar, etc. Estima-se que a taxa de analfabetismo da populao de 15 anos ou mais seja de 10% da populao em 2010, j em 2001/2002 a taxa de analfabetismo funcional das pessoas desta mesma faixa etria chegava a 25%. Em comparao a outros pases europeus, o Brasil ganha em disparado (pesquisa realizada pelo IBGE em 2000 referente a taxa de analfabetismos). A populao de 15 anos de idade chega a quase 14% da populao enquanto a Itlia apresentava na poca 2% e Chile com um pouco mais de 4% da populao analfabeta. Desta forma surgem as seguintes concluses: A qualidade de ensino deve ser melhorada e deve-se combater a repetncia e a evaso escolar (IBGE. 2004). Da a importncia do diagnstico oferecido, a partir dele, podem ser propostas aes para diminuio da evaso escolar sobre tudo no ensino mdio EJA. Conclui-se sobre a necessidade do desenvolvimento de um plano pedaggico voltado especificamente ao ensino do EJA, valorizando as experincias do aluno e levando em considerao o aprendizado anteriormente adquirido. Observando as peculiaridades dos alunos do ensino mdio EJA necessrio a realizao de uma adequao aos interesses deste pblico, visando uma efetiva busca pelo crescimento e desenvolvimento intelectual, profissional e pessoal. Palavras Chaves: Evaso Escolar Jovens e Adultos Ensino Mdio.

ABSTRACTS This study aimed to verify the key drivers of school dropout. Watching high school students of EJA (Education for Youth and Adults), there is a high dropout rate in schools by these students, thus making it relevant to research on the subject. Students in adult education have more difficulty in performing school work due to their daily duties and responsibilities as heads of households, housewives, etc. It is estimated that the illiteracy rate among individuals aged 15 years or more is 10% of brazilian population in 2010, back in 2001/2002 the rate of functional illiteracy of the people of the same age reached 25%. Compared to other European countries, Brazil "wins" in shot (survey conducted by IBGE in 2000 on the rate of illiteracy). The population 15 years of age is nearly 14% of the population while Italy had the time 2% and Chile with a little more than 4% of the population illiterate. Thus come the following conclusions: The quality of teaching should be improved and should deal with school failure and dropout (IBGE. 2004). Hence the importance of the diagnosis offered, as it may make possible proposal of actions to reduce dropout on high school adult education. It is concluded on the need to develop an educational plan designed specifically to teaching adults, highlighting the experiences of the student and taking into account the previously acquired learning. Noting the peculiarities of high school students of EJA, it is necessary to perform an adjustment to guarantee this audience interest, aiming to an effective pursuit of growth and intellectual development, professional and personal. Keywords: Dropouts - Youth and Adults - Education.

SUMRIO

1. INTRODUO................................................................................................................ 1 2. REFERENCIAL TERICO ........................................................................................... 4 3. OBJETIVOS .................................................................................................................... 9 3.1. Objetivo Geral ........................................................................................................ ... 9 3.2. Objetivos Especficos ............................................................................................... 10 4. MTODO....................................................................................................................... 11 4.1 Participantes .............................................................................................................. 11 4.2 Material..................................................................................................................... 12 4.3 Procedimentos........................................................................................................... 13 4.4 Plano de Anlise dos Dados....................................................................................... 14 5. RESULTADOS .............................................................................................................. 15 5.1 Grficos ..................................................................................................................... 17 5.1.1 Entrevistados que pensaram em abandonar os estudos .......................................... 23 5.1.2 Entrevistados que no pensaram em abandonar os estudos.................................... 28 6. DISCUSSO DOS RESULTADOS .............................................................................. 33 7. CONCLUSO................................................................................................................ 40 8. ANEXOS ........................................................................................................................ 42 8.1 Modelo de Termo de consentimento livre e esclarecido ............................................. 42 8.2 Modelo de questionrio ............................................................................................. 43 8.3 Termos de consentimento livre e esclarecido aplicados.............................................. 44 8.4 Questionrios aplicados ............................................................................................. 45 9. REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS .......................................................................... 46

1. INTRODUOO presente trabalho teve por objetivo verificar os principais motivadores da evaso escolar. Observando alunos do ensino mdio EJA (Educao para Jovens e Adultos), h um elevado ndice de evaso nas escolas por parte destes alunos, assim tornando-se relevante a pesquisa sobre o assunto. Alunos do EJA apresentam maiores dificuldades em realizar os trabalhos escolares devido a seus afazeres dirios e responsabilidades como chefes de famlia, donas do lar, etc. Paulo Freire ao desenvolver trabalhos de alfabetizao, fundamentados em mtodos e objetivos que buscavam adequar o trabalho especificidade dos alunos, fez emergir a conscincia de que alfabetizar adultos requeria o desenvolvimento de um trabalho diferente daquele destinado s crianas nas escolas regulares. As necessidades e possibilidades daqueles educandos exigiam o desenvolvimento de propostas adequadas a elas. Uma das possveis causas da evaso escolar a serem investigadas a dificuldade em conciliar atividades e preocupaes, porm nem sempre essa pode ser a principal causa. Ficando em aberto quando se pensa no que levou o aluno a se matricular no ensino mdio EJA e desistir sem nem mesmo comparecer uma s vez nas aulas, comparecer por um perodo curto de tempo, ou ainda ao pensar naqueles que comparecem por um tempo maior apresentando bom desempenho e, em sala de aula informam que esto pensando em parar de estudar devido falta de motivao por parte de seus familiares. Observando essa realidade fica o questionamento: qual o principal motivador a levar estes alunos a se evadirem das escolas. Ao iniciar uma aula o professor procura primeiramente a conquista do aluno na busca de novos conhecimentos, porm estando no sistema de ensino regular, os alunos do EJA so submetidos a propostas e prticas inadequadas tanto aos seus perfis socioeconmico-culturais quanto s suas possibilidades e necessidades reais. Isto porque a tendncia predominante das propostas curriculares a da fragmentao do conhecimento, e a da organizao do currculo numa perspectiva cientificista, excessivamente tecnicista e disciplinarista, que dificulta o estabelecimento de dilogos entre as experincias vividas, os saberes anteriormente tecidos pelos educandos e os contedos escolares (OLIVEIRA e PAIVA, 2004).

1

Neste sentido, pode se dizer que a postura do professor algo de grande influncia, pois alunos do ensino mdio EJA, so pessoas que j tiveram alguma experincia com o ambiente escolar e muitas vezes se vem deslocados dessa realidade. Jovens e Adultos se vem excludos do universo escolar, pensando que esto num local que no adequado eles e que foram recuperar o tempo perdido. Grande parte destes estudantes demonstram pouca afinidade com o ambiente escolar, ficando ainda pior quando unidos ao ensino regular, pois a idade, vivncia social e cultural dos educandos so ignoradas, mantendo-se nas propostas pedaggicas a lgica infantil dos currculos destinados s crianas que freqentam a escola regular. (OLIVEIRA. 2007) importante observar a postura do professor, visto que estes alunos possuem uma gama de conhecimento que deve ser levada em conta em seu processo de aprendizagem para que, realmente este novo conhecimento possa fazer sentido a esse aluno. Isso significa que alguns contedos formais clssicos devem ser a