Os Estados Unidos da América e o Princípio da centro ?· 241 OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA E O PRINCÍPIO…

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

  • 240

    Titulo: Os Estados Unidos da Amrica e o Princpio da Proporcionalidade: Um Regime Internacional em Xeque

    Autor: Marcos Cardoso dos Santos

    Publicado em: Revista Eletrnica de Direito Internacional, vol. 6, 2010, pp.

    Disponvel em: http://www.cedin.com.br/revistaeletronica/volume6/

    ISSN 1981-9439

    Com o objetivo de consolidar o debate acerca das questes relativas ao Direito e as Relaes Internacionais, o Centro de Direito Internacional CEDIN - publica semestralmente a Revista Eletrnica de Direito Internacional, que conta com artigos selecionados de pesquisadores de todo o Brasil.

    O contedo dos artigos de responsabilidade exclusiva do(s) autor (es), que cederam ao CEDIN os

    respectivos direitos de reproduo e/ou publicao. No permitida a utilizao desse contedo para fins comerciais e/ou profissionais. Para comprar ou obter autorizao de uso desse contedo, entre em

    contato, info@cedin.com.br

    mailto:info@cedin.com.br

  • 241

    OS ESTADOS UNIDOS DA AMRICA E O PRINCPIO DA

    PROPORCIONALIDADE: UM REGIME INTERNACIONAL EM XEQUE

    Marcos Cardoso dos Santos*

    RESUMO

    Este trabalho teve por objetivo verificar se a teoria neoliberal institucionalista

    capaz de explicar o cumprimento do princpio da proporcionalidade por parte dos

    Estados Unidos quando do emprego do poder areo durante a operao Desert Storm,

    ocorrida em 1991. A metodologia utilizada serviu para testar a teoria neoliberal

    institucionalista, buscando conhecer o nexo causal entre as variveis independentes e a

    dependente, que se constituiu no cumprimento do princpio da proporcionalidade. Duas

    variveis foram levantadas como possveis causadoras da varivel dependente: os

    costumes internacionais e a ao do Judge Advocate. A fim de atingir o objetivo

    proposto, foi feita uma anlise da concepo dos tericos de relaes internacionais

    sobre o Direito Internacional. Foram identificadas as caractersticas da

    proporcionalidade que a tornaram um costume internacional. Por ltimo analisou-se

    uma possvel vulnerabilidade americana decorrente da ao do Judge Advocate durante

    o processo de seleo de alvos da operao Desert Storm. Chegou-se concluso de que

    a nica varivel a influenciar no cumprimento do princpio da proporcionalidade foi o

    reconhecimento do referido princpio como um costume internacional por parte dos

    Estados Unidos.

    Palavras-chave: Direito Internacional dos Conflitos Armados- Princpio da

    Proporcionalidade- Teoria neoliberal institucionalista- Regime Internacional-

    Vulnerabilidade- Lawfare.

    *Bacharel em Cincias Militares pela Academia da Fora Area, Mestre em Cincia Poltica pela

    Universidade Federal Fluminense e instrutor de Direito Internacional dos Conflitos Armados (DICA) na

    Escola de Aperfeioamento de Oficiais da Aeronutica. Atua, tambm, no Curso de DICA para Instrutores

    Militares ministrado pelo Ministrio da Defesa. Possui os seguintes cursos:

    1. Curso de Direito Internacional dos Conflitos Armados no International Institute of Humanitarian Law em San Remo, Itlia;e

    2. Curso de Observador Militar das Naes Unidas no Peace Support Trainning Centre em Kingston, Canad;e

    3. Curso de Direito Internacional Humanitrio realizado no Ministrio da Defesa em parceria com o Comit Internacional da Cruz Vermelha.

  • 242

    ABSTRACT

    The aim of this research was to determine whether the neoliberal

    institutionalist theory is able to explain the accomplishment of the principle of

    proportionality, by the United States, during the employment of air power in operation

    Desert Storm that took place in 1991. The methodology used allowed testing the

    neoliberal institutionalist theory in order to know the causal nexus between the

    independent variables and the dependent one that is the accomplishment of the principle

    of proportionality. Two variables were presented as possible causes of the dependent

    variable: international customs and the role of the Judge Advocate. To reach the

    proposed aim, an analysis was made on the understanding of international relations

    theorists about International Law. The characteristics of proportionality that made it an

    international custom were also verified. Lastly, the question of whether the role of the

    Judge Advocate during the targeting process in Desert Storm operation was a likely

    source of American vulnerability, was examined. It was concluded that the only

    variable to influence the accomplishment of the principle of proportionality was the

    recognition of that principle as an international custom by the United States.

    Keywords: Law of Armed Conflict- Principle of Proportionality- Neoliberal

    institutionalist theory- International Regime- Vulnerability- Lawfare.

  • 243

    1 INTRODUO

    Quando se vem povos civilizados recusar-se, quer a conduzir os prisioneiros

    morte, quer a saquear cidades e campos, porque a inteligncia tem um

    lugar muito mais importante na sua forma de conduzir a guerra, e que ela lhes

    ensinou a utilizar a fora de um modo mais eficaz do que atravs da

    manifestao brutal do instinto1.

    Que tipo de inteligncia seria capaz de impor limites conduo da guerra? A

    citao de Clausewitz encontra-se no captulo de sua obra dedicado natureza da guerra

    a qual, na concepo clausewitziana, consiste em um ato de violncia. Os limitadores da

    guerra, no entanto, estariam fora da essncia da mesma, seriam-lhe pr-existentes, fruto

    da relao social entre os Estados, com capacidade para modelar, limitar e dar forma

    guerra2.

    A fim de investigar a capacidade das relaes entre os Estados imporem limites

    guerra, este artigo teve como foco o Direito Internacional dos Conflitos Armados

    (DICA)3 e sua aplicao, por parte dos Estados Unidos, durante a Primeira Guerra do

    Golfo. Tendo em vista a diversidade de temas que so abrangidos pelo DICA, a

    pesquisa se ateve somente observao do princpio da proporcionalidade, quando do

    emprego do poder areo.

    Por ser reconhecido como um regime internacional4, o DICA foi analisado com

    uma abordagem que ressaltou a possibilidade de cooperao internacional. O

    cumprimento do princpio da proporcionalidade por determinado pas seria uma

    demonstrao de cooperao com o constante em Tratados Internacionais e,

    conseqentemente, de sua insero em um regime internacional. Ao se observar a ao

    dos Estados Unidos no Iraque, sob a tica de uma teoria que busca elucidar as

    particularidades de um regime internacional, esta pesquisa possibilitou comparar os

    critrios que, porventura, tambm poderiam ter implicaes para o Brasil durante a

    conduo de um conflito armado. Dessa forma, este trabalho procurou responder se o 1 CLAUSEWITZ, 2003, pp. 9,10. 2 Ibid pp. 8,9. 3 O Direito Internacional Humanitrio tem sido chamado no meio militar brasileiro por Direito

    Internacional dos Conflitos Armados (DICA), o que se aproxima mais da abordagem norte americana (Law of Armed Conflict) que ser objeto de investigao desta pesquisa.

    4 KEOHANE, 1989, p. 101 : Os regimes internacionais so conceituados como conjunto de

    princpios, normas, regras, e procedimentos de tomada de deciso, implcitos ou explcitos, em torno dos quais as expectativas dos atores se convergem.

  • 244

    atendimento ao constante no regime da proporcionalidade constituiu uma

    vulnerabilidade para os Estados Unidos quando do emprego do poder areo durante a

    operao Desert Storm ocorrida em 1991.

    A pesquisa investigou, por meio de um estudo de caso, a influncia das

    convenes e da atuao do Judge Advocate para o cumprimento do princpio da

    proporcionalidade, por parte dos Estados Unidos, durante a operao Desert Storm na

    primeira Guerra do Golfo. A opo por esta tcnica permitiu testar o poder explicativo

    da teoria neoliberal institucionalista no que diz respeito ao regime internacional da

    proporcionalidade.

    Conforme George apresenta em seu livro Case Studies and Theory Development

    in the Social Sciences, um dos objetivos para pesquisas que buscam o desenvolvimento

    de teorias seria o teste das mesmas5. Nessa situao, os estudos de caso avaliariam sob

    que condies as teorias teriam uma maior ou menor relevncia.

    A pesquisa ora realizada tem afinidade com a rea de estudos estratgicos.

    Alguns pesquisadores, como o Major General Charles J. Dunlap,6

    tm levantado a teoria

    do lawfare que destaca a vulnerabilidade norte-americana em conflitos

    internacionais em que se engaje, tendo em vista as repercusses dos aspectos legais

    envolvidos. Isso tem feito com que a presena do legal adviser seja cada vez mais

    necessria a fim de se reduzirem os custos polticos e jurdicos resultantes de

    determinado conflito internacional. Dessa forma, ao se buscarem as explicaes da

    teoria neoliberal para um regime internacional da proporcionalidade, houve um

    aprofundamento na anlise estratgica das implicaes do DI para a conduo das

    hostilidades por um Estado.

    A escolha de um conflito envolvendo os Estados Unidos da Amrica deve-se ao

    fato de o mesmo ter sido a maior potncia militar durante a operao Desert Storm, e

    cuja Fora Area destacou-se na realizao de bombardeios estratgicos. Tais tipos de

    bombardeios foram decorrentes da aplicao intensiva da doutrina de operaes

    baseadas nos efeitos e no simples