PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL – AULA 02 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL PROFESSORA: BEATRIZ ABRAÃO www.beatrizabraao.com Aula 2 PROAB 2012.1

Embed Size (px)

Text of PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL – AULA 02 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL PROFESSORA:...

  • Slide 1
  • PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL PROFESSORA: BEATRIZ ABRAO www.beatrizabraao.com Aula 2 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL PROFESSORA: BEATRIZ ABRAO www.beatrizabraao.com Aula 2
  • Slide 2
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Ao Civil EX DELICTO Arts. 63 a 68 do CPP
  • Slide 3
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 186. Cdigo Civil: Aquele que, por ao ou omisso voluntria, negligncia ou imprudncia, violar direito e causar dano a outrem, ainda que exclusivamente moral, comete ato ilcito.
  • Slide 4
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 DIFERENAS ENTRE AO PENAL E AO CIVIL: Ao Penal: Somente pode ser proposta contra o autor da infrao penal; Ao civil: pode ser proposta contra os responsveis, representantes legais e at herdeiros, respeitada as foras da herana- art. 1792 do CC DIFERENAS ENTRE AO PENAL E AO CIVIL: Ao Penal: Somente pode ser proposta contra o autor da infrao penal; Ao civil: pode ser proposta contra os responsveis, representantes legais e at herdeiros, respeitada as foras da herana- art. 1792 do CC
  • Slide 5
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 EFEITOS DA SENTENA PENAL CONDENATRIA: a)Tornar certa a obrigao de indenizar (arts. 91, I do CP e 63 do CPP); b) Fixao do valor mnimo da reparao do dano- art. 387, IV do CPP; EFEITOS DA SENTENA PENAL CONDENATRIA: a)Tornar certa a obrigao de indenizar (arts. 91, I do CP e 63 do CPP); b) Fixao do valor mnimo da reparao do dano- art. 387, IV do CPP;
  • Slide 6
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 INFLUNCIA DA JURISDIO PENAL SOBRE A CIVIL
  • Slide 7
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 63. do CPP: Transitada em julgado a sentena condenatria, podero promover-lhe a execuo, no juzo cvel, para o efeito da reparao do dano, o ofendido, seu representante legal ou seus herdeiros. Pargrafo nico. Transitada em julgado a sentena condenatria, a execuo poder ser efetuada pelo valor fixado nos termos do inciso IV do caput do art. 387 deste Cdigo sem prejuzo da liquidao para a apurao do dano efetivamente sofrido. (Includo pela Lei n 11.719, de 2008). Art. 63. do CPP: Transitada em julgado a sentena condenatria, podero promover-lhe a execuo, no juzo cvel, para o efeito da reparao do dano, o ofendido, seu representante legal ou seus herdeiros. Pargrafo nico. Transitada em julgado a sentena condenatria, a execuo poder ser efetuada pelo valor fixado nos termos do inciso IV do caput do art. 387 deste Cdigo sem prejuzo da liquidao para a apurao do dano efetivamente sofrido. (Includo pela Lei n 11.719, de 2008).
  • Slide 8
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 64.CPP Sem prejuzo do disposto no artigo anterior, a ao para ressarcimento do dano poder ser proposta no juzo cvel, contra o autor do crime e, se for caso, contra o responsvel civil. (Vide Lei n 5.970, de 1973) Pargrafo nico. Intentada a ao penal, o juiz da ao civil poder suspender o curso desta, at o julgamento definitivo daquela. Art. 64.CPP Sem prejuzo do disposto no artigo anterior, a ao para ressarcimento do dano poder ser proposta no juzo cvel, contra o autor do crime e, se for caso, contra o responsvel civil. (Vide Lei n 5.970, de 1973) Pargrafo nico. Intentada a ao penal, o juiz da ao civil poder suspender o curso desta, at o julgamento definitivo daquela. PARA PROPOR AO CIVIL NECESSRIO TRMINO DA AO PENAL?
  • Slide 9
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 65.CPP Faz coisa julgada no cvel a sentena penal que reconhecer ter sido o ato praticado em estado de necessidade, em legtima defesa, em estrito cumprimento de dever legal ou no exerccio regular de direito. COISA JULGADA DA SENTENA PENAL NA ESFERA CVEL
  • Slide 10
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 66.CPP No obstante a sentena absolutria no juzo criminal, a ao civil poder ser proposta quando no tiver sido, categoricamente, reconhecida a inexistncia material do fato. SENTENA ABSOLUTRIA CRIMINAL E EFEITO NA ESFERA CIVIL
  • Slide 11
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 67 CPP: No impediro igualmente a propositura da ao civil: I - o despacho de arquivamento do inqurito ou das peas de informao; II - a deciso que julgar extinta a punibilidade; III - a sentena absolutria que decidir que o fato imputado no constitui crime. Art. 67 CPP: No impediro igualmente a propositura da ao civil: I - o despacho de arquivamento do inqurito ou das peas de informao; II - a deciso que julgar extinta a punibilidade; III - a sentena absolutria que decidir que o fato imputado no constitui crime.
  • Slide 12
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 COMPETNCIA
  • Slide 13
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 REGRA GERAL: art. 70 do CPP
  • Slide 14
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 70. A competncia ser, de regra, determinada pelo lugar em que se consumar a infrao, ou, no caso de tentativa, pelo lugar em que for praticado o ltimo ato de execuo. Teoria do Resultado Art. 70. A competncia ser, de regra, determinada pelo lugar em que se consumar a infrao, ou, no caso de tentativa, pelo lugar em que for praticado o ltimo ato de execuo. Teoria do Resultado
  • Slide 15
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 E SE O CRIME FOR TENTADO?
  • Slide 16
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 70, 3 CPP: Quando incerto o limite territorial entre duas ou mais jurisdies, ou quando incerta a jurisdio por ter sido a infrao consumada ou tentada nas divisas de duas ou mais jurisdies, a competncia firmar-se- pela preveno. Art. 83: Verificar-se- a competncia por preveno toda vez que, concorrendo dois ou mais juzes igualmente competentes ou com jurisdio cumulativa, um deles tiver antecedido aos outros na prtica de algum ato do processo ou de medida a este relativa, ainda que anterior ao oferecimento da denncia ou da queixa. Art. 70, 3 CPP: Quando incerto o limite territorial entre duas ou mais jurisdies, ou quando incerta a jurisdio por ter sido a infrao consumada ou tentada nas divisas de duas ou mais jurisdies, a competncia firmar-se- pela preveno. Art. 83: Verificar-se- a competncia por preveno toda vez que, concorrendo dois ou mais juzes igualmente competentes ou com jurisdio cumulativa, um deles tiver antecedido aos outros na prtica de algum ato do processo ou de medida a este relativa, ainda que anterior ao oferecimento da denncia ou da queixa. INFRAES COMETIDAS NAS DIVISAS DE DUAS OU MAIS COMARCAS
  • Slide 17
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 DA COMPETNCIA PELO DOMICLIO OU RESIDNCIA DO RU. (FORO SUBSIDIRIO)
  • Slide 18
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 72. CPP: No sendo conhecido o lugar da infrao, a competncia regular-se- pelo domiclio ou residncia do ru. 1: Se o ru tiver mais de uma residncia, a competncia firmar-se- pela preveno. 2: Se o ru no tiver residncia certa ou for ignorado o seu paradeiro, ser competente o juiz que primeiro tomar conhecimento do fato. Art. 72. CPP: No sendo conhecido o lugar da infrao, a competncia regular-se- pelo domiclio ou residncia do ru. 1: Se o ru tiver mais de uma residncia, a competncia firmar-se- pela preveno. 2: Se o ru no tiver residncia certa ou for ignorado o seu paradeiro, ser competente o juiz que primeiro tomar conhecimento do fato.
  • Slide 19
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Art. 73: Nos casos de exclusiva ao privada, o querelante poder preferir o foro de domiclio ou da residncia do ru, ainda quando conhecido o lugar da infrao.
  • Slide 20
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 JECRIM COMPETNCIA DO JRI Art. 5, XXXVIII da CRFB/88 Art. 74,1 do CPP VARA CRIMINAL Justia Federal Art. 109 CF JECRIM COMPETNCIA DO JRI Art. 5, XXXVIII da CRFB/88 Art. 74,1 do CPP VARA CRIMINAL Justia Federal Art. 109 CF COMPETNCIA PELA NATUREZA DA INFRAO COMPETNCIA PELA NATUREZA DA INFRAO
  • Slide 21
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Dolosos contra a vida (Art. 5, XXXVIII, da CF) Tribunal do Jri art. 406 e seguintes do CPP Crimes consumados e tentados (art. 74, 1,do CPP) Homicdio (art. 121 do CP), Induzimento ou Instigao ou Auxilio ao Suicdio (art.122 do CP), Infanticdio (art. 123 do CP) e Aborto (art. 124 e seguintes do CP) Crimes de Menor Potencial Ofensivo (Art. 98, I, da CF) Juizado Especial Criminal art. 60 e seguintes da Lei n 9.099/95 Crimes Federais (Art. 109 da CF) Natureza:
  • Slide 22
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2012.1 DIREITO PROCESSUAL PENAL AULA 02 Justia Militar (Art. 122 da CF) Justia Eleitoral (Art. 118 da CF) Juizado Especial Criminal art. 60 e seguintes da Lei n 9.099/95 Crimes Federais (Art. 109 da CF)
  • Slide 23
  • RESPONSABILIDADE CIVIL AULA 1 PROAB 2

Recommended

View more >