PROFESSOR LEONAM JUNIOR CAPÍTULO 3 - GLOBALIZAÇÃO E BLOCOS ECONÔMICOS

  • View
    111

  • Download
    8

Embed Size (px)

Transcript

  • Slide 1
  • PROFESSOR LEONAM JUNIOR CAPTULO 3 - GLOBALIZAO E BLOCOS ECONMICOS
  • Slide 2
  • GLOBALIZAO E BLOCOS ECONMICOS COM O FIM DA GUERRA FRIA O PLANETA PASSOU POR UMA NOVA ORDEM MUNDIAL. COM O AVANO TECNOLGICO AS MULTINACIONAIS BUSCARAM NOVOS ESPAOS PARA BARATEAR OS SEUS PRODUTOS. A UNIO EUROPEIA INCENTIVOU A FORMAO DE BLOCOS ECONMICOS. OS BLOCOS ECONMICOS TENTAM BUSCAR MERCADOS CONSUMIDORES. BUSCAM TAMBM MO DE OBRA BARATA, MATRIAS PRIMAS BARATAS E OUTROS BENEFCIOS COMO VEREMOS A SEGUIR. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 3
  • EXISTEM QUATRO MODELOS DE BLOCOS ECONMICOS PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 4
  • ZONAS DE LIVRE COMRCIO DIMINUEM COM O TEMPO AT ZERAR AS TARIFAS ALFANDEGRIAS E ADUANEIRAS, OU SEJA, OS IMPOSTOS COBRADOS PARA FAVORECER A CIRCULAO DE PRODUTOS ENTRE OS PASES MEMBROS. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 5
  • UNIO ADUANEIRA ALM DE ELIMINAR OS IMPOSTOS ENTRE OS PASES MEMBROS, POSSUEM UMA TARIFA NICA COM OS PASES ESTRANHOS AO BLOCO. ZONA DE LIVRE COMRCIO + UNIO ADUANEIRA. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 6
  • MERCADO COMUM ALM DE ELIMINAR IMPOSTOS ENTRE SI E POSSUIR UMA TARIFA EXTERNA COMUM, LIBERAM A CIRCULAO DE PESSOAS, CAPITAIS E SERVIOS. ZONA DE LIVRE COMRCIO + UNIO ADUANEIRA + MERCADO COMUM. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 7
  • UNIO ECONMICA MONETRIA ALEM DE POSSUIR TODAS AS CONQUISTAS DOS TRS MODELOS DOS BLOCOS ANTERIORES, ADOTAM UMA MOEDA NICA E POLTICAS MACROECONMICAS COMUNS. ZONA DE LIVRE COMRCIO + UNIO ADUANEIRA + MERCADO COMUM + UNIO ECONMICA MONETRIA. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 8
  • A LONGA CAMINHADA AT A UNIO EUROPEIA APS A SEGUNDA GUERRA, OS PASES EUROPEUS COMPREENDERAM QUE A DIPLOMACIA EVITAVA EMBATES. 1948: BENELUX: BLGICA, HOLANDA E LUXEMBURGO BARATEAR O PREO DO AO. JUNTARAM-SE AO BENELUX FRANA, ITLIA E ALEMANHA OCIDENTAL FORMANDO A CECA COMUNIDADE EUROPEIA DO CARVO E DO AO. 1957- TRATADO DE ROMA CRIANDO O MCE MERCADO COMUM EUROPEU. BENELUX + CECA + REINO UNIDO, IRLANDA, DINAMARCA, GRCIA, PORTUGAL E ESPANHA. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 9
  • UNIO EUROPEIA 27 PASES. 17 ADOTAM O EURO COMO NICA MOEDA. PARLAMENTO COM REPRESENTANTE DE TODOS OS PASES. ELIMINOU FRONTEIRAS. VIVE UMA CRISE ECONMICA. ELEVADO NDICE DE DESEMPREGO (GRCIA, ESPANHA E PORTUGAL). BANCO CENTRAL EM FRANKFURT NA ALEMANHA.
  • Slide 10
  • NAFTA ACORDO NORTE- AMERICANO DE LIVRE COMRCIO 1988 EUA E CANAD. POSTERIOR PARTICIPAO DO MXICO. FORTE DEPENDNCIA DO MXICO COM RELAO AO CANAD E EUA. EUA VANTAGENS PARA EMPRESRIOS. OS SINDICATOS DOS EUA NO CONCORDARAM COM A PARTICIPAO DO MXICO NO NAFTA, POIS TAL RELAO ACARRETARIA DESEMPREGO. EUA PROPOSTA DE CRIAO DA ALCA (REA DE LIVRE COMRCIO DAS AMRICAS). PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 11
  • MERCOSUL E UNASUL 1991 TRATADO DE ASSUNO COM BRASIL, ARGENTINA, PARAGUAI E URUGUAI. 2012 VENEZUELA MEMBRO PERMANENTE. CRISE NO MERCOSUL RIVALIDADES ECONMICAS ENTRE EMPRESAS DO BRASIL E ARGENTINA. UNASUL BRASLIA EM 2008 - SOLUO PARA PROBLEMAS NO MERCOSUL. UNASUL E SEUS OBJETIVOS: FORTALECIMENTO ECONMICO E CULTURAL TENTANDO CONGREGAR OS PASES DA AMRICA DO SUL, EXCETO GUIANA FRANCESA, CRIAO DE MOEDA E PASSAPORTE NICO. PROFESSOR LEONAM JUNIOR
  • Slide 12
  • OUTROS BLOCOS APEC COOPERAO ECONMICA DA SIA E DO PACFICO OBJETIVANDO O COMRCIO ENTRE SIA, AMRICA E OCEANIA EM PASES NAS BORDAS DO PACFICO. O GRANDE PROBLEMA DA APEC CONCILIAR OS INTERESSES DOS EUA, CHINA E JAPO. SADC COMUNIDADE DE DESENVOLVIMENTO DA FRICA AUSTRAL. ASEAN ASSOCIAO DAS NAES DO SUDESTE ASITICO. PROFESSOR LEONAM JUNIOR