Click here to load reader

PROGRAMA DAS ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO · PDF fileA organização das atividades em blocos de 90’ permite maior estabilidade aos alunos e melhor gestão dos recursos mas, nalgumas

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of PROGRAMA DAS ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO · PDF fileA organização das...

  • CAP - Comisso de Acompanhamento do Programa

    PROGRAMA DAS ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR NO 1. CICLO DO ENSINO BSICO

  • CAP - Comisso de Acompanhamento do Programa

    ndice

    ndice ............................................................................................................................................................ 3

    Apresentao................................................................................................................................................ 4

    Sumrio Executivo ........................................................................................................................................ 5

    Recomendaes ........................................................................................................................................... 6

    Nota Metodolgica ....................................................................................................................................... 7

    Acompanhamento do programa .................................................................................................................. 9

    Apoio ao Estudo ....................................................................................................................................... 9

    Modalidades da Componente de Apoio Famlia (CAF) .......................................................................... 9

    Aspetos organizacionais ......................................................................................................................... 10

    Horrios de funcionamento ............................................................................................................... 10

    Adequao de recursos humanos ..................................................................................................... 11

    Adequao de recursos fsicos........................................................................................................... 12

    Articulao entre parceiros ............................................................................................................... 12

    Integrao de alunos com NEE .......................................................................................................... 12

    Envolvimento dos Pais/Encarregados de Educao .......................................................................... 13

    Aspetos pedaggicos ............................................................................................................................. 14

    Integrao Curricular ......................................................................................................................... 14

    Articulao horizontal ........................................................................................................................ 14

    Superviso do PTT dinmicas de superviso .................................................................................. 14

    Articulao com os Departamentos Curriculares .............................................................................. 15

    Integrao das AEC nas dinmicas de Escola ..................................................................................... 15

    Consideraes Finais .............................................................................................................................. 15

  • Atividades de Enriquecimento Curricular no 1 Ciclo do Ensino Bsico

    Relatrio de Acompanhamento 2011/2012 Pgina 4 de 16

    Apresentao

    O Programa das Atividades de Enriquecimento Curricular no 1 Ciclo do Ensino Bsico correntemente

    designado de AEC encontra-se regulamentado pelo Despacho n. 14460/2008, de 26 de maio com a

    redao que lhe dada pelo Despacho n. 8683/2011, de 28 de junho. As AEC tiveram a sua gnese no

    ano letivo de 2005/2006, com o Programa de Generalizao do Ensino de Ingls nos 3. e 4. anos do 1.

    ciclo do ensino bsico pblico e evoluram para uma oferta mais abrangente. O ano de 2011/2012 foi o

    sexto ano da sua implementao.

    As AEC pretendem cumprir o duplo objetivo de garantir a todos os alunos do 1 Ciclo, de forma gratuita,

    a oferta de um conjunto de aprendizagens enriquecedoras do currculo e geradoras de oportunidades,

    ao mesmo tempo que promovem a articulao na organizao de respostas no domnio do apoio

    famlia.

    De acordo com o Despacho supramencionado, compete Comisso de Acompanhamento do Programa

    (CAP), entre outros aspetos, acompanhar a execuo do programa e produzir um relatrio anual de

    avaliao. A CAP composta pelo Diretor-Geral da DGE e pelos Diretores Regionais de Educao. Os

    representantes da Associao Nacional de Municpios Portugueses (ANMP), da Confederao Nacional

    das Associaes de Pais (CONFAP), da Associao Portuguesa de Professores de Ingls (APPI), da

    Associao Portuguesa de Educao Musical (APEM), do Conselho Nacional das Associaes de

    Professores e Profissionais de Educao Fsica (CNAPEF) e da Sociedade Portuguesa de Educao Fsica

    (SPEF), tm vindo igualmente a participar nas atividades da CAP, conforme previsto no referido

    Despacho.

    Para alm da interveno contnua da CAP, o acompanhamento das AEC, em 2011/2012, efetivou-se

    atravs da realizao de visitas de acompanhamento cuja metodologia previa a observao das

    atividades por peritos indicados pelas Associaes de Professores e com a presena do professor titular

    de turma (PTT), bem como a interao com diferentes intervenientes no processo.

    O presente relatrio organiza-se em torno da monitorizao do programa pela CAP, utilizando os

    relatrios produzidos pelas Direes Regionais de Educao e pelas Associaes Profissionais.

  • Atividades de Enriquecimento Curricular no 1 Ciclo do Ensino Bsico

    Relatrio de Acompanhamento 2011/2012 Pgina 5 de 16

    Sumrio Executivo

    Horrios A flexibilizao dos horrios facilita a gesto dos recursos (humanos e fsicos) mas pode

    ser prejudicial ao bom desenvolvimento da atividade curricular e limitar a opo de

    frequncia das AEC.

    A organizao das atividades em blocos de 90 permite maior estabilidade aos alunos e

    melhor gesto dos recursos mas, nalgumas atividades e/ou anos de escolaridade, pode

    ser excessiva.

    Recursos

    fsicos

    Os novos centros educativos permitem colmatar lacunas a nvel de espaos e materiais,

    nomeadamente os problemas provocados pela permanncia dos alunos, em sala de

    aula, por um perodo excessivo de tempo.

    Recursos

    humanos

    A participao dos agrupamentos no processo de seleo e recrutamento dos tcnicos

    tem vindo a generalizar-se permitindo uma maior adequao do perfil dos profissionais

    realidade de cada escola.

    A continuidade dos tcnicos permite uma melhor gesto dos recursos, facilita o processo

    de articulao e integrao potenciando a continuidade pedaggica e uma melhoria do

    seu desempenho.

    Alunos com

    NEE

    A integrao dos alunos com Necessidades Educativas Especiais (NEE), atravs dos

    Projetos Educativos Individuais (PEI), j se verifica em muitos agrupamentos.

    Em situaes pontuais, a falta de pessoal no docente bem como a no considerao

    das AEC na elaborao dos PEI, so fatores condicionadores da integrao destes alunos.

    Articulao

    entre

    parceiros

    A definio, numa fase inicial do processo, de procedimentos e responsabilidades uma

    preocupao dos diferentes intervenientes e um elemento facilitador no

    desenvolvimento das AEC.

    Articulao

    horizontal

    A articulao dos tcnicos das AEC com o PTT e com os departamentos do 1. ciclo bem

    como a integrao das AEC nos Planos de Turma, numa lgica de articulao e

    complementaridade, j uma prtica instituda na maioria dos agrupamentos.

    Articulao

    vertical

    Os rgos de gesto dos agrupamentos esto mais sensibilizados para a necessidade de

    criar condies para o incremento da articulao vertical.

    Superviso A superviso uma prtica estabelecida na maioria dos agrupamentos com dinmicas

    de acompanhamento tcnico/pedaggico diferenciadas em funo das suas

    especificidades. A adequao das estratgias potencia o incremento da articulao

    horizontal e vertical.

    Pais Os pais/encarregados de educao esto muito recetivos a estas atividades e

    reconhecem a mais-valia que as mesmas representam para os seus educandos.

    Geral As AEC proporcionam oportunidade de desenvolvimento, em momentos e espaos mais

    variados que os que acontecem durante a atividade letiva, de aptides sociais, artsticas,

    tecnolgicas e cvicas, que conferem um sentido mais amplo ao desenvolvimento

    integral dos alunos.

  • Atividades de Enriquecimento Curricular no 1 Ciclo do Ensino Bsico

    Relatrio de Acompanhamento 2011/2012 Pgina 6 de 16

    Recomendaes

    Integrao do ingls no currculo permitindo assim uma homogeneizao da proficincia dos alunos.

    Prever, no horrio dos tcnicos, tempo para planificao e avaliao das atividades, bem como para

    a articulao com outros profissionais e entidades (se aplicvel).

    Maior envolvimento/responsabilizao das entidades promotoras quando estabelecem parcerias

    para o desenvolvimento da(s) atividade(s).

    Definio, em sede prpria dos agrupamentos, das atribuies dos diferentes intervenientes no

    processo de acompanhamento e superviso articulando, sempre que necessrio, com a entidade

    promotora e/ou parceira (se aplicvel).

    Garantir o cumprimento do Currculo Nacional do 1 Ciclo do Ensino Bsico, assegurando que

    nenhuma das suas reas descur

Search related