Click here to load reader

Questão crase

  • View
    560

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Questão crase

Questes cespe craseQuesto 1: (TRE AP / 2007 / Tcnico) Julgue a frase quanto correo gramatical: Com referncia a votao aberta, o eleitor responsvel pelo seu voto; votando sim, ou no, ele admite responsabilidade pelo voto dado.Resposta: EComentrio: Perceba que o substantivo "referncia" exigiu a preposio "a" e o substantivo "votao" admitiu o artigo "a", por isso deve haver crase ("Com referncia votao aberta"). J o verbo "admite" transitivo direto e no exige preposio, por isso o sinal indicativo de crase deve ser retirado antes do substantivo "responsabilidade", pois ali h apenas o artigo ("ele admite a responsabilidade").Questo 2: (TRE AP / 2007 / Tcnico) Fragmento de texto: "Alm de promover a gerao de renda das famlias de trabalhadores rurais, os assentamentos da reforma agrria tambm contribuem para inibir a grilagem de terras pblicas, combater a violncia no campo e auxiliar na preservao do meio ambiente e da biodiversidade local, especialmente na regio Norte do pas." Caso se substitua a expresso "auxiliar na" por auxiliar , sero mantidos a correo gramatical e o sentido original do perodo.Resposta: EComentrio: O verbo "auxiliar" no texto transitivo indireto, mas no admite a preposio "a". Por isso a crase faria o texto ficar com incorreo gramatical.Questo 3: (TRE MG / 2009 / Tcnico) Fragmento de texto: Tirar a criana pobre do mercado de trabalho e dar a ela uma escola com qualidade semelhante de crianas com melhores condies econmicas a nica garantia de mobilidade social e esperana de futuro que o governo pode dar a essas pequenas pessoas que hoje sustentam suas famlias. O emprego do sinal indicativo de crase no trecho " de crianas" justifica-se pela regncia de "semelhante" e pela elipse da palavra "escola", subentendida depois de "". Resposta: C Comentrio: Veja que o adjetivo "semelhante" exigiu a preposio "a" e o substantivo posterior encontra-se subentendido, mas seu artigo est presente, por isso h crase: semelhante (escola) de crianas ...Questo 4: (TRE MT / 2009 / Analista) Fragmento de texto: Ou aceitavam que a diviso no era inerente sociedade e passavam a desconfiar de suas lentes e a desnaturalizar seu ponto de vista, ou decidiam que um agrupamento indiviso, com chefe que no manda e povo que no obedece, no pode ser uma sociedade. Logicamente, foi a segunda interpretao que vingou. Na linha 1, apesar de a presena da preposio depois de "inerente" e de "passavam" ser exigida, respectivamente, pelo adjetivo e pelo verbo, o sinal indicativo de crase presente em " sociedade" poderia tambm ser usado em "a desconfiar". Resposta: EComentrio: A questo est errada porque no pode haver crase antes de verbo.Questo 5: (TRE MT / 2009 / Analista) Fragmento de texto: E preciso partir da vida. Mas no vida em geral, e sim da vida hoje, no contexto contemporneo, frente a duas tendncias contrapostas que nos obrigam a repensar esse termo to antigo e a cada dia mais invocado. A coerncia e a correo gramatical do texto sero preservadas caso se proceda insero do sinal indicativo de crase em "a duas". Resposta: EComentrio: Note que s h preposio "a" exigida pelo vocbulo "frente", pois "duas tendncias" est no plural. Para haver crase, o artigo "as" deveria estar presente.

Questo 6: (TRE MT / 2009 / Analista) Fragmento de texto: Nessa perspectiva, a subjetividade, como segmento do real caracterizado por processos complexos de significao e de sentido, vai-se construindo e desenvolvendo em funo dessa intrincada rede de interaes. E um processo complexo, no qual o social (em seu sentido mais amplo) participa da construo de um segmento de um real qualitativamente diferente (o subjetivo) e este, por sua vez, participa da transformao dos elementos que lhe deram origem. O pronome "lhe" estabelece uma relao de causa e consequncia entre "origem" e "intrincada rede de interaes", de tal maneira que sua substituio por ela preservaria a correo e a coerncia textuais.Resposta: EComentrio: Realmente pode se entender a relao de causa e efeito, tendo em vista o substantivo "origem"; mas o problema a crase antes de um pronome pessoal. (deram origem a ela). Questo 7: (TRE MT / 2009 / Tcnico) Fragmento de texto: Diariamente, milhes de pessoas em todo o mundo conectam-se Internet e mais de doze milhes de e-mails so enviados. Isso sem se mencionar o nmero de negcios fechados e o dinheiro movimentado. O emprego do acento grave em " Internet" justifica-se pela regncia de "pessoas", que exige emprego de preposio. Resposta: EComentrio: E o verbo "conectar" que exige a preposio "a" e o substantivo feminino e singular "internet" admite o artigo "a". Portanto, h crase. Questo 8: (TRE MT / 2009 / Tcnico) Fragmento de texto: A cada dia, mais e mais servios so disponibilizados por empresas para que as pessoas interessadas tenham acesso informao de maneira rpida e eficaz. O emprego do acento grave em " informao" justifica-se pela regncia de "interessadas".Resposta: EComentrio: E o substantivo "acesso" que exige a preposio "a". Questo 9: (ANS / 2005 / Analista) Fragmento de texto: Veja O senhor recomenda desconfiar at dos estudos que dizem que a exposio a ondas eletromagnticas, como as da televiso e do telefone celular, no faz mal? Se o termo "ondas eletromagnticas" fosse empregado de maneira determinada, definida pelo emprego do artigo, deveria ser precedido de crase porque ocorreria, ento, uma contrao entre a preposio e o artigo. Resposta: CComentrio: Em "exposio a ondas eletromagnticas", h apenas preposio "a", por isso no h crase. Se o artigo definido fosse inserido antes deste substantivo, naturalmente haveria a crase: "exposio s ondas eletromagnticas".Questo 10: (CEF / 2010 / Mdio) Fragmento de texto: Os preos variam bastante, de forma que uma banheira cheia pode custar dez vezes mais na Dinamarca e na Esccia do que no Mxico. O trecho O preo da gua pode chegar dez vezes mais de um pas para outro parafraseia corretamente, do ponto de vista gramatical, o perodo "Os preos (...) no Mxico".Resposta: EComentrio: No pode haver crase diante de substantivo feminino plural, se o vocbulo "a" encontra-se no singular. Entende-se, desta forma, que s h preposio "a" e no artigo.

Questo 11: (TRE MG / 2009 / Tcnico) Fragmento de texto: A economia comportamental arejou esse pensamento econmico, dando lugar a modelos mais sensveis s vicissitudes da psicologia humana, com suas falhas de clculos e percepes enganosas. O emprego da crase se justifica pela regncia da forma verbal "dando". Resposta: EComentrio: O verbo "dando" transitivo direto e indireto. Seu objeto direto "lugar" e o objeto indireto "a modelos mais sensveis". A crase ocorre porque o adjetivo "sensveis" que exige preposio "a" e o substantivo "vicissitudes" admite artigo "as". Questo 12: (TRE MG / 2009 / Tcnico) Fragmento de texto: A economia comportamental arejou esse pensamento econmico, dando lugar a modelos mais sensveis s vicissitudes da psicologia humana, com suas falhas de clculos e percepes enganosas. O sentido original e a correo gramatical do texto sero mantidos caso se substitua "Eles agem de acordo com os misteriosos mecanismos mentais de aceitao e rejeio de risco" por Agem, conforme a aceitao e rejeio de risco dos misteriosos mecanismos mentais. Resposta: EComentrio: Resolvendo a questo no tocante ao uso da crase especificamente, observamos que a preposio acidental "conforme" no exige preposio "a". Por isso, no pode haver crase. H apenas um artigo do substantivo "rejeio".Questo 13: (CEF / 2010 / Mdio) Fragmento de texto: Em Washington, por exemplo, h um plano de dobrar o preo da gua ao longo dos prximos cinco anos para ajudar a cidade a restaurar os encanamentos, que j tm anos de idade. O emprego de acento grave em "a restaurar" facultativo. Resposta: EComentrio: No h crase diante de verbo. Questo 15: (TRE PA / 2007 / Tcnico) Fragmento de texto: Entre dezenas de entidades participantes do evento, a Associao dos Docentes da Universidade Federal da Paraba (ADUFPB), representada pela presidente Maria Aparecida Ramos, fez-se presente, mostrando total apoio ao. O sinal indicativo de crase usado em "total apoio ao" desaparece na construo: apoio a tal ao.Resposta: CComentrio: O substantivo "apoio" exige a preposio "a", porm o substantivo "ao" est precedido do pronome demonstrativo "tal", o qual no admite artigo. Por isso, realmente no h crase. Questo 17: Tanto o uso da crase em " realidade" (linha 5) como da contrao em "ao pensamento" (linha 6) justificam-se pelas relaes de regncia de "idntica".Resposta: EComentrio: O adjetivo "idntica" exige o termo " realidade" e o adjetivo "acessvel" exige o termo "ao pensamento".Questo 18: Na linha 9, preservam-se as relaes de regncia de "remetia", bem como a correo gramatical do texto, ao se inserir um sinal indicativo de crase em "a uma histria". Resposta: EComentrio: O termo "a uma histria" possui artigo indefinido "uma". Assim, no h crase.

Questo 14: (TRE PA / 2007 / Analista) Com referncia s relaes de regncia e ao emprego do sinal indicativo de crase, assinale a opo incorreta.(A) Todos os eleitores faltosos permanecem sujeitos quelas penalidades previstas em lei.(B) A posse dos deputados estaduais eleitos compete s assembleias legislativas dos estados.(C) A populao assistiu, ao vivo e em cores, contagem dos votos no ltimo processo eleitoral.(D) A escolha dos dirigentes do Poder Executivo para seus cargos submete-se vontade popular.(E) Ningum tem o direito de alegar ignorncia no que diz respeito necessidade e importncia do voto.Resposta: EComentrio: (A) O adjetivo "sujeitos" exige preposio "a" e o pronome demonstrativo "aquelas" iniciado por vogal "a", por isso ocorre crase.(B) O verbo "compete" transitivo indireto e exige preposio "a". Como o substantivo "assemblias" est antecedido do artigo "as", ocorre crase.(C) O verbo "assistiu" transitivo indireto e exige preposio "a". Como o substantivo "contagem" est antecedido do artigo "a", ocorre crase.(D) O verbo "submete" transitivo direto e indireto e seu objeto direto