Rádio e educação - ?· Não tem remédio Não tem remédio Não tem remédio não [...]” Aos professores…

  • View
    218

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

Rdio e educao: de ouvintes a falantes, processos miditicos com crianas. Autor:

Josemir Almeida Barros

Orientadora:

Dr. Rita Marisa Ribes Pereira

Rio de Janeiro, 18 de dezembro de 2008

Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Centro de Educao e Humanidades Faculdade de Educao

Josemir Almeida Barros

RDIO E EDUCAO: DE OUVINTES A FALANTES, PROCESSOS

MIDITICOS COM CRIANAS

Rio de Janeiro

2008

Josemir Almeida Barros

RDIO E EDUCAO: DE OUVINTES A FALANTES, PROCESSOS

MIDITICOS COM CRIANAS

Dissertao apresentada como requisito parcial para obteno do ttulo de Mestre, ao Programa de Ps-Graduao em Educao da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Orientadora: Prof. Dr. Rita Marisa Ribes Pereira

Rio de Janeiro

2008

CATALOGAO NA FONTE UERJ / REDE SIRIUS / BIBLIOTECA CEH/A

Autorizo, apenas para fins acadmicos e cientficos, a reproduo total ou parcial desta tese. ___________________________________________ _______________ Assinatura Data

B277 Barros, Josemir Almeida Rdio e educao: de ouvintes a falantes, processos

miditicos com crianas / Josemir Almeida Barros - 2008.

152 f. Orientadora: Rita Marisa Ribes Pereira. Dissertao (Mestrado) Universidade do Estado do

Rio de Janeiro. Faculdade de Educao. 1. Radio na educao Teses. 2 .Rdio e crianas

Teses. I. Pereira, Rita Marisa Ribes. II. Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Faculdade de Educao. III. Ttulo.

CDU 371.684

Josemir Almeida Barros

Rdio e educao: de ouvintes a falantes,

processos miditicos com crianas

Dissertao apresentada como requisito parcial para obteno do ttulo de Mestre, ao Programa de Ps-Graduao em Educao da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Aprovada em: 18 de dezembro de 2008.

Banca examinadora:

____________________________________________ Prof. Dr. Rita Marisa Ribes Pereira (Orientadora) Faculdade de Educao da UERJ

_____________________________________________ Prof. Dr. Guaracira Gouva de Sousa Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

_____________________________________________ Prof. Dr. Mailsa Carla Pinto Passos Faculdade de Educao da UERJ

Rio de Janeiro

2008

Agradecimentos Escute essa cano

Que pr tocar no rdio No rdio do seu corao [...]

Professora Rita Ribes, por partilhar comigo seus saberes, pela orientao, pelo apoio, pela

pacincia, pelos passeios e por ter possibilitado percorrer novos caminhos... pr tocar no

rdio... Voc me sintoniza E a gente ento se liga Nessa estao [...] Aos componentes da banca examinadora Mailsa Carla Passos, Guaracira Gouva, Paulo

Sgarbi e Marisol Barenco de Mello pelos cuidados e sugestes... E a gente ento se liga...

Aos professores do Programa de Ps-Graduao em Educao da Universidade do Estado do

Rio de Janeiro ProPEd/UERJ pelos ensinamentos... Vocs me sintonizam... Aumenta o seu volume

Que o cime No tem remdio No tem remdio

No tem remdio no [...] Aos professores da FaE/UEMG, colegas viajantes do Mestrado do ProPEd/UERJ que

transitaram de Belo Horizonte ao Rio de Janeiro em uma travessia corajosa e que em muitos

momentos aumentaram o volume do rdio para no dormir... Aumenta o seu volume... Deixa eu penetrar Na tua onda Deixa eu me deitar Na tua praia Que nesse vai e vem Nesse vai e vem Que a gente se d bem Que a gente se atrapalha [...] Aos amigos e amigas do Grupo de Pesquisa Infncia, Mdia e Educao (GPIME) do

ProPEd/UERJ pelas discusses, pelos ensinamentos e pelas parcerias... Nesse vai e vem...

E a gente ento se liga Nessa estao [...]

Aos amigos Marco Aurlio Martins, Edison Gomes e Alecir Carvalho por sempre estarem

ligados... Nessa estao... Se ligar o rdio por acaso E de repente ouvir a minha voz No mude a estao [...] Aos companheiros e companheiras do NEPEJA/PRONERA da FaE/UEMG pelas muitas conversas que no foram por acaso, reforma agrria na educao e tambm no ar... No mude a estao...

s crianas, jovens e adultos assentados e acampados em projetos de reforma agrria nas

muitas Minas Gerais, as muitas vozes do campo... E de repente ouvir a minha voz... No desligue o rdio [...]

professora Eneida Maria Chaves e toda equipe da direo e coordenao da FaE/UEMG

pelos esforos conjuntos... E agente ento se liga...

Fundao de Amparo Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG), pelo auxlio

financeiro concedido para a realizao do Mestrado... Se ligar o rdio por acaso... No desligue o rdio, escute essa cano a nica maneira que achei para chegar At seu corao [...] Aos grandes parceiros e amigos de estao do Rio de Janeiro e de Belo Horizonte: Z Zuca,

Mariano, Badalo, Dbora, Camila, Mariana, Fernanda, Ana Cristina, Elias, Ceres, Esperana,

e em especial, crianada do Colgio onde se desenvolveu a pesquisa exploratria: A

Radionovela vai escola, alm das crianas que escutaram e participaram dos programas

Rdio Maluca, da Rdio Nacional AM RJ / Rdio MEC AM, e Universidade das Crianas da

Rdio UFMG Educativa... No desligue o rdio, escute essa cano...

Escute o corao de quem te ama Eu tenho tanta coisa pra dizer

E gostaria que chegasse at voc Por isso eu lhe peo por favor

No desligue o rdio [...] Mirtes das Graas Almeida Barros, que no mais est presente fisicamente, mas que no

desligou o rdio... Eu tenho tanta coisa pra dizer... E agora assim aqui pr ns Pelo meu nome no me chama Voc quem conhece mais A voz do homem Que te ama [...] Aos familiares que me ajudaram e sempre torceram pelo encontro desta sintonia... Voc

quem conhece mais...

Aos meus amores, minha esposa Elaine, meu filho talo e minha afilhada Karine que, apesar

das ausncias, sempre escutaram, mesmo que de longe, a voz do homem que tanto os ama... A

voz do homem...

Msica Sintonia

De Moraes Moreira

RESUMO

BARROS, Josemir Almeida. Rdio e educao: de ouvintes a falantes, processos miditicos com crianas. 2008. 152 f. Dissertao (Mestrado em Educao) Faculdade de Educao, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.

O presente estudo trata dos processos de produo de mensagens radiofnicas para o

pblico infantil. O objetivo geral da pesquisa analisar o processo comunicativo da

radiodifuso e sua especificidade de interlocuo com o pblico infantil. No que se refere

pesquisa de campo, este estudo desdobrou-se em dois momentos. Um primeiro exploratrio,

mais voltado recepo, dedicou-se observar a audincia infantil mdia radiofnica. O

segundo momento, mais voltado produo, dedicou-se observar dois programas

radiofnicos, um, que tem por pblico alvo as crianas; outro, que alm de dirigir-se s

crianas, tambm produzido com elas. Analisou-se dois programas radiofnicos: o Rdio

Maluca, da Rdio Nacional AM RJ em parceria com a Rdio MEC AM e o Universidade das

Crianas, da Rdio UFMG Educativa. Dentre os autores que fundamentam este estudo

destacam-se Bakhtin (2003), Benjamin (1994), Buckingham (2000), Freire (2002), Brecht

(2005), Thompson (2002), Amorim (2004) e Ferraretto (2007).

Palavras chave: Infncia. Rdio. Cultura.

ABSTRACT

The present study deals with the radio messages production processes for children.

The main intention of the research is to analyze the commuicative process of the broadcast

and its especificity of interlocution with the infantile audience. As for the field research, this

study was unfolded in two moments. The first one exploratory, turned to the reception,

undertook the task of observing the infantile audience to the radio broadcast. The second one

with the attention to the production, observed two radio programs, one, having the childdren

as the audience, and another one, which besides of being addressed to the children, is also

made with their participation. Two radio programs were analyzed: the Crazy Radio, the

National Radio AM RJ in partnership with Radio MEC AM and Childrens University the

Educational Radio UFMG. Among The authors who give support to this study we can

highlight Bakhtin (2003), Benjamin (1994), Buckingham (2000), Freire (2002), Brecht

(2005), Thompson (2002), Amorim (2004) e Ferraretto (2007).

Key words: Childhood. Radio. Culture.

SUMRIO INTRODUO ...................................................................................................................... 11

CAPTULO 1 REFLEXES SOBRE COMUNICAO. ............................................. 16

1.1 Comunicao e radiodifuso .................................................................................... 16

1.2 A radiodifuso no Brasil: aspectos histricos e polticos ....................................... 24

CAPTULO 2 RADIODIFUSO E AUDINCIA INFANTIL ...................................... 35

2.1 Radiodifuso e cultura de massas: uma produo para todos. ......................... 35

2.2 As crianas com audincia endereada: o pioneirismo de Bertold Brecht e de

Walter Benjamin .................................................................................................