Click here to load reader

Revista NEI Dezembro 2015

  • View
    299

  • Download
    9

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Instrumentação & Controle: Indústria 4.0 indica tendências tecnológicas para monitoramento de processos

Text of Revista NEI Dezembro 2015

  • DEZEMBRO 2015Novidades industriais do mundo inteiro em suas mos

    Amplie sua busca de produtos e fornecedores no NEI.com.br

    Sistema nanoposicionador oferece 6 graus de liberdadeO hexaCUBE 190, da alem Attocube, combina 6 posicionadores piezoeltricos do-tados de inovador sistema de juntas esfricas e guias retilneas que lhe conferem capacidade de alinhamento ultrapreciso de componentes pticos ou mecnicos. Ocupando volume de 190 x 180 x 105 mm, realiza traje-tos de 15 mm nas direes x, y e z, com repetitividade de 50 nm, e executa giros de 19 em torno desses eixos, com repetitividade angular de 1 rad. Quantum De-sign, Inc., Campinas, SP.Tel.: 19 3212-0230 [email protected]: qd-americadosul.com

    Centro de usinagem horizontalaceita peas c/altura at 1.800 mmPrevisto para ser lanado no Brasil em 2016, com fabricao e registro no BNDES, o H14000 de 4 eixos - apropriado para diferentes tamanhos de lotes de peas e estruturas de materiais - admite altura mxima da pea de 1.800 mm e carga mxima de 4.000 kg no palete de 1.000 x 1.000 mm. Para usinagens leves, bem como de alto torque, apresenta unidades de trabalho de 8.000 1/min, 43 kW, 822 Nm; 8.000 1/min, 60 kW, 1.146 Nm; 6.000 1/min, 60 kW, 2.292 Nm; e 12.500 1/min, 52 kW, 166 Nm, dispondo de alojamento de ferramentas SK 50, HSK 100 e BT 50. Funciona com acelerao de 3 m/s, avano rpido de 41 e 45 m/min, cursos X/Y/Z de 2.400 x 1.600 x 1.600 mm e tempo cavaco a cavaco de 6,7 s. Heller Mqs. Operatrizes Ind. e Com. Ltda., Sorocaba, SP.Tel.: 15 2103-3000 | [email protected] | site: heller.biz

    Roteador celular 3G para IoTacessa redes locais remotamenteCom relgio de tempo real incorporado, o AirGate-3G serve para aplicaes Internet of ings (IoT), fornecendo acesso remoto a redes locais. Comporta-se

    como mestre de uma rede Modbus RTU e pode ler at 64 registradores de escravos Modbus (canais remotos), alm de permitir que seus dados sejam publicados na nuvem Novus Cloud. Inclui Dual Simcard para redundncia de conexo celular contnua, suportando 2G/3G, alm de Gateway Modbus para roteamento de pacotes entre redes Modbus RTU/ASCII e Modbus TCP. Oferece sinalizao de at 32 alarmes por SMS e e-mail e apresenta entradas e sadas digitais com contagem de sinal. Novus Produtos Eletrnicos Ltda., Porto Alegre, RS.Tel.: 51 3323-3600 | [email protected] site: novus.com.br

    Sistema de aquisio e controle possui arquitetura expansvelDe projeto e fabricao nacionais, a linha rene produtos para controle, monitoramento e registro de variveis de processos, como temperatura, presso, umidade, vazo, entre outras. O aquisitor de dados A 502, o controlador de processos C 702 e a central de dados X 502 so elementos modulares montveis em trilho DIN com alimentao 24 V cc e dotados de comunicao Modbus - RTU e interface USB. Complementam a linha a IHM H 301 com telas touchscreen coloridas de 7 e 10,2, tambm com comunicao Modbus - RTU, e o so ware Contemp Connect, instalvel em PC ou tablets e com sistema operacional Windows 7, 8, 8.1 ou 10. Viabiliza o processamento descentralizado com produtos simples que podem ser combinados para atender diversas necessidades, constituindo soluo alternativa para produtos j existentes. Contemp Ind., Com. e Servios Ltda., So Caetano do Sul, SP.Tel.: 11 4223-5100 | [email protected]: contemp.com.br

    Scanner 3D opera em ambientes agressivosAssegurando preciso nominal (0,05 mm) aps preaquecimento de apenas 3 minutos, o Space Spider captura detalhamento tcnico de objetos pequenos com geometria complexa, operando manualmente a uma distncia do objeto entre 170 e 350 mm, proporcionando imagem retangular com permetro entre 90 x 70 mm e 180 x 140 mm, ou abertura de 30 x 21. Ideal para setores de desenvolvimento ou controle de qualidade/processo, dotado de iluminao LED com colorao azulada, gerando imagens com resoluo mdia de 1,3 mp, e colorao com margem de 24 bpp. Dimensionado para taxa de exposies de 7,5 fps, colhe a imagem em 0,5 ms. Artec 3D, Palo Alto, CA, EUA.Tel.: 1 650 384 6061 | [email protected]: artec3d.com

    capacidade de alinhamento ultrapreciso de componentes pticos ou mecnicos.

    Instrumentao & ControleIndstria 4.0 indica tendncias tecnolgicas para monitoramento de processos A partir da pg. 14

  • NEI | Dezembro 2015 1

    Os Editores

    Dilogo com o leitor

    Comente este editorial no blog.nei.com.br

    Enfrente a crise controlando melhor os seus processosEm tempos de vacas magras, a indstria se v desafiada a encontrar meios para reduzir custos de produo, cortar gastos suprfluos, eliminar desperdcios e aumentar a eficincia produ-tiva. Resumindo, controlar melhor os processos uma das sadas para a crise e certamente a mais importante. O controle eficiente dos processos de produo deve ser uma meta perma-nente, em qualquer tempo, e o grande diferencial das empresas bem-sucedidas.Felizmente, nunca foi to grande a presena de produtos e sistemas oferecendo solues, das mais simples s mais sofisticadas. Mais uma vez, a tecnologia se mostra aliada da indstria.

    A presente edio mostra, a partir da pgina 14, na seo Instrumentao e Controle, uma variada seleo de sensores, controladores e sistemas supervisrios alinhados indstria 4.0 que vo ajudar na busca da melhor soluo para indstrias de pequeno, mdio ou grande porte. No importa o tamanho do desafio, haver sempre uma soluo a um custo com-pensador. A difuso de tecnologias novas, como comunicao wireless, armazenamento de informaes na nuvem e aumento de capacidade dos sistemas digitais, tem transformado de tal forma os recursos de instrumentao e controle, que muitos consideram se tratar de uma nova revoluo industrial.

    Ao contrrio do que se possa imaginar, estar alinhado a essas novas tecnologias no difcil, nem to dispendioso. Talvez o mais difcil seja dar o primeiro passo. A indstria do futuro ser mais produtiva principalmente porque poder contar com formas mais eficientes de medir e controlar os processos de produo, produzindo mais e a custos menores. Como podemos ver, investir agora nessas tecnologias, alm de nos blindar contra crises, tambm nos deixa mais competitivos e capacitados a enfrentar qualquer concorrncia.

    Na verdade, muitas empresas j vm investindo nessa direo, conforme indica a Pesquisa Mensal de Produo Fsica do IBGE: em relao a 2014 houve aumento de 5,5% na produo Bens de Capital para Fins Industriais Seriados (apesar da crise). Isto uma pista de que, embora os ndices de consumo tenham cado, produtos destinados a melhorar a eficincia na indstria esto em alta provavelmente seu concorrente j est investindo para ser mais competitivo.

    Enfim, no adianta parar e esperar a economia entrar nos eixos, mais garantido tomar a iniciativa e acreditar na prpria capacidade de resolver problemas. Investir em tecnologia tem se mostrado a estratgia certa para superar obstculos e crescer, mesmo em tempos difceis. preciso se manter informado sobre o que h de mais novo e moderno no mercado; por isso a revista NEI traz todos os meses uma seleo do que h de melhor no mercado de mquinas e equipamentos para a indstria.

  • Destaques

    1144053

    SeesDilogo com o leitorInstrumentao & ControleErrataServiosndices de Fornecedores e Produtos no final da edio

    NEI digitalNEI.com.brEncontre gratuitamente mais de 150 mil itens com especificao tcnica e mais de 64 mil fornecedores industriais, incluindo as empresas NEI Top Five - as preferidas pelo mercado industrial.

    NEI NewsAssine nossa newsletter e receba quinzenalmente as novidades do mercado industrial. Acesse NEI.com.br para se cadastrar gratuitamente.

    Blog.NEI.com.brLeia notcias sobre tecnologias, tendncias, economia, profisses e novidades dos mais diversos setores industriais.

    Veja mquinas em aoEste QR code Quick Response indica que o produto publicado no espao editorial tem vdeo. Voc pode v-lo apontando a cmera do seu celular para o cdigo desde que seu aparelho tenha o aplicativo de leitura instalado.

    Este cone indica produtos que contribuem direta ou indiretamente para a economia de gua e energia, na opinio dos editores de NEI.

    Novidades industriais do mundo inteiro em suas mos. Uma joint-venture Thomas e Carvajal.

    TL PubLicaes eLeTrnicas LTda.PresidenTe robert Macody LunddireTOra eXecuTiVa Lauriceia a. T. bernardino [email protected] GerenTe de PubLicaO Luciani a. T. Trindade [email protected]

    cenTraL de GeraO de cOnTedO - cGcediTOra eliane Oliveira r. Pereira [email protected] TcnicO roberto Guazzelli [email protected] de TeXTO clia regina sgarbi [email protected] Mariana bermelho Moreira [email protected]/arTe Willians Galdini auXiLiar Thiago caetano

    cOnsuLTOria TcnicaWalter Link - Professor doutor adjunto pela universidade Federal do rio Grande do norte - uFrn, auditor pelo inMeTrO e consultor nas reas de metrologia e gesto laboratorial. Fabian Yaksic Gerente Tcnico dirceu s. sgubin, Pedro e. dos santos e israel de Moraes Guratti analistas da associao brasileira da indstria eltrica e eletrnica abinee. Luiz Philippe sarrouf diretor da L. sarrouf engenharia Ltda.

    MATERIAL PUBLICITRIO (11) 3327-4483/4446sonia sabatine [email protected] de Moura dos santos [email protected]

    SERVIO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE SAC [email protected] (11) 3327-4452

    a revista nei, com uma tiragem de 66,075 exemplares, publicada e distribuda mensal, gratuita e nominalmente aos executivos e tcnicos industriais envolvidos nos processos de especificao e compra de produtos, equipamentos e servios, que atuam em empresas fabricantes ou relacionadas s atividades industriais e construtivas no brasil. a revista nei editada por TL Publicaes eletrnicas Ltda., rua brig. Tobias, 356, 01032-901, so Paulo, sP - brasil, Tel. (11) 3327-4400 e Fax (11) 3228-9373. impressa por Prol editora Grfica Ltda. distribuda por: dTd distribuio e courier Ltda. Me. assinatura paga brasil: r$ 207,00 (anual) e r$ 20,00 (avulso); exterior: us$ 330,00 (anual) e us$ 30,00 (avulso). ningum est autorizado a efetuar assinaturas em nome de TL. se for procurado por algum, denuncie-o s autoridades locais. a revista nei registrada no 10 cartrio de registro de Ttulos e documen-tos de so Paulo sob n 32.650. Proibida reproduo total ou parcial do contedo editorial sem auto-rizao dos editores. Jornalista responsvel: eliane Oliveira r. Pereira. servio de assinaturas: mudanas de endereo, renovaes ou novas assinaturas, Tel.: (11) 3327-4541 e 3327-4462

    VOL. 42, N 10, DEZEMBRO 2015

    E X P E D I E N T E

    A revista NEI impressa em papel produzido a partir de rvores de zonas de ref lorestamento.

    OuTrOs esTadOsMinas Gerais / riO de JaneirObrenda Mascarenhas braga [email protected] Tel.: (11) 3327-4577 (31) 9469-0222 (21) 96986-0004 Paran / sanTa caTarinaelisandro Jose dias [email protected] Tel.: (11) 3327-4496 (41) 99605-0733Polymari repres. comerciais Ltda. Tel.: (41) 3049-7183 [email protected]

    riO Grande dO suL enterprise K Tel.: (51) 3026-5570 - [email protected] deParTaMenTO inTernaciOnaL [email protected] cares Jimenez Tel.: (11) 3327-4470

    rePresenTanTes nO eXTeriOraMrica dO nOrTeestados unidos da amrica

    Herbert Weikes (1-212) 629-1545 [email protected] barry (1-828) 505-0500 [email protected] Greenfield (1-203) 938-2418 [email protected]/ Murphy Hamilton-Murphy Media (1-616) 822-2238 [email protected] Lees Lees international Media (1-610) 626-0540 [email protected] Jones Jones Media sales, inc (1-708) 442-5633 [email protected]

    aMrica dO suLargentina nora F. Laura (54-11) 5778-0061 [email protected]

    siaJapo ichiro suzuki incom co., Ltd. (81-3) 3260-7871 [email protected] charles Yang Lotus business information co. (886-4) 2323-5023 [email protected] Wendy Teng Top international Media co. Ltd. (86-10) 6588-1955 [email protected]

    eurOPaalemanha, espanha, Frana e Portugal eric Jund (33-4) 9358-7743 [email protected], blgica, escandinvia, europa central e Oriental, Grcia, Holanda, Pases blticos, Polnia e suacarel L. Letschert Letschert Media adviseurs (31-20) 633 427 [email protected] david Harvett (44-121) 705-2120 [email protected] andrea rancati (39-02) 703 00088 [email protected]

    Gerncias de cOnTas inTeriOr de sO PauLOalexandre italo catto Tel.: (11) 3327-4448andyara Franco Vicentin Tel.: (11) 3327-4448

    Leda Frangetto baptista Tel.: (11) 3327-4448Marcelo spakauskas Tel.: (11) 3327-4448

    Mrio Tobias Tel.: (11) 3327-4448

    Gerncias de cOnTas caPiTaL e Grande sO PauLOcosme camilo Ferreira Tel.: (11) 3327-4577danilo Prociuk Tel.: (11) 3327-4496elisabete da silva alberto Tel.: (11) 3327-4496

    Heloisa de castro Pandelo Tel.: (11) 3327-4487Luiz Tadeu de santana Tel.: (11) 3327-4487Patrcia Molezini Tel.: (11) 3327-4487

    roseli Pereira agostinho Tel.: (11) 3327-4496snia santos Tel.: (11) 3327-4496Viviane alves Tel.: (11) 3327-4487

    Gerncias de Vendasrubens Gon brulio Tel.: (11) 3327-4495

    Hlcio n. Gianello Tel.: (11) 3327-4538

    DEPARTAMENTO DE VENDASdireTOra eXecuTiVa Lauriceia a. T. bernardino Tel.: (11) 3327-4471

    Ger. Vendas e desenVOLViMenTO Marcos Meneghetti Tel.: (11) 3327-4585

    cOOrdenadOra de Vendas regiane P. Gomes Tel.: (11) 3327-4528

    International Businessof Performing Audits

    www.anatec.org.brISSN 2318-5813

    Sistema de referncia espacialotimiza processos de fabricao

    Resfriador de lquidotem capacidade at 1.270.080 kcal/hPg. 6

    Fonte p/soldagem robotizadaminimiza respingos de soldaPg. 45

    Pg. 9

    Pg. 38

    Rob paralelo executa um ciclo em 0,32 s

    Pirmetro 2 coresoferece resoluo

    ptica at 150:1Pg. 42

  • 4 NEI | Dezembro 2015

    Fonte de alimentaotrabalha com corrente at 5 AOferecendo proteo contra so-brecarga e inverso de polaridade, a HF-3205 tem sada varivel sim-ples e opera com tenso mxima de 32 V e corrente at 5 A. Apre-senta regulao de carga em tenso de (0,01% +2 mV), de linha em tenso de (0,01% +3 mV), de car-ga em corrente de (0,01% +10 mA) e de linha em corrente de (0,01% +3 mA), alm de ripple & rudo de 2 mV/3 mA RMS. Possui display duplo de quatro dgitos com preciso bsica de 1%, que mostra si-multaneamente tenso e corrente, e potencimetro multivoltas que permite ajuste com funo de tra-vamento de tenso e corrente. Unicoba Imp. e Exp. Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 5070-1700 | [email protected]: hikariferramentas.com.br

    Soldadora de polmerosutiliza facho LaserA srie MPS consiste de unida-des produtivas projetadas visan-do fuso de substratos polim-ricos. Baseada em geradores de Laser proprietrios, traz softwa-re especfico para a gesto do processo. O acesso ao controle obtido atravs de interface ho-mem-mquina, que possibilita a parametrizao do facho e a manobra da unidade de pinagem, que pode ser pneumtica ou mecni-ca, assistida por servomecanismo. O comprimento de onda situa-se entre 880 e 980 nm, possibilitando transferir potncia entre 150 e 500 W. A leitura de temperatura obtida por processo piromtrico, as-segurando estabilidade durante a operao e a qua-lidade ideal para o acabamento. ReB Laser Comer-cial Servios Ltda., So Bernardo do Campo, SP.Tel.: 11 4368-5053 | [email protected]: reblaser.com.br

    Extrator de fluidosviabiliza desenvolvimento de processosUtilizado em pesquisas de fluidos supercrticos, comuns nos setores de alimentos e farmacutico, ou reaes de polmeros, o SFT-150 viabiliza anlises e processos, in-tegrando-se em procedimentos de refrigerao isentos de gua, dis-pensando banhos de resfriamen-to externos. O tanque, de ao inoxidvel, pode arma-zenar fluidos supercrticos pressurizados at 689 bar, e o sistema pode ser configurado manualmente, para ge-rar amostras com volume entre 100 e 2.000 ml. Super-critical Fluid Technologies, Inc., Newark, DE, EUA.Tel.: 1 302 738 3420 | [email protected]: supercriticalfluids.com

    Sistema processador de cacauproduz at 4 t/h de pasta de cacauPara produo de lquor (pas-ta) de cacau, o Tango com-posto pelo moinho de facas, para pr-moagem de nibs de cacau, e pelo moinho agitador de esferas LME, para moagem fina de lquor de cacau, podendo processar de 750 a 4.000 kg/h. O moinho de facas apresenta acionamen-to superior por correia em V, que facilita o acesso s ferramentas e cmara; mancal na parte superior da tampa, que possibilita o uso do fundo para refrigera-o e temperaturas mais baixas; flange para levantar e girar a tampa com rotor, para limpeza fcil e rpi-da da cmara, ferramentas e peneira. De alta vazo, o moinho agitador LME realiza a operao em somen-te uma passada, e permite esferas menores e produ-tos mais finos. Netzsch Ind. e Com. de Equips. de Moagem Ltda., Pomerode, SC.Tel.: 47 3387-7000 | [email protected]: netzsch.com

  • 6 NEI | Dezembro 2015

    DestaqueResfriador de lquidotem capacidade at 1.270.080 kcal/h

    Concebido segundo o projeto GoGreen, com ba-se na eficincia energtica do sistema frigorfico, o RLAC tem capacidade nominal de 302.400 a 1.270.080 kcal/h, utilizando fluido refrigerante R-410A ou R-134A, para compressor Scroll ou de parafuso Inverter. Apresenta condensao a ar ou gua, permitindo a instalao opcional de sis-tema de resfriamento adiabtico do ar na entrada do condensador, de acordo com a regio e regi-me de operao. Atravs da interface da central SmartConnect, oferece a possibilidade de assis-tncia tcnica remota, monitoramento remoto das variveis do processo e visua-lizao de histrico de operao e falhas via Web em qualquer computador, tablet ou smartphone. Mecalor Solues em Engenharia Trmica Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2188-1700 | [email protected] | site: mecalor.com.br

    Centro de usinagem verticalopera em cinco eixosDe alta exatido e projetado para realizar usinagens simultneas em cinco eixos ou nos cinco lados da pe-a com uma nica fixao, possui sistema gantry, que permite a movimentao dos eixos X, Y e Z na parte superior do equipamento, com o 4 e 5 eixos fixados diretamente na base da mquina sobre dois mancais. O modelo Microcut MCU-5X, equipado com CNC Siemens 840 DSL ou Heidenhai-ni TNC-530, apresenta mesa de 600 mm de dimetro com capacidade de carga de 600 kg, fuso BT40 com velocidade de 12.000 rpm e opcionalmente de 24.000 rpm, curso linear de 600 mm no eixo X e de 500 mm nos eixos Y e Z, velocidade de avan-o rpido de 36 m/min e magazine com tempo de troca de 1,55 s, com opcionais pa-ra 32 e 48 ferramentas. Bener Coml., Imp. e Exp. Ltda., Vinhedo, SP.Tel.: 19 3826-7373 | [email protected] | site: bener.com.br

    Ventilador centrfugo limit loadvem com eletrnica integrada Apresentada ao mercado durante a Febrava 2015 - Feira Inter-nacional de Refrigerao, Ar Condicionado, Ventilao, Aqueci-mento e Tratamento do Ar, a linha RadiFit usa motor de comu-tao eletrnica integrado diretamente no rotor, eliminando a ne-cessidade de polia, correia ou inversor de frequncia, o que reduz as dimenses da insta-lao. Tem voluta com dimenses idnticas s de modelos convencionais, sendo indicada para uso em sistemas novos e para modernizao de instalaes antigas, focadas na efi-cincia de energia. Nos tamanhos de 250 a 400 mm, possui motor Green Tech EC com controle de velocidade varivel, lminas de alumnio resistentes corroso, soldadas, e base para instalao em diferentes posies, sendo fornecida com ou sem base de fixa-o. Nos tamanhos de 315, 355 e 400 mm, pode vir com moldura quadrada robusta. Per-mite deslocamento de ar at 10.000 m/h, operando nas frequncias de 50 e 60 Hz com o mesmo desempenho. ebm-papst Motores Ventiladores Ltda., Cotia, SP.Tel.: 11 4613-8700 | [email protected] | site: ebmpapst.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 7

    Motobomba centrfugacobre faixa de potncias de 1,5 a 25 cvMonoestgio, compacta e dota-da de flange com proteo inte-grada que atende a NR-12, a li-nha SSC5 oferece 11 modelos com potncias de 1,5 a 25 cv. Disponvel em verses mono-fsicas e trifsicas, possui dimetros de suco e de re-calque de 2 e dimetro do rotor de 95 a 206 mm, estando apta a operar sob presses mximas na faixa de 14 a 91 mca. Atende a portaria n 455 do Inmetro e pode ser utilizada com produtos para bombeamento de guas limpas isentas de slidos em suspenso, assim como no abastecimento de edifcios, indstrias, siste-mas de combate a incndios, torres de refrigerao, ar--condicionado e cabinas de pintura, entre outras apli-caes. Schulz S.A. - Canal Somar, Joinville, SC.Tel.: 47 3451-6000 | [email protected]: schulz.com.br

    Pregadora pneumticano requer licenciamentoCom peso de 3 kg, a Max Power Li-te HN120 alimentada por ar com-primido e opera a presso mxima de 320 psi (22 bar), podendo apli-car pino liso, pino rebaixado, prego e pino rebaixado com guia de alu-mnio nos dimetros de 3,4, 3,6 e 3,7 mm e comprimentos de 25 at 65 mm. Permite fixao de ao em concreto e de madeira em concreto. Max USA Corp., Nova York, NY, EUA.Tel.: 1 516 741 3151 | [email protected]: maxusacorp.com

    Software de usinagem simplifica a programao CNCTem recursos de simulao e vi-sualizao de ferramentas e en-caixes em 3D, suporte para sis-temas CAD Autodesk Inventor, CATIA v5, Solid Edge e Solid-Works e integrao com a biblio-teca de ferramentas Adveon da Sandvik Coromant. O software de usinagem GibbsCAM compatvel com mqui-nas de todos os tipos e configuraes, opera com m-todos de manufatura aditiva e subtrativa e incorpora a ferramenta Universal Kinematic Machine (UKM) que simplifica ainda mais a programao CNC. 3D Systems Corporation, Rock Hill, SC, EUA.Tel.: 1 803 326.3900 | [email protected]: 3dsystems.com

  • 8 NEI | Dezembro 2015

    Secador de ar comprimidovem com 2 filtros independentesO SuperDry impede que umidade, leo e partculas slidas entrem em contato com a linha de ar compri-mido e afetem o funcionamento de equipamentos pneumticos e a qua-lidade dos trabalhos. Em 4 modelos, tem capacidade para tratar fluxos de ar de 120-509 m/h presso de 7 bar, podendo ser instalado prximo ao compressor, diretamente no ponto de uso ou no incio de cada linha de ar comprimido. Conta com 2 filtros coa-lescentes independentes que absor-vem leo e partculas slidas, alm de bolsa projetada para absorver va-por dgua, umidade e condensao do ar. Possui abraadeiras de ao inoxidvel em V, carcaa de du-ralumnio resistente corroso, manmetros, vl-vulas de segurana-padro e cartuchos dissecantes de alumina ativada de fcil reposio. Tem durabi-lidade estimada em 25 anos. Compri Technic do Brasil Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 5052-3244 [email protected]: ultracleanbrasil.com.br

    Castanhas p/ placa de tornoreduzem tempo de setup at 95%Para placas de tornos con-vencionais com castanhas fixadas por parafuso, o mo-delo Pronto reduz para 30 s o tempo de setup de um jo-go de castanhas, diretamente na mquina. Combina cas-tanhas de serrilhado fino de 1/16 x 90 ou 1,5 mm x 60 com insertos especiais de troca rpida e expande o dimetro de fixao em at 45 mm. Adequado para fixao de peas tanto em bruto quanto usinadas, dispe de diferentes cas-tanhas-base para fixao de pequenos, mdios e grandes dimetros. Podem ser usadas em placas com serrilhado fino, nos tamanhos 200, 250 e 315 independente do fabricante. Para castanhas de to-po, h insertos temperados para fixao de peas brutas de diferentes dimetros e insertos moles para peas acabadas, reutilizveis diversas vezes. Schunk Intec Tecnol. de Fixao e Sistemas de Garras Ltda., Santo Andr, SP.Tel.: 11 4468-6888 | [email protected]: schunk.com

    Mandril para fresagemfixa com at 8.000 NmProjetado para opera-es de desbaste pe-sado, o UltraGrip ca-racteriza-se pela alta fora de fixao apli-cada ao componen-te a ser usinado e pe-la grande capacidade de amortecimento de vibra-es. Combina ampla faixa de avanos e de potn-cia de corte com grandes profundidades nas opera-es de usinagem. Garante excentricidade (runout) mxima de 3 . Permite refrigerao interna at 80 bar com uso de buchas especiais de reduo, ofere-ce segurana mxima contra soltura do cortador, entre outras caractersticas que permitem maior remoo de cavaco. indicado para corte pesado em fresamentos, fixao de cortadores com hastes cilndricas paralelas conforme DIN 1835 A e B, fi-xao de cortadores longos e extenses. Fixa cor-tadores com hastes de dimetros entre 10 e 50 mm x 60 e 90 mm de profundidade. Sanposs Tecnol. Suprimentos e Consult. Intern. Ltda., So Ber-nardo do Campo, SP.Tel.: 11 4126-6711 | [email protected]: sanposs.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 9

    Sistema de referncia espacialotimiza processos de fabricao Desenvolvido para otimizar processos de fa-bricao em indstrias automotivas e aeroes-paciais, entre outras, consiste de um sistema de referncia espacial que avalia rapidamente a ca-pacidade e o desempenho de mquinas-ferra-menta CNC de mltiplos eixos e equipamentos de medio. O Tetraedro INORAsrs, da INO-RA Technologies, produzido de barras de fi-bra de carbono, esferas de ao de alta exatido e compensadores mecnicos de temperatura, proporciona alto nvel de controle sobre qual-quer processo de manufatura. De rpida montagem e desmontagem e forneci-do com software PC compatvel com interface de fcil aprendizado, permite ve-rificaes frequentes e precisas do desempenho de mquinas e reduz erros de usinagem at 56%. Gage Meter Coml. Tcnica Ltda., Vinhedo, SP.Tel.: 19 3876-3456 | [email protected] | site: gagemeter.com.br

    Destaque

    Dispensadora multifuncionalpossibilita expanso modularConstruida para proporcionar alta flexibilidade em processos de mdia e alta produo, a srie CNCell uma clula multifuncio-nal composta de mdulos standard que exigem pequeno plane-jamento e tempo de implementao, permitindo adaptao aos processos de mudana de produtos e volumes de produo. Ofe-recida em seis modelos, variando apenas no tamanho, entre 800 x 800 x 2.160 a 1.400 x 1.200 x 2.160 mm (L x P x A), do tipo plug & play, com mdulos intercambiveis, possibilitando tro-ca de um para outro, ou trabalho em conjunto. indicada pa-ra operaes de envasamento, enchimento, fechamento, colagem, pick & place, monta-gem, rotulagem e outras similares. Oferece vrios tipos de dispensadores, diversos graus de automao, mesa tipo paleteira, joystick para operaes manuais e inmeros opcio-nais. Scheugenpflug, Inc., Kennesaw, GA, EUA.Tel.: 1 770 218 0835 | [email protected] | site: scheugenpflug-usa.com

    Brao rosqueador hidrulicopermite programar a profundidade Projetado para aumentar a eficincia de mquinas-ferra-menta e reduzir os tempos dos ciclos, realiza operaes de rosqueamento offline enquanto o torno CNC se encontra em operao, com velocidade controlada nos dois sentidos e profundidade programada. O modelo Hydraulic Tapping Arm, dotado de conjunto de acionamento hidrulico com caixa de engrenagens, possui capacidade para produzir ros-cas at 38,1 mm de dimetro em ao doce com velocidade de 110 rpm, e pode ser integrado em centros de usinagem dispensando operaes adicionais de fresagem de roscas. FlexArm, Inc./Midwest Specialties, Inc., Wapakoneta, OH, EUA.Tel.: 1 419-738-8147 | [email protected] | site: flexarminc.com

  • Cortadora a Laser processa tubos e chapasIdeal para cor-te a Laser tan-to de chapas co-mo de tubos em uma nica m-quina, a LC5 possui fonte nica de Laser e cabeote nico capazes de alternar corte de chapa para tubos e vice-versa, imediata e automaticamente, sem neces-sidade de se mudar o ferramental. Processa chapas at 3.000 x 1.500 (ou 4.000 x 2.000 mm) e tubos re-dondos, quadrados, retangulares e ovais com di-metros at 120 mm em barras pesando at 13,5 kg. Pode vir equipada com Laser de CO2 at 4,5 kW ou Laser de fi bra at 3 kW, sendo que de fi bra mais indicado para materiais refl etivos. Todo o proces-so de corte controlado por sensores, que moni-toram os principais parmetros em ambas as ver-ses de Laser. BLM Group do Brasil - Tecnologia de Processamento de Tubos Ltda., Guarulhos, SP.Tel.: 11 4967-8500 | [email protected]: blmgroup.com

    Terminais de barramentos interligam placas de circuito impresso Compactos, mo-dulares e basea-dos na mesma tec-nologia eletrni-ca dos terminais EtherCAT, contam com solues fun-cionais de segurana, permitem a configurao de interfaces especficas a aplicativos, dispensam o cabeamento manual de fios e proporcionam re-duo de custos de instalao. Os terminais Plug & Work utilizam chicotes de cabos pr-fabrica-dos conectveis diretamente a placas de circuito impresso de distribuio de sinais e alimentao, possibilitam uma combinao praticamente ili-mitada de opes de interconexo e minimizam riscos de cabeamentos incorretos com a utiliza-o de componentes codificados. Beckhoff Au-tomao Indl. Ltda., Santo Andr, SP.Tel.: 11 4126-3232 | [email protected] .com.brsite: beckhoff .com.br

    Bombas peristlticaspara anlises de gases industriais Com presso de sada de 1 bar e vazo de 0,24 a 0,3 L/h conforme o material do tubo, operam com fl u-xo constante independen-te de variaes de presso existentes no sistema, so isentas de vlvulas de reteno e impedem a penetra-o de qualquer gs ambiente no circuito. As bom-bas peristlticas da srie CP, produzidas em verses abertas e fechadas, podem ser equipadas com cabea simples ou dupla, proporcionando correntes de fl uxo simples ou duplas, e com extremidades de tubos retas ou com curvas de 90. Fornecidas com tubos de di-ferentes materiais de acordo com o grau necess-rio de resistncia corroso, encontram-se dispo-nveis para tenses de alimentao de 115/230 V ca e em verses OEM de 24 V cc. Bhler Technolo-gies GmbH, Ratingen, Alemanha.Tel.: 49 21 02 49 89-0 | [email protected]: buehler-technologies.com

  • Unidade de potncia hidrulicagera presso at 140 bar

    Com capacidade de armazenamento de 120 L de leo e acionada por motor eltrico de 15 kW, apre-senta estrutura com fcil acesso para manuteno e conta com dispositivos especiais para proteger os componentes, como manmetro, indicador de col-matagem, distribuidor e mangueiras contra cho-ques. A HY-HPP 150 opera com vazo de 69 L/min e presso mxima de 140 bar, vem equipada com in-dicador de obstruo do filtro, medidor de presso, botes de reset e de emergncia, resfriador de leo com ventilador, hormetro e controle remoto. De fcil configurao e ativao, tem peso de 500 kg e dimenses de 1.200 x 980 x 1.470 mm. Protem GmbH, Dettenheim, Alemanha.Tel.: 49 7247 9393 0 | [email protected]: protem.de

    Vlvula solenoidetem vazo at 80 L/min

    A RPER1-06 uma vlvula de controle direcional, tipo carretel, com quatro vias de duas ou trs posi-es de direcionamento de fluxo, operada manual-mente por alavanca, em circuitos hidrulicos. Ofe-recida em vrias verses de tenso cc, garante 10 mi-lhes de ciclos presso nominal; resiste presso at 350 bar; e opera entre -30 e 80C de tempera-tura. largamente utilizada em mquinas agrcolas, guinchos e guindastes industriais, na indstria ma-rinha, controle de rotao de motores hidrulicos e outras aplicaes similares. Argo-Hytos AT Fluid Power Systems Ltda., Jarinu, SP.Tel.: 11 4016-8300 | [email protected]: argo-hytos.com

    NEI | Dezembro 2015 11

  • 12 NEI | Dezembro 2015

    Picador florestalproduz 40 a 120 t/h de biomassa

    Empregado na gerao de biomassa, o Forest Predator tem potncia de 700 cv e funciona com 2 a 4 facas montadas em rotor de 1.000 mm de dimetro, produzindo 40 a 120 t/h. Apresen-ta abertura de alimentao de 450/800 x 1.500 mm, com capacidade para corte de 450 toras ou 800 galhadas. Disponvel nas verses autoprope-lido e com chassi rodovirio, possui velocidade de avano regulvel por sistema hidrulico e ex-trao de material por meio de transportador ar-ticulvel e correia taliscada, com altura de des-carga de 4,7 m, incluindo sistema eltrico com-putadorizado de grau militar para controlar e su-pervisionar todas as funes. Bruno Indl. Ltda., Campos Novos, SC.Tel.: 49 3541-3100 | [email protected]: bruno.com.br

    Conjunto de ventilaomontado sem porcas ou parafusos

    Nas opes de cores RAL7032, RAL7035 e Mun-sell N6,5, a linha BR-CVT permite montagem simples, sem o uso de porcas ou parafusos, atra-vs de sistema de encaixe rpido, conferindo efi-cincia na operao e manuteno do fluxo de ar. Tem vedao com PU injetado diretamente na pea, sem emendas, oferecendo elevado grau de proteo. Apresenta grelha frontal com encaixe rpido e livre de parafusos, facilitando a manu-teno do filtro. fornecida com tenso nominal de 110, 220 V, bivolt ou de 24 V cc, montada di-retamente de fbrica, para uso em ventilao ou exausto. Tasco Ltda., Boituva, SP.Tel.: 0800 7703171 | [email protected] site: tascoltda.com.br

    Triturador primrio monoeixoprocessa at 70 t/h

    De construo modular, a linha Jupiter, da austra-ca Lindner-Recyclingtech, tritura qualquer tipo de material (exceto pr-tratados) e lixo com mate-riais estranhos difceis de ser processados, em par-tculas com tamanhos predeterminados. Apresen-ta rotor com configurao especial das facas e ajus-te contnuo da folga, que garante melhor qualidade do produto. Possui embreagem de segurana pa-ra os componentes da mquina. O modelo Jupiter 2200 tem cmara de corte de 6 m com abertura de 4.090 x 3.000 mm; rotor de 2.115 mm de compri-mento, com 24 cortadores, que gira a 51 rpm; e po-tncia de acionamento de 2 x 110 kW. Mede 5.461 x 3.250 x 4.840 mm (C x L x A). Comeplax Ltda., Porto Alegre, RS.Tel.: 51 [email protected]: comeplax.com

  • NEI | Dezembro 2015 13

    Bomba de polpaatende as aplicaes extrapesadas

    Recm-nacionalizada e apresentada na 16 edi-o da Exposibram - Exposio Internacional de Minerao, a bomba LSA pode ser utilizada, alm do setor de minerao, em gua e esgo-to, lavagem de gases, dragagem e em indstrias alimentcia, siderrgica e qumica, permitindo bombeamento de polpa com maior concentrao e tamanho de slidos em aplicaes extrapesa-das (classe 04). Apresenta descarga entre 50 e 660 mm, vazo de 20 a 13.600 m/h, altura ma-nomtrica de 90 m e presso operacional at 16 bar, podendo ser estendida para at 50 kgf/cm. De suco horizontal, tem carcaa simples com revestimento de suco substituvel com rotor de 4 aletas ou na opo de 3 aletas para resduos slidos de tamanhos maiores. KSB Bombas Hi-drulicas S.A., Vrzea Paulista, SP.Tel.: 11 4596-8500 | [email protected]: ksb.com.br

    Divisor universal p/tornosrespeita a NR-12

    O KDU100 apresenta 100 mm de altura de pon-tos, furo de passagem do eixo-rvore com 18 mm de dimetro, cone Morse 3 no eixo-rvore e inclinao vertical de 90, oferecendo relao de transmisso de 1:40. fornecido normalmen-te com kit grade para diviso diferencial; disco simples com 23, 27, 31, 37, 41 e 47 furos; disco duplo com 15, 17, 18, 19, 20 e 24 furos na face A, e 21, 29, 33, 39, 43 e 49 furos na face B; alm de 12 engrenagens de recmbio mdulo 1,5 - 24 a 100 dentes e flange para arrastador. Opcional-mente vem com contraponta fixa Morse 3, placa universal de trs castanhas de 100 mm de dime-tro e flange porta-placa. Atende a NR-12. Kone Ind. de Mqs. Ltda., Limeira, SP.Tel.: 19 3451-1026 | [email protected]: kone.com.br

    Sistema de codificao a Laserevita risco de falsificao ou manipulao

    O Videojet 7810 aplica cdigos 2D ntidos, al-fanumricos e outros tipos, em alta velocida-de, em fibras de polietileno de alta densidade, como DupontTyvek e materiais plsticos r-gidos comumente usados, como HDPE e LD-PE, produzindo marcao de cdigos perma-nente que ajuda a evitar o risco de falsifica-o ou manipulao da identificao de produ-tos. Reproduz at 500 caracteres/s e permite al-to rendimento em aplicaes rotativas e linea-res com at 250 produtos/min. Utiliza software de compensao do arco de 360 capaz de asse-gurar a mesma qualidade de marcao em pro-dutos planos, cncavos ou convexos. Videojet do Brasil Com. de Equips. para Codificao Indl. Ltda., Barueri, SP.Tel.: 11 4689-7273 | [email protected]: videojet.com

  • 14 NEI | Dezembro 2015

    Cada vez mais inserida no mundo, no Brasil a transi-o para a Indstria 4.0 ou Quarta Revoluo Industrial apenas se iniciou, por isso NEI colabora para expandir o conhecimento, consequentemente agilizar a inser-o do novo conceito no Pas. Durante todo este ano, a equipe de reportagem de NEI entrevistou especialis-tas de diversas reas da indstria que mencionaram o tema como tendncia, e esse contedo foi apresentado aos leitores nos textos de abertura das sees especiais mensais da Revista NEI, como este que voc l. Essas reportagens introduziram muitas notcias de lanamen-tos de produtos j relacionados indstria do futuro. Para esta edio, os entrevistados, focados na rea de instrumentao e controle, no responderam diferente. Novamente citam a Indstria 4.0 como a bola da vez.

    Para acompanhar este texto de abertura, a seguir h uma seleo de novidades de instrumentao e contro-le pesquisadas no Brasil e no exterior, muitas j inseri-das no conceito da nova revoluo. Alm de colaborar para a implantao da Indstria 4.0 no Pas, os lana-mentos contribuiro para ampliar a qualidade e a pro-dutividade industrial, reduzir os custos operacionais e fornecer maior segurana, aumentando a lucratividade das empresas, das pequenas s grandes, de todos os se-tores industriais.

    O que est em evidencia a Indstria 4.0 e tudo o que se une para dar suporte a ela, como Identifi cao por Radiofrequncia (RFID), Sistemas Ciberfsicos (CPS), Internet das Coisas (IoT), computao em nuvem, reali-dade virtual, realidade aumentada e Big Data, informou Fabrcio Junqueira, docente e membro do Laboratrio de Sistemas de Automao da Escola Politcnica da USP. As diferentes combinaes desses elementos, pois no h necessidade de usar todos ao mesmo tempo, di-taro vrias tendncias. Evidentemente infl uenciaro os diferentes setores industriais de forma diferente.

    Ainda sobre tecnologia, um tema para discusso su-gerido por Ludmila Correa de Alkmin e Silva, professo-ra da Faculdade de Engenharia Mecnica da Unicamp, doutora e ps-doutora em engenharia mecnica e espe-cialista em projetos de mquinas, possibilitando uso no

    Indstria 4.0 indica tendncias tecnolgicas para monitoramento de processos

    Instrumentao & Controle

    futuro, a aplicao do Arduino na automao indus-trial (plataforma de prototipagem eletrnica). com-posto porum microcontroladorAtmel AVR e compo-nentes complementares para facilitar a programao e a incorporao para outros circuitos com o conceito de soft ware e hardware livre, explicou a docente.

    Segundo Ludmila, com a evoluo e a populariza-o do Arduino, aumentou a discusso sobre seu im-plemento na automao de processos produtivos. Al-gumas vantagens e desvantagens possui em relao aos controladores lgicos programveis industriais CLPs, que so os mais comuns atualmente, contou. Os CLPs so usados por serem robustos e seguros, porm apre-sentam custo mais elevado, enquanto o Arduino mais simplesno uso e na implementao. Assim, a professo-ra fomenta a discusso se em pequenas plantas automa-tizadas o Arduino poderia substituir o CLP.

    A fora da I&C na indstriaAs tecnologias de instrumentao e controle sempre foram o pilar da produo industrial, mas agora no apenas completam o ciclo produtivo, tornam-se inte-ligentes o sufi ciente para nutrir os sistemas de geren-ciamento de ativos, passando de apenas modernas para modernas e efi cientes, disse Luiz Tadashi Akuta, gerente de desenvolvimento de negcios da Mitsubishi Electric do Brasil. Quando bem aplicadas, as tecnologias po-dem levar muito mais modernizao com efi cincia s empresas, j que possibilitam conhecimento dos proces-sos e otimizao das linhas de produo, das quantida-des estocadas, da qualidade do produto fi nal e reduo de gargalos, sendo as pontes entre as reas produtiva e gerencial, acrescentou Marcilio Pongitori, diretor da Shevat, empresa de projetos e treinamentos de controle de processos, eltrica, instrumentao e automao, de Campinas-SP. E Akuta fi nalizou: A instrumentao de ponta a arma estratgica que far diferena na compe-tio de mercado, com efi cincia e economia.

    Mesmo neste perodo de difi culdade econmica que o Brasil enfrenta, Pongitori justifi ca o investimen-to nesse setor: Em uma implantao de melhoria nos

    processos, a I&C apresenta o menor custo no total de investimento, pois tradicionalmente representa menos de 5% do total, porm em termos de impacto no pro-cesso a rea que tem maior retorno. De acordo com o gerente de desenvolvimento da Mitsubishi, nos momen-tos de crises, h necessidade de se gerenciar tudo, e isso s possvel com a I&C para obter os dados que fazem aumentar a efi cincia dos processos. O momento atual para preparar as fbricas para ser o mais hbil possvel, pois aps essa fase, os que se organizaram respondero com maior velocidade e rentabilidade, sugeriu Akuta.

    Colaboraria ainda se todas as partes envolvidas com a I&C investissem em qualifi cao profi ssional e parcerias. Para Junqueira, um bom exemplo como agem os japo-neses, que debruam-se sobre um problema, um pro-duto, um ciclo de produo, uma forma de transportar mercadorias, esgotando tudo o que se pode fazer. Isso todos ns poderamos fazer aqui, destacou o docente, que ainda orienta as empresas concorrentes a se unir para dominar conhecimento para concorrer com outros pa-ses. Como engenheiro, gostaria de ver o boom da enge-nharia no Pas, da industrializao, da explorao expres-siva dos produtos, almejou o professor.

    A parceria indstria e comunidade acadmica foi su-gerida por Rodrigo Alvite Romano, doutor em engenha-ria eltrica e professor do Instituto Mau de Tecnologia. Infelizmente h uma viso equivocada de que os pesqui-sadores e acadmicos no podem cooperar para resolver os problemas da indstria, disse Romano. Deixo algu-mas perguntas para os leitores da NEI refl etirem: quantos profi ssionais existem na sua empresa com perfi l para bus-car solues inovadoras? quantas vezes recorreu a uma universidade para solucionar um problema recorrente?

    A experincia de Romano com esse tema mos-tra que h pouca interao entre os meios industrial e universitrio. Alm de cooperar para a soluo de problemas, essa parceria certamente colabora para a qualifi cao de profi ssionais.

    Se desejar opinar sobre as questes sugeridas pelos especialistas, acesse esta reportagem no blog.nei.com.br.

    Microcontrolador para IoT suporta 10 sensoresO Sensor Tag IoT kit permite conectar dispositivos genricos com a nuvem via Iot (Internet of Th ings). Isto obtido por interfaceamento Bluetooth Smart com tecnologia iBeacon, que possibilita colocar online dados de sensores em apenas trs minutos, acessveis por dispositivos mveis Androide iOS. Proporciona

    consumo de energia at 75% inferior aos enlaces tradicionais, viabilizando operao porttil alimentada por bateria de grande durabilidade. Alm de assegurar igualmente enlaces nos protocolos ZigBee e 6LoWPAN, oferece suporte para at dez sensores de baixo consumo, como fotometria, microfone digital, campo magntico, umidade, presso, giroscpio, e temperatura puntual ou ambiente. Texas Instruments Semicondutores e Tec. Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 5504-5133 [email protected]: ti.com/brasil

    Gestor de trfego de dadosinterliga sistemas com controladoresA srie tManager consiste de mdulos, identifi cados igualmente pela sigla eATM, que viabilizam comunicao entre instalaes e gerncia. Possibilita intercmbio bidirecional, conectando controladores aos sistemas empresariais, proporcionando via hardware alternativas para solues normalmente baseadas em soft ware. Permite o envio de receitas e instrues de produo, e a obteno de histricos de cumprimento e a monitorao de equipamento produtivo. Isenta de sistema operacional, independe de atualizaes de arquivos e imune a vrus. Alimentada em tenso contnua de 5 V, consome 7 W. Soft ing Industrial Automation GmbH, Haar, Alemanha.Tel.: 49 89 4 56 56-340 | [email protected] ing.com | site: industrial.soft ing.com

    Vdeo em NEI.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 15

    Instrumentao & ControleMdulo de controlepara compressores alternativos Alm de se comunicar via Modbus com o ge-renciador central do sistema, o CM-RC-01 monitora, controla e protege compresso-res alternativos. O re-gistro de dados inte-grado salva os dados de operao, permitindo um diagnstico abrangente a qualquer momento. Tem todos os sensores e atuadores pr-instalados confi-gurados de fbrica, o que permite um comissiona-mento rpido, economizando esforos na constru-o e operao de painis eltricos. Bitzer Com-pressores Ltda., Cotia, SP.Tel.: 11 4617-9100 | [email protected]: bitzer.de

    Controlador de processostem conexo ProfinetCompacto e com ele-vado desempenho pa-ra aplicaes mdias e de alta complexidade, o controlador Advan-ced Controller Sima-tic S7-1500 compreen-de as verses 1511 C-1 PN e 1512C-1 PN, que con-sistem de CPU de at 48 ns de processamento com display frontal e entradas e sadas digitais e analgi-cas em um gabinete. A verso CPU 1511 C-1 PN pos-sui 32 portas de I/O digitais; e a 1512C-1 PN tem 64 I/O digitais, que permitem expanso para receber m-dulos de sinal adicionais. Incorpora funes tecnol-gicas, como contagem rpida e posicionamento, in-tegradas no hardware. Para integrao em rede, am-bos os modelos tm conexo Profinet com duas por-tas e um servidor WEB integrado. Sua engenharia realizada atravs da atual verso do TIA Portal V13, que, alm das funes j comprovadas, como o Safety Integrated e o Industrial Security, tambm apresenta um novo conceito de biblioteca abrangente que torna possvel a transferncia de know-how de automao no apenas no ambiente de uma equipe, mas em to-da a empresa, alm de facilitar o comissionamento de redes Profinet. Siemens Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 0800 119484 | [email protected]: siemens.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 17

    Instrumentao & Controle

    Registrador porttil de dadospossui modo de tempo realCompacta e leve, a srie OM-90 engloba os modelos OM-91, para registro de tempera-tura, e OM-92, para tempera-tura e umidade relativa, ambos com alarmes alto e baixo con-figurveis, interface USB pa-ra transferncia rpida de da-dos, bateria de longa durao e aplicativo de fcil utilizao. Cobre temperaturas de -30 a 80C, oferecendo resoluo de 0,01C e exatido de 0, 3C para a faixa de 5 a 60C. Pode medir umidade relativa de 0 a 100%, com resoluo de 0,01% e exatido de 3% na fai-xa de 20 a 80%. Indicado para monitorar condies em trnsito, conta com diferenciais como incio r-pido programado ou por boto start, modo de tem-po real e indicadores em LED. Omega Engineering Brasil, Campinas, SP.Tel.: 0800 7732874 | [email protected]: br.omega.com

    Gerenciador de produoextrai dados diretamente das mquinas

    Sem fio, o Pharos auxilia na identificao de garga-los de produo, na anlise de produtividade dos equipamentos, do operador e na melhoria cont-nua do processo produtivo, contando com infor-maes totalmente confiveis extradas diretamen-te das mquinas e complementadas pelo operador em tempo real. Permite a visualizao das infor-maes via intranet, possibilitando acompanhar a produo mesmo fora da empresa por meio de link adequado. Compe-se de torre para registro dos eventos de produo, contagens de ciclos, paradas e outros dados, alm de indicao luminosa dos es-tados da mquina; painel para o apontamento ma-nual orientado por teclado interativo com display; base para conexo do roteador diretamente por-ta USB do microcomputador onde o aplicativo de comunicao estiver instalado; e roteador para co-municao por radiofrequncia, entre os diversos equipamentos. CSI Controles e Sistemas Indus-triais Ltda., Diadema, SP.Tel.: 11 4072-9999 | [email protected]: csi.ind.br

    Audiodosmetro porttilfornece resultados em banda de oitavaAlm de calcular o nvel normaliza-do (NEN) recomendado pela norma de higiene ocupacional NHO-01 da Fundacentro, o SmartdB fornece re-sultados em banda de oitava de 31,5, 63, 125, 250 e 500 Hz e de 1, 2, 4 e 8 kHz, permitindo a aplicao do mto-do longo, recomendado pelo laborat-rio de ensaio (RBLE) para protetores auditivos. Apresenta faixas de medi-o de 65 a 135 dB no medidor, de 0,1 at 99,999% para dose, de 65 a 135 dB para LEQ e LAVG e de 100 a 140 dB no detector de pico. Pode iniciar, pau-sar e encerrar uma dosimetria remotamente, via Central Commander ou PC equipado com sistema operacional Windows. Chrompack Instrumentos Cientficos Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3384-9320 | [email protected]: chrompack.com.br

  • 18 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & Controle

    Unidade de monitoramento remotogarante preciso de 0 a 4 s/ano

    A srie RTU (Remote Terminal Unity) recomen-dada para aplicaes em tratamento de gua e es-goto, petrleo e gs natural, energia renovvel solar e elica, entre outras.Possui caractersticas de pro-gramabilidade conforme IEC 61131-3 (Standard Instructions) e programao remota de carga/bus-ca/monitoramento. Executa protocolos IP e serial, apresentando as seguintes caractersticas de cone-xo remota: operao como gateway entre TCP e canais seriais; capabilidade de comunicao simul-tnea com 32 diferentes masters/slaves; funes e--mail, SMS, Call DTMF; e modem GSM integra-do. Possui 32 Mb de memria Log, garante preci-so em tempo real de 0 a 4 s/ano, tem capabilidade para temporizador astronmico, calendrio e tem-porizador semanal e anual. Mikrodev Informatics Software Electronics LLC, Gebze, Turquia.Tel.: 0262 653 56 68 | [email protected]: mikrodev.com

    Temporizador com hormetrocontrola energia do equipamentoDisponvel no mercado desde agosto de 2015, o P 920/TH, equipado com display de 6 dgi-tos, permite contro-lar tempo comum, do equipamento acionado ou desacionado, e ain-da contribui para aumento de eficincia, pois pos-sibilita controle sobre a energia utilizada, informan-do tempo de uso dos equipamentos. Possui 2 sadas a rel com contatos reversveis, reset manual ou au-tomtico (quando chega ao valor predeterminado, volta e repete o ciclo). Possibilita temporizar a atua-o dos rels ou mant-los acionados at o fim do processo, programar a contagem se progressiva (ex.: 0-1000) ou regressiva (ex.: 1000-0) e a escala em se-gundos ou minutos (0 a 999999). Vicro Controles Eletrnicos Ltda., Guaruj, SP.Tel.: 13 3324-1651 | [email protected]: vicro.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 19

    Instrumentao & ControleSensores de proximidade comutam em distncia at 10 mm

    De construo compacta e prprios para reas de soldagem e severas aplicaes industriais, apre-sentam alta imunidade a campos magnticos e operam com a maior distncia de comutao de todos os sensores fator 1 do mercado, com alcan-ce de 3, 6 e 10 mm nas verses M8, M12 e M18. Os sensores da srie uprox3, fornecidos com di-versas opes de montagem, vm equipados com revestimento especialmente robusto de PTFE, e tambm encontram-se disponveis em verso ci-lndrica de 4 mm de dimetro e M5 com distncia de comutao de 1 mm. Turck do Brasil Auto-mao Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2676-9600 | [email protected]: turck.com.br

    Controladora embarcadaduplica desempenho em medies e testes

    Foram lanados a controladora NI PXIe-888o, ba-seada no processador Intel Xeon, e o chassi NI PXIe-1085, que usa a tecnologia PCI Express Gen 3. A combinao entre o processador de 8 ncleos, de classe de servidor Intel Xeon E5-2618LV3, e a largura de banda do sistema de 24 Gb/s oferece de-sempenho inovador para aplicaes altamente pa-ralelas e com atividade computacional intensa, co-mo testes de conexes sem fio, teste de semicon-dutores e prototipagem de sistemas 5G. As empre-sas podem aproveitar a flexibilidade da plataforma PXI para substituir controladoras de geraes an-teriores pelo NI PXIe-888o e duplicar seu desem-penho em aplicaes de medies e teste. A con-troladora embarcada tem 8 ncleos, at 24 Gb de memria DDR4 e 24 vias de conectividade PCI Ex-press Gen 3 ao backplane. National Instruments Brazil Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3149-3149 | [email protected]: ni.com

    Sistema de monitoramento mede HIM e PDL de transformadores Ao combinar senso-res, sistemas de mo-nitoramento e softwa-re, o InsuLogix Q ge-ra a medio do ndi-ce de s ade (HIM) e carregamento din-mico preditivo (PDL) de transformadores de potncia, permitindo estimar seu desempe-nho durante operaes normais, com falha ou de emergncia. Pode monitorar equipamentos de al-ta tenso, como buchas, DGA, sistema de resfria-mento, temperatura do enrolamento e do leo e umidade no leo. Apresenta at 32 entradas ana-lgicas dos sensores, RS-485 e 6 rels, tendo sa-das em RS-485, DNP3, Modbus, IEC61850, 6 re-ls e LED. Weidmann Tecnologia Eltrica Ltda., Piracicaba, SP.Tel.: 19 3429-1170 | [email protected]: weidmann-electrical.com

  • 20 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & ControleTransmissor de pressocom aprovao GLCertificado para a Categoria Ambiental D, H, EMC1, o trans-missor A-10 usado em aplicaes convencionais a bordo de navios, em motores e automao, aplicaes offshore, plantas elicas, plataformas petrolferas e industriais. Pode ser forne-cido com todas as conexes standard ao processo e sinais de sada. Alm disso, esto disponveis opes com aprovaes cULus e GOST-R. Wika do Brasil Ind. e Com. Ltda., Iper, SP.Tel.: 0800 9791655 | [email protected] | site: wika.com.br

    Medidor de nvel linearcompatvel c/tablets e smartphonesO Sonic-300LX um medidor de nvel linear sem contato (ra-dar) com monitorao por aplicativo via smartphone ou ta-blets. Para uso em medio de nveis de slidos e lquidos no pressurizados, apresenta range de 10 m e retransmis-so de 4-20 mA, ajustvel via aplicativo Android. Eletrosert Equips. Eletrnicos Ltda., Sertozinho, SP.Tel.: 16 3947-2672 | [email protected]: eletrosert.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 21

    Instrumentao & Controle

    Sensor de pressoincorpora comunicao IO-Link

    Impulsionado pela Indstria 4.0 na busca pe-la otimizao dos processos, o BSP com a op-o IO-Link (comunicao ponto a ponto basea-da na conexo a 3 fios) possibilita a transmis-so contnua de informaes e dados diretamen-te para o controlador, permitindo ajuste preci-so quando necessrio e aumentando a disponi-bilidade de mquinas e equipamentos. Dispon-vel nas verses padro e high end, indicado pa-ra medio de presso em ampla gama de aplica-es de automao, inclusive as mais exigentes. Fabricado de ao inoxidvel, opera com pres-so at 600 bar, tendo sada analgica, transmis-so digital de dados e at diagnsticos em algu-mas verses, alm de apresentar parametrizao simples e rpida, seguindo padres estabelecidos pela VDMA. Balluff Controles Eltricos Ltda., Vinhedo, SP.Tel.: 19 3876-9999 | [email protected]: balluff.com.br

    Controlador CNCcontempla at quatro eixosEquipado para compati-bilidade com E/Ss analgi-cas e digitais, o InfraCNC 3, da empresa sua Infranor, inclui interfaceamento CA-Nopen e EtherCat, para uso em integrao a siste-mas industriais. Dotado de processador com clock de 1,0 GHz, viabiliza mqui-nas-ferramenta, mquinas especializadas e dispositivos de processamento de chapa-rias. Possibilita igualmente centrais de usinagem com at cinco eixos, ou tor-nos capazes de acionar at 12 eixos, bem como unidades usinadoras em relevo e fresas. Propor-ciona exatido adequada para controlar inclusive fachos Laser utilizados para gravao microdeta-lhada. Prodau Ind. e Com. de Automao Ltda., Sorocaba, SP.Tel.: 15 3228-3730 | [email protected]: prodau.ind.br

    Analisador de guadetecta traos de metais pesadosO Metalyser HM3000 executa ensaios em campo, possibilitando identificar at 16 dife-rentes metais, desde ar-snio at zinco, em con-centraes que podem descer at 1 ppb. Aco-modado em maleta ve-dada contra gua, tolera operao exposta inclusi-ve a ambientes adversos. Recursos como varredura cclica e adoo de padres multipontuais expan-dem a confiabilidade da amostragem. A interface local baseia-se em plataforma PC contida em ta-blet. A deteco possibilita inclusive aes de cor-reo imediata de contaminaes catastrficas. Trace2o Limited, Berkshire, Reino Unido.Tel.: 44 1635 866772 | [email protected]: trace2o.com

  • 22 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & Controle

    Controlador integrado de processospossui tela de toque de 4,3

    Equipado com 1-4 elos PID com opo de re-gistro de perfis e dados, 4/4 elos de controle/limi-te, at 24 canais de monitoramento e 14 alarmes, opera com corrente mxima de sada de 10 A SSR e com os protocolos de comunicao Stan-dard Bus, Modbus TCP, Modbus RTU, SCPI e USB 2.0. O F4T com controlador de temperatura de processo Intuition, da Watlow, encontra-se disponvel com ampla variedade de mdulos re-movveis, possui tela de toque colorida de 4,3 e suporta temperaturas de -18 a 50C. De configu-rao personalizvel, pode ser instalado em pai-nis ou embutido, e apresenta dimenses de 104 x 120 x 110 mm, respectivamente altura, largura e profundidade. Ecil Prods. e Sists. de Medio e Controle Ltda., Piedade, SP.Tel.: 15 3244-8000 | [email protected] site: ecil.com.br

    Analisador de RFpossibilita medies CPRI

    A famlia BTS Masterpassa a contar com recur-so que permite aos engenheiros de campo e tc-nicos executarem medies de RF de alta exa-tido para eliminar interferncias em estaes--base, permanecendo no nvel do solo. A opo CPRI RF realiza medies de RF sobre links de fibra ptica CPRI (Common Public Radio Inter-face) conectando a unidade de banda base BBU e a RRH, com velocidade de varredura 10 x su-perior a de produtos similares. Tambm traz re-curso de captura de sequncias de sinais perdi-dos e de medio de espectros e espectrogramas CPRI, e permite a sintonia e a visualizao com zoom de reas de um sinal de interesse especfi-co. Anritsu Eletrnica Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3283-2511 | [email protected]: anritsu.com

    Hidrmetro ultrassnicono contabiliza passagem de ar

    Sem partes mveis e sem desgaste, o Flow IQopera pelo princpio ultrassnico, com transmisso por rdio em 434 ou 923 MHz, podendo medir vazo nominal de 1,5 e 2,5 m/h, com perda de carga de 0,19 e 0,15 bar e sem contabilizar a passagem de ar. Apresenta imunidade ao superm, protocolo de comunicao sem fio M-Bus e conexo G1B. Conaut Controles Automticos S.A., Embu das Artes, SP.Tel.: 11 4785-2700 | [email protected] site: conaut.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 23

    Transmissor de pH via Bluetoothpermite medio via aplicativoLanado na edio 2015 da Analitica Latin America, o BT-01 pode ser aco-plado a qualquer tipo de sensor/ele-trodo de pH provido de conector ti-po BNC ou cabeote S7, funcionan-do atravs do aplicativo gratuito Sen-soglass, desenvolvido para celulares e tablets com plataforma Android 4.1 ou superior. Proporciona processo de conexo, calibrao e uso simples e si-milares a um pHmetro convencional. Aps a concluso do processo de cali-brao, realiza as mais diversas anli-ses de pH, com flexibilidade, agilidade e repetitividade. Funciona com bateria recarregvel e mantm o sinal estvel a distncias de at 50 m entre transmis-sor e celular, possibilitando inmeras leituras e aplicaes. Sensoph Ind. e Com. de Sensores Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 [email protected]: sensoglass.com.br

    Inclinmetro capacitivofaz leituras at 360

    Dimensionado para resoluo de 0,01, o produ-to gera leitura digital, com base de tempo menor que s e estabilizao abaixo de 1 s, proporcio-nando a indicao via porta RS-485 (Modbus). Compatvel com ambientes entre -40C e 85C, assegura preciso melhor que 0,1 entre 10 e 40C. Acomodado em cpsula de alumnio me-dindo 79 x 28 x 20 mm, oferece vedao contra gua e poeira conforme IP 67. Alimentado entre 9 e 30 V, e pesando 80 g (j incluso o conector), objetiva aplicaes veiculares e aeronuticas, e de construo civil, bem como instrumentao mdica e de uso geral. 2E mechatronic GmbH & Co. KG, Kirchheim unter Teck, Alemanha.Tel.: 49 7021 9301 0 | [email protected] site: 2e-mechatronic.de

    Medidor de vazo de inserop/tubulao cheia de 200-12.000 mm

    Com tecnologia de medio de tempo de trnsi-to para at 2 pares de sensores, o Nivusonic tra-balha com lquidos limpos ou poludos, como esgoto, aplicando-se em tubulaes totalmente cheias, com dimetro desde 200 at 12.000 mm. Incorpora datalogger, descarregvel via Flash Card, comunicao Modbus TCP e grau de pro-teo IP 68. Possibilita velocidade de medio de 20 m/s. Para onde no possvel a parada do processo, permite a instalao e remoo dos sensores em carga, atravs de vlvula de esfera de passagem livre. Nivetec Instr. e Controle Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2627-6600 | [email protected]: nivetec.com.br

    Instrumentao & Controle

  • 24 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & ControleRegistrador contnuodispensa uso de papelO uso da srie Brain-chi ld PR viabi l iza acesso aos dados em tempo real na tela, ou remotamente por Ethernet ou porta se-rial opcional RS-232/RS-485/RS-422. A te-la sensvel ao tato acompanha o estgio de entra-da, que pode comportar entre 6 e 48 sinais men-surveis, sejam tenses, correntes, termopares ou RTDs. Botes virtuais possibilitam ao opera-dor retroceder ao histrico de registros, e ava-liar as tendncias das variveis monitoradas. Alarmes associados s variveis podem notifi-car desvios de desempenho, eventualmente via-bilizar aes corretivas caso aplicveis. Computer Aided Solutions, LLC. - CAS Dataloggers, Ches-terland, OH, EUA.Tel.: 1 800 956 4437 | [email protected]: dataloggerinc.com

    Mdulos I/O Ethernet e PoEincorporam funcionalidade A/D

    Prprios para aplicaes OEM de monitora-mento e controle de processos, gerenciamento de facilidades, segurana e automao de trans-misses, encontram-se disponveis com seis configuraes de I/Os, interface Ethernet Mod-bus TCP de 10/100 Base T e alimentao PoE ou de 9 a 30 V cc atravs de bloco removvel de terminais de 3,5 mm. Os mdulos da famlia eI/Osuportam temperaturas operacionais de 0 a 70C, vm com espaadores para montagem em caixas ou gabinetes e so fornecidos com o soft-ware SeaMAX API com drivers e utilitrios pa-ra ambientes Windows. Sealevel Systems, Inc., Liberty, SC, EUA.Tel.: 1 864 843 4343 | [email protected]: sealevel.com

  • NEI | Dezembro 2015 25

    Instrumentao & Controle

    Sistema de gerenciamentoprotege motores eltricos

    Indicado para centros de controle de motores el-tricos de baixa tenso, consiste de um sistema in-teligente e escalvel, compreendendo rels de pro-teo, comutadores gerenciados de redes, con-troladores de automao em tempo real, fontes de tempo precisas e interfaces de mquinas pa-ra visualizao e controle local e remoto. O siste-ma motorMAXconta com tecnologia de deteco de arc-flash com tempo de acionamento inferior a 16 ms, proteo trmica individual para motores, controlador de automao com processos padro-nizados pr-configurados, interface IHM e switch Ethernet de 24 portas com priorizao de trfego de rede. Schweitzer Engineering Laboratories, Coml. Ltda., Campinas, SP.Tel.: 19 3515-2000 | [email protected]: selinc.com

    Manifold digitalvem com Bluetooth e AppDe construo robusta e pr-prio para comissionamento e servios em sistemas de re-frigerao e bombas de calor, apresenta bloco de quatro vl-vulas com opes de conexes adicionais, sonda externa para medies a vcuo de alta pre-ciso, e Bluetooth e App pa-ra o monitoramento e gerao de relatrios no local. O testo 557 conta com dados de 40 gases refrigerantes ar-mazenados em memria, calcula superaquecimen-tos e sub-resfriamentos simultaneamente e traba-lha com as unidades bar, psi, C, F, kPa, MPa, hPa, inch Hg e mcron. Com grau de proteo IP 42, opera em temperaturas de -20 a 50C, tem autono-mia de 150 h, dimenses de 280 x 135 x 75 mm e peso de 1.200 g. Testo do Brasil Instrums. de Medio Ltda., Campinas, SP.Tel.: 19 3731-5800 | [email protected]: testo.com.br

  • 26 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & Controle

    Software de controle e operaodosa qumicos em processos

    Apresentado na Fenasan 2015 - Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente, o InSight permite a anlise e controle da dosagem de qumicos utiliza-dos em estaes de tratamento de gua e efluentes, alm de possibilitar o acompanhamento de modo simultneo de diferentes processos em andamen-to na planta industrial, viabilizando a realizao de anlises de desempenho das membranas e demais equipamentos instalados na base do cliente. Reco-lhe dados disponveis em diferentes mquinas e equipamentos e os envia para o Centro de Controle da GE, onde as informaes so processadas e ana-lisadas. A partir da anlise de dados e da troca de informaes em tempo real entre centros de moni-toramento da GE e a base de operao do cliente, identifica processos que apresentam falhas e evita problemas prestes a ocorrer. GE Water & Process Technologies do Brasil Ltda., Cotia, SP.Tel.: 11 2139-1111 | [email protected]: gewater.com.br

    Densmetrodispensa uso de bypass

    O modelo DWF robusto, especialmente apro-priado para mdia multifase e indicado para me-dio de densidade e monitoramento de lquidos em tubulaes. oferecido, opcionalmente, com transmissor Hart, Profibus-PA ou Fieldbus Foun-dation. Mede densidades entre 700 e 1.900 g/L de lquido com temperaturas entre -20 e 150C; su-porta presso nominal conforme PN 16, ASME CI 150 como standard, ou presses mais altas co-mo opcional. oferecido em trs verses, com va-zo de 2.500, 5.000 e 10.000 L/h. Kobold Messring GmbH, Hofheim, Alemanha.Tel.: 49 6192 299 0 | [email protected]: kobold.com

    Sensor de nvel de guamonitora aplicaes hdricasIndicado para uso em canais, tanques, reservatrios ou po-os de monitorao, o KPSI 353 permi-te pesquisar desde lenis freticos at guas ocenicas, passando por monitorao am-biental. Submersvel, utiliza princpio hidros-ttico. O formato o torna indicado para aces-sibilidade em vos estreitos, e para ambientes agressivos encontrados nas aplicaes hdricas e hidrulicas. Incorpora interface digital serial SDI-12, que cumpre padres de comunicao para sensores assistidos por microprocessado-res. O resultado uma margem de erro de 0,1% do fundo de escala. Measurement Specialties, Inc., Hampton, VA, EUA.Tel.: 1 757 766 1500 | [email protected]: meas-spec.com

  • 28 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & Controle

    Calibrador e programadoroferece mltiplas funesO modelo Beamex MC6WS correspon-de verso de painel do modelo MC6 por-ttil, avanado e pre-ciso calibrador e pro-gramador que ofere-ce capabilidades de calibrao para presso, temperatura e vrios sinais eltricos. A aplicao e a facilidade de uso esto en-tre suas principais caractersticas. Tem tela touchs-creen colorida de 5,7 com interface multilngue. Desempenha vrias funes, como medidor, ca-librador, registrador, datalogger e comunicador Fieldbus. Permite at 10 mdulos de presso, alm do uso com todos os sensores de presso (um a ca-da tempo); oferece atualizaes gratuitas tanto pa-ra firmware quanto para DD.s, Profiles, e mais. Ga-rante preciso e faixa de trabalho com compensa-o trmica do ambiente. Tem menu completo em portugus. Incal Com., Imp. e Exp. de Instrums. Ltda., Santo Andr, SP.Tel.: 11 4427-7480 [email protected]: incal-instrumentos.com.br

    Controlador de processostem restart automtico A linha Kube, com-posta pelos modelos KM5, KX5 e KR5, apresenta, entre suas caractersticas, fun-o rampa/patamar; 2 pginas de 48 seg-mentos divididos em 8 programas para controle de temperatura e pro-cesso; memria de segmento + memria de tem-po (resoluo de 1 min) para partida; e capacidade para gerenciar sequncias de at 4 programas com bases de tempo diferentes (h/min - min/s), e at 999 repeties. Dispe de entrada universal (TC, mV, V, mA, t100-Pt1000) e sada universal (re-l, tenso para SSR, linear mA/V e servomotor). Oferece sequncia de parmetros personalizvel, com chave de programao sequencial; e restart automtico em caso de falha de energia. Apresen-ta ainda recursos que permitem, no start up, ava-liar a condio do processo e escolher a melhor soluo de controle automaticamente; alm de permitir que o visor apague e um segmento alter-ne de posio, caso algum desvio seja detectado ou algum alarme acionado volte operao nor-mal. Coelmatic Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2066-3211 | [email protected]: coel.com.br

    Analisador de cablagemagiliza comissionar datacentersDimensionado para ban-da passante at 2,5 GHz, o WireXpert 4500 possibilita certificar cablagem em n-vel empresarial. Viabiliza anlises at as classificaes FA e CATB, em cobre, bem como fibras pticas do tipo MPO, SM e MM. O produto vem pronto inclu-sive para o padro 40G, tendo recebido aprovao quanto preciso das leituras junto ao ETL. Equi-pado com adaptadores de compatibilizao, traz ca-bos para conexo com linhas de cobre, cabos MPO multimodo, elos simplex multimodo ou monomo-do, Ethernet industrial (1G e 10G) e cabos coaxiais, entre outros tipos, com alcances at 500 m. Softing North America Inc., Knoxville, TN, EUA.Tel.: 1 865 251-5252 | [email protected]: softing.us

  • 30 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & ControleInstrumento multiparmetromede 5 grandezasPara atender as princi-pais necessidades da se-gurana no trabalho, o THDLA-500 possui fun-es de decibelmetro (30 a 130 dB); termmetro (40 a 70C); higrmetro (0 a 100% UR); luxmetro (0 a 20.000 lux); e anemmetro (0,5 a 30 m/s), oferecendo, respectivamente, exatido de 1,5 dB; 3% da indi-cao + 1,5C; 5% UR; 3% da indicao + 0,5% para luz; e 3% da indicao +0,3% para velocidade do ar. Provido de visor de cristal lquido de 3 d-gitos com iluminao, apresenta ponto de calibrao externa na funo decibelmetro, podendo ser ajus-tado e calibrado conforme a necessidade do usurio, adequando-se s principais normas da segurana no trabalho vigentes. Highmed Solues em Tecnolo-gia de Medio Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2717-7760 | [email protected]: highmed.com.br

    Vlvula reguladora de pressotambm faz balanceamento hidrulico Compacta, adequada pa-ra instalao em espaos reduzidos, a vlvula de re-gulao independente da presso (PICV) da srie 145 permite, num nico dispo-sitivo, o balanceamento hi-drulico do circuito por meio de estabilizador auto-mtico para diferencial de presso na entrada da vlvula at 4 bar, alm da regulao dos caudais nos terminais, possibilitando pr-regulagem da va-zo de 10 a 100% do valor nominal atravs de indi-cador de escala graduada. Pode efetuar a regulao do caudal por meio de atuador comandado por um regulador externo em funo da carga trmi-ca. Est preparada para ligao a tomadas de pres-so visando verificao dos parmetros de fun-cionamento da instalao. Caleffi Brasil Imp., Exp., Com. e Servs. em Comps. Hidrotrmi-cos Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2362-4903 | [email protected]: caleffi.com

  • NEI | Dezembro 2015 31

    Instrumentao & Controle

    Analisador de bateriasfornece feedbacks visuais e sonorosTotalmente automati-zada, com fluxo de tra-balho simplificado e in-terface intuitiva, a re-cm-lanada srie 500 usada em aplicaes de testes de baterias de backup de misso cr-tica em centrais de da-dos, servios pblicos de infraestrutura, de leo e gs e ferrovias. De de-sign compacto - desenvolvida para medies em baterias fixas, incluindo GEL, AGM (com separa-dor de fibra de vidro), de ons de ltio e de chum-bo-cido de clula mida - realiza medies de re-sistncia, tenso e corrente cc e ca, tenso de ripple, frequncia e temperatura. Utiliza pontas de prova inteligentes, inclusive para medio de temperatu-ra por infravermelho, visores LCD integrados pa-ra leitura dos resultados de medio, LED tricolor para indicaes de aprovado/reprovado e feedback sonoro. Fluke do Brasil Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3759-0255 | [email protected] site: fluke.com

    Mdulos de E/Ss remotascomunicam-se via BluetoothOs mdulos de IO MIRO BT - desenvol-vidos para transfern-cias confiveis de si-nal sem fio - viabili-zam aplicaes que superam os limites f-sicos baseados em ca-bos. So construdos com tecnologia Blue-tooth, o que possibili-ta transferncia de sinal em at 100 m. Os produtos Murrelektronik possuem um ID Bluetooth nico, por isso comunicam-se na mesma frequncia. O MIRO BT desenvolvido com conexo wireless de estaes Profibus DP para rede Profibus, enquanto o MIRO BT IO projetado para transmisso ponto a ponto entre mquinas e sistemas. Murrelektronik do Brasil Ind. e Com. Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 5632-3000 | [email protected]: murrelektronik.com.br

  • 32 NEI | Dezembro 2015

    Instrumentao & Controle

    Monitor de vibrao conecta-se a sistemas supervisriosDe reao instantnea, monocanal e com sadas analgicas de 0 a 10 V e de 0/4 a 20 mA, o Vibrocon-trol 1000 oferece 2 par-metros de medio: veloci-dade RMS e deslocamento de 0 a pico, tendo escala de 0 a 50 mm/s, dividida em 5 faixas de medio, e de 0 a 500 , em 4 faixas, alm de 2 faixas de frequn-cia, de 10 a 1.000 Hz e de 1 a 1.000 Hz. Possui 2 rels de limite ajustveis entre 10 e 100% da faixa de me-dio, com delay ajustvel entre 1 e 10 s e rel de au-tomonitoramento normalmente energizado. Utiliza sensor eletrodinmico de ao inox, com sensibilida-de de 100 mV/mm/s. Pode ser interligado aos siste-mas supervisrios dos equipamentos industriais pa-ra fornecimento de informaes sobre o estado das mquinas monitoradas, disponibilizando os dados on-line em tempo real para todos os dispositivos de acesso e possibilitando a tomada de decises ime-diatas. Schenck RoTec, So Paulo, SP.Tel.: 11 5633-3500 | [email protected]: schenck-rotec.com.br

    Rugosmetro digitalcomunica-se via BluetoothDe acordo com a ISO 4287, o rugosmetro Sur-tronic DUO calcula os parmetros de rugosi-dade Ra, Rz, Rp, Rv, Rt, Rz1max, Rsk, Rq, Rku; e perfil primrio Pa, Pz, Pp, Pv e Pt, com faixa m-xima de 40 m em Ra e 199 m em Rz, Ry, Rp e Rt. A unidade transversal percorre 5 mm de com-primento, desprezando metade do primeiro e l-timo cut off (filtro Gaussiano e cut off de 0,8 mm). Com apenas o toque de um boto, tem as informa-es apresentadas no display de LCD colorido com indicaes intuitivas, mostrando at 5 parmetros por pgina. Possui sensor piezoeltrico dotado de ponta de diamante com raio de 5 m e medio do tipo com sapata, oferecendo repetitividade de 2% + rudo e preciso de 5% do valor + 0,1 m. Taylor Hobson do Brasil Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 5083-3846 | [email protected]: taylorhobson.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 33

    Instrumentao & ControleMdulo de interfacecontm 4 entradas analgicas para sensoresApresentado na ISA Expo Cam-pinas 2015, o mdulo 750-450 conta com 4 entradas analgi-cas para sensores de tempera-tura e de resistncia, variveis com 2, 3 ou 4 fios, para a famlia de controladores e remotas da linha 750. Trabalha com senso-res Pt100, Ni100, Pt1000, Pt500, Pt200, Ni120 e Ni1000, ofere-cendo sinal de temperatura com resoluo de 16 bits, diagnsticos de curto-circuito aberto e va-lores fora de escala. Informa os dados resultantes dos diagnsticos ao controlador por um conjunto de 8 bits por canal, auxiliados por LEDs indicado-res de falha para rpida inspeo visual. Permite ajuste dos parmetros de configurao atravs do software Wago I/O Check. Wago Eletroeletrni-cos Ltda., Itupeva, SP.Tel.: 11 4591-0199 | [email protected]: wago.com.br

    Controlador de bombasreduz custos operacionaisO ARO um sistema Walk Away de toque inteligente que ajuda a otimizar custos atra-vs do controle e mo-nitoramento de bom-bas. um circuito fe-chado que atinge re-petio de distribuio de 1%, controla e monito-ra bombas atravs de operao remota e aceita de-teco de vazamentos, deteco de nvel de lqui-do e de controle proporcional. Disponibiliza dis-paradores e alertas remotos que enviam dados de operao, podem realizar desligamento automti-co e mantm o usurio atualizado quanto s ne-cessidades de manuteno. Permite integrao di-reta com as bombas de interface eletrnica da s-rie EXP. Tem alimentao eltrica de entrada de 90 a 264 V ca e sada de 24 V cc de 3 A. Dispe de 13 entradas e 6 sadas digitais de 24 V cc e 2 entradas e 2 sadas analgicas de 4-20 mA. Ingersoll-Rand do Brasil Ltda., Barueri, SP.Tel.: 0800 7712336 | [email protected]: ingersollrand.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 35

    Instrumentao & Controle

    Automao de estaes de guareduz em 95% o tempo de instalaoApresentado na Fenasan 2015 - Feira Nacional de Saneamento e Meio Am-biente, o equipamento [email protected] automatiza estaes elevatrias de gua ou es-goto, boosters, poos, cap-taes, reservatrios e vl-vulas redutoras de presso, permitindo configura-o simples, rpida e intuitiva, que reduz em 95% o tempo de engenharia e instalao. Possui controla-dor com at 64 entradas e 16 sadas digitais, 32 en-tradas e 8 sadas analgicas, sistema de superviso e controle com grficos de tendncia, gerenciador de alarmes, controle de acesso e segurana atravs de usurio e senha, alm de historiador de proces-so para armazenar diversas informaes. Com in-terface local de 7, access-point wireless, rdio de 900 MHz e/ou modem GPRS/3G, pode ser ope-rado local ou remotamente atravs de smartpho-nes, tablets, notebooks e qualquer outro disposi-tivo porttil. GE Intelligent Platforms do Brasil Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3614-1812 | [email protected]: geautomation.com/br

    Gateway Ethernetintegra redes Profibus/ProfinetRecm-lanado no mercado brasileiro, o MGate 5102-PBM--PN dispe de ferramentas de gerenciamento tpicas de equi-pamentos de TI, oferecendo um segundo nvel de proteo para as redes de automao. In-tegra com facilidade disposi-tivos, como inversores de fre-quncia e medidores Profibus, com mestres Profinet, como CLP Siemens ou softwares Sca-da. Apresenta design robusto com isolao ptica, operao na faixa de temperatura de -40 a 75C e slot para carto microSD para backup da configurao, proporcionando desempenho e longevidade em aplicaes industriais, como pe-trleo e gs, energia, automao de processos e fa-bril. Moxa Brasil Tecnologia Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 2495-3555 | [email protected]: moxa.com.br

    Inversor de frequnciadedicado a processos industriais

    Disponvel para motores trif-sicos sncronos, assncronos ou especiais de 750 W at 1,5 MW, o Altivar Process ATV600 de-dicado a monitorar o proces-samento de f luidos, contro-le de bombas, ventilao ou re-moo de lodos, etc. Reduz cus-tos operacionais em pelo menos 8% e propicia at 20% de redu-o do tempo de parada atravs da gesto da eficincia e consu-mo de energia. Dotado de painel de controle de energia e potncia, incorpora re-cursos de monitorao e controle abrangendo a preveno de deriva, assim como proteo das instalaes e ativos. A distoro harmnica total em corrente inferior a 48%, assegurando gera-o de harmnicos inferior a 5%, alm de fun-es de parada e partida, que reduzem dissipa-o de energia nos casos de repouso. Conecta--se Web via Ethernet, provendo conectivida-de com dispositivos mveis. Schneider Electric Brasil Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 0800 7289110 [email protected]: schneider-electric.com.br

    Programador digital economiza energia de equipamentos

    O PDS-02 MG economiza a energia consumida pelos equipamentos, alm de me-lhorar o conforto opera-cional, automatizando o pro-cesso de acionamento/desa-cionamento de equipamen-tos eltricos nos horrios e dias da semana preestabele-cidos em ciclos dirios ou se-manais. Montado em caixa de ABS autoextinguvel, pos-sibilita as programaes atravs de teclado frontal, indicando dia, hora e estado do rel no display LCD. Dispe de bateria recarregvel para que, em caso de falta de energia, retenha os dados na memria. Ali-menta-se em rede de 110, 220 V ca. Tron Controles Eltricos Ltda., Recife, PE.Tel.: 81 2121-9600 | [email protected] site: altronic.ind.br

  • 36 NEI | Dezembro 2015

    Processadora de semicondutores agrega cmara com 5,5 LO sistema a plasma TrophoSPHEREfoi projetado para o processamento completo de wafers de semicondutores, e outros substratos planos, em tamanhos variando de 76 a 200 mm, para wafers em cassetes abertos. Tem exclusi-vo projeto de cmara de plasma que oferece excepcional uniformidade de gravao gua forte e repetitividade do processo. Aplicaes primrias de plasma incluem uma va-riedade de gravaes, ashing e descumao; outros processos incluem remoo de contaminao, encape-lar superfcie, melhoria da capacidade de umidifi cao, e aumento da resistncia da colagem e adeso. Apresenta sistema integrado de manuseio do condutor que permite transferncia rpida de materiais para uma larga faixa de tamanhos de pastilhas. Nordson do Brasil Ind. e Com. Ltda., Barueri, SP.Tel.: 11 4195-2004 | [email protected] | site: nordson.com

    Centro de usinagem comporta at 16 ferramentasCom mesa de trabalho de 330 x 920 mm, o XH713G tem capacidade mxima de carregamento de 300 kg, com-portando at 16 ferramentas e incluindo sistema CNC interno ou externo, para programao automtica do tempo de lubrifi cao, percurso da mquina-ferramenta e movimentao do rolamento. Permite deslocamento de 650 mm no eixo X, de 400 mm no eixo Y e de 500 mm no eixo Z, operando com velocidade mxima de 24/18 mm/min nos trs eixos. Funciona com motor principal de 7,5 kW que imprime ao fuso 100 a 8.000 rpm ou 100 a 10.000 rpm. Big American Com. e Ind. Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3382-4350 | [email protected] | site: bigamerican.com.br

    Soldadora contnuaopera com potncia de 470 VAConhecida como slit-seal, a CP 500 destina-se ao corte e solda de fi lmes plsticos no sentido longitu-dinal, sendo instalada em extrusoras, mquinas de corte e solda ou onde for necessrio dividir uma bo-bina tubular em duas ou mais unidades. Com po-tncia de 470 VA, alimenta-se em rede de 220 V, 50/60 Hz, apresentando corrente mxima de sada de 340 A e consumo de 282 VA/h. Possui suporte para faca de 2 x 3/4 com furo de 7/8. Pradutec Comrcio e Servio Eireli, So Paulo, SP.Tel.: 11 5845-2812 | [email protected] | site: pradutec.com.br

    Cortador pneumticopossui estrutura de alumnioIndicado para o corte de metais e tubos metlicos, o CP 380 Vonder diferencia-se pela estrutura de alumnio re-forado com cobertura emborrachada. Possui consumo de ar de 5,5 pcm, pres-so de trabalho de 6,33 kgf/cm e 18.000 rpm. Utiliza disco de corte de 3, com dimetro do eixo de 3/8. Acompanha disco de corte de 3 x 1/16 x 3/8, chave de boca, chave Allen e conector macho para engate rpido. OVD Imp. e Distr. Ltda. - Vonder, Curitiba, PR.Tel.: 41 2101-0550 | [email protected] | site: vonder.com.br

  • NEI | Dezembro 2015 37

    Extratora de suco a frioprocessa at 100 L/hUsada para a fabricao de su-cos prensados a frio, a ESF100 - que possui 98% de ndice de nacionalizao - tritura os in-gredientes e os prensa, extrain-do o suco para as mais diversas finalidades, tendo capacidade at 100 L/h. Retira dos alimen-tos toda a carga de nutrientes, sem acares, sem conservan-tes e sem pasteurizao, pro-porcionando durabilidade de 3 a 5 dias. Possui vl-vulas e termostato de presso que desligam a m-quina para proteger sobrecarga, bem como forma-to do triturador que impede ao operador tocar na lmina de corte. M&T Manuteno de Mquinas Ltda., So Jos do Rio Preto, SP.Tel.: 17 3237-0110 | [email protected]: nogap.biz

    Dosadora eletromagntica tem cabeote de acrlico ou PPSDe fcil instalao e ope-rao, a srie MA pode ser fornecida com cabeo-te de acrlico ou PPS, sen-do usada para dosagem de diversos produtos qumi-cos. Com potencimetro de ajuste manual, permite dosagens de 1 a 60 L/h, operando com presso de 0 a 10 bar. Apresenta anis de Viton, caixa de nilon reforada com fi bra, diagrama de PTFE, mangueiras de PE e vlvulas de PPS com esfera cermica, contando com proteo IP 65. Alimenta-se em rede de 220 V, tendo consu-mo de 30 W/h. DR Saneamento Ltda. - Grupo Hidrogeron, Arapongas, PR.Tel.: 43 3172-6565 | [email protected]: hidrogeron.com

    Tanque universal para GLParmazena at 1.000 LDisponvel em 5 tamanhos, com capacidades de 600, 700, 800, 900 e 1.000 L, todos com dime-tro de 800 mm, horizontal e fa-bricado de ao-carbono com es-pessura de 5 mm, pintado com tripla camada de tinta branca (RAL 9010) que ajuda a proteger contra aquecimento excessivo. Sua estrutu-ra bsica atende norma europeia de vasos de presso TPED 2010/35/EC. Possui vlvula de enchimento, vlvula de fase gasosa, vlvula de fase lquida e gaso-sa e indicador de nvel. Utilizado no armazenamen-to e transporte de GLP, opera temperatura de -20 a 500C. Zaklady Aparatury Chemicznej Chemet SA, Tarnowskie Gry, Polnia.Tel.: 48 32 39 33 300 | [email protected]: chemet.com.pl

    Vlvula borboleta com tripla excentricidadeFabricada segundo os padres ASTM a 216, WCB e INOX, a vlvula 601530TR possui tripla excentricidade para altas tem-peraturas e presses. Permi-te vazamento zero bidirecio-nal, com construo padro Fire Safe; e tambm atrito zero entre sede e selo do disco. En-contrada nas classes de presso de 150 a 2.500 lb, pode ser fornecida nos dimetros de 2 a 72 e ser operada atravs de caixa de engre-nagens manual, atuadores pneumticos ou el-tricos. Unival Com. de Vlvulas e Acessrios Industriais Ltda., Guarulhos, SP.Tel.: 11 2858-9000 | [email protected]: unival.com.br

  • 38 NEI | Dezembro 2015

    Vlvula de expanso eletrnicapoupa at 20% de energia do sistemaExposta na Febrava 2015 - Feira Internacional de Refrige-rao, Ar Condicionado, Ventilao, Aquecimento e Tra-tamento do Ar, a VX-950 aplica-se na refrigerao de c-maras e balces frigorficos. Compe-se de controlador digital de temperatura que, alm de considerar presso, degelo e temperatura, administra ciclos de superaqueci-mento. Dispe de 2 pontos de operao, um dos quais visa estabilizao em mo-do econmico. Interfaceado via porta RS-485, viabiliza alternativa de enredamento at 32 controladores iguais, compartilhando uma interface-homem mquina nica e possibilitando a visualizao de medidas, parametrizao de funes e coman-dos, como degelo manual e o bloqueio de funes. Possui controle de fluxo de l-quido e dos processos de refrigerao, alm de vlvulas para as capacidades mais usuais. Full Gauge Eletro Controles Ltda., Canoas, RS.Tel.: 51 3475-3308 | [email protected] | site: fullgauge.com.br

    Injetora de plstico produz pea at 402 gDisponvel em trs tamanhos, a LWF 1600-SV oferece sistema hidrulico de resposta rpida, controlador sensvel, sistema mecnico otimiza-do e tempo ciclo/mquina melhorado. Proporciona fcil manuteno e ambiente limpo com o emprego de materiais livres de lubrificao, guias com rolamentos li-neares no sistema de injeo e lubrificao com graxa na movimentao das placas. Trabalha com volume mximo de 251/358/442 cm e peso mximo de 229/326/402 g relao de 163/207/255 cm/s. Exerce presso de injeo de 2.328/1.839/1.490 bar e cursos mximos de 200/225/225 mm. Tem fusos de 40/45/50 mm de dime-tro que giram velocidade de 300 rpm. Ningbo Leadway Machinery Technology Co., Ltd., Dongwu, China.Tel.: 86 574 8307 5287 | [email protected] | site: leadwaytech.cn

    DestaqueRob paralelo executa um ciclo em 0,32 sO Adept Hornet 565 um rob paralelo, de montagem invertida, que opera em 3 ou 4 ei-xos, especialmente projetado para seleo e embalagem de produtos. Tem todos os contro-les embutidos na base, economizando espao e reduzindo custos e complexidade de insta-lao. Seu projeto valoriza a higiene para reduzir os riscos de contaminao, in-cluindo materiais resistentes corroso, atendendo a norma IP 65. Pode ser pro-gramado diretamente de um CLP. Ocupa at 50% menos espao, alcana at 25% mais de volume espacial do que os modelos similares e at 25% mais rpido na movimentao das cargas equivalentes capacidade. Opera temperatura entre

    1 e 40C e com umidade de 5 a 90%. Pesa 52 kg e atende normas CE. M.A.R. Automao Indl. Ltda., Mogi das Cruzes, SP.Tel.: 11 3377-3050 | [email protected] | site: mar.ind.br

    Vdeo em NEI.com.br

  • BALMER - FRICkE SOLDAS LTDA.iju - rsTel.: 55 3305-0700 | [email protected] | site: balmer.com.brFabricante | Prestador de servio

    40 NEI | Dezembro 2015

    Furadeira de compsitoevita delaminao de materiais compostosA DWJ 4020 BB -X5 Pro foi projetada e patenteada pela Dar-di Intl. Corp. para aten-der os diversos proces-sos de corte na inds-tria aeroespacial e eli-ca. Possui cabeote de corte que opera com ja-to de gua, juntamen-te com fuso de alta ve-locidade, possibilitan-do a perfurao de materiais compostos sem de-laminao. Apresenta rea de corte de 3 x 2 m at dimenses maiores, abertura do eixo Z at 500 mm e velocidade de deslocamento at 20 m/min, oferecendo preciso de 0,1 mm e repetitividade de 0,05 mm. UHP Com. de Sistemas Especiais Ltda., So Paulo, SP.Tel.: 11 3853-5728 | [email protected]: dardi.com.br

    Recicladora de resduos slidosclassifica e separa at 30 t/h

    Linha completa de mquinas e plantas para reci-clagem de resduos slidos urbanos, realiza a clas-sificao, separao aerlica (cortina de ar de alta vazo), separao tica, separao metlica e com-pactao. Compreende o rompe-sacos RSV, com rotor antiemaran