REVISTA PLAY MAGAZINE

  • View
    223

  • Download
    7

Embed Size (px)

DESCRIPTION

REVISTA DE ENTRETERIMENTO E GUIA DE NEGÓCIOS DO VALE DO ITAJAI DISTRIBUIÇÃO GRATUITA NOS COMÉRCIOS - ANÚNCIE CONOSCO LIGUE 47-9944-5667 OU MANDE EMAIL PARA : editoraplay@gmail.com

Text of REVISTA PLAY MAGAZINE

  • 1

  • 2A Play Publicit um sonho realizado, e nada disso seria possivel sem a equipe maravilhosa de profissionais que deram seu suor nesse empreen-dimento. Agradeo ao meu Scio Marcio Arriagada e toda toda equipePLAY MAGAZINE.

    Marcelo F. Oliveira (Editor.)

    pg 02 - Agradecimentospg 03 - Nasce a Editora Play...pg 04 - Beleza pg 05 - Gastronomiapg 06 - Saudepg 07 - Dennciapg 08 - Eleiespg 09 - Eleiespg 10 - Entrevista, Marcio Souza-pg 11 - Cinema.pg 12 - Indicador profissionalpg 13 - Tutoriais....Photoshop....pg 14 - Passatempospg 15 - Colaboradores

    ANUNCIO ILUSTRATIVO

    04

    05

    02

    7,5 cm x 4,0 cm 03

    A equipe Play Magazine agradee as pessoas que nos incentivaram, aos nossos famliares que nos su-portaram, aos anunciantes que confiaram nessa parceria de suces-so. E Deus que nos deu fora para vencermos as lutas.

    Marcio ArriagadaDiretor Comercial

    editoraplay.blogspot.com

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

  • 3Aeditora e agncia publicitria que veio pra ficar, com trabalhos grficos de exce-lente qualidade e modernidade, a PLAY PUBLICIT comeou a operar oficialmente no dia 19 de julho de 2010, a agncia conta om timos profissionais tanto na rea comercial quanto na parte grfica, uma empresa ainda jovem mas com profissio-nais com muita experincia e responsabilidade, entre os empreendimentos da PLAY, est a REVISTA PLAY MAGAZINE, que alm de um timo guia de negcios,

    tambm uma maravilhosa fonte de lazer; entreterimento e notcias.

    EDIO DE LIVROS. REVISTAS, JORNAIS COMERCIAIS, CARTAZES, BANNERS, CRACHS, CARTES DE

    VISITA...

    IMA

    GE

    NS

    ME

    RA

    ME

    NT

    E I

    LUS

    TR

    AT

    IVA

    S

    Existem pessoas que tem muitas idias, e pessoas que pe em prtica a idia que teve !( Marcelo Frazo)

    ou solicite a visita de nossos representantes:

    47- 9944-5621 e 47- 9944-5667

    VISITE O NOSSO BLOG:

    editoraplay.blogspot.comcom.editoraplay@gmail.com

  • 4Pele jovem eadolescente exige cuidados especficos

    ISABELA LEAL.CoLABorAo /FoNTE UoL

    Ao terminar a infncia, um mundo novo se abre. E junto com tantas novidades fsicas, emocionais e psicolgicas o adolescente ainda tem que conviver com as transforma-es na pele, que aparecem em forma de cravos e espinhas, de maneira estrondosa, muitas vezes mexendo com sua autoestima. A culpa dos hormnios que nesse perodo esto borbulhando e agem diretamente nas glndulas sebceas, es-timulando a produo de sebo, que entope os poros formando os cravos que, quando inflamam, se transfor-mam em espinhas e em alguns casos formam cistos, justifica o der-matologista Murilo Drummond, professor do Instituto de Ps Graduao Mdica Carlos

    Limpeza da pele com produtos especficos !

    De acordo com a Sociedade Brasi-leira de Dermato-logia, a acne a maior reclamao de meninos e me-

    ninas a partir de 14 anos de idade. Nessa fase, cerca de 90% das queixas esto relacionadas acne, quanti-fica a dermatologista Maria Bussade, de So Paulo. No para menos. Alm da produo exagerada de sebo, outros fatores contri-buem para o problema como predisposio gentica, menstruao irregular, prolifera-o bacteriana na pele, higiene inadequada e uso abusivo de cosmticos e maquiagens,

    explica a dermatologista Luciane Miot, da Faculda-de de Medicina de Botu-

    catu (SP), da Universidade Estadual Paulista (Unesp). E junto com a acne, ainda que com uma incidncia menor, podem surgir outros problemas de pele como as sardas por causa da exposio solar sem proteo adequada; caspa; dermatite atpica; psorase (descama-o superficial da pele) e verrugas, lembra Luciane. E no s. As meninas ainda tm um agravante, que o excesso de cosm-ticos, algumas vezes inadequados, e o abuso de maquiagem, que causam a derma- tite de contato.

    COM.EDITORAPLAY@GMAIL.COM EDIO 01 SETEMBRO 2010

    Uma boa higiene: esse o segredo

    07

    06

  • 5ENROLADINHO DE SALSICHA

    11

    7,5 cm x 10cm

    08

    09

    10

    * ingredientes 1 kg de farinha de trigo * 1 copo de gua * 1/2 copo de leite * 50 ml de leo * 1 ovo * 1 colher de sopa de sal * 1 colher de sopa de acar * 40 g de fermento biolgico * 1 kg de salsicha * 2 gemas

    * Modo de Preparo 1. Massa:Aquea o leite e dissolva o fermen-to 2. Misture a gua, o leo, o ovo, o sal, o acar e o leite com fermento 3. Reserve 4. Em um recipiente grande coloque meta-de da farinha e adicione a mistura feita 5. Mexa bem e adicione farinha ao poucos at dar ponto na massa 6. Sove a massa por mais ou menos 10 mi-nutos (a massa deve ficar macia sem grudar nas mos) 7. Divida a massa em 3 partes de deixe des-cansar por 20 minutos at crescer 1. Montagem:Abra uma parte da massa com ajuda de um rolo e farinha para no grudar 2. Divida em 9 partes 3. Enrole uma salsicha com um pedao da massa formando um rocambole 4. Coloque em uma forma grande untada com leo e farinha 5. Repita o processo com toda a massa 6. Pincele com gema por cima dos enroladi-nhos 7. Coloque no forno pr-aquecido em tem-peratura mdia por 25 minutos, ou at ficar dourado

    FoNTE/UoL rECEITAS

    FAA J O SEU ANNCIOLIGUE 9944-5621

    0U 9944-5667

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

    NS NOS VEMOS NO ORKUTBASTA PESQUIZAR: EDITORA PLAY PUBLICIT

  • 6COM.EDITORAPLAY@GMAIL.COM

    14

    Coluna do mendigo

    Por MArCELo F. dE oLIvEIrA

    EdITorAPLAy@gMAIL.CoM

    Onde voc estava na sua juventude.Ultimamente tem vindo a luz da sociedade vrias noticias de cri-mes e atrocidades cometidas por adolecentes de todas as classes sociais e de idades que variam de 11 17 anos. A ltima foi o caso Bruno que assumidamente, com mais dois amigos estuprou e tentou estrangular uma jovem de apenas 13 anos. Mas o que acontece com estas crianas?. comum nos finais de semana, ver-mos jovens com idade de 11 17 anos bbados, ou no processo de embriagus em plena Av. Brasil, gritando, danando, batendo em placas de trnsito e quebrando garrafas em plena rua. O que nos lembra claramente a atitude de muitos turistas que passam o vero na cidade, mas s tem um problema, esses jovens de que falamos so 90 % moradores de Bal. Cambori. Se passarmos pela Av. Atlantica e Av. Brasil das 22:00 Horas em diante, numa noite de Sexta-Feira, nos depararemos com cenas lastimveis, me-ninas de 12 anos, calando sapatos de salto plataforma altssimos para dar a impresso de que so maiores de tamanho e idade, pois fica bvio qual suas idades, bebendo uma mistura de vodca com refrigerante com roupas minsculas e insinuantes, que quando perguntadas se seus pais as deixam usar essas roupas, respondem com sarcasmo e cinismo dignos de um adulto, que jamais seu pai ou me deixariam que usassem estas roupas, e que sairam de casa usando uma pea comportada e se trocaram na casa das amigas. (uma questo fica no ar, as amigas no tem pai ou me ? ou os pais da amiga s se importam com o comportamento da prpria filha, e deixam que as companhias de sua filha se comportem como bem entendem.)

    O BANDIDINHOUma das paradas obrigatrias destes jovens antes da balada nas esquinas da Av.Brasil. enquanto esperam pelo BONDINDINHO (Bandidinho). Eles bebem, se drogam, riscam carros, xingam quem passa e fazem arruaas dignas de pessoas sem nenhum tipo de formao familiar, envergonham publicamente seus pais e mes, pela falta de respeito consigo mesmos, meninas se oferecem para quem trafega de carro na avenida, rapazes do bebida e passam as mos descaradamente no corpo de meninas de 12 e 13 anos, que so filhas de algum e s resta a quem v estas cenas lamentveis se perguntar, onde esto os pais desta criana sem rumo?eles entram com suas bebidas no transporte rumo a barra sul, onde acontece o fervo, no digo que a empresa de transporte tenha alguma culpa disso, mas devia haver uma fiscalizao mais rgida sobre o transporte de bebidas dentro do Bondindinho.

    UMA DAS CAUSASA maioria da populao de Bal.Cambo-ri, vm de outras cidades e estados, CONTNUA... prxima edio.Ou acesse o blog da Play para continuar a ler este artigo.

    12

    13

    15

    Envie seus textos para serem comentados nesta coluna para

    editoraplay@gmail.com ou acesse o blog editoraplay@gmail.com

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

    ESCOLHA O NUMERO EFAA J O SEU ANNCIO

    LIGUE 9944-56210U

    9944-5667

  • 7Homossexua l denunciou rede de pedofilia

    Os mini krakas e mini pulgas se multiplicam mais que baratas

    O OperadOr de telemarketing mrciO aurliO tOledO, de 36 anOs, fOi denunciadO pOr um hOmOssexual cOm O qual manteve cOntatO atravs de um site de relaciOnamen-tO. O rapaz ficOu indignadO quandO tOledO Ofereceu a ele a chance de manter relaes sexuais cOm crianas

    e apresentOu-lhe, pela rede de cOmputa-dOr, fOtOs de meninOs e me-ninas sendO viOlentadOs. prOcurOu, en-tO, a pOlcia. O denuncian-te, que teve sua identida-de preservada,

    mOstrOu falsO interesse nO assuntO e pediu telefOnes de cOntatO a mrciO. recebeu Os nmerOs de um aparelhO fixO e Ou-trO de celular. tambm gravOu a pgina da internet Onde mrciO filmava a si prpriO. O denunciante levOu O material at O serviO de infOrmaO e OrientaO aO cOnsumidOr da 5 secciOnal da pOlcia civil. l, Os pOliciais cOnseguiram levantar O nOme dO prOpriet-

    riO dOs telefOnes, que era O prpriO tOledO. cOm O nOme, cOnseguiram levantar uma fOtOgrafia dO suspeitO, que, cOmp