Risco de incndio e explos£o

  • View
    6.432

  • Download
    3

Embed Size (px)

Text of Risco de incndio e explos£o

  • RISCO DE INCNDIO E

    EXPLOSO E.B. 2,3 Antnio Bento Franco Ericeira

    HSST - Prof. Isabel Loureno

  • Tringulo do fogo

    Combustvel: o que arde

    Comburente: o que permite a combusto

    Calor (energia de ativao): o que

    provoca a reao

    Vdeo de um fogo

  • Ameaas para vida humana

    Efeito trmico ou calor (as chamas podem atingir 2 500C) queimaduras

    Efeito ptico (as chamas emitem luz visvel, com radiaes ultravioletas e infravermelhas) cegueira temporria ou parcial

    Gases (a combusto) dificuldades respiratrias, intoxicao

    Fumos (da combusto incompleta) - dificuldades respiratrias, intoxicao

    Outros: rudos e cinzas

  • Transmisso de calor

    Irradiao: Ondas calorficas (Sol, forno quente) que se transmitem atravs do espao.

    Conduo: feita de molcula para molcula do corpo, por movimento vibratrio, depende da condutividade trmica do material, bem como de sua superfcie e

    espessura.

    Conveco: Pelo aquecimento criam-se correntes ascendentes quentes e correntes descendentes frias. o caso da transmisso do calor, atravs da massa de ar

    ou gases quentes, que se deslocam do local do fogo, podendo provocar incndios em

    locais distantes do mesmo, atravs de aberturas, como janelas, poos de elevadores,

    vos de escadas. Pode ocorrer na vertical ou na horizontal.

  • Preveno contra incndios

    Actuao sobre o combustvel: Evitar a presena de resduos inflamveis.

    Cobrir os combustveis com camadas incombustveis.

    Programar a manuteno peridica das instalaes para evitar fugas de lquidos ou gases inflamveis.

    Substituir o combustvel inflamvel por outro que no o seja nas condies de manipulao.

    Armazenar e transportar combustveis em recipientes estanques.

    Ventilar os locais onde se possam formar misturas inflamveis.

    Sinalizar adequadamente recipientes e condutas de combustveis.

  • Actuao sobre o comburente:

    Em ambientes limitados, juntar um gs inerte

    (dixido de carbono ou azoto) que diminua a

    proporo do oxignio no ar.

  • Actuao sobre a energia de activao:

    Proibio de fumar ou foguear.

    Manuteno das instalaes elctricas (normas

    de segurana).

    Aplicao de isolamentos adequados.

    Uso de ferramentas antideflagrantes.

    Lubrificao das peas com atrito.

    Controlo automtico da temperatura.

    Humidificao do ambiente.

  • Preveno da reao em cadeia:

    Adio de anti-oxidantes a plsticos.

    Uso de tecidos ignifugados (tratados para

    diminuir a sua combustibilidade).

  • Classes de Fogo

    Classe A: Fogo em materiais slidos. Caracteriza-se por queimar em superfcie e profundidade. Aps a queima deixa

    resduos. Ex. tecido, madeira, papel, capim, etc.

    Extino: Por arrefecimento e humidificao com gua ou soluo aquosa, ou recobrindo com agente extintor de ao

    mltipla.

  • Classe B: Fogo em lquidos inflamveis. Caracteriza-se por queimar na superfcie, no deixando resduos. Ex. graxas, vernizes, tintas, gasolina, lcool, ter, etc.

    Extino: por abafamento ou por reduo do teor de oxignio do ar, ou por ao qumica que interrompa a reao qumica em cadeia.

  • Classe C: Fogo em equipamentos eltricos energizados. Ex. motores, quadros de distribuio, fios sob tenso, computadores, etc.

    Extino: emprego de agente no condutor eltrico, mas cujo emprego no cause maiores danos aos equipamentos.

  • Classe D: Fogo em elemento pirofricos. Ex.

    Magnsio, zircnio, titnio, etc.

    Extino: emprego de tcnicas e agentes

    extintores especficos e especiais.

  • Extino de um fogo

    Abafamento/asfixia: eliminao ou reduo da concentrao do comburente, por

    exemplo isolando o fogo do ar ambiente, introduzindo um gs inerte num

    ambiente confinado ou cobrindo a superfcie em chamas com alguma substncia

    incombustvel.

    Arrefecimento: reduo da temperatura do fogo para valores inferiores energia

    de activao lanando gua sobre o fogo, em jacto ou pulverizada, ou outras

    substncias que absorvam o calor desenvolvido.

    Disperso ou carncia: retirar o combustvel da zona do fogo.

    Inibio: alterao da reaco qumica em cadeia atravs da introduo de

    substncias extintoras.

  • Se se deparar com fumo ou

    chamas

    Gatinhe porque o fumo tem tendncia a subir.

    Ponha um leno ou toalha na cara, de preferncia molhados, para o ajudar a respirar.

    No corra se as roupas comearem a arder. Pare e role sobre o corpo at as chamas se apagarem.

    No tente abrir uma porta sem antes confirmar, com a palma da mo, se ela est quente ou fria.

  • Se cheirar a gs

    No faa qualquer tipo de chama.

    No ligue nem desligue interruptores ou

    aparelhos eltricos.

    Abra as janelas.

    Feche as vlvulas de segurana do contador

    de gs e de corte do redutor.

    Contacte de imediato um tcnico qualificado.

  • Se a gordura se incendiar

    (cozinha)

    Desligue de imediato o gs.

    No retire a frigideira do fogo, isso s iria espalhar o fogo.

    Use uma tampa, um prato ou uma toalha hmida para extinguir o incndio. No utilize gua.

    Mude periodicamente o filtro do exaustor.

    No avive as chamas do fogareiro com lcool, gasolina ou qualquer lquido inflamvel.

    Vdeo

  • Extintores

  • Extintor de gua pressurizada

  • Extintor de espuma

  • Extintor p qumico seco

  • Extintor de gs carbnico (CO2)

  • Como usar um extintor

    Voltar as costas para o vento.

    Dirigir o jacto para a base das

    chamas.

    Acionar vrios extintores ao

    mesmo tempo, no um de cada

    vez.

    Garantir que o fogo no

    reacenda.